NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Domingo, 19 de Novembro de 2017
Será que regresso?

ANAFONSECA

Por: Ana Fonseca

 

Será que regresso?

 

 

Tudo começou como tudo começa sempre, ou seja, com aquela vontade imensa de ser intensamente feliz e se bem que passado é passado e depois de vivido não há  como voltar atrás, resta sempre aquela saudade do que foi e do que não foi, mas  que deveria ter sido.
E depois…

Depois há palavras que soam melhor do que música e que têm o dom de nos facultarem asas, levando-nos para lugares encantados. Por isso, quando dei  por mim, já tinha partido.

Ainda tentei arrumar as ideias e voltar para trás,  mas as minhas asas subitamente deixaram de me obedecer, as emoções confundiram-se com 
sentimentos e quanto mais olhava para o lugar vazio que tinha deixado quando parti, mais vontade tinha de não regressar.

Doía-me aquela viagem porque me  assustava pensar que tinha de fazer o caminho de volta, sozinha. 

Mas, era uma dor assimétrica, onde tudo parecia demasiado grande e importante apesar da pequenez do instante e da grandiosidade dos sentimentos envolvidos.
Libertei-me finalmente de preconceitos e quase, quase me revi na menina que um dia fui e de quem tenho tantas saudades. 

Sorri, corei, apeteceu-me uma bebida fresca, para aliviar a pressão de tão intensa viagem e olhei para baixo, para o lugar que deixei vazio e que já chamava por mim. 

Não me apeteceu regressar. Mas a sensatez prevaleceu. Maldita sensatez…
Não é fácil morar em mim, por isso, sempre que posso, parto. Ou será que regresso? 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 08:00
link do post | comentar | favorito
|

TEMAS DE SAÚDE: Antibióticos

ANTONIETA

Por: Antonieta Dias (*)

 

Antibióticos

 

Designa-se por antibiótico um fármaco cuja função é tratar infeções causadas por microrganismos designados por bactérias.

São substâncias farmacológicas usadas com fins terapêuticos, tendo por si só indicações específicas e devem ser utilizados com muita cautela.

  Os antibióticos atuam sobre as bactérias de duas formas: destruindo-as designando-se esta ação como bactericida ou inibindo a sua replicação, agindo assim como bacteriostáticos.

Os antibióticos não destroem os vírus.

Devem ser usados quando indicados e a seleção do grupo /classe tem de corresponder à sensibilidade da bactéria em causa, constituindo assim um ato médico de relevo, para o qual é imprescindível o conhecimento científico da doença, do fármaco de eleição para o seu tratamento bem como a tipologia do doente ao qual vai ser aplicado tendo em conta as características individuais da pessoa em causa.

Podem ainda ser utilizados na profilaxia antibiótica (antes da realização de uma cirurgia), para prevenir o aparecimento de infeções operatórias.

São causa frequente de resistência se forem usados de forma inadequada, sendo por isso de vital importância a seleção correta do fármaco para o tratamento que se pretende instituir ao doente.

Com base nas orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS), mais de 50% dos antibióticos prescritos são feitos de forma inadequada, sendo esta a principal causa de resistência antibiótica.

Em Portugal existe legislação específica na competência da prescrição terapêutica, sendo a mesma da responsabilidade médica, prevendo a penalização na venda ilegal de antibióticos sem receita médica.

Todavia, infelizmente continuam a ser feitas vendas ilegais (sem a respectiva receita medica).

Compete ao Infarmed (Instituto Público), fazer a fiscalização destas situações o que nem sempre é fácil.

Portugal é um dos países da Europa em que as taxas de resistência aos antibióticos são elevadíssimas.

Em consequência destes dados e preocupado com este grave problema foi criado em Portugal o Programa Nacional de Prevenção das Resistências aos Antibióticos (PNPRA), com a intenção de diminuir a taxa de resistência aos mesmos e com o objetivo de sensibilizar os profissionais (médicos), e as pessoas que os utilizam indevidamente (sem a respetiva prescrição médica), para a necessidade do uso racional dos antibióticos.

Cabe assim a todos os intervenientes neste processo a responsabilidade do uso dos antibióticos de forma criteriosa e sensata.

Em suma, os antibióticos são indispensáveis no tratamento das infeções, porém devem ser obrigatoriamente prescritos pelos médicos, que deverão fazê-lo com base na evidência científica, respeitando sempre as recomendações para este ato médico e agindo escrupulosamente de acordo com a “legis artis”.

(*) Prof. Doutora na Faculdade de Medicina do Porto



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:55
link do post | comentar | favorito
|

O DESAPEGO

FLORBELA

Por: Florbela Gil

 

Começo,...nem sei por onde começar, há coisas na vida, que deviam ser vividas, como se não houvesse o amanhã. Sim porque, os dias, as horas, os minutos, segundos, passam por nós a correr, mal damos por nós, e passou mais um ano, e o que vivemos? Que recordações, fizemos? Muitas vezes nada!

Trabalho, casa, filhos, marido/esposa, e nada mais.
É triste ver, famílias que não sabem criar memórias, valores, para seus filhos, o trabalho, muitas vezes é o que conta, com as desculpas, que o dinheiro é preciso, para pagar as contas, e que alguém tem que trabalhar. 
Realmente, com as dificuldades que as famílias hoje atravessam, muitas pessoas tentam ter dois trabalhos... Mas será que valerá a pena? Quem nos dá valor? 
Os filhos? A esposa? O marido? O patrão?
 
Quem não se valoriza, não tem amor próprio. Acredito que, as desilusões do dia a dia, muitas vezes, fazem com que, o ser humano, deixe de acreditar nele próprio.
 
A rotina, diária, faz o ser humano, ficar parado no tempo, o cérebro deixa de ser elástico, fica duro na maneira de pensar. Mas às vezes, basta um estímulo, para, que essa elasticidade volte, muitas vezes com mais força!
 
Não é bom, quando alguém nos pergunta, "- Então como vais? Bom dia". Seja pessoalmente, seja pelas novas tecnologias, basta alguém, e o nosso cérebro, às vezes acorda do marasmo diário.
 
E triste, é,  também quando as pessoas só se importam com outras quando precisam delas, ai vem, o bom dia, a boa tarde, a boa noite.... E tudo o resto, mostram-se carinhosas, interessadas, amigas,...mas aos poucos, vão deixando escapar, pequenas frases, e nos deixam com a pulga atrás da orelha, e mais cedo ou mais tarde, o que já se imaginava que iria acontecer... aconteceu!
 
E levamos com a resposta, que já se desconfiava, que iríamos ter. Hoje amizades verdadeiras, quase não existem, tudo gira em torno de algo que tu podes fazer, que te pedem, e quando já têm, afastam-se de pantufas.
 
O desapego, existe, e isso deixa-me triste. 
Muita vez mendiguei, uma atenção, um carinho, um beijo, e me recusaram. Sofri, doía muito. Aprendi com isso a ser dura, a viver sem amor e carinho de quem tinha o dever de me dar. 
 
Hoje, sei que não estou só, nem nunca estarei, muitas mais se revêm nesta situação, mas sabem? O que não me derruba, fortalece-me!
 
Quem me souber respeitar, pelo que sou, pelo o que faço, terá de mim, a mesma coisa. 
 
Eu adoto, muitas avós, e avôs, adoro dar miminhos aos meus clientes que vão ao meu quiosque. Acreditem, saio muita vez, a porta para fora, só para dar um abraço, uns beijinhos, aquelas pessoas de idade, que muitas vezes da própria família, filhos, netos, nada têm. 
Se vissem o amor que elas dão, e a cara de felicidade do que de mim recebem... Vale ouro.!
 
Um dia, estava eu no hospital de Abrantes, com meu pai para uma consulta nas urgências, na sala de espera, onde estavam muitas pessoas, para o mesmo, mas a sala era muito pequena, tudo se encostava às paredes, as cadeiras de rodas entaladas umas com as outras, uma maca, onde estava um senhor acamado, dormindo.
As horas passavam, e lá continuávamos, até que a chegou as 19 horas, e hora do jantar. Chegou à sala uma auxiliar, a distribuir, sopa, fruta pelos utentes, mas ela era só uma, para tanta gente, os que conseguiam, comiam pelas próprias mãos, mas outros não. Dirigiu-se ao meu pai, com a tigela da sopa, mas ele, não podia comer, pois ainda ia fazer um exame, então a senhora, dirigiu-se a mim, e perguntou se a podia ajudar a dar o jantar ao senhor da maca. 
 
Claro que sim! Disse eu. Agarrei na almofada do senhor, ajeitei a posição da cabeça, ele olhava para mim, como se disse-se, quem és tu? O senhor não falava, o AVC que lhe tinha dado, impossibilitava-o de falar, e de se movimentar. Mas uma coisa ele conhecia, a colher da sopa. Tal como se faz com os bebés, coloquei o babete, e colher de sopa na boca, ainda a colher ia no ar, já ele estava com boca aberta. Comeu sopa toda, comeu a fruta cozida, e umas colheres de um pouco de água. Limpei a boca, dei-lhe um beijo na testa e aconcheguei-o. 
 
Um senhor, familiar de outro utente, observava o meu desempenho, e dirigiu-se a mim. -" minha senhora, eu não sei qual é a sua profissão, mas, dou-lhe os meus parabéns, parece que trabalha nisto há anos, com muito profissionalismo." 
 
Eu sorri, e disse ao senhor, sou instrutora de condução. E adoro os idosos.
 
Uma outra senhora, estava sentada numa cadeira rodas, com um braço ao peito, partido? Uma perna muito dorida, da queda que deu. Talvez! Esperava ser chamada para o gabinete de ortopedia. O médico chamou pelo nome dela, mas com o braço ao peito, só com o outro não conseguia, ir a empurrar a cadeira rodas. Empregadas, auxiliares, nem vê-las. Eu bem chamei. Mas ninguém aparecia para levar a senhora, e o médico chamou duas vezes. Dirigi-me à senhora, e disse, vamos lá, avozinha, à consulta. Cheguei ao gabinete do médico, e deixei a minha avó adotada naquele instante. Muito me agradeceu ela. 
 
Nesse dia, vim com o coração cheio, de gratidão, para com Deus. 
Um dia, eu vou precisar de uma neta, que me ajude, não devo ter ninguém, mas, eu vou-me conformando, com o que me calha dia a dia. 
 
Serei eu merecedora? Não sei.
 
Sei que enquanto for viva e que possa, darei tudo de mim, até a quem de mim não gosta.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:50
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 17 de Novembro de 2017
ALMOÇO DANÇANTE EM PONTÉVEL

 

A sede antiga da SFIP recebe um almoço muito especial no qual a sobremesa e o cafezinho não encerram a refeição.

 

A Sociedade Filarmónica Incrível Pontevelense (SFIP) organiza um Almoço Dançante em que a gastronomia tradicional será a convidada especial, mas os atores principais serão os pares que aceitarem o desafio e mostrarem a que nível está o seu “pezinho de dança”.

 

Há prémios para os que melhor acertarem o passo com a música do Duo Novo Rytmo – aceite o convite e passe da mesa para a pista de dança.

 

 

19 de novembro 2017

Sede antiga da SFIP

13h00 – Início do Almoço

14h30 – Baile com o Duo Novo Rytmo



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:05
link do post | comentar | favorito
|

COMUNICADO DO MINISTÉRIO DA ADMINISTRAÇÃO INTERNA

bombeiros

Na sequência da informação disponibilizada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) para as próximas 72 horas, o Ministério da Administração Interna alerta para a necessidade de os comportamentos individuais serem adequados ao risco de incêndio.

Tendo em  conta o tempo seco e a subida de temperatura para valores acima da média para esta época do ano, estão reunidas condições favoráveis à propagação de incêndios rurais.

Assim, é proibida a realização de queimadas em todo o país.

Continua também a não ser permitido:

·  Realizar fogueiras para recreio, lazer ou para a confeção de alimentos;

·  Utilizar equipamentos de queima e de combustão, destinados à iluminação ou à confeção de alimentos;

·  Queimar matos cortados e amontoados ou qualquer tipo de sobrantes de exploração;

·  Lançar balões com mecha acesa ou qualquer outro tipo de foguetes;

·  Fumar ou fazer lume de qualquer tipo nos espaços florestais e vias de atravessamento ou circundantes;

·  Fumigar ou desinfestar apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.

Recorda-se ainda os cuidados a ter com trabalhos agrícolas e florestais:

·  Manter as máquinas e equipamentos limpos de óleos e poeiras;

·  Abastecer as máquinas a frio e em local com pouca vegetação;

·  Guardar todo o cuidado com as faíscas durante o seu manuseamento, evitando a sua utilização nos períodos de maior calor.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:03
link do post | comentar | favorito
|

Município de Azambuja propõe ementa saudável e exercício – “Não à diabetes!”

 

O Município de Azambuja associou-se ao dia aberto “Mais Vida, Mais Saúde” e organizou várias atividades de sensibilização para um estilo de vida mais saudável. A iniciativa decorreu no Dia Mundial da Diabetes – 14 de novembro - em parceria com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo e a Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados de Azambuja.

Pela manhã, teve lugar uma caminhada intitulada “Mexer nas Rotinas - Toca a Andar”, com um percurso pedestre pela vila de Azambuja. Perto da hora de almoço, o jardim interior do Centro de Saúde de Azambuja foi palco para uma sessão de showcooking, a cargo do Chef Samuel Sousa – professor no agrupamento de escolas Fernão do Pó (do Bombarral). O chef e os seus alunos apresentaram, confecionaram e deram a provar aos participantes uma ementa com propostas muito saudáveis. À entrada, “creme de outono”, seguiu-se o prato principal composto por courgette e beringela recheadas com frango, cogumelos e orégãos. O final da degustação trouxe uma sobremesa de leite-creme de côco sem açúcar. Alguns dos produtos confecionados foram oferecidos por outro parceiro da iniciativa – “Frescura na Mesa”, produtor de bens hortofrutícolas.

Da parte da tarde realizou-se uma palestra alusiva à importância do exercício físico na prevenção da diabetes, e como alterar comportamentos de risco e adotar hábitos de vida saudável.

Recorde-se que, o Município de Azambuja, no âmbito do protocolo com a Associação Nacional de Municípios, a Associação Protetora de Diabetes e o Projeto Desafio Gulbenkian - Não à Diabetes!, promove ações de sensibilização, de informação e de rastreio à comunidade em geral, através dos seus serviços de saúde e de desporto. Estas ações são realizadas em parceria com o Hospital e Vila Franca de Xira, a Unidade Funcional de Diabetes e o Centro de Saúde de Azambuja - Unidade de Cuidados da Comunidade. O objetivo do projeto é evitar que 50 mil pré-diabéticos desenvolvam a doença nos próximos anos e identificar 50 mil diabéticos que desconheçam ser portadores da doença.



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:33
link do post | comentar | favorito
|

Recolha de Sangue nos Bombeiros do Entroncamento

 

A cidade do Entroncamento reforça a sua solidariedade com mais uma recolha de sangue no sábado, 18 de novembro, entre as 9,00 e as 13,00 horas, no Quartel dos Bombeiros Voluntários do Entroncamento.

A recolha organizada pela Associação dos Dadores de Sangue de Torres Novas é aberta a todas as pessoas saudáveis com mais de 18 anos e menos de 65 anos. Uma Brigada do Centro do Sangue e da Transplantação de Lisboa do Instituto Português do Sangue e da Transplantação IP fará a recolha, recrutando também voluntários para o Banco Nacional de dadores de medula óssea.

A Associação dos Dadores de Sangue de Torres Novas, agradece desde já a colaboração de todas as pessoas que divulguem e participem nesta recolha.



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:32
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 16 de Novembro de 2017
DIA MUNDIAL DOS POBRES

Dia Mund Pobres

 

“Não amemos com palavras, mas com obras”

É já no próximo domingo, dia 19 de novembro, que vai acontecer pela primeira vez a celebração do Dia Mundial dos Pobres, instituído pelo Papa Francisco na conclusão do Ano Santo extraordinário da Misericórdia, com a Carta Apostólica intitulada “Misericórdia e mísera”. Este Dia, para além de pretender estimular em primeiro lugar os crentes, “para que reajam à cultura do descarte e do desperdício, assumindo a cultura do encontro”, é também “convite dirigido a todos, independentemente da sua pertença religiosa, para que se abram à partilha com os pobres em todas as formas de solidariedade, como sinal concreto de fraternidade”, diz o Papa na sua mensagem para o Dia, intitulada “Não amemos com palavras, mas com obras”.

Inúmeras iniciativas vão haver em Portugal, no sentido da resposta ao que o Papa institui. Também Lisboa acontecer uma delas. A iniciativa na qual se prevê “a participação de várias figuras públicas, como o selecionador nacional de futebol, Fernando Santos; os artistas Fernando Pereira e Carlos Alberto Moniz; o Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, Edmundo Martinho, o presidente da Comissão Nacional de Proteção das Crianças e Jovens em Risco, Armando Leandro, a Provedora de Justiça, Maria Lúcia Amaral; e as deputadas Helena Roseta e Maria da Luz Rosinha, do Partido Socialista”  e outras, começa com uma eucaristia na Igreja de S. Roque (SCMLx), e “pretende ser uma oportunidade para estar com as pessoas mais carenciadas e afirmar o seu direito a uma vida digna e a uma cidadania plena”. Porque convidada, também a AVASOCIAL – Associação Voluntariado e Ação Social do Entroncamento, se vai fazer presente no evento. Mais informação e programa completo em http://www.caritas.pt/site/nacional/ .



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:17
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 15 de Novembro de 2017
NERSANT reclama Entidade Regional de Turismo do Ribatejo
 
O debate promovido pela NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém, em torno do setor turístico do Ribatejo, resultou na necessidade urgente de criação da Entidade Regional de Turismo do Ribatejo.

A NERSANT dedicou o dia de hoje inteiramente ao setor do turismo, um dos mais promissores a nível nacional. De facto, foi o potencial deste setor que motivou a associação empresarial a levar a efeito este encontro entre as empresas do setor do turismo do Ribatejo, com o objetivo de, juntos, encontrarem uma estratégia de promoção turística do Ribatejo.

Após a sessão de abertura, ao cargo da Presidente da Direção da NERSANT, Maria Salomé Rafael, os trabalhos iniciaram com um debate onde participaram todos os intervenientes, e onde foram discutidas, com o apoio do moderador Domingos Chambel, Vice-Presidente da Direção da NERSANT e de três oradores convidados, representativos de três subsetores estratégicos do turismo da região - hotelaria, animação turística e restauração - estratégias potenciadoras da procura turística na região.

Da parte da tarde, a plateia separou-se para participar nas mesas temáticas "Restauração / Gastronomia como fator de atração turística", "Hotelaria, turismo de habitação e turismo rural - novas tendências e desafios" e ainda "Animação Turística - como valorizar e potenciar", e onde foram colocadas em cima da mesa as problemáticas específicas destes subsetores do turismo, e que abundam na região do Ribatejo.

No final do evento, foram desde logo apresentadas as primeiras conclusões, que tiveram por base os contributos das empresas durante o Encontro, mas também a resposta a um inquérito sobre o setor que a associação empresarial enviou previamente a cada um das empresas participantes.

No encerramento da sessão, António Campos, Presidente da Comissão Executiva da NERSANT entoou as conclusões já retiradas deste dia dedicado ao setor do turismo. “Concluímos que o Ribatejo precisa de uma entidade regional própria, conhecedora do território, suas potencialidades e necessidades, que trabalhe uma estratégia para a região, inexistente no momento, e que se foque, daqui em diante, na promoção deste território. Esta é uma necessidade absolutamente fundamental e a principal conclusão que retiramos deste Encontro”, começou por dizer o Presidente da Comissão Executiva da NERSANT, que foi ainda mais longe, ao acrescentar que “necessitamos de uma Entidade Regional de Turismo do Ribatejo que promova esta região única de Portugal, e que eleve verdadeiramente as nossas potencialidades”. “O Ribatejo merece uma Entidade Regional de Turismo que promova esta região única de Portugal, e que eleve os pontos fortes e as oportunidades que esta região apresenta, e que são distintas das potencialidades da região Centro e da Região Alentejo, onde atualmente estamos agregados”, referiu ainda.

"Só com uma Entidade Regional Turismo próxima do nosso território, conseguiremos afirmar-nos no panorama do turismo nacional, assim como fazer do Ribatejo um destino turístico privilegiado, como bem merece", concluiu António Campos.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:31
link do post | comentar | favorito
|

CARTAXO APROVA REUNIÕES DESCENTRALIZADAS

CARTAXO APROVA REUNIÕES DESCENTRALIZADAS

Pedro Magalhães Ribeiro defende que as reuniões de câmara devem constituir-se como “fóruns públicos de discussão e participação cívica. Devem aproximar a população daqueles que decidem em sua representação e devem ser espaços de consolidação da democracia”.

 

 

Na reunião do executivo da passada segunda-feira, dia 6 de novembro, foi aprovada por unanimidade a realização de reuniões descentralizadas da Câmara Municipal. Pedro Magalhães Ribeiro, presidente da Câmara, lembrou que ao longo do mandato anterior estas reuniões decorreram em todas as freguesias, “quer nas sedes das juntas, quer nas delegações da Ereira e de Vale da Pinta, no caso das Uniões de Freguesia e numa segunda ronda em sedes de associações e coletividades”.

 

O autarca afirmou que estas reuniões foram “um espaço privilegiado de auscultação e de aproximação entre eleitos e eleitores”, referindo-se ao facto de as reuniões descentralizadas terem contado com mais público e mais intervenções do que é habitual nas reuniões de câmara realizadas no edifício sede do município, o que mostra que “as pessoas têm interesse e vontade de participar e os eleitos têm a responsabilidade de ser elementos facilitadores dessa participação”.

 

Para o autarca “o atendimento semanal e a presença que eu próprio e os vereadores com pelouros vamos tendo em eventos e atividades organizadas pelas associações e juntas de freguesia de todo o concelho, devem aliar-se à criação de espaços institucionais abertos à participação pública, que permitam a livre intervenção dos cidadãos e das cidadãs na tomada de decisão sobre assuntos que dizem respeito ao seu dia a dia, aos seus problemas concretos”, pelo que para além desta aprovação que define a calendarização até final de 2018, ao longo do mandato outras reuniões públicas da Câmara Municipal serão agendadas para espaços e lugares fora da sede de concelho.

 

Calendário das reuniões até final de 2018

Pontével será a primeira localidade a receber uma reunião descentralizada, no dia 20 de novembro de 2017. Vila Chã de Ourique receberá a primeira reunião de 2018, no dia 15 de janeiro, a Lapa, receberá a reunião de dia 19 de março, dia 21 de maio a reunião decorrerá em Vale da Pedra, dia 2 de julho será na Ereira, dia 20 de agosto em Vale da Pinta, dia 19 de setembro, em Valada e dia 19 de novembro no Cartaxo.

 

 

Reuniões

20/11/2017 – Pontével

15/01/2018 – Vila Chã de Ourique

19/03/2018 – Lapa

21/05/2018 – Vale da Pedra

02/07/2018 – Ereira

20/08/2018 – Vale da Pinta

19/09/2018 – Valada

19/11/2018 – Cartaxo



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:29
link do post | comentar | favorito
|

PROVA DE FALCOARIA EM SALVATERRA DE MAGOS

Print

 

 

A Falcoaria Real de Salvaterra de Magos vai receber no dia 18 de novembro de 2017 a Prova de Falcoaria "Nuno de Sepúlveda Velloso".

Trata-se de uma competição de voo realizada por aves de presa de diferentes espécies como falcões, águias e açores, que vai juntar, em Salvaterra de Magos, falcoeiros de vários pontos do país e também do estrangeiro.

O arranque da prova está marcado para as 9h. As aves irão participar em provas de alto e baixo-voo, sendo analisados pelos juízes critérios como a trajetória de subida, altura, picado e ataque, atitude de caça, voo sobre a presa ou captura.

 

A iniciativa é aberta ao público em geral e irá contar também com a realização de palestras relacionadas com o tema da Falcoaria.

A organização é da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos com o apoio do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, da Associação Portuguesa de Falcoaria, da Casa Agrícola Monte Real, Associação de Caçadores e Pescadores de Salvaterra de Magos e F & C, Lda.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:25
link do post | comentar | favorito
|

Governo aceita proposta de Duarte Marques para desenvolver plano de formação de proteção civil para Autarcas

Duarte Marques propôs ao Governo formação em Proteção Civil para autarcas

e Ministro concordou

 

O Deputado do PSD propôs ao Ministro da Agricultura a organização de um plano de formação para autarcas em matéria de proteção civil e combate aos incêndios. Recordando a formação em combate a incêndios que foi dada recentemente a alguns membros do Governo, Duarte Marques lembrou que os autarcas são os principais responsáveis pela proteção civil nos seus concelhos não tendo necessariamente formação especial para isso.

O Deputado deu o exemplo do governo anterior que criou o programa Capacitar para dar formação em gestão aos autarcas que estivessem interessados.

Muitos autarcas, Presidentes de Câmara e Juntas de Freguesia reclamam frequentemente que são chamados a assumir responsabilidades para as quais nem estão nem foram devidamente preparados.

Duarte Marques lembrou que nem todas as pessoas têm a mesma experiência profissional ou de vida nestas matérias que cada vez mais fazem a diferença neste tipo de tragédias. “Quer na preparação e organização do terreno, no apoio aos meios dos bombeiros e da proteção civil, na comunicação com as populações, são áreas fundamentais de decisão que exigem cada vez mais preparação.”

“Os autarcas são cada vez mais decisivos na preparação do terreno e no combate aos incêndios florestais e merecem este apoio”.

O Estado tem meios, tem capacidade, tem instituições e organismos com conhecimento e informação suficiente que pode ser organizada e preparada para transferir para os autarcas com profundidade e qualidade um manancial de conhecimento que pode permitir uma ação mais coordenada e eficiente.

 

Duarte Marques lembrou ainda que há fundos europeus que podem ajudar a financiar este tipo de iniciativas.

Ministro da Agricultura, Capoulas Santos concordou com a proposta, elogiou a sugestão do Deputado eleito por Santarém e comprometeu-se a preparar, em conjunto com os restantes membros do governo, um programa de formação adequado e que dê resposta a esses desafios.

 

 

Alteração ao OE2018: PSD quer reforçar “meios de fiscalização da poluição” com proposta de alteração ao OE

 

Os Deputados do PSD vão entregar uma proposta de alteração ao Orçamento de Estado para 2018 na área do ambiente que tem como objetivo reforçar os meios disponíveis para fiscalizar a poluição ambiental, retirando verbas do alargamento do Metro do Porto e Lisboa bem como do Pólis da Caparica  transferindo-as para a Agência Portuguesa do Ambiente, para a Inspeção-Geral (IGAMAOT) e para as zonas afectadas pelos incêndios.

 

O OE2017 faz opções estratégicas de política, para o PSD o combate à poluição é uma prioridade e o rio Tejo a maior preocupação.

A atual versão do OE2018 prevê um crescimento de verbas de 41%, mas cresce apenas para o alargamento do Metro do Porto e de Lisboa, para o Pólis da Caparica, e corta 4% nas verbas para a Agência Portuguesa do Ambiente. Ora, isto é injusto, irresponsável e não defende o interesse público.

Para o Deputado Duarte Marques é “com ações concretas que percebemos quem está mesmo preocupado com o rio Tejo. Cortar verbas para a fiscalização, como faz a atual versão do Orçamento, é um crime ambiental. Queremos mudar isso e contamos com o apoio dos restantes partidos que se dizem preocupados com a poluição”.

“Mais urgente que o alargamento do Metro do Porto ou de Lisboa, ou o Pólis da Caparica, é a saúde do nosso ambiente e em particular do rio Tejo. Face a estes três grandes investimentos, o que é necessário para incrementar a fiscalização são verdadeiras migalhas que não afetaram o crescimento destes projetos” afirma o Deputado do PSD.

 

Proposta do PSD

A proposta de Orçamento evidencia no programa orçamental Ambiente um aumento de dotação na despesa total consolidada de 41% face ao OE2017 (e de 76% face à estimativa atual de execução), mas que surpreende pelas escolhas que faz: primeiro, o orçamento setorial aumenta, mas reduz-se o esforço real para a inspeção e fiscalização ambientais (a Agência Portuguesa do Ambiente tem um corte de -4,4% e a IGAMAOT um reforço de 7% que mal cobre a reposição dos salários); segundo, aquele aumento ignora ostensivamente o Interior do País, pois canaliza aqueles reforços para investimentos do Metro de Lisboa (+124%), Metro do Porto (+41%) e Pólis da Caparica (+214%). Estas são opções incompreensíveis, particularmente no ano em que o País assistiu a dramáticas tragédias no Interior do País.

Assim, o PSD propõe uma modificação significativa nas dotações da área do ambiente, aproveitando parte das verbas que o Governo preferiu alocar àqueles três projetos nas áreas metropolitanas de Lisboa e Porto, quer para maior aposta na fiscalização e combate à poluição e na proteção ambiental (reforçando as dotações da APA e IGAMAOT), quer para financiar medidas e projetos no Interior, nas Regiões Autónomas e de recuperação dos territórios afetados pelos incêndios de 2017.



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:15
link do post | comentar | favorito
|

O «maior cruzeiro do mundo» chega ao Teatro Virgínia dia 25

 

 

Olhar de Milhões, de Raquel Castro, é a peça que subirá ao palco do Teatro Virgínia no próximo dia 25 de novembro, às 21h30. Com texto de Joana Bértholo, a partir de improvisações dos intérpretes, e interpretação de Anaisa Lopes, David Marques, João Villas Boas, Marco da Silva Ferreira e Teresa Coutinho, este «é o maior cruzeiro do mundo e está prestes a levantar âncora em direção ao infinito azul. Desenganem-se aqueles que pensam que se trata apenas de mais um navio de cruzeiro. As características do Olhar de Milhões conferem-lhe o estatuto de um mega resort flutuante - o maior da Europa – e o único capaz de proporcionar a derradeira experiência, ilimitada e total. Para além das aclamadas atrações Ultimate Abyss, Fetiche Arena, Wind Tunnel, Chemical Enhanced Racing, Mummy`s Milk Shot, Full Communication Zone, há novidades para todos os perfis, a não perder. Porque só se vive uma vez.»

 

A lotação é limitada. Os bilhetes têm um custo de 7,5€ (sendo aplicáveis descontos) e podem ser adquiridos na bilheteira do Teatro Virgínia ou em www.bol.pt.

 

Este é um espetáculo resultante do programa de estímulo à criação artística nas áreas do teatro e da dança promovido pela Rede 5 Sentidos, constituída pelos seguintes espaços culturais: Teatro Viriato, Teatro da Guarda, Maria Matos Teatro Municipal (Lisboa), Centro Cultural Vila Flor, Teatro Virgínia (Torres Novas), Centro de Artes de Ovar, Teatro Académico Gil Vicente (Coimbra), Teatro Micaelense (Ponta Delgada), Teatro Nacional de São João (Porto), Teatro Municipal do Porto e O Espaço do Tempo (Montemor-o-Novo). |



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:09
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 14 de Novembro de 2017
INTERRUPÇÃO NO ABASTECIMENTO DE ÁGUA, NO PORTO ALTO

INTERRUPÇÃO NO ABASTECIMENTO DE ÁGUA, NO PORTO ALTO 

16 DE NOVEMBRO DE 2017

ENTRE AS 09H00 E AS 18H00

 

A ÁGUAS DO RIBATEJO informa que devido à necessidade de intervenções  na rede pública de abastecimento de água na Estrada Real no Porto Alto, será interrompido o fornecimento de água no próximo dia 16 de novembro, quinta-feira, das 09H00 às 18H00, nos seguintes locais:

  • Estrada Real (desde o entroncamento com a Rua Terraços da Lezíria até à EN118)
  • Estrada da Espargueira
  • Estrada Malhada dos Carrascos (desde a Estrada Real até ao entroncamento com a Rua 1º de Maio, apenas do lado sul).

5ªfeira – 16/11/2017 - 09h00 -18h00



publicado por Noticias do Ribatejo às 21:59
link do post | comentar | favorito
|

BIBLIOTECA MUNICIPAL MARCELINO MESQUITA RENOVADA

BIBLIOTECA MUNICIPAL MARCELINO MESQUITA RENOVADA

  • Pedro Magalhães Ribeiro afirma que Investimento superior a 35 mil euros devolve “segurança e sustentabilidade ao edifício” e permite ao Município expor com dignidade o espólio que Eduardo Rosa Mendes, Jorge Maltieira e José Tagarro doaram à Câmara Municipal do Cartaxo que passa a estar reunido no novo Salão das Artes.
  • Jardim devoluto foi recuperado para ser Jardim das Letras e passará a ser espaço privilegiado para eventos culturais ligados “à literatura e às artes”, conforme afirmou Elvira Tristão, vereadora responsável pelo pelouro da Cultura. O Projeto Éden Acústico foi o primeiro a pisar o jardim na inauguração do espaço.
  • A autarca destacou a importância de “estabelecermos parcerias com pessoas e instituições” para que a Biblioteca seja “uma casa comum e habitada. A nossa casa comum”.
  • Lançamento de livros, projetos de teatro para a infância e juventude e uma feira do livro usado, estão já agendadas até ao final do ano. Em 2018 a Biblioteca vai ter programa e agenda cultural própria.

 

 

O fim de tarde do dia 11 de novembro foi recebido na Biblioteca Municipal Marcelino Mesquita, como um “dia há muito esperado. Hoje realiza-se um sonho de muita gente e que tem uma longa história”, conforme assegurou Miguel Montez Leal – que presidiu à Comissão das Comemorações do Bicentenário do Concelho –, na inauguração da que passará a ser a exposição “residente do Salão das Artes”.

 

Vinte e nove obras assinadas por Eduardo Rosa Mendes, Jorge Maltieira e José Tagarro, pintores naturais ou residentes no Cartaxo, de um total de cinquenta doadas pelos artistas à Câmara Municipal, estão agora reunidas num só espaço “com a dignidade que lhes devemos”.

 

Miguel Montez Leal confessou que “desde a primeira reunião que a Comissão teve nesta sala, a ideia que mais defendi, o meu sonho mesmo, foi devolver este espaço ao Cartaxo, devidamente reabilitado e abrir o jardim ao público”.  O historiador, também ele natural do Cartaxo, conhecedor profundo da história da Biblioteca, lembrou aos presentes o percurso desta ao longo da história do Cartaxo, a doação do edifício por António Mesquita, irmão de Marcelino Mesquita, assim como, as intervenções que o edifício teve ao longo do tempo, referindo que o último restauro terá ocorrido em 2004, “quando a Câmara adquiriu o edifício contíguo e ampliou o espaço”. Miguel Montez Leal apresentou também as obras expostas e os seus autores, quer o seu percurso pessoal, quer a relevância que cada um teve na história da arte.

 

Elvira Tristão, vereadora responsável pelo pelouro da Cultura, deu as boas vindas a mais de meia centena de pessoas que estiveram presentes na inauguração da exposição e do espaço, com uma citação de Cícero - “se temos uma biblioteca e um jardim, temos tudo” -, afirmando que “temos uma biblioteca, dedicada à literatura e ao conhecimento; temos um jardim; e temos ainda um salão das artes”, faltando doravante animar esses espaços.

 

Para a autarca um dos maiores desafios que se coloca à Biblioteca “é esta ser um lugar habitado”, o que será possível se “soubermos estabelecer parcerias com pessoas e com instituições”, que “possam trazer os seus projetos culturais e artísticos para dentro da Biblioteca Marcelino Mesquita, se soubermos ser parceiros no apoio às artes e ao legado cultural que cada uma destas pessoas nos pode oferecer e se o soubermos fazer com a mesma abertura que levou o Cartaxo a aceitar com humildade o legado que estes três artistas, que hoje homenageamos, nos deixaram”.

 

Lançamento de livros, projetos de teatro para a infância e juventude e uma feira do livro usado, estão já agendadas até ao final do ano – no dia 2 de dezembro, Berta Pereira apresentará o seu projeto Histórias com Teatro Dentro e Ana Cristina Simão apresentará o seu livro, Menina dos Ossos de Cristal. Em 2018 a Biblioteca vai ter programa e agenda cultural própria.

 

Já para o presidente da Câmara Municipal, Pedro Magalhães Ribeiro, o principal papel da Biblioteca “será sempre o de ser a casa dos livros, espaço de estímulo à leitura e à divulgação do livro e da literatura, enquanto promotores do conhecimento, mas também da tolerância, da defesa da liberdade de expressão, do respeito pelas diferenças de cada indivíduo e de cada cultura, valores maiores na construção de uma comunidade e de uma sociedade democrática”.

 

Distinguindo a relevância da literatura na formação dos jovens, o autarca, referiu que a “dignidade que estamos hoje a dar a estes dois legados, ao espólio de três pintores e ao edifício que foi a casa de António Mesquita”, deve ser “acompanhada pela importância que devemos dar aos jovens que aqui queiram mostrar o seu trabalho artístico”, porque este “espaço deve ser testemunho da nossa história, mas também deve estar ao serviço do futuro da nossa comunidade”.

 

 

Obras estruturais em todo o edifício dão lugar a dois espaços renovados

Resultado das obras estruturais que decorreram no edifício durante 2017, a Biblioteca Marcelino Mesquita dispõe agora de dois espaços que foram reconvertidos – os novos Salão das Artes e Jardim das Letras. Para o presidente da Câmara “o investimento na renovação da Biblioteca, um pouco superior a 35 mil euros”, permite recuperar para o “público a utilização de dois espaços centrais, a sala de exposições e o jardim, para além de devolver segurança, dignidade e sustentabilidade ao edifício”.

 

Iniciadas no segundo trimestre do ano, as obras incluíram intervenções profundas em todas as salas que constituem a área da biblioteca. Problemas que se “arrastavam há anos, devidas essencialmente à humidade vinda do solo, através das próprias fundações do edifício”, explicou Pedro Magalhães Ribeiro, para quem “a intervenção na biblioteca foi sempre uma das prioridades, era necessário intervir logo que conseguíssemos alguma disponibilidade financeira.

 

O autarca lembrou que as argamassas de reboco estavam muito degradadas, a madeira dos rodapés e dos socos das portas interiores estavam apodrecidos, parte do pavimento original da sala que é também espaço museológico e o da área de entrada estava tão danificado que a própria estrutura resistente estava a ceder, a iluminação era inexistente em espaços como o sótão e insuficiente em áreas de acesso público.

 

Entre as muitas intervenções estruturais, Pedro Magalhães Ribeiro destacou o investimento na “criação de caixas de ar ventiladas que passam a envolver todas as paredes até três metros de altura, a substituição de partes dos soalhos que se encontravam apodrecidas, quer as visíveis, quer as que são estruturas de suporte”. As intervenções ao nível da iluminação interior e exterior do edifício “foram também uma preocupação desta intervenção” – no interior do edifício, foi substituída a cablagem elétrica, tal como a informática, criando soluções no interior das paredes, e foi substituída toda a luminária das salas intervencionadas por tecnologia LED – incluindo os lustres antigos.

 

No jardim do edifício, que se encontrava quase devoluto, foi instalada iluminação de exterior e rega automática, aproveitando a reorganização do espaço que implicou a reconstrução de caminhos, eliminação de infestantes e criação de canteiros constituídos por plantas de baixa manutenção e rega, como cedros, alfazemas e buxo.



publicado por Noticias do Ribatejo às 21:57
link do post | comentar | favorito
|

AVISAN 2017: Uma mostra rica em exotismo com centenas de espécies em exposição

 

 

O Centro Nacional de Exposições, em Santarém, vai ser palco de mais uma edição da Avisan – Exposição Nacional de Aves, Animais de Companhia, Equipamentos e Acessórios, certame que decorre, entre os dias 01 e 03 de dezembro.

 

Com a presença de criadores nacionais e internacionais, a Avisan é um ponto de encontro de milhares de visitantes e contará com uma programação diversificada para que este evento seja atrativo e representativo do sector.

 

A mostra comercial de Equipamentos e Acessórios, as exposições de aves, os animais domésticos e exóticos, os répteis, os peixes, os gatos, os cães e as diversas iniciativas que aqui decorrem permitirão, decerto, atrair os profissionais do sector além do público em geral. Durante três dias, todos estes companheiros de 4 e mais patas, com as suas cores múltiplas ou formas excêntricas, irão deliciar todos aqueles que visitarem o evento.

 

EXPOSIÇÕES CANINAS

 

A 24ª Exposição Canina Nacional de Santarém e a 18ª Exposição Canina Internacional de Santarém decorrem a 02 e 03 de dezembro, respetivamente.

 

Estas iniciativas que contam com a colaboração do Clube Português de Canicultura, têm como objetivo premiar os melhores exemplares que serão divididos em grupos de acordo com as suas raças e são regidas pelos regulamentos da Fédération Cynologique Internationale (FCI) e do Clube Português de Canicultura, abertas aos exemplares de todas as raças e variedades oficialmente reconhecidas, registados em Livros de Origens ou com Registos Iniciais emitidos por organismos reconhecidos pela FCI.

 

Para além do título “Best in Show” vão ainda disputar-se os prémios para “Jovem Promessa Macho”, “Jovem Promessa Fêmea”, “Melhor Par” “Melhor Grupo de Criador” “Melhor Veterano”, “Melhor Reprodutor, “Melhor Bebé”, “Melhor Cachorro” e “Melhor Exemplar das Raças Portuguesas”. Durante a Exposição Canina Internacional será ainda premiado o “Melhor Jovem Apresentador”.

 

Neste âmbito, no dia 2, a Avisan será palco de Exposições Monográficas de  Bulldog Inglês (Org. Org. Associação dos Amigos da Raça Bulldog), do Pointer (Org. Clube Português do Pointer) e do Collie (Org. Collie Clube de Portugal).  Paralelamente, realizam-se também Exposições Caninas Especializadas de Retrievers (Org. Retriever Clube de Portugal) e da LICRASE - Cão da Serra da Estrela (Org. Liga dos Criadores e Amigos do Cão da Serra da Estrela).

 

A 3 de dezembro, realce para as Exposições Caninas Especializadas do Boxer (Org. Boxer Clube de Portugal) e do Dogue Alemão (Org. Dogue Alemão Clube de Portugal) e para a Exposição Canina Monográfica do Basset Hound (Org. Basset Hound Clube de Portugal).

 

7ª EXPOSIÇÃO INTERNACIONAL DE GATOS DE SANTARÉM

 

A 7ª Exposição Internacional de Gatos de Santarém realiza-se a 02 e 03 de dezembro e é organizada pelo Clube Português de Felinicultura, único órgão reconhecido oficialmente em Portugal, detentor do Livro de Origens Português e membro da Federação Internacional Felina – FIFe, maior órgão Felino a nível mundial.

 

Nesta exposição estarão presentes cerca de duas centenas exemplares vindos de diversos países como Portugal, Espanha, França e Itália. O público terá ocasião de apreciar raças de gatos como Persas, Exóticos, Bosques da Noruega, Maine Coon, Sagrados da Birmânia, Europeus, Abissínios, British, Chartreux, Azul Russo, Somali, Bengal, Siameses, Orientais, etc. Estes exemplares serão julgados por juízes nacionais e internacionais vindos expressamente para esse efeito.

 

PROGRAMA DE ATIVIDADES

 

De 01 a 03 de dezembro, os visitantes poderão apreciar diversas iniciativas como Shows mistos de Araras, Aves de Rapina e Répteis (01 a 03 de dezembro - Org. Aquashow), Shows de Araras (01 a 03 de dezembro - Org. FBA), a 2ª Exposição de Columbicultura (Org. Associação Portuguesa de Columbicultura), a 7ª ExpoAlcac - 3º Concurso / Exposição de Galinhas de Santarém (01 a 03 dezembro – Org. Associação Lusa de Criadores de Aves de Capoeira), o 48º Concurso Nacional de Porquinhos-da-Índia (02 dezembro - Org. CAPI – Clube dos Amigos dos Porquinhos da Índia), a 16ª Exposição Nacional do Gloster (02 e 03 dezembro - Org. Gloster Clube de Portugal) ou o 11º Show Nacional do Periquito Ondulado (02 e 03 dezembro -  Org. Sociedade Portuguesa do Ondulado) e Passeios a Cavalo promovidos pelo Picadeiro Quinta de São José.

 

MOSTRA COMERCIAL

 

No âmbito da Avisan, uma mostra comercial com tudo o que é necessário para animais de estimação com equipamentos e acessórios, permitirá uma escolha variada para quem pretende adquirir este tipo de produtos. São várias as empresas que apostam na Avisan com o intuito de estreitar relações com clientes e público em geral divulgando simultaneamente as suas novidades.

 

HORÁRIOS

Sexta-feira, 01 dezembro:    10h00 às 20h00

Sábado, 02 dezembro:          10h00 às 20h00

Domingo, 03 dezembro:       10h00 às 20h00

 

ENTRADAS:


Bilhete: 4,00 € (Válido para apenas uma entrada)

Bilheteira Online: http://www.ticket.cnema.pt
Entrada gratuita para crianças até aos 11 anos (inclusive)
Parque de Estacionamento Gratuito



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:40
link do post | comentar | favorito
|

Deputado do PSD acusa governo de falta de transparência na gestão do PT2020 e por atraso no “mapeamento” de Parques Tecnológicos

 

 

O Deputado do PSD aproveitou o debate com o Ministro da Economia sobre o OE2018 para voltar a apelar à igualdade de tratamento entre os concelhos que sofreram com os incêndios deste verão. Duarte Marques lembrou que “o cardápio de apoios dirigidos às empresas e empresários dos concelhos de Pedrogão e de 15 de outubro são muitíssimo diferentes daqueles a que têm direito as empresas de outros concelhos como Mação, Oleiros, Fundão, Vila de Rei, Sardoal, Ferreira de Zêzere, entre outros.

 

Duarte Marques lembra que o Governo abriu uma linha especial no PT2020 no programa SI2E para as empresas dos concelhos envolvidos nos fogos de 15 de outubro e deixou de fora todos os concelhos que arderam em Agosto.

 

Também em matéria de transparência o Ministro da Economia ouviu críticas do PSD por causa da falta de Calendarização das aberturas de avisos do PT2020. No governo anterior as empresas e instituições sabiam com grande previsibilidade quando e como abririam novos concursos, preparavam os seus investimentos com tempo e critério. Agora abrem sem nexo, aos soluços e de surpresa. Esta falta de transparência nãé amiga do investimento.

 

O Deputado do PSD questionou ainda Caldeira Cabral sobre o atraso no “Mapeamento para as Infraestruturas Tecnológicas e Científicas que permitirá à Comissão Europeia autorizar Portugal a utilizar fundos europeus para apoiar Parques Tecnológicos, Ninhos e Incubadoras de empresas. Este trabalho está atrasado e é apenas isso da competência do governo.

 

A falta de abertura de avisos para as SIACS (Sistema de Apoio a Ações Coletivas) que apoiam as associações empresariais e industriais, fundamentais para o apoio às pequenas e médias empresas, motivou a critica de Duarte Marques visto os avisos só terem aberto na região Norte, mas não no Centro nem no Alentejo. “Entidades tão relevantes como o NERSANT ou o NERLEI não podem aceder a estes apoios europeus que estavam disponíveis no PT2020 e por isso já bastante prejudicados face a associações empresarias do Norte do país.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:56
link do post | comentar | favorito
|

VINHOS & IGUARIAS DO TEJO NO DIA EUROPEU DO ENOTURISMO

VINHOS & IGUARIAS DO TEJO NO DIA EUROPEU DO ENOTURISMO

  • No Museu Rural e do Vinho do Concelho do Cartaxo, o Dia Europeu do Enoturismo foi celebrado à mesa com os vinhos e os produtos da região Tejo em destaque.
  • A chef Madalena Dias confecionou as iguarias que encontraram nos vinhos dos enólogos Maria Vicente e Pedro Gil, a harmonia de excelência.
  • Pedro Magalhães Ribeiro, presidente da Câmara, afirmou a relevância de “construirmos um Museu Rural e do Vinho que seja um espaço aberto ao encontro de todos os que podem fazer deste um produto âncora para o desenvolvimento sustentável do nosso concelho” – três iniciativas privadas nesta área “Adega Cooperativa do Cartaxo, Casa 1927 e Cook2Wine, estão aqui a abrir caminho a outras que queremos acolher”.
  • O autarca destacou o facto de “esta sala ter ficado lotada em tempo recorde”, o que revela o interesse que o vinho e a gastronomia têm enquanto fatores de atração turística de “um concelho que é e se quer afirmar como Ribatejo às portas de Lisboa”.

 

 

Para assinalar o Dia Europeu do Enoturismo, a Câmara Municipal do Cartaxo lançou o desafio a dois enólogos e a uma chef de cozinha para criarem, no dia 12 de novembro, um almoço de harmonização que trouxesse para a mesa do Museu Rural e do Vinho, os sabores e os aromas do Tejo. Maria Vicente, enóloga da Casa 1927 e Pedro Gil, enólogo da Adega Cooperativa do Cartaxo, aceitaram o convite e trouxeram os vinhos que conhecem como ninguém, para acompanhar as criações que a chef Madalena Dias, da Cook2Wine, pensou e executou.

 

A enóloga Maria Vicente recebeu os participantes com o Independente

A Adega do Museu Rural e do Vinho foi o primeiro espaço a acolher os cinquenta participantes no almoço. Recebidos pela enóloga e CEO da Casa 1927, Maria Vicente, para um momento inicial “que pensámos como um primeiro encontro entre todos”, conforme a enóloga explicou – “um momento de partilha, de conversa à volta do vinho, que permita a cada um tirar o máximo partido da prova e das harmonizações que vamos poder experienciar ao longo do almoço, mas também levar consigo conhecimentos que lhe permitam passar a ter ainda mais prazer na descoberta da complexidade dos vinhos”.

 

Da importância da escolha do copo adequado à prova de cada vinho, “para desfrutar de toda a palete aromática”, passando pela forma de observar as diferentes características de cor e limpidez, até aos cuidados a ter por quem quer manter uma garrafeira em casa, foram muitos os conhecimentos partilhados. A enóloga desafiou ainda os participantes para um exercício – descobrir alguns dos sabores elementares que “devem estar presentes nos vinhos de modo equilibrado” –, pequenos copos continham líquidos onde o amargo, o salgado ou o doce estavam em destaque, aos participantes coube encontrar “sem ajudas” cada um dos sabores.

 

A encerrar a “introdução teórica”, esteve a primeira harmonização do almoço. À Adega chegaram pequenos barcos miniatura com uma carga de sabores, o Ceviche do Tejo preparado na cozinha ali ao lado pela chef Madalena Dias em Conchas Crocantes que foram parceiras do Independente, espumante da Casa 1927, o bruto e o doce, escolhidos por Maria Vicente para abrir o almoço em ambiente de festa.

 

Chef Madalena Dias levou à mesa o rio, a lezíria e o bairro para três vinhos únicos da Adega Cooperativa do Cartaxo

No espaço do centro de Promoção Vitivinícola do Museu, já estava a mesa posta – toalhas brancas e copos alinhados à luz da manhã ensolarada de novembro, receberam os comensais que começaram a ocupar os seus lugares. Os primeiros copos a serem servidos, acolheram o Bridão Clássico Branco de 2016, da Adega Cooperativa do Cartaxo, enquanto da cozinha da chef Madalena Dias saiam as primeiras tigelas fumegantes – era a Sopa de Abóbora no Forno com Espuma de Chouriço que entrava na sala.

 

Pedro Gil, enólogo que assina todos os vinhos que foram servidos à mesa, explicou as características dos néctares que selecionou, lembrando como a harmonização entre o vinho e os pratos servidos pode elevar o prazer que cada pessoa tem numa refeição e como as características próprias de cada um dos produtos pode contribuir para o equilíbrio ou para a criação de contrastes únicos – “vinhos e iguarias ganham pela aliança que estabelecem”.

 

A dar razão ao enólogo, esteve a aliança criada entre o Bridão Trincadeira de 2015, com os Lombos de Fataça de Escabeche na Telha – “uma das harmonizações mais desafiantes que vamos ter hoje à mesa”, assegurou. Já para harmonizar com o Rabo de Boi com Puré de Ervilha e Crocante de Hortelã, que a chef Madalena Dias escolheu como prato de carne, esteve o Desalmado de 2012, vinho tinto de “edição limitada”, que a Adega Cooperativa apresentou publicamente em março deste ano e está entre os melhores dos seus vinhos de excelência.

 

Para encerrar a refeição, Madalena Dias escolheu uma sobremesa que foi buscar às tradições gastronómicas nacional e ribatejana, transformando-as e criando um prato novo – Sorvete de Pera Bêbada e Arrepiado –, sobremesa que contou nos copos com o Colheita Tardia de 2016, também da Adega Cooperativa do Cartaxo.



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:14
link do post | comentar | favorito
|

Divulgar o programa junto do setor Agroalimentar “Portugal Sou Eu” na TECFRESH, em Santarém

unnamed

 

 

O “Portugal Sou Eu” vai estar na TECFRESH – Feira Tecnológica para Frutas e Hortícolas, que acontece no CNEMA, em Santarém, entre os dias 16 e 18 novembro, um certame para os profissionais do setor Agroalimentar.

A presença do “Portugal Sou Eu” na TECFRESH será marcada por momentos de degustação de produtos com o Selo do programa e pela distribuição de merchandising informativo junto de agricultores, fruticultores e horticultores, entre outros profissionais do setor, para dar a conhecer o impacto que tem a adesão das empresas à iniciativa e sensibilizar o público visitante para o consumo de produtos com o Selo “Portugal Sou Eu”.

Empresas Aderentes “Portugal Sou Eu” envolvidas nos momentos de degustação:

Bôfumeiro - Enchidos

Brejo da Gaia - Queijos

Casa Agrícola Paciência - SAG, Lda - Vinhos

Casa Cadaval Investimentos Agrícolas, S.A. - Vinhos

Danesti – Batata frita

Docereal – Sementes de girassol caramelizadas

Doces da Bina – Doces, compotas e biscoitos

Dom Iguarias – Enchidos diversos

Dona Bolacha – Bolacha americana

Erikae – Medronho e Licores

Ginja Mariquinhas – Licor de ginja

Gota – Azeite e mel

Gotik - Gin

Honey Perfect - Mel

Licor 35 – Licor de Pastel de Nata

Licor Beirão - Licor

Maria João Cortes - Compotas e Chutneys

Queijaria Portinho - Queijos

Real Gin - Gin

Santa Gula – Compotas e chutneys

 

  • TECFRESH – Feira Tecnológica para Frutas e Hortícolas
  • 16 – 18 Novembro 2017
  • 10.00 - 18.00 Horas
  • CNEMA, em Santarém

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:12
link do post | comentar | favorito
|

"Refeitório Aberto" nos 3 Agrupamentos de Escolas de Azambuja

O Município de Azambuja volta a realizar um “Dia do Refeitório Aberto” nos três agrupamentos de escolas do concelho. No primeiro período deste novo ano letivo, a iniciativa terá lugar no dia 17 de novembro, em todos os estabelecimentos de ensino pré-escolar e do 1º ciclo do ensino básico.

 

 

Assim, os pais são convidados a almoçar com os filhos, no dia 17 de novembro de 2017 (6ªfeira), mediante inscrição prévia na escola do respetivo educando. De acordo com a população escolar, os estabelecimentos têm o seguinte número de vagas: 1º ciclo Boavida Canada – 10; J.Infância Boavida Canada – 8; EB (Escola Básica) Azambuja Socasa – 10; EB Prof. Inocêncio Carrilho Lopes (Quinta dos Gatos) – 5; EB e J.Infância de Vila Nova da Rainha – 5; EB Vale-Aveiras – 10; EB de Aveiras de Cima – 10; J.Infância Vale Aveiras – 5; 1º ciclo Vale do Paraíso – 5; J.Infância de Vale do Paraíso – 5; EB de Vale do Brejo – 5; EB e J.Infância de Alcoentre – 10; J.Infância de Manique do Intendente – 6; e EB de Manique do Intendente – 10.

 

Os grandes objetivos são estreitar e consolidar a relação entre a família e a escola; dar a conhecer aos pais as condições e a qualidade da alimentação das suas crianças; e, simultaneamente, sensibilizar a comunidade para a adoção de boas práticas alimentares, uma vez que a alimentação, em particular na infância, assume um papel preponderante no desenvolvimento emocional, intelectual e social de todo o ser humano. Por outro lado, a resposta positiva de muitos pais e encarregados de educação, desde o lançamento no ano letivo 2011/2012, levou a autarquia a manter esta iniciativa.

 

 

Município de Azambuja melhora a rede de abrigos de passageiros

 

O Município de Azambuja acaba de efetuar a instalação de dez novos abrigos de passageiros que vêm melhorar as condições de espera dos utilizadores de transportes públicos. Os novos equipamentos substituem algumas estruturas que se encontravam danificadas ou cuja reabilitação se revelava inviável.

 

Destes dez novos abrigos, quatro foram distribuídos ao longo da Estrada Nacional 3 – um em Vila Nova da Rainha, outro em Azambuja e dois em Casais da Lagoa. Os restantes seis foram instalados um em Manique do Intendente, um em Casais de Baixo (Azambuja), dois em Alcoentre e dois na Freguesia de Aveiras de Cima. A aquisição e montagem destes equipamentos urbanos representa um investimento municipal de 21.832,00 euros.

A autarquia procurará, de acordo com as disponibilidades orçamentais, prosseguir este esforço de renovação dos abrigos de passageiros em todo o concelho.



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:10
link do post | comentar | favorito
|

Tecfresh’17 – Feira Tecnológica para Frutas e Hortícolas abre portas quinta -feira

Tecfresh’17 – Feira Tecnológica para

Frutas e Hortícolas abre portas quinta -feira

 

A Tecfresh’17 – Feira Tecnológica para Frutas e Hortícolas, evento que se realiza no Centro Nacional de Exposições, em Santarém, abre portas na próxima 5ª feira, dia 16 e decorre até 18 de novembro.

 

Orientada para profissionais, a Tecfresh’17 visa concentrar empresas, instituições e associações, com produtos e serviços destinados a este tipo de mercado. Representa uma oportunidade para as empresas e demais organizações partilharem com os seus actuais e potenciais clientes os produtos e serviços de que dispõem, sendo um centro de negócios por excelência.

 

O evento tem como público alvo profissionais como Agricultores, Empresários Agrícolas, Engenheiros Agrónomos, Engenheiros Mecânicos, Estudantes do Ensino Profissional e Ensino Superior, Fruticultores e Horticultores, e todos quantos se encontrem ligados ao Mundo Rural.

 

A realização da Tecfresh’17 enquadra-se na necessidade de proporcionar aos agentes económicos um local de encontro e que possa ser um polo de debate sobre as questões essenciais do sector.

 

Recorde-se que este mercado tem tido uma evolução gradual ao longo da última década em Portugal. Nos últimos dez anos, as exportações de Frutas e Hortícolas tiveram um crescimento médio de 9% nos produtos hortícolas, 13, 3% nas frutas e 11,2 % nos preparados com base em fruta, hortícolas e outras plantas.

 

O evento pretende ser um ponto de encontro entre profissionais do sector e tem como intuito ser uma ponte para estabelecer relações comerciais entre empresas, discutir negócios e uma forma de apresentar as novidades relacionadas com este mercado.

 

Congressos e Seminários

 

O certame vai receber um conjunto de conferências e seminários que têm como objetivo discutir e apresentar problemas relacionadas com o sector e com o mercado envolvente.

 

A realização destas iniciativas durante a Tecfresh’17 tem como intuito a participação de agricultores em geral e fruticultores e horticultores em particular, entre outros, para que possam partilhar experiências e debater o presente e o futuro do sector horto-frutícola.

 

No primeiro dia do certame, 16 de novembro, realce para o IV Congresso Nacional de Fruticultura e Horticultura, organizado pela CAP, e que decorre entre as 09.00 e as 18.00 horas.

 

IV Gala Viva «Frutas e Legumes de Portugal», promovida pelo COTHN e pela Revista Frutas, Legumes e Flores, que também decorre no dia 16, será um momento de promoção do sector das frutas e hortícolas, de distinção dos agentes económicos e de criação de laços de cooperação para o futuro.

 

No dia seguinte, 17 de novembro, destaca-se o seminário IV Gama Hortofrutícola em Portugal: Investigação e Industrialização”, organizado pelo COTHN, e que decorre entre as 09.00h e as 17.00 horas.

 

A Tecfresh vai também ser palco da apresentação de projetos e produtos relacionados com o sector.  No dia 16 a Bosch organiza uma conferência dedicada à “Bosch Smart Agriculture”, pelas 14h45.  No dia seguinte, 17 de novembro, às 10h00, a Magospromove o Simpósio – Sistema Global para culturas horto-industriais e às 16h00 a Fertinagro-Biotech organiza um colóquio subordinado à “Nutrição e Estimulação Integral das Culturas”.

 

Entrega de Prémios Concursos Nacionais

 

No dia 18, a Tecfresh vai  ser palco da cerimónia de entrega de prémios dos Concursos Nacionais decorreram no CNEMA em outubro, como o 6º Concurso Nacional de Doces de Fruta Tradicionais Portugueses, o 2º Concurso Nacional de Aguardentes não Vínicas Tradicionais Portuguesas e o 6º Concurso Nacional de Frutos Secos Tradicionais Portugueses.

 

Horários

 

16 novembro: 10h00 às 18h00

17 novembro: 10h00 às 18h00

18 novembro: 10h00 às 18h00

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:10
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 13 de Novembro de 2017
ENTRONCAMENTO: VOLUNTARIADO NAS FÉRIAS DE NATAL 2 A 29 DE DEZEMBRO -

 

O “Voluntariado nas Férias” é um programa de voluntariado da responsabilidade do Banco Local de Voluntariado do Entroncamento, com o objetivo de proporcionar aos jovens, a possibilidade de experimentarem a prática de voluntariado, modo de participação cívica, no âmbito da solidariedade social, a favor de pessoas e da comunidade:

Requisitos mínimos: - Idade entre os 16 e os 25 anos / autorização paternal (abaixo dos 18 anos) / apresentação do Cartão de Cidadão e de outros documentos e informação que for solicitada.

Contrapartidas: - Programa Individual de Voluntariado / Guia do Voluntário / Cartão de Identificação de Voluntário / Seguro de Acidentes Pessoais / declaração de participação e possibilidade de certificação de competências não profissionais adquiridas no exercício do voluntariado.

Atenção! A participação neste programa, não obriga a despesas, mas obriga ao cumprimento do compromisso assumido, das regras da instituição e da legislação em vigor. Não é Ocupação de Tempos Livres nem Emprego. Não há lugar a salário ou bolsa.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:21
link do post | comentar | favorito
|

LAVAGEM DE CONTENTORES EM TODAS AS FREGUESIAS DO CONCELHO

IMG_4238 (1)

 

Limpeza de contentores de recolha de resíduos sólidos urbanos vai começar hoje em Valada e vai alargar-se a todas as freguesias do concelho.

 

Os serviços de Recolha de Resíduos e Limpeza Urbana (RRLU) da Câmara Municipal do Cartaxo iniciaram na passada semana, trabalhos de lavagem e desinfeção de todos os contentores do concelho. Os trabalhos, que tiveram início na cidade do Cartaxo com a lavagem de mais de 360 baldes e contentores, vão continuar de acordo com os circuitos de recolha já estabelecidos no concelho.

 

A partir de hoje, dia 13 de novembro, será iniciado o circuito das freguesias fora da sede de concelho, Valada será a primeira freguesia do circuito de lavagem e desinfeção, seguindo-se Vale da Pedra e Vila Chã de Ourique. Pontével, Ereira e Lapa serão agendados de acordo com o decorrer dos trabalhos em curso.

 

Pedro Nobre, vereador responsável pelo pelouro de Recolha de Resíduos e Limpeza Urbana, informou que “a lavagem e desinfeção dos contentores é executada regularmente pela empresa Recolte, de acordo com o contrato que a Câmara Municipal do Cartaxo celebrou, por concurso público com esta empresa e é sempre acompanhada pelos serviços municipais”, referindo que “na cidade do Cartaxo, os contentores e baldes são lavados e desinfetados seis vezes ao ano e em todas as freguesias, quatro vezes ao ano”.

 

Nestes circuitos são lavados e desinfetados cerca de 1500 contentores e baldes de deposição indiferenciada de resíduos. Estes trabalhos visam manter as condições de higiene dos contentores e salubridade dos espaços onde estão colocados.

 

O autarca afirma que “os serviços municipais relatam muitas situações que dificultam a manutenção dos contentores em condições ideais de limpeza”, sensibilizando para a importância de “todos nós adotarmos alguns cuidados ao depositar o lixo nos contentores e baldes de recolha, para que estes se mantenham limpos durante mais tempo entre as lavagens que são feitas ao longo do ano”. Acondicionar o lixo doméstico em sacos fechados, para evitar detritos soltos dentro do contentor, “é uma ação simples, mas muito importante, que só por si evita maus cheiros e falta de condições de higiene”.

 

A deposição de materiais como óleos ou restos de tintas e outros líquidos potencialmente perigosos vazados diretamente nos contentores, é outra das situações recorrentes que dificulta a manutenção destes equipamentos.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:00
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 12 de Novembro de 2017
Sem idade

ANAFONSECA

Por: Ana Fonseca da Luz

 

Sem idade

 

 

Hoje, sonhei que a Primavera tinha voltado e que com ela tinham voltado as flores, as andorinhas sorridentes cortando os céus, os mil cheiros coloridos que enfeitam os campos e os dias com sabor a mel.
Hoje, sonhei que estava deitada num chão de papoilas num sítio em que as paredes estavam cobertas de lilases e, quando dei por mim, estava a saltar à corda com a minha melhor amiga, no velho jardim do coreto, enquanto a minha bicicleta, que tinha o poder de me dar asas, repousava, encostada a um velho banco de madeira, cansada de tanto pedalar.
Hoje, quando dei por mim, a vida não tinha passado e ali estava eu, de vestido às flores, com pressa de ser grande e com uma eterna Primavera nos meus braços.

É por isso, que tantos anos depois, ainda tenho na minha casa uma parede coberta de lilases.

É por isso, e apenas por isso, que teimo em ser feliz mesmo quando me tentam derrubar.

É por isso, que tantas vezes afogada em lágrimas me reergo vitoriosa, apesar de tudo...
Quando vejo e cheiro os lilases que me enfeitam a casa tenho sempre a sensação que essa coisa a que chamam tempo não passa de uma invenção, para nos ferir de morte.
Hoje, quando dei por mim, não tinha idade...



publicado por Noticias do Ribatejo às 08:00
link do post | comentar | favorito
|

TEMAS DE SAÚDE: Adultério

ANTONIETA

Por: Antonieta Dias (*)

 

Adultério

 

A traição pode ser mais do que um fim de uma relação, classifica-se como adultério porque traduz uma infidelidade que pode abalar definitivamente a relação afetiva de um casal.

Quando um dos conjugues trai o outro comete adultério, pois está a relacionar-se com terceiro durante a vigência do seu casamento e classificado ao longo da história por quase todas as civilizações como uma violação dos deveres conjugais, sendo considerado crime nalguns países, cuja atribuição de uma pena é variável e depende da legislação em vigor no respetivo País.

Perante as polémicas que originaram recentemente uma decisão judicial sobre o tema em apreço, vale a pena fazer algumas reflexões de caráter puramente didático, pois não me cabe a mim fazer juízos de valor sobre condutas particulares e de responsabilidade individual cujo conteúdo e moral dependerá da forma como as pessoas interagem socialmente e mais ainda como encaram o conceito de Família e o como interiorizam a existência de uma Moral, que pressupõe o respeito pessoal com quem partilham a sua vida.

Perante os factos recentemente vivenciados permitam-me que cite estes dois textos:

“Em Portugal no atual Código Penal, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 400/82, de 23 de Setembro a palavra adultério não é mencionada numa única passagem.[6] Já no atual Código Civil faz-se apenas referência ao adultério aquando da existência de heranças e respetivos testamentos e é referido no art.º 2196.º que é nula a disposição a favor da pessoa com quem o testador casado cometeu adultério.”

“No Novo Testamento, ao discursar sobre o divórcio no sermão da montanha e numa outra ocasião perante os líderes religiosos da época (Mateus 5:31-32Mateus 19:1-12 e Marcos 10:1-12), Jesus, buscando o fundamento contido no livro de Gênesis, dá a entender que o divórcio não pode ser reconhecido pela religião porque o homem não teria o poder de separar o que Deus uniu, ou seja, desfazer um casamento lícito.

«E Jesus, respondendo, disse-lhes: Pela dureza do vosso coração vou deixou ele (Moisés) escrito esse mandamento; porém, desde o princípio da criação, Deus os fez macho e fêmea. Por isso, deixará o homem a seu pai e a sua mãe e unir-se-á a sua mulher. E serão os dois numa só carne e, assim, já não serão dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou, não o separe o homem.» (Marcos 10:5-9)

Em outra citação, Jesus define o marido como adúltero quando ele desfaz um casamento com uma esposa pura, ou seja, que não cometeu adultério colocando outra em seu lugar. Porque se a esposa está ligada pela lei ao marido enquanto ele viver (), o marido a abandonando por motivo que não seja infidelidade, a induz ao adultério já que ela certamente procurará outro homem e assim cometerá o adultério de fato, o novo marido será o adúltero, ou seja, o cúmplice da violação de uma mulher já casada e sem tal pecado. Jesus ensina em suas palavras que esse preceito da lei não poderia ser interpretada de forma liberal. Pois, desde aquela época, os homens estavam largando suas mulheres por qualquer motivo e as condenando ao pecado.

«Quando um homem tomar uma mulher e se casar com ela, então será que, se não achar graça em seus olhos, por nela encontrar coisa indecente, far-lhe-á uma carta de repúdio, e lha dará na sua mão, e a despedirá da sua casa.» (Deuteronômio 24:1-1).”

Na Europa, o adultério não é considerado crime, tendo deixado de o ser em França em 1975, em Espanha em 1978 e em Portugal em 1982, enquanto nos Estados Unidos em 21 dos seus Estados o Adultério é um crime punido por lei, variando a pena do crime cometido entre uma simples multa ou numa pena de prisão.

Todos sabemos que o Adultério muitas vezes é difícil de provar, uma vez que é necessário a presença de provas testemunhais, a decisão judicial, terá de ser sempre sustentada pela avaliação, reflexão, ponderação, comprovação e responsabilização, cabendo ao Meritíssimo Juiz deslindar e decidir a sua sentença fundamentando-a nos fatos de acordo com os modelos e conceitos mais elementares ou mais complexos que permitam o cumprimento da Lei.

Daí que o Juiz deverá exercer o seu poder jurídico como um bom exemplo legitimando a qualidade da decisão na argumentação que considere mais eficaz no apuramento da verdade e da justiça.

Em suma, mesmo que uma decisão judicial seja suscetível de controvérsia a resolução do processo deverá ter por base a excelência da conceptualização de uma sentença justa e perfeita.

(*) Prof. Doutoura na Faculdade de Medicina do Porto



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:55
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 11 de Novembro de 2017
CATARINA PINHEIRO DO VALE É A PRIMEIRA MULHER NA ADMINISTRAÇÃO DA ÁGUAS DO RIBATEJO

PEDRO FERREIRA, FRANCISCO OLIVEIRA E CATARINA DO VALE (1)

 

 

Dez anos após a sua formação, a empresa municipal ÁGUAS DO RIBATEJO EM,SA tem uma mulher no Conselho de Administração.

Catarina Pinheiro do Vale, vereadora na Câmara Municipal de Benavente, integra a nova equipa eleita esta sexta-feira, 10 de novembro, e que mantém como Presidente , Francisco Oliveira, edil do concelho de Coruche.

A entrada da nova vogal cumpre assim a Lei 62/2017 que obriga a que a administração das empresas do setor público tenha pelo menos um terço de elementos de cada sexo  a partir de janeiro.

Pedro Ferreira, presidente da Câmara Municipal de Torres Novas, vai continuar como vogal do conselho de administração.

A única lista apresentada foi aprovada por unanimidade pelos sete presidentes de câmara presentes na assembleia geral .

Na reunião foi aprovado o novo tarifário da Águas do Ribatejo para o ano de 2018 com “ligeiras atualizações” que segundo a proposta aprovada por todos os sete municípios têm por base a inflação e irão traduzir-se  num aumento de poucos cêntimos na fatura a pagar pelos clientes no final de janeiro do próximo ano.

 

PEDRO RIBEIRO REELEITO PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA GERAL

 

O Presidente da Câmara Municipal de Almeirim renovou a confiança dos seus pares para continuar a presidir à Assembleia Geral da Águas do Ribatejo EM, SA.

Paulo Queimado, presidente da Câmara Municipal da Chamusca continuará a ser o secretário da assembleia.

Todos os cargos são desempenhados sem direito a remuneração mantendo a tradição desde a fundação da empresa em 2007.

O novo mandato tem como prioridade a garantia da sustentabilidade da empresa mantendo ou reforçando a segurança e qualidade nos sistemas de abastecimento e de saneamento de águas residuais.

A assembleia congratulou-se com a atribuição do selo de qualidade da água exemplar para consumo humano atribuído pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR).

Até ao final do ano serão inauguradas duas novas ETAR em Benavente e Samora Correia e irá iniciar-se uma empreitada de 4,6 milhões de euros para a nova ETAR e sistema de saneamento da Freguesia de Samora, incluindo os lugares de Porto Alto e Arados.

No concelho de Torres Novas estão em curso obras no valor de 12 ME com realce para os Sistemas de Saneamento da Chancelaria/ Pedrógão e Lapas São João da Ribeira.

Estas obras são financiadas por fundos comunitários através do Programa Poseur Portugal 2020 sendo a componente nacional assumida pela empresa.

A assembleia vincou a preocupação de manter os tarifários sociais e para famílias numerosas, com mais de quatro pessoas, garantido o acesso de todos à agua da rede e beneficiando as famílias de menores recursos.

Na reunião foi reforçada a preocupação quanto às consequências da seca.

Os autarcas estão unidos na campanha nacional, patrocinada pelo Governo, apelando ao uso responsável da água de modo a garantir que não haverá falhas no abastecimento. 



publicado por Noticias do Ribatejo às 05:15
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 10 de Novembro de 2017
1ª VOLTA AO RIBATEJO A CORRER

Untitled-1

 

O ultramaratonista João Paulo Félix, natural do concelho de Salvaterra de Magos, propõe-se fazer a 1ª Volta ao Ribatejo a Correr, com partida no dia 14 de dezembro, num percurso de aproximadamente 320 km.
 
A apresentação pública da iniciativa terá lugar no dia 17 de novembro, pelas 11horas, no auditório da Escola Profissional de Salvaterra de Magos e vai contar com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Hélder Manuel Esménio e do Presidente da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, António Ceia da Silva, entidades parceiras do evento.
 
O atleta vai percorrer diversos locais da região e passar por símbolos emblemáticos do Ribatejo, como é o caso da Praça de Toiros de Salvaterra de Magos, das Portas do Sol, em Santarém, do Castelo de Torres Novas ou do Convento de Cristo, em Tomar, entre outros.
 
Os objetivos de João Paulo Félix são a descoberta e promoção de locais e paisagens do Ribatejo, enquanto destino turístico, o incentivo à prática de exercício físico e também o desafio que este tipo de provas de elevada dificuldade lhe propõem. Neste caso vai querer bater o seu recorde pessoal, uma vez que espera correr os cerca de 320 km em 72horas, numa prova non-stop.
 
A 1ª Volta ao Ribatejo a Correr tem também um cariz solidário, já que alerta para a importância do trabalho desenvolvido pela Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla (SPEM).
 
Em agosto, João Paulo Félix já havia corrido 739, 260 quilómetros, num percurso entre Chaves e Faro, realizado pela Estrada Nacional 2, a maior rodovia do país.


publicado por Noticias do Ribatejo às 18:04
link do post | comentar | favorito
|

ESTÃO DEFINIDOS OS NOVOS REPRESENTANTES DOS ÓRGÃOS POLÍTICOS DA JUVENTUDE SOCIALISTA DE ALPIARÇA JS ALPIARÇA ELEGE NOVOS ÓRGÃOS POLÍTICOS

RODOLFO

 

No passado dia 4 de novembro de 2017 foram eleitos os novos representantes dos órgãos políticos da Juventude Socialista de Alpiarça: 
 
Rodolfo Colhe (foto) mantém-se na liderança do Secretariado Concelhio, depois de quatro anos de mandato cumpridos, tendo a presidência da Mesa da Assembleia Concelhia passado a ser assumida por Daniela Coelho, militante desde 2011. 
 
Para o próximo mandato, o presidente do Secretariado eleito, Rodolfo Colhe, garante: “Continuar a lutar pelas camadas mais jovens de Alpiarça, não deixando que nenhuma das forças políticas se esqueça das suas responsabilidades e reforçar a participação dos jovens na vida política e cívica do concelho são algumas das nossas principais prioridades.” 
 
A presidente da Mesa da Assembleia eleita, Daniela Coelho, considera que os próximos anos serão de muito trabalho e crescimento na JS de Alpiarça: “É importante chamar cada vez mais os jovens alpiarcenses à participação política ativa e focar as iniciativas desenvolvidas no concelho, nunca esquecendo a importância dos órgãos regionais e nacionais que nos apoiam. É nesse sentido que pretendemos trabalhar nos próximos anos.” 
 
Foram ainda eleitos David Ribeiro, Ana Avelino, Tiago Lopes e Inês Martins para o Secretariado Concelhio e Rodrigo Colhe, Pedro Neves, André Vieira e Diogo Colhe para a Mesa da Assembleia Concelhia. 
 
A JS Alpiarça garante assim a continuidade do bom trabalho realizado ao longo dos anos, provando o empenho em promover iniciativas para o bem comum da população jovem do concelho. 


publicado por Noticias do Ribatejo às 14:49
link do post | comentar | favorito
|

Santarém é uma das 15 cidades finalistas ao prémio «Folha Verde da Europa»2019.

 

prémio será entregue em Junho de 2018, depois de uma análise das candidaturas por um painel de peritos e de uma avaliação por um júri internacional.

 

São 28 as cidades de 21 países de toda a Europa que competem oficialmente aos Prémios «Capital Verde da Europa» 2020 e «Folha Verde da Europa» 2019. É o mais elevado número de candidatos na história das duas iniciativas. Com o título de 2020, o Prémio «Capital Verde da Europa» 2020 celebra o 10º aniversário, depois de ter arrancado em 2010 com a vitória de Estocolmo, na Suécia. Estes prémios reconhecem cidades que estão a aumentar a fasquia em práticas ambientais urbanas.

 

Ao Prémio «Folha Verde da Europa» 2019, concorrem as seguintes cidades: Avignon (França), Nagykőrös (Hungria), Serres (Grécia), Joensuu (Finlândia), Horst aan de Maas (Países Baixos), Gabrovo (Bulgária), Mechelen (Bélgica), Pärnu (Estónia), Strovolos (Chipre), Cornellà de Llobregat (Espanha), Taurage (Lituânia), Delitzsch (Alemanha), Valmiera (Letónia), Santarém (Portugal) e Roman (Roménia).

 

O Comissário Europeu para o Ambiente, Assuntos Marítimos e Pescas, Karmenu Vella, revelou que «este é um ano muito especial graças ao 10º aniversário da «Capital Verde da Europa». Ao longo da última década, a iniciativa tornou-se um distintivo de honra para as cidades. Ajuda-as a acelerar os progressos ambientais. As cidades estão na linha da frente nos esforços para estabelecer um futuro mais verde. A história ao longo dos últimos dez anos mostra que tornar-se um vencedor do Prémio «Capital Verde da Europa» ou do Prémio «Folha Verde da Europa» significa continuar a empurrar essa linha da frente ainda mais para a frente. Boa sorte – e obrigado – a todos os que competem este ano

 

Um painel de doze especialistas independentes e internacionalmente aclamados começarão agora a avaliar tecnicamente cada candidatura. As cidades que passarem esta fase serão anunciadas em Abril (2018) e apresentarão a candidatura perante um júri internacional. Em Junho, uma cidade irá ser galardoada com o Prémio «Capital Verde da Europa» 2020 e até duas cidades mais pequenas com o Prémio «Folha Verde da Europa» 2019.

 

Em Maio de 2018, a Comissão Europeia vai lançar também outro grande evento focado em cidades verdes. A próxima edição da Semana Verde da União Europeia vai explorar as formas através das quais a UE está a ajudar as cidades a tornarem-se melhores sítios para viver e trabalhar.

 

Ao Prémio «Capital Verde da Europa» 2020, concorrem as seguintes cidades: Aberdeen (Reino Unido), Budapeste (Hungria), Bursa (Turquia), Ghent (Bélgica), Guimarães (Portugal), Lahti (Finlândia), Lisboa (Portugal), Ostrava (República Checa), Prato (Itália), Reykjavik (Islândia), Sevilha (Espanha), Tallinn (Estónia) e Wroclaw (Polónia).



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:32
link do post | comentar | favorito
|

ÁGUAS DO RIBATEJO DISTINGUIDA COM SELO DE QUALIDADE DA ÁGUA

ÁGUAS DO RIBATEJO DISTINGUIDA COM SELO DE QUALIDADE DA ÁGUA

 

Entidade Reguladora reconhece abastecimento de excelência na região

 

 

A água que chega a casa de 150 mil consumidores nos sete concelhos que integram a Águas do Ribatejo é segura e de qualidade.

A empresa foi distinguida com o Selo de qualidade exemplar de água para consumo humano numa cerimónia que decorreu esta quinta-feira, 8 de novembro, em Lisboa.

Esta distinção, na vertente água, insere-se na iniciativa da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR) em parceria com o jornal Água&Ambiente.

 

Carlos Coutinho, presidente da Câmara Municipal de Benavente e vogal do Conselho de Administração da AR, recebeu a distinção. O administrador fez-se acompanhar do director geral, Moura de Campos e do diretor comercial, João Barros que simbolizaram a partilha do prémio com todos os colaboradores que servem a AR desde o início da sua constituição em 2007.

 

“Este prémio é o resultado do esforço, empenho e dedicação de todos os colaboradores que integram a equipa Águas do Ribatejo, dos órgãos sociais e dos nossos parceiros”, refere o Conselho de Administração da AR.

 

A ERSAR e o Jornal Água & Ambiente tiveram em conta os indicadores de desempenho da AR e os boletins de análises realizados em 2016 nos municípios de Almeirim, Alpiarça, Benavente, Coruche, Chamusca, Salvaterra de Magos e Torres Novas.

 

No último ano foram realizadas 8362 análises nos 48 pontos de abastecimento de água, verificando-se apenas 15 incumprimentos ao longo do ano.  Todos foram normalizados após procedimentos de correção.

Recorde-se que a AR investiu 40 Milhões de Euros nos sistemas de abastecimento de água com a construção e reabilitação de cerca de 50 captações, 67 reservatórios, 18 estações de tratamento e 400 km de condutas. A empresa apostou na formação contínua dos seus técnicos e operadores recorrendo a entidades com provas dadas.

 

O grau de cumprimento dos valores paramétricos da água em 2016 foi de 99,8 %, “muito perto da excelência.

Na cerimónia de entrega dos selos de qualidade da água, o presidente da entidade reguladora ERSAR, Orlando Borges salientou que a água é um bem precioso e um dos melhores ativos que Portugal tem.

"Uma das coisas que este país tem de melhor é a água. Algumas entidades gestoras são mais excecionais do que outras e este selo serve para as distinguir.

Cabe-lhes por inteiro. Só tivemos a arte mais simples de juntar os dados e dizer: parabéns", referiu o regulador.

O diretor do jornal Água&Ambiente, Fernando Santana, congratulou-se pelo regresso da iniciativa felicitando a ERSAR.  "A atribuição de selo de qualidade cria notoriedade a quem o recebe mas cria também a responsabilidade de manter o que proporcionou esse reconhecimento", sublinhou. 

O conselho de administração da AR congratulou-se com a distinção e garantiu dar continuidade à estratégia em curso para garantir um abastecimento seguro e de qualidade.

“Vamos continuar a aprender com os melhores, bebendo nas fontes de saber e conhecimento”, garante o Presidente do Conselho de Administração, Francisco Oliveira.

 

AR integra a Parceria Portuguesa para a Água (PPA) e tem desenvolvido um conjunto de parcerias com instituições académicas e fóruns de investigação nacionais e estrangeiros



publicado por Noticias do Ribatejo às 05:23
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

18

20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

Será que regresso?

TEMAS DE SAÚDE: Antibióti...

O DESAPEGO

ALMOÇO DANÇANTE EM PONTÉV...

COMUNICADO DO MINISTÉRIO ...

Município de Azambuja pro...

Recolha de Sangue nos Bom...

DIA MUNDIAL DOS POBRES

NERSANT reclama Entidade ...

CARTAXO APROVA REUNIÕES D...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds