NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Quarta-feira, 14 de Dezembro de 2011
SANTARÉM - Ideias do Antigamente promovem os vinhos do Tejo em workshop

No âmbito do projeto “Ideias do Antigamente Promovem o Ambiente”, a divisão de ambiente e desenvolvimento sustentável (DADS) da Câmara Municipal de Santarém (CMS) organizou um workshop na Casa do Ambiente de Santarém, dia 13 pelas 15 horas, onde foram degustados alguns vinhos da Região apresentados por Marco Marques, enólogo da Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVRT). Para esta apresentação, Marco Marques, selecionou seis vinhos que considera serem representativos da grande diversidade produtiva no Ribatejo. O técnico da CVRT deu a conhecer aos participantes no workshop, dois brancos, Vila Jardim (Sardoal) e Planície (Almeirim), respetivamente, um rosé, Serradyres (Tomar), e três tintos, Quinta da Alorna (Almeirim), Guarda Rios (Cartaxo) e Casal da Coelheira (Tramagal). Ao longo da prova dos vinhos, Marco Marques foi falando das características de cada um dos vinhos, da sua composição e da forma como se comportam quando são ingeridos. No tocante à adequação de um vinho à escolha gastronómica, o enólogo referiu que normalmente os vinhos que acompanham a refeição, devem ser os mesmos utilizados na confeção do prato. Marco Marques aproveitou a ocasião para falar da qualidade das castas nacionais, já que do seu contato com alguns especialistas de vinhos internacionais aferiu “que por serem tão únicas, conseguem distinguir-se no panorama internacional. Enquanto as castas estrangeiras estão superdivulgadas pelos quatro cantos do mundo, as nossas castas, por serem novas, têm um grande potencial”. Quando questionado sobre a importância da marca Vinhos do Tejo, que sucedeu aos Vinhos do Ribatejo, o técnico refere que “a mudança tem sido completamente positiva. Quer a nível nacional, quer internacional, não só através da mudança de nome, mas também através de outras campanhas que temos levado a cabo, registamos um aumento muito significativo das vendas de selos. Houve um aumento de cerca 30 por cento nos últimos três ou quatro anos”. Para termos uma ideia do sucesso das vendas, Marco Marques afirma que “só no primeiro semestre de 2011 exportou-se tanto vinho para fora da União Europeia (UE), como no ano passado todo”. De referir que, os Vinhos do Tejo têm como principais países de destino, fora da UE, Angola, Brasil e China, para onde têm aumentado as suas exportações. Por se tratar do último workshop de três que tiveram lugar este ano, Maria João Cardoso faz o balanço da edição deste ano do “Ideias do Antigamente Promovem o Ambiente”, que só termina em 2012, com a eleição do vencedor do concurso, que está a decorrer, Chapéu Mod´Ambiente". Segundo a chefe de divisão da DADS da CMS, o projeto “teve três pilares para o desenvolvimento sustentável, para a promoção da ideia que o desenvolvimento só é possível no equilíbrio da dimensão económica com a ambiental e com a social“. Este ano foi criada uma ação que consistiu num ciclo de quatro workshops sob a temática “Ambiente e Tradições”, que tiveram inicio a 25 de Novembro com a “Mostra de Produtos Regionais”, e terminaram com o workshop “Vinhos do Tejo”. Segundo a chefe do DADS o feedback refere que os participantes consideram “positivo promovermos o que é local”.  É importante que as pessoas saibam que se produtos de qualidade. Estamos a falar de um bom vinho. Na semana passada no workshop de “Queijos e Azeite” conseguiu-se documentar que temos um bom queijo produzido na Região, um bom azeite e como se distinguem as suas características e a sua origem. Tivemos também um workshop de “Doces”, com os doces conventuais. Como é que se faz pão? Aqui também uma vertente muito forte em educação ambiental, para mostrar que o pão não vem do supermercado”. Este ciclo de workshops teve como objetivo mostrar que o que é tradicional é bom, é saúde e também nos traz um melhor ambiente, porque não tem emissões de gases com efeito de estufa associados.  Maria João Cardoso afirma que a iniciativa teve um elevado êxito pela qualidade dos workshops, sendo a participação mais elevada do que no ano transato. Um indicador que mostra “que começa a haver algum conhecimento por parte da nossa população que todos os anos a DADS da CMS assume esta dinâmica de ações para o desenvolvimento sustentável e que nesta altura, em que o consumo é muitas vezes irracional, o consumidor tem aqui um papel preponderante nas suas opções”.  A chefe da divisão de ambiente da CMS deixa um conselho “a prenda de Natal, tem que ser sustentável. Certamente com a contenção que temos. Mas pensar porque é que não posso optar por um produto local, desenvolvendo uma microeconomia e ajudando o nosso tecido empresarial mais pequeno”, que na razão direta resulta na manutenção e criação de postos de trabalho, para um equilíbrio da sociedade, acrescenta. Para o ano fica a promessa da quarta edição do “Ideias do Antigamente Promovem o Ambiente”, que este ano teve mais sucesso. Para 2012 espera ampliar a rede de parcerias, que considera fundamentais para se fazer a diferença em matéria de sustentabilidade. Este ano este projeto contou com a Associação Empresarial de Portugal, a Nersant, 30 artesãos, Comissão Vitivinícola Regional do Tejo e os produtores de azeite, parceiros que querem manter e para 2012 esperam ampliar o número de entidades associadas a este conjunto de ações.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:51
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

16

18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


posts recentes

Eu estou aqui...

O tempo carrega em si a s...

TAGUS promove acções de v...

Câmara de Azambuja aprovo...

Ministro da Educação inau...

Concerto Solidário de ...

Estudo europeu alerta: Po...

Campanha “Calendário Soli...

Apresentação do Livro "O ...

Cinco Dias Seis Artistas/...

arquivos

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds