NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Segunda-feira, 30 de Abril de 2012
CARTAXO: FEIRA RURAL É MODELO NO APOIO Á ECONOMIA LOCAL

FEIRA RURAL É MODELO NO APOIO Á ECONOMIA LOCAL

  Feira contou com a presença de Álvaro Beleza, secretário nacional do Partido Socialista

 

  Além de promover a economia local, a Feira Rural dá apoio social a cerca de 700 idosos - recebem “cheques rurais” que trocam por frutas e legumes

 

 

O Parque Central da cidade do Cartaxo acolheu no dia 29 de abril mais uma Feira Rural do Município, cuja edição esteve integrada na Festa do Vinho, que decorre até dia 1 de maio no Pavilhão Municipal de Exposições.

 

O secretário nacional do Partido Socialista, Álvaro Beleza, deslocou-se nessa manhã ao Cartaxo, a convite do presidente da Câmara Municipal, Paulo Varanda, para visitar a Feira Rural, que a nível nacional se distingue por ser a única a complementar a promoção dos produtos tradicionais locais com o apoio social aos idosos.

 

Álvaro Beleza teve assim oportunidade de contactar com produtores locais, conhecendo o papel que a Feira Rural desempenha no concelho como promotora da economia local e constatou a importância que esta iniciativa assume ao nível da ajuda social aos mais idosos, com a atribuição por parte da autarquia de “cheques rurais” aos munícipes portadores do Cartão Sénior.

 

O Presidente da Câmara Municipal, Paulo Varanda, afirma que “É um grande orgulho ver que este projeto assumiu no Cartaxo uma amplitude e uma dimensão despertaram a atenção nacional. A Feira Rural é muito mais do que um espaço de promoção e comercialização dos produtos da nossa terra. Ela dá oportunidade aos nossos idosos de adquirirem gratuitamente frutas e legumes – e neste momento são mais de 700 os a quem a câmara entrega alimentos –, assim como é também um local aberto à comunidade escolar, que tem aqui oportunidade de vender os produtos resultantes das suas hortas escolares ou de desenvolver outras atividades”, frisou o autarca.

 

As hortas desenvolvidas em ambiente escolar têm sido uma aposta das escolas do concelho que, em parceria com a Câmara e a Confederação Nacional dos Jovens Agricultores de Portugal, têm permitido envolver os mais pequenos em atividades que visam, essencialmente, sensibilizá-los para a importância da alimentação saudável e do consumo de produtos produzidos localmente.

 

Muitos foram os que procuraram nessa manhã a Feira Rural para adquirir frutas e legumes frescos, pão caseiro, doces tradicionais, queijos e enchidos, compotas, azeite, mel, vinhos ou artesanato. O folclore fez também parte desta feira, que contou desta vez com a atuação do Rancho Folclórico da Casa do Povo da Ereira.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:57
link do post | comentar | favorito
|

Abrantes: Triatlo Aventura

Domingo, dia 6 de Maio, realiza-se um Triatlo Aventura, atividade de outdoor inserida no Programa de Promoção da Atividade Física, que visa promover as atividades de contacto com a natureza, bem como dar a conhecer o Concelho. Visa ainda fomentar o espírito de equipa e o convívio interpessoal.

O Triatlo Aventura consiste na realização de um percurso, recorrendo a três modalidades desportivas distintas: BTT (+/- 25Km); Canoagem (+/- 5Km) e Corrida de Orientação (+/- 5Km).

O secretariado estará instalado no Aquapolis Sul, a partir das 08h00. A partida está marcada para as 09h00.

A inscrição (equipas de 2 elementos) custa 17,50€ e inclui almoço, banhos, abastecimentos, seguros e utilização canoa. Podem ainda ser feitas até dia 3 de Maio em www.desporto.cm-abrantes.pt/, para o e-mail desporto@cm-abrantes.pt, ou no Estádio Municipal de Abrantes (telefone 241 331 510).



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:56
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: "5º Grande Prémio de Atletismo da Espiga" Casais da Lagoa (Azambuja)

“5º Grande Prémio de Atletismo da Espiga”

Ass. Desp. e Cultural de Casais da Lagoa (Azambuja), 17.Maio, 09h00

                                    

A Associação Desportiva e Cultural de Casais da Lagoa, Freguesia de Aveiras de Baixo, Concelho de Azambuja, está a organizar a quinta edição do “Grande Prémio da Espiga”, em atletismo. A prova realiza-se no dia 17 de Maio, feriado municipal em Azambuja, com início às 09h00, e deve o nome à designação popular – “Quinta-feira da Espiga – atribuída à Quinta-feira da Ascenção, que é, aliás, feriado em muitos municípios ribatejanos.

 

As inscrições estão abertas a todos os escalões masculinos e femininos e, ainda, a classes especiais, e podem ser feitas até dia 15. Haverá troféus para os três primeiros classificados, quer  individuais quer colectivos, em cada categoria.

Para inscrições e mais informações, utilizar os telefones 263 408 313 e 912 515 742, ou os e-mails geral@adccl.pt e presidente@adccl.pt.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:38
link do post | comentar | favorito
|

SANTAREM:NERSANT reuniu com AIP-CCI

No âmbito do plano de visitas que a AIP-CCI – Associação Industrial Portuguesa tem promovido junto das Associações Empresariais Regionais, realizou-se no passado dia 27 de Abril, uma visita à NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém. A reunião de trabalho teve como objectivo realizar uma apresentação dos eixos estratégicos da AIP-CCI, planos de acções e identificação de possíveis projectos conjuntos a realizar entre as duas associações.

 

 

A apresentação de todo o trabalho desenvolvido pela NERSANT até 2010, bem como a apresentação do plano de acções da NERSANT entre os anos 2011-2013, foram os assuntos que abriram a reunião de trabalho entre a NERSANT e a AIP-CCI, e que se encontra integrada num conjunto de reuniões que a associação industrial se encontra a desenvolver com todas as associações empresariais regionais, com o objectivo de apresentar os seus projectos e acções a desenvolver em conjunto.

 

A Presidente da Direcção da NERSANT, Maria Salomé Rafael, aproveitou a presença do Presidente da Direcção da AIP-CCI, José Eduardo Carvalho, para lhe dar conta das suas preocupações. “Temos vindo a sentir um acréscimo do pedido de reuniões por parte dos nossos associados, relativamente às dificuldades de obtenção de crédito junto da banca. E falo de empresas com viabilidade económica!”, desabafou Maria Salomé Rafael durante a reunião. “É por este motivo que a NERSANT tem insistido na sensibilização das empresas para a exportação e internacionalização, bem como para a associação de empresas, com o objectivo de criar escala”, mencionou a Presidente da Direcção da NERSANT, referindo ainda que estes objectivos já se encontram reforçados no plano de acções da associação empresarial.

 

Por sua vez, o Presidente da Direcção da AIP-CCI explicou os objectivos da visita de trabalho, começando por afirmar que a AIP-CCI está a trabalhar com o objectivo de se “ “transformar no líder nacional do movimento associativo, quer na concepção de projectos e acções, quer na relação com os associados, que se situam maioritariamente nos distritos e não na região de Lisboa, pelo que houve necessidade de promover uma reestruturação organizacional e estratégica da AIP, que está a ser feita há um ano”, referiu José Eduardo Carvalho. O objectivo da visita, explicou, pretende dar a conhecer esta nova política de aproximação às associações empresariais regionais, tendo sido dado a conhecer, para além dos eixos estratégicos desta associação, uma proposta de cooperação 2011-2014 entre a AIP e a NERSANT, que enumerou diversas acções e projectos a desenvolver em conjunto entre estas duas associações.

 

Do programa da visita da AIP-CCI ao distrito, e tendo em conta a nova política de aproximação ao tecido empresarial regional, a delegação da NERSANT e da AIP-CCI visitaram as empresas RENOVA – Fábrica de Papel do Almonda, S.A. (Torres Novas) e a Vítor Guedes – Indústria e Comércio, S.A. (Abrantes), empresa detentora da marca Gallo, “duas empresas de referência no panorama nacional”, afirmou o Presidente da Direcção da AIP-CCI, José Eduardo Carvalho.

 

O balanço da visita de trabalho da AIP à NERSANT foi considerado extremamente positivo quer pela Presidente da Direcção da NERSANT, Maria Salomé Rafael, quer pelo Presidente da Direcção da AIP-CCI, José Eduardo Carvalho. “O balanço da visita foi extremamente positivo. Aliás, não poderia ser de outra forma porque a NERSANT é a melhor associação empresarial regional e continua a liderar tudo o que se faz a nível do associativismo regional, que é o que se espera das associações empresariais regionais”, afirmou o dirigente associativo, José Eduardo Carvalho, manifestamente satisfeito.

 

De referir que a reunião e visitas foram acompanhadas pela Direcção da NERSANT, bem como pelos responsáveis de departamento. Por sua vez, da delegação da AIP-CCI, liderada por José Eduardo Carvalho, fizeram parte todos os directores desta associação industrial



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:36
link do post | comentar | favorito
|

VILA FRANCA DE XIRA: Adequação da oferta escolar às necessidades do mundo do trabalho debatida em seminário

Adequação da oferta escolar às necessidades do mundo do trabalho debatida em seminário

A Câmara Municipal de Vila F. Xira e o Conselho Municipal de Educação promovem no dia 3 de maio, a partir das 9h30, o seminário “A oferta da Rede Escolar: Impactos na vida ativa”, no auditório da Escola Secundária e EB 2,3 Prof. Reynaldo dos Santos.

O objetivo desta iniciativa é criar pontes entre a educação e o mundo do trabalho com vista à adequação da oferta às reais necessidades das várias entidades empregadores, por forma a diminuir a dispersão e sobreposição de oferta existentes nos diversos Agrupamentos de Escolas do Concelho.

A Presidente da Câmara Municipal de Vila F. Xira, Maria da Luz Rosinha, e o Diretor-Regional de Educação de Lisboa, José Alberto Duarte, intervirão na Sessão de Abertura do Seminário, cujo programa integra a participação de representantes de empresas, Instituto de Emprego, associações e escolas.

O programa que decorre durante a manhã é aberto à participação de inscritos. À tarde, a participação é efetuada mediante convite.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:35
link do post | comentar | favorito
|

ALMEIRIM: Reunião de Câmara

Entre outros assuntos foram tomadas  as seguintes deliberações:

 

· Foi aprovado, com 3 votos a favor (PS e MICA) e 1 abstenção (CDU), a proposta de atribuição ao 5º classificado da empreitada “Requalificação da Zona Envolvente ao JI nº3.

· Foi aprovado, com 5 votos a favor (PS e MICA) e 1 abstenção (CDU) a ratificação da proposta de autorização de despesa e procedimento com vista a “Aquisição de refeições escolares mediante concurso público Internacional.”

· Foi aprovado, com 4 votos a favor (PS) e 2 contra (MICA e CDU) a proposta de trabalhos a mais no Centro Escolar de Fazendas de Almeirim.

· Foi aprovado, com 5 votos a favor (PS e MICA) e 1 contra (CDU) a proposta de emissão de pareceres prévios vinculativos a ajustes directos.

· Foi aprovado, com 5 votos a favor (PS e MICA) e 1 contra (CDU) parecer positivo à criação dos dois agrupamentos escolares no concelho.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:33
link do post | comentar | favorito
|

CARTAXO:MÚSICA POPULAR E FOLCLORE ANIMAM FESTA DO VINHO

MÚSICA POPULAR E FOLCLORE ANIMAM FESTA DO VINHO

Acordeões e festival de folclore marcam segundo dia do certame

 

 

O som do acordeão e o folclore marcaram o segundo dia da Festa do Vinho. Elementos da Orquestra de Acordeões da Sociedade Filarmónica Cartaxense dinamizaram o Pavilhão Municipal de Exposições ao longo da tarde, interpretando um repertório que abarcou temas desde o ambiente popular ao mais clássico. 

 

A Sociedade Filarmónica Cartaxense é a mais antiga coletividade do concelho e nos últimos anos o ensino do acordeão tem sido uma das suas grandes apostas.  A Escola e a Orquestra de Acordeão são dirigidas por professores que estão entre os melhores da área a nível nacional.

 

Jovens e menos jovens do concelho e da região têm tido aí oportunidade de obterem uma formação ao nível do acordeão, sendo que neste momento a escola já conta com perto de 70 alunos. Desta escola foi formada uma orquestra, com cerca de 40 elementos, que tem sido muito solicitada para espetáculos populares e de animação.

 

À noite, a par da gastronomia e do artesanato, foi o folclore que atraiu muitos visitantes ao recinto das tasquinhas. Pelo palco do Pavilhão Municipal passaram o Rancho Folclórico e Regional de Vale da Pedra, o Rancho Folclórico e Etnográfico da Casa do Povo de Pontével, o Rancho Folclórico da Casa do Povo da Ereira e o Rancho Folclórico Os Campinos de Vila Chã de Ourique.

 

Foi um momento em que se recriou um vasto conjunto de temas populares, mostrando, através das danças, dos cantares e dos trajes, os hábitos e costumes ribatejanos de outros tempos.



publicado por Noticias do Ribatejo às 14:43
link do post | comentar | favorito
|

TOMAR: “CÉSAR MOURA ELEITO PARA O “NES JÁCOMERATTON” DA JS TOMAR

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na passada quinta-feira, dia 26 de Abril, teve lugar na sede do PS Tomar, a eleição do Núcleo de Estudantes Socialistas na Escola Secundária Jácome Ratton, encabeçada pelo camarada César Moura. A lista é composta por 15 elementos, caracterizada por uma significativa representação feminina, sendo constituída por alunos da referida instituição. Assumindo-se, como uma resposta clara da sociedade, para um maior interesse e uma maior participação dos jovens pela política, em prol de um futuro melhor. Do ponto de vista político, a JS Tomar considera a criação destes núcleos de estudantes fulcrais, para a preservação dos valores democráticos e humanistas. Estes núcleos, inserem-se num âmbito de actuação estratégica, como estruturas de intervenção local destinados às instituições de ensino do concelho, promovendo desta forma, o estímulo à participação democrática e ao activismo social por parte dos mais jovens.



publicado por Noticias do Ribatejo às 14:29
link do post | comentar | favorito
|

...

  Muitos visitantes aderiram ao certame no dia da abertura

 

Presidente do município agradece a todos quantos tornaram possível este certame e acredita que o Cartaxo está preparado para ultrapassar as adversidades

 

 

O Pavilhão Municipal de Exposições da cidade do Cartaxo abriu ontem as suas portas para receber mais uma edição da Festa do Vinho.

 

Até dia 1 de maio, os vinhos, a gastronomia e o artesanato apresentam-se neste certame, cuja vertente popular é ainda reforçada com música portuguesa, incluindo o folclore, os acordeões e banda filarmónica.

 

Na inauguração da Festa do Vinho, o presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Paulo Varanda, fez questão de agradecer a todos quantos tornaram possível o organização de mais uma edição deste certame – que é já um grande marco no concelho do Cartaxo –, sobretudo porque as “circunstâncias atuais são muito desfavoráveis, com contrariedades e ansiedades muito elevadas”, caracterizou.

 

Tendo em conta as “provas dadas pela comunidade de que é possível continuar a seguir em frente”, Paulo Varanda deixou uma palavra de esperança, afirmando, convicto, de que “vamos ser capazes de ultrapassar as adversidades e enfrentar todos os ataques que estão a ser feitos às famílias, às empresas ou às autarquias”.

 

“Estou orgulhoso com esta nossa comunidade riquíssima. Desta forma, demonstramos que estamos prontos para os desafios”, reforçou Paulo Varanda.

 

Muitos visitantes aderiram ao certame no dia de abertura

 

No primeiro dia da festa, 27 de abril, muitos foram os visitantes que escolheram as tasquinhas – onde estão representadas as oito freguesias do concelho – para saborear a gastronomia regional. Na área de exposição, é possível conhecer os vinhos apresentados por quintas e adegas, apreciar o artesanato ou ficar a saber um pouco mais acerca das freguesias do concelho – que têm também aí os seus stands institucionais.

 

A abrir esta Festa do Vinho na vertente de animação musical, esteve o grupo de música pop/rock mais antigo do país e um dos que mais marcou o final da década de 60 em Portugal – Os Charruas.

 

Formado na Escola de Regentes Agrícolas de Santarém, o grupo alcançou a sua maior notoriedade em 1965, altura em que integravam a banda Dany Silva, Carlos Sardinha, João Magalhães e João Baptista. Os Charruas aumentaram posteriormente o seu número de elementos com a entrada de Mário Viegas, José Monteiro e João Sardinha, mas em 1971, por questões profissionais e militares, o grupo suspendeu as atuações até 1994.

 

Na história do grupo consta ainda a entrada de Kátia Guerreiro, Francisco Barata, Gil Honório e João Madeira, em 1997, altura em que o grupo gravou o CD “Amigos do Tempo”, que se revelou um sucesso de rádio e de televisão. 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:28
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Espectáculo "Viver Azambuja"

Espectáculo “Viver Azambuja”, pelas colectividades da Freguesia

05 de Maio, às 21h30, na Praça de Touros

 

Azambuja vai assistir, no próximo dia 05 de Maio, pelas 21h30, a uma espectáculo cultural intitulado “Viver Azambuja”. O evento terá lugar na Praça de Touros Dr. Ortigão Costa e é organizado pelas várias colectividades que nele participam.

 

Do programa fazem parte as actuações do Rancho Folclórico Ceifeiras e Campinos de Azambuja e do Grupo Tradicional “Os Casaleiros” de Casais dos Britos, bem como a secção de sevilhanas do Grupo Desportivo de Azambuja e a escola de danças de salão Apolo/GDA. Outras participações serão o Centro Cultural Azambujense, que exibirá a banda de música e a escola de fado amador, e o Centro Hípico Lebreiro, com uma demonstração de arte equestre. Por fim, a festa brava também terá o seu espaço com três propostas da Associação Cultural “A Poisada do Campino”: campinos e cabrestos, toureio de salão e o jogo da rosa.

 

Os objectivos dos organizadores são proporcionar um serão cultural agradável, mostrando à população o trabalho desenvolvido por muitas das colectividades da Freguesia de Azambuja e, em simultâneo, angariar alguns fundos para a actividade das mesmas. A entrada para o espectáculo tem o custo de 2,50 euros por pessoa e o bilhete habilita ao sorteio de um porco.

 

A iniciativa conta com o apoio da Câmara Municipal de Azambuja.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:27
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 29 de Abril de 2012
BENAVENTE: GARRAIADA INFANTIL SAMORA

 

Uma garraiada infantil  constituiu um grande sucesso na tarde de domingo em Samora Correia. A iniciativa, que se realizou pela primeira vez foi integrada na VII Semana Taurina, que decorre até 1 de Maio.
 
A garraiada juntou mais de uma centena de crianças com menos de 12 anos que lidaram um bezerro (touro com poucos meses de vida) numa arena improvisada.
 
Houve também vacada com a participação de raparigas e senhoras, antes da largada de vacas e de um novilho para adultos.
 
As vacas fizeram várias colhidas, com cinco pessoas feridas a terem necessidade de receber tratamento no posto de emergência montado no local. Nenhum dos colhidos necessitou de ser transportado ao hospital.

 Nas largadas, registam-se até ao momento 9 feridos, um homem foi colhido com alguma gravidade na madrugada de domingo. Sofreu uma perfuração no membro inferior. O senhor de 58 anos, residente em Sobral de Monte Agraço, já teve alta hospitalar e está em casa.
 

Amanhã, segunda-feira há largadas às 18h00 e às 01h00 e na terça-feira, 1 de Maio, às 17h00, haverá uma demontração da Escola e Toureio José Falcão de Vila Franca, dirigida pelo Maestro Vitor Mendes



publicado por Noticias do Ribatejo às 20:10
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: Saúde, uma Prioridade em Portugal, da Autoria de Antonieta Dias, Doutorada em Medicina

 Por: Antonieta Dias *

 

"A propósito do Hospital de Faro. Hospital sem biombos para separar os pacientes e dar privacidade. Doentes deitados ao lado de mortos.”

Esta foi notícia foi referenciada no Correio da Manhã de 27 de Abril de 2012.”

“Independentemente do sistema político em vigor, em Democracia existe o direito democrático, que visa garantir o respeito pela privacidade individual, e o respeito pelo paciente em particular.

Permitir que um paciente esteja internado num hospital, e ao seu lado partilhe um espaço onde se encontra, um morto, é desumano, desrespeitador dos direitos e liberdades dos cidadãos e inconcebível.

Um Hospital, não pode ser utilizado como morgue.

Os pacientes não podem estar sujeitos a estas atrocidades.

Muitas das mudanças estruturais que se têm verificado nos últimos tempos na saúde, contrariam todas as políticas aceitáveis, independentemente do estado de degradação e insustentabilidade social, económica e política, que o País vivencia.

Há que definir urgentemente prioridades, em todos os sectores, designadamente no sector da saúde.

Não podemos aceitar estas situações degradantes e demonstrativas de uma insensibilidade política, onde apenas se olha para os indicadores económicos e não para as recomendações clínicas, imprescindíveis para o bom tratamento do doente.

Importa, ainda referir que se não respeitarmos, as normas de assistência global intra-hospitalar, estaremos de certeza a violar o que de mais importante existe em Democracia, que é o respeito, pela pessoa humana, a obrigatoriedade, de tratar os pacientes como pessoas fragilizadas pela sua doença, com respeito e a dignidade, que lhes é exigida.

Se estas regras não forem cumpridas o relacionamento médico paciente estará necessariamente comprometido.

Isto significa que um  médico não pode, na condução do tratamento, que visa cumprir as orientações técnico-científicas preconizadas  para cada uma das patologias do doente, e aplicá-las com humanidade e respeitando a individualidade de cada um, em circunstância  nenhuma poderá permitir que os direitos fundamentais do seu doente, designadamente os que estão ligados à dignidade humana sejam violados.

Esta é uma das pedras angulares da Constituição Portuguesa. Este princípio Constitucional obriga ainda ao direito à informação,  de que o paciente é titular, nomeadamente à informação adequada e clara sobre os diferentes tratamentos, a sua  correcta especificidade, a composição do rigor e qualidade científica e os riscos que corre nos tratamentos que lhe são fornecidos.

No atendimento do paciente, é uma obrigação social das Instituições, prestadoras de serviços de saúde, que as mesmas se empenhem  e proporcionem a utilização de todas as técnicas disponíveis para o bom tratamento do doente.

Porém, não está em causa a excelente execução técnico-científica do médico, mas sim a falta de recursos (medicamentos, recursos humanos e espaços aceitáveis), que se tem vindo a verificar, para que a prática médica e o tratamento do doente seja realizada  de acordo com a “Leges Artis”na sua globalidade.”

* A Dr.ª Antonieta Dias começará a colaborar semanalmente com o “Noticias do Ribatejo” onde escreverá sobre temas de saúde



publicado por Noticias do Ribatejo às 20:00
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 28 de Abril de 2012
ALMEIRIM: Banco de ajudas técnicas do concelho de Almeirim - "À disposição de quem mais precisa"


publicado por Noticias do Ribatejo às 13:16
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 27 de Abril de 2012
AZAMBUJA: Assembleia Municipal aprovou relatório de gestão e contas de 2011

Assembleia Municipal de Azambuja aprovou relatório de gestão e contas de 2011

 

A Assembleia Municipal de Azambuja, reunida no dia 26 de Abril, aprovou os documentos relativos ao exercício do ano 2011. Foram aprovados o “Relatório de Gestão e Demonstrações Financeiras Individuais de 2011”, o “Relatório de Gestão e Demonstrações Financeiras Consolidadas” e também a “Aplicação dos Resultados Líquidos do Exercício 2011”.

 

Nesta sessão, foi aprovada uma moção de rejeição à fusão dos três agrupamentos escolares do Concelho de Azambuja num único. Esta deliberação surge na sequência de idêntico parecer negativo do Conselho Municipal de Educação relativo à intenção do Ministério da Educação aplicar no Município de Azambuja a criação de um “mega-agrupamento”, integrando todo o sistema educativo concelhio. No entender dos diferentes órgãos locais, as várias dimensões do Concelho de Azambuja – geográfica, demográfica, social, económica e cultural – apresentam especificidades que justificam plenamente o atual modelo de organização com 3 agrupamentos.

 

A Assembleia aprovou, ainda, um voto de pesar pelo falecimento do Sr. Mário Gonçalves, primeiro presidente eleito da Junta de Freguesia de Maçussa.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:09
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Vinhos Quinta de Vale de Fornos, de Azambuja, conquistam 3 medalhas de prata

 

A Sociedade Agrícola Vale de Fornos (Freguesia e Concelho de Azambuja) viu três dos seus vinhos serem distinguidos com a medalha de prata no prestigiado concurso "Wine Masters Challenge – World Wine Contest 2012".

Destaque para os vinhos "Quinta Vale de Fornos - Cabernet Sauvignon Grande Escolha 2008" e "Quinta Vale de Fornos - Cabernet Sauvignon+Syrah+Castelão", que foram reconhecidos, pelo segundo ano consecutivo, como vinhos de uma qualidade superior.

Por seu lado, pela primeira vez, o vinho "Quinta Vale de Fornos Syrah 2007" alcançou a tão almejada medalha de prata.

 

Resultados como estes trazem mais uma prova de reconhecimento - nacional e internacional - ao bom trabalho desenvolvido pelos vitivinicultores do Concelho de Azambuja e aos excelentes vinhos aqui produzidos.

Entre os prémios mais recentes obtidos pelos vinhos da "Quinta Vale de Fornos", contam-se os seguintes:

 

Quinta Vale de Fornos Cabernet Sauvignon Grande Escolha 2008

PREMIUM SELECT WINE CHALLENGE 2011 e 2012 - MEDALHA DE PRATA

ASSOCIAÇÃO DOS ESCANÇÔES DE PORTUGAL - TAMBULADEIRA DE PRATA

WINE MASTERS CHALLENGE 2011 - MEDALHA DE PRATA

WINE MASTERS CHALLENGE 2012 - MEDALHA DE PRATA

INTERNATIONAL WINE CHALLENGE 2011 -  COMMENDED WINE

INTERNATIONAL WINE AND SPIRIT COMPETITION 2011 - MEDALHA DE BRONZE

 

Quinta Vale de Fornos Cabernet Sauvignon Syrah Castelão

PREMIUM SELECT WINE CHALLENGE - MEDALHA DE PRATA

ASSOCIAÇÃO DOS ESCANÇÔES DE PORTUGAL - TAMBULADEIRA DE BRONZE

WINE MASTERS CHALLENGE 2011 - MEDALHA DE PRATA

WINE MASTERS CHALLENGE 2012 - MEDALHA DE PRATA

INTERNATIONAL WINE CHALLENGE 2011 -  COMMENDED WINE

INTERNATIONAL WINE AND SPIRIT COMPETITION 2001 - MEDALHA DE BRONZE

 

Quinta Vale de Fornos Syrah 2007

WINE MASTERS CHALLENGE 2012 - MEDALHA DE PRATA

 

IM 2008

WINE MASTERS CHALLENGE 2011 - MEDALHA DE PRATA

 

Quinta Vale de Fornos Syrah 2005

WINE PASSION WISE



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:08
link do post | comentar | favorito
|

BENAVENTE: Deliberações e outros assuntos que passaram pela reunião privada da Câmara Municipal do dia 26/04/2012

Deliberações e outros assuntos que passaram pela reunião  privada  da Câmara Municipal  do dia 26/04/2012

 

PROJETO DE PORTARIA DE REESTRUTURAÇÃO DOS AGRUPAMENTOS DE CENTROS DE SAÚDE DA REGIÃO DE LISBOA E VALE DO TEJO:

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade, pronunciar-se favoravelmente sobre o projeto de Portaria de reestruturação dos Agrupamentos de Centros de Saúde da região de Lisboa e Vale do Tejo apresentado pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.

 

O Presidente explicou que “o Município de Benavente estava integrado no ACES da Lezíria e agora, de acordo com a nova proposta, em que se pretende redimensionar os Centros de Saúde, propunham que passássemos a fazer parte do ACES que integra os Municípios em que já são prestados cuidados diferenciados de saúde no Hospital Distrital de Vila Franca de Xira. Esta mudança levou a que tivéssemos que ir buscar junto da Administração Regional de Saúde algumas respostas para preocupações que dai resultaram, nomeadamente se esta mudança implicava ou não o fecho do SAP de Benavente que presta serviço aos Municípios Salvaterra e Benavente. Foi-nos dito que o SAP continuará a existir e a prestar serviço aos dois Municípios.

O Presidente fez algumas considerações sobre o facto de Benavente estar localizado numa zona de extrema, com Lisboa, Setúbal e Santarém, uma situação que tem tido consequências em termos dos cuidados primários de Saúde. “Quando éramos sub-região de Saúde de Santarém a abertura de concursos médicos era para a sub-região e eramos penalizados porque parecia que estávamos longe do local onde se abria o concurso”. A propósito, o Presidente da ARSLVT disse que poderemos vir a ganhar agora, porque os quadros que constam em anexo da proposta ao serviço dos ACES não são quadros que estejam preenchidos. Foi igualmente explicado que corresponde a mapas de pessoal que serão mais alargados quanto maior for a área geográfica e a dispersão. “Como tal, a expectativa é a de poderão existir novos médicos que acabem a sua formação que possam concorrer para o ACES para onde vamos do que para o ACES da Lezíria e por isso poderemos vir a ver preenchidas algumas das nossas vagas e necessidades.

Vamos tomar uma posição com cautelas, um parecer que considere a nossa integração no novo ACES mas na condição de se manter activo o SAP e na justa expectativa de que possamos a vir a ter preenchidas as vagas dos médicos que temos em falta, porque temos mais de 7600 cidadãos sem médico de família neste Município”, disse.

 

INAUGURAÇÃO DE DUAS ESTAÇÕES DE TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS: BARROSA E SANTO ESTEVÃO – DIA 20 DE ABRIL:

 

O Presidente informou o restante executivo que o Conselho de Administração da ÁGUAS DO RIBATEJO convidou o restante executivo para acompanhar a visita do Secretário de Estado do Ambiente e Ordenamento do Território ao Município de Benavente no dia 20 de Abril. Em causa estão as inaugurações de quatro estações de tratamento de águas residuais da AR (duas no Município de Benavente) com o programa que se transcreve:

 10h00 Receção ao Secretário de Estado do Ambiente, e convidados na Estação de Tratamento de Águas Residuais de Santo Estêvão, Rua Manuel Martins Alves, em Santo Estêvão

 10h15 Inauguração da Estação de Tratamento de Águas Residuais de Santo Estêvão (ampliada)

 11h30 Inauguração da Estação de Tratamento de Águas Residuais da Barrosa (ampliada)

 12h30 Apresentação do Plano de Investimentos da AR na sede da ÁGUAS DO RIBATEJO em Salvaterra de Magos

 13h30 Almoço com o Senhor Secretário de Estado do Ambiente, Senhores Presidentes, Diretor-Geral e entidades convidadas.

 15h30 Inauguração da Estação de Tratamento de Águas Residuais de Paço dos Negros

 17h30 Inauguração da Estação de Tratamento de Águas Residuais de Santana do Mato

 18h15 Encerramento da jornada

 

Realização da 4.ª Gala Desportiva da Barrosa – apoio:

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade, apoiar a Associação Livre dos Trabalhadores da Barrosa na realização, no próximo dia 2 de Junho, a 4.ª Gala Desportiva da Barrosa.

 

Proposta de programação DO 25 DE ABRIL PARA TODAS AS FREGUESIAS:

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade, aprovar a proposta de programação do 25 de Abril que engloba todas as Freguesias.

O programa de comemorações privilegia a participação dos grupos e coletividades existentes no concelho, levando-os a produzir espectáculos específicos para o evento. Pretendeu-se, igualmente, que aos jovens dos nossos estabelecimentos escolares, fosse dada uma visão factual dos acontecimentos geradores da Revolução dos Cravos, através da participação dos seus diretos protagonistas: os Capitães de Abril.

Os livros e os debates em torno da atual situação política/económica estão, igualmente, contemplados nesta proposta.

A vertente popular, mais abrangente, terá o seu momento alto com 2 espetáculos de folclore (1 a realizar em Porto Alto, outro em Benavente) que contarão com a presença de Grupos Internacionais, no âmbito de uma parceria estabelecida entre a CMB e o Festival Internacional de Folclore de Almeirim.

 

PROGRAMA:

 

BENAVENTE FREGUESIA

 

14 de abril

16.00 horas

Apresentação do livro “Cartografia dos Ossos”, de Domingos Lobo

Cineteatro de Benavente

 

19 de abril

Entre as 10.00 e as 12,30 horas

Colóquio com Capitão de Abril – Coronel Carlos Frias Barata

Auditório da Escola Secundária de Benavente

 

22 de abril

16.00 horas

Folclore em abril

Participação do Rancho Típico Saia Rodada e Grupos Folclóricos Internacionais

Parque 25 de Abril

 

24 de abril

21.00 horas

“Dias de Abril”, pelo Grupo de Teatro Sobre Tábuas

Cineteatro de Benavente

 

25 de abril

10.00 horas

Manhã infantil

Parque 25 de Abril

 

14,30 horas

Sessão Solene comemorativa do 38.º aniversário do 25 de Abril

Participação do Coro do Município

Paços do Concelho

 

15.00 horas

Desfile comemorativo do 25 de Abril com a participação das Coletividades da Freguesia

Deposição de flores junto à estátua dos Trabalhadores Rurais

16,00 horas

Espetáculo no Parque 25 de Abril

Participação das coletividades e associações

 

COUTADA VELHA

 

21 de abril

16.00 horas

Coro do Município

Igreja da Coutada velha

 

24 de abril

21.30 horas

Centro Social

Karaoke c/ Grupo de Baile

 

Foros da Charneca

 

Dia 21 de abril

21:00 horas

Edades – Escola de Dança Desportiva dos B.V.B.

Baile com Musik’Art

Centro Social

 

Dia 23 e 24 de abril

Torneio de Futsal

Ringue Desportivo

 

Dia 25 de abril

10:00 Horas

Final Torneio Futsal

Ringue Desportivo

15:00 horas

Torneio de Chinquilho

Torneio de Sueca

Largo das Festas

 

BARROSA FREGUESIA

 

21 de abril

16.00 horas

Hora do Conto, “Histórias de Abril”, de Eugénia Edviges

Salão da Junta de Freguesia da Barrosa

 

25 de abril

9.00 horas

Cicloturismo e caminhada

14.00 horas

Baile

15.00 horas

Campeonato de chinquilho

16.00 horas

Rancho Típico Saia Rodada

Centro Social da Barrosa

 

SANTO ESTÊVÃO FREGUESIA

 

21 de abril

16.00 horas

Apresentação do livro “Cartografia dos Ossos”, de Domingos Lobo

Biblioteca escolar/comunitária de Santo Estêvão

 

21 de abril

21.30 horas

Teatro pelo Grupo de Teatro da Sociedade Filarmónica de Santo Estêvão

Auditório da Sociedade Filarmónica de Santo Estêvão

 

22 de abril

10.00 horas

Torneio de Tiro aos Pratos

Campo de Tiro de Santo Estêvão

15.00 horas

Torneio de Tiro ao Alvo (masculino/feminino)

Campo de Tiro de Santo Estêvão

 

25 de abril

9.00 horas

XVII Passeio de Cicloturismo da freguesia de Santo Estêvão

15.30 horas

Desfile comemorativo do 25 de abril com a participação das Coletividades da Freguesia

Concentração junto à Sede da Filarmónica

16.00 horas

Espetáculo com as várias Coletividades da Freguesia

Pavilhão Gimnodesportivo

 

FOROS DE ALMADA

 

24 de abril

21.30 horas

Grupo de Sevilhanas

Baile

Centro Social de Foros de Almada

 

Dia 25 de abril

14.00 horas

Torneio de Chinquilho (masculino/feminino)

Centro Social de Foros de Almada

15.00 horas

Tiro ao Alvo (masculino/feminino)

Centro Social de Foros de Almada

16.30 horas

Jogo de Futebol (masculino/feminino)

Ringue Desportivo de Foros de Almada

 

SAMORA CORREIA FREGUESIA

 

11 de abril

21.00 horas

Sessão/debate sobre o livro “Não há alternativa”,

Com a presença de João Carlos Alvim

Biblioteca Odete e Carlos Gaspar

 

19 de abril

14.15 horas

Colóquio com o Capitão de Abril – Coronel Carlos Frias Barata

Para os alunos da EB 2, 3 Fernandes Pratas

Auditório do Palácio do Infantado

 

21 de abril

16.00 horas

Workshop de Folclore

Sociedade Filarmónica União Samorense

 

24 de abril

21.45 horas

“As Grades do Tempo”, pela Associação Teatral Revisteiros

Centro Cultural de Samora Correia

 

25 de abril

17.00 horas

Desfile comemorativo do 25 de Abril com a participação das Coletividades da Freguesia

Ruas da cidade, concentração na Praça da República

 

PORTO ALTO

 

21 de abril

21.30 horas

Folclore em abril

Participação dos ranchos da freguesia e Grupos Folclóricos Internacionais

AREPA

22 de abril

9.00 horas

Torneio de Futebol para veteranos “Taça da Amizade 2012”

Equipas participantes: - Grupo dos 20 aos 50 da AREPA

                                         - Núcleo Sportinguista de Samora Correia

                                         - Junta de Freguesia de Samora Correia

Parque de Jogos Acílio Rocha

 

 

REDE ESCOLAR 2012/2013 – INTEGRAÇÃO DE AGRUPAMENTOS ESCOLARES.

 

O executivo camarário deliberou, por maioria, com a abstenção da vereadora Ana Casquinha, transmitir opinião favorável à integração de dois Agrupamentos Escolares no Município (Samora / Porto Alto e Duarte Lopes / Escola Secundária de Benavente).

O Presidente informou o restante executivo que reuniu com o subdirector da Direcção Regional de Educação de Lisboa e foi abordado relativamente à intenção de poderem vir a ser integrados os Agrupamentos de Escolas de Samora Correia e os Agrupamentos de Escolas de Benavente. Na altura, transmitiu ao Director que lhe parecia haver ali uma situação que não considerava normal, isto é, tinha sido solicitado à Associação Nacional de Municípios que se pronunciasse relativamente a um projecto de despacho que visava este objectivo, porém a ANMP ainda não se pronunciou mas está desde já a ser feito um trabalho de integração de Agrupamentos Escolares. Foi dito que convinha ouvir os Municípios mas que não havia decisão formal sobre esta matéria ainda.

Na altura, o Presidente deixou a sua opinião de poder vir a aceitar essa integração desde que seja da vontade dos Agrupamentos Escolares. Entretanto questionou o Director se, no caso de integração, poder haver obrigatoriamente uma Comissão Administrativa provisória que integre elementos dos dois Agrupamentos. A resposta foi afirmativa.

 

O vereador Carlos Coutinho disse a propósito que criar um mega Agrupamento seria um erro tremendo, como já existem noutros Municípios com mais de 5 mil alunos. “ No nosso caso serão 4500 alunos e, nessa perspectiva, a proposta de integração de dois Agrupamentos é aceitável. Espero que seja um processo com envolvimento das partes, construído com todos para que a Escola fique a ganhar e que não seja um processo que possa violentar as pessoas”.

 

O vereador José da Avó considerou que a criação dos dois Agrupamentos será a mais consensual e adequada para todos os intervenientes, porque continuarão a ser tidas em conta as realidades de cada uma das zonas. “As partes deverão encontrar a melhor forma para suavemente fazer essa integração, e já agora que todas as experiências sejam tidas em conta para a estabilização dos Agrupamentos”.

 

A vereadora Ana Casquinha disse esperar que essa integração seja feita com toda a gente, lamentando que o processo seja apenas político e não de esclarecimento das partes. “Cumprimos do ponto de vista de alunos, não é desejável um super Agrupamento”. A vereadora lamenta que ninguém saiba se este processo tem a ver com questões meramente economicistas ou se tem a ver com outros objectivos que neste momento não se conseguem avaliar.

Considerou que deveria haver mais esclarecimento. “Sabe-se que não é fácil gerir um conjunto alargado de escolas, porque cada pessoa tem a sua forma de trabalhar, são realidades diferentes e vários graus de ensino. Nos dias de hoje, quando há Escolas que vivem momentos económicos complicados onde nem há autorização para os professores tirarem fotocópias, não entendo se está em causa a melhoria do sistema de ensino ou vantagens economicistas onde se espera aumentar o número de alunos por turma, ou despedir professores. A vereadora optou pela abstenção.

 

O Presidente disse a propósito que, de facto, no despacho conjunto fala na justificação para tudo menos na medida que, sabemos, será determinante para a integração de Agrupamentos e que é a questão economicista. “Essa palavra não consta do documento”, frisou.

Há alguns anos dizia-se que o ideal seriam 2000 alunos para a constituição de um Agrupamento, neste momento há Agrupamentos que estão a ser constituídos com mais de 3000 alunos, como o caso de Almeirim, aqui próximo de nós, e que aponta para a integração de todos os Agrupamentos.

Segundo o Presidente “a nossa expectativa é a de que a Comissão Administrativa passe a ter 4 elementos, para que o processo de integração embora seja economicista não seja tão economicista quanto pode parecer. Considero bem mais grave que tenhamos conquistado a diminuição de alunos por turma, e estarmos agora a perder essa conquista importante. É uma medida muito má para o processo de aprendizagem e para o ensino de qualidade. Não é uma questão menor ter 23 alunos e passar a ter 30”, concluiu.

 

Biblioteca Municipal de Benavente – Doação Bibliográfica de Felicidade Buus

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade, aceitar a doação de parte da Biblioteca de Axel Buus, embaixador da Dinamarca em Portugal desde 1985. Após a sua morte, a Biblioteca Municipal foi contactada pela sua viúva com o objetivo de doar a esta instituição parte da Biblioteca de seu marido.

Axel foi aposentado do serviço diplomático em 1991, após 35 anos na diplomacia dinamarquesa. Após a sua aposentação, optou por ficar em Portugal. No seu percurso de vida, que também passou por terras de Benavente, Axel Buus foi construindo uma considerável Biblioteca que integra títulos de diversas áreas do conhecimento.

Assim, depois de contactar com a referida coleção bibliográfica, e de se considerar de interesse para o crescimento do nosso catálogo concelhio propõe-se que esta doação, que ronda os trezentos exemplares, seja integrada na Biblioteca Municipal de Benavente, e que fique disponível, nesta Biblioteca, para empréstimo domiciliário.

 

PROPOSTA DE DECLARAÇÃO DA TAUROMAQUIA COMO PATRIMÓNIO IMATERIAL:

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade, aprovar a proposta de Declaração da Tauromaquia como Património Imaterial do Município. O texto que será entregue à UNESCO foi fundamentado de forma muito precisa, fruto de um trabalho de pesquisa exaustivo, fazendo uso de várias actas de reuniões de Câmara do séc. XVI. Um texto que passamos a transcrever:

 

“Numa região geograficamente marcada por lezírias e charnecas, a relação do homem com o animal, nomeadamente, bovino e cavalar foi ao longo dos séculos muito próxima e de natureza quase simbiótica, fazendo reunir aspetos tão complementares como o trabalho e o divertimento.

 

O Município de Benavente, assumindo tradicionalmente uma vertente rural evidenciou em termos de economia agrária uma predominância clara na produção de gado, onde o toiro desempenhou um papel fundamental na execução dos trabalhos agrícolas, apresentando-se ao mesmo tempo como o elemento de referência obrigatória em qualquer festa tradicional. Desta intensa relação surge a expressão do toiro na lide e do boi da terra, uma vez que se o trabalho agrícola dependia da força destes animais, decorrida a tourada iniciava-se um complexo processo de amansia que culminava com o jogo da charrua. 

 

São inúmeras as referências presentes na documentação do Arquivo Histórico do Município de Benavente, que nos evidenciam estes factos, como exemplo, no livro “Subsídios para a História Benaventina do Século XVI” – (Sumários de um Livro de Atas da Câmara de 1559 a 1564), quando a Câmara propõe a aquisição de um “chão na Amoreira defronte donde fazem os celeiros, para neles se fazer a praça e o curro” (26 abril de 1560). Também no decorrer de todas as festas tradicionais assinaladas no Município encontramos, desde sempre, registos de manifestações taurinas com ampla participação popular. São abundantes as referências de serem corridos toiros nos dias das Festas do Espírito Santo que se realizavam desde o século XIV e que culminavam, no último dia da festa, com um bodo em que se distribuía pela população a carne do animal (Livro dos Acórdãos da Confraria do Espírito Santo, 1563).

 

No entanto, a estas manifestações lúdicas, não podemos desassociar o extenuante trabalho exigido no processo da criação do toiro bravo protagonizado pelo campino, figura central na identidade cultural deste território.

Os elementos “touro bravo” e “cavalo” sempre se destacaram na tradição campestre ou rural destas populações, estando profundamente enraizados nos usos, costumes, expressões linguísticas, nas festas locais e no quotidiano social, e ainda hoje continuam a afirmar-se como um património da maior relevância para este concelho.

 

Considerando que:

1. A Unesco – Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura aprovou, em 2003, a Convenção para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial, que foi ratificada pela República Portuguesa em 26 de março de 2008 e cujo objetivo é salvaguardar o património cultural imaterial e fomentar o respeito pelo património cultural das comunidades, dos grupos e dos indivíduos.

2. A Convenção reconhece que as comunidades, os grupos e os indivíduos desempenharam um papel importante na produção, salvaguarda, manutenção e recriação do património cultural imaterial, contribuindo, desse modo, para o enriquecimento da diversidade cultural e da criatividade humana.

3. Por outro lado, a Constituição da República Portuguesa dispõe, no seu artigo 78.º, que incumbe ao Estado promover a salvaguarda e a valorização do património cultural, tornando-o elemento vivificador da identidade cultural comum.

4. Com efeito, é tarefa mas também dever do poder central e local reconhecer, salvaguardar e valorizar as diferentes expressões culturais existentes por todo o País, não se confundindo tal tarefa ou dever com a criação, por parte do Estado de novas ou diferentes manifestações culturais, nem com imposições de umas em detrimento de outras.

5. A Tauromaquia é, indiscutivelmente e nas suas diversas manifestações, parte integrante do património da cultura portuguesa, remontando as suas origens bem para lá das origens da portugalidade.

6. A Tauromaquia e, em particular, as manifestações populares como as entradas, picarias e largadas de toiros bem como a criação do toiro de lide e do cavalo de toureio assumem, no município de Benavente, uma relevante importância cultural, social e económica.

7. É inegável que, neste concelho, as tauromaquias populares e de praça fazem parte dos costumes das gentes, sendo que as Festas no Município, das quais é indissociável o Toiro de Lide e tudo o que o rodeia, constituem a maior manifestação de comunidade e dos laços interpessoais e geracionais que a constituem, contribuindo assim para a criação e para a manutenção de um elemento vivificador comum.

8. Por outro lado, a Tauromaquia fomenta, de sobremaneira, o desenvolvimento turístico do Município de Benavente, permitindo difundir a cultura, promover valores, costumes e tradições, adquirindo assim um inestimável valor para os Munícipes. Na verdade, graças à Tauromaquia, concentram-se nas manifestações desta natureza milhares de pessoas, com o consequente efeito de disseminação das nossas mais-valias enquanto concelho que, uma vez conhecidas sofrem um efeito multiplicador apreciável.

9. Ademais, a Tauromaquia gera, para o Município e para os Munícipes do concelho, importantes benefícios económicos, traduzidos num forte e intenso intercâmbio comercial que dinamiza toda a região.

10. O Município de Benavente devido às suas características naturais muito favoráveis permite que neste território ocorra a maior concentração de ganadarias e coudelarias do país. De referir que esta é reconhecidamente uma tradição secular na área deste município evidenciado até pelo existência já no século XVI de uma ganadaria da Santa Casa da Misericórdia de Benavente.

11. Finalmente, e não menos importante, a Tauromaquia, em particular a criação do Toiro de Lide e do Cavalo Lusitano, contribuem para um desenvolvimento ambiental sustentável, resguardando relevantes áreas naturais da expansão urbana e da agricultura intensiva, permitindo assim que nesses espaços se desenvolvam também, e de forma protegida, inúmeras espécies de fauna e flora.

Deste modo, o ecossistema do Toiro e do Cavalo constitui assim um exemplo a seguir e um dos últimos redutos onde o interesse do Homem é consonante com o interesse ambiental.

(…)

A Tauromaquia, nas suas mais diversas manifestações, engloba um conjunto de tradições e expressões orais, de artes do espetáculo, de práticas sociais, rituais e eventos festivos, de conhecimentos e práticas relacionadas com a natureza e de aptidões ligadas ao artesanato tradicional que se encontram, desde há séculos, presentes e vivos no Município de Benavente. Como tal, e em conformidade com a Convenção para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial, ratificada por Portugal em 26 de março de 2008 e com o disposto no artigo 78.º da Constituição da República Portuguesa, decide a Câmara Municipal de Benavente reconhecer e declarar a Tauromaquia património cultural imaterial deste município”.

 

FELICITAÇÕES AO ATLETA DIOGO GANCHINHO – TRAMPOLINS:

 

O executivo camarário felicitou o atleta Diogo Ganchinho, o seu treinador e o Clube de Futebol Estevense, pela brilhante conquista do Diogo que conseguiu a qualificação para os jogos Olímpicos 2012, a decorrer em Londres, de 27 de Julho a 12 de Agosto.

 

FELICITAÇÕES À JUNTA DE FREGUESIA DE SAMORA CORREIA PELAS COMEMORAÇÕES DO FORAL:

 

O executivo camarário felicitou a Junta de Freguesia de Samora Correia pelas comemorações dos 502 anos da atribuição do Foral de Samora Correia, que decorreram sempre com muita participação. Foi mencionado de forma particular a Gala do Foral, feita com a prata da casa, com muito valor e dedicação.

 

REFORMA AUTÁRQUICA – CONSIDERAÇÕES:

 

Em resposta ao vereador José da Avó que mencionou a Reforma Autárquica e a nova Lei que deixa de fora a possibilidade de extinção de uma freguesia (Barrosa e Santo Estevão) neste Município, o Presidente lembrou que se se tivesse mantido a anterior Lei a Câmara teria de tomar uma posição num prazo de 60 dias após a respectiva aprovação, para que a Assembleia se pudesse pronunciar em tempo útil.

“A situação que resultou da grande manifestação das Freguesias realizada em Lisboa, levou o Governo a reflectir sobre a matéria tendo resolvido uma parte do problema. Há muitas freguesias no País que, conforme o previsto, irão ser extintas e em que os órgãos Autárquicos terão que se pronunciar”, disse, acrescentando: “Esta reforma Autárquica não tem a ver só com a extinção das freguesias, tem a ver com outros aspectos, como a questão do pessoal dirigente; com o sector empresarial local, e outras vertentes que podem e devem ser levadas à Câmara para que as analisemos e ponderemos as consequências para as populações e para podermos tomar posição relativamente a algumas das questões em causa”.

Será agendada para uma próxima reunião de Câmara o tema da Reforma Autárquica, a sua globalidade, ultrapassado que está este problema mais premente que era a extinção de uma das freguesias do nosso Município, ou Barrosa ou Santo Estevão”.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:05
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: Homenagem a Salgueiro Maia, almoço comemorativo e encontro de Coros marcam comemorações do 25 de Abril

Homenagem a Salgueiro Maia, almoço comemorativo e encontro de Coros marcam comemorações do 25 de Abril


Salgueiro Maia foi homenageado no dia 25 de Abril, por todos os vereadores do Executivo e membros da Assembleia Municipal, pela Comissão das Comemorações Populares do 25 de Abril, pela Associação dos Oficiais das Forças Armadas, familiares, amigos e populares que se associaram à cerimónia, depois do tradicional almoço comemorativo, que teve lugar na antiga Escola Prática de Cavalaria, futura Escola Prática do Conhecimento, que juntou cerca de duas centenas de pessoas.

Apesar da intempérie que assolou Santarém, Francisco Moita Flores, Presidente da Câmara de Santarém, José Raimundo Noras e Maria da Purificação Nunes, representantes da Comissão das Comemorações Populares do 25 de Abril e o Capitão Tenente Carlos Rodrigues Marques, Vice-Presidente da Associação dos Oficiais das Forças Armadas - AOFA, prestaram a sua homenagem ao Capitão de Abril.

José Raimundo Noras leu o poema “SONETO IMPERFEITO DA CAMINHADA PERFEITA” de Sidónio Muralha, do livro “Poemas de Abril, Maria da Purificação Nunes, leu um poema da sua autoria, a Salgueiro Maia.

Carlos Rodrigues Marques, aludiu a importância que a Associação dos Oficiais das Forças Armadas, deu “em estar aqui hoje, na homenagem a um camarada que incorpora os valores, as qualidades e as convicções de todos quantos perfilham pela construção de um mundo melhor, mais justo e harmonioso”, acrescentando “uma palavra de apreço e de especial saudação às gentes Scalabitanas pela participação que prestam às comemorações de um dia que preserva o espírito da Liberdade, do pensamento livre dos portugueses, do humanismo e do entendimento e convivência coletiva, bem como de destacar o acolhimento que colocaram na edificação de um monumento de elevada carga simbólica a que todos deve honrar e a que a Associação de Oficiais das Forças Armadas se une, por partilhar profundamente esse sentimento, que se fundam nos valores que acompanharam em vida Salgueiro Maia”.

O representante da AOFA acrescentou ainda que, é precisamente na figura de Salgueiro Maia que esta Associação “presta homenagem a todos os portugueses que entendem que o futuro só tem lugar se for construído numa sociedade livre, inclusiva e participativa, em que a vontade coletiva é um bem soberano. A representatividade não pode mais continuar a ser um mero exercício de fundamentações retóricas, de promessas e convencimentos, quando a prática insistentemente se contradiz”.

Francisco Moita Flores referiu que este ano “o 25 de Abril é celebrado com chuva que bastante falta nos faz, quando a seca nos ameaçava”.

O Presidente da Câmara de Santarém referiu que por todos aqueles que se associaram à homenagem “por esta romaria de esperança e de liberdade que aqui fizemos, permito-me gritar-lhe muito brevemente mas intensamente – Viva o 25 de Abril! Viva Santarém! Viva Portugal!”

A homenagem contou ainda com o “Toque Sentido” pelo Clarim da Escola Prática de Cavalaria, acompanhado por uma Secção do Regimento de Manutenção do Entroncamento, seguida de deposição de coroas de flores, da Câmara de Santarém, da Comissão das Comemorações Populares do 25 de Abril, da Associação dos Oficiais das Forças Armadas e de familiares e amigos.

A cerimónia contou ainda com a participação de um grupo de alunos, caloiros da Escola Superior de Educação de Santarém, que quiseram associar-se à homenagem a Salgueiro Maia com uma representação, alusiva ao tema da Revolução “RevolucionESES”.

Os alunos interpretaram canções da Revolução, adaptadas aos dias de hoje, de modo a vivificar o 25 de Abril como um símbolo de mudança, em que a revolução estudantil é representada no desfile, relacionada com a privatização do acesso ao Ensino Superior devido ao aumento de propinas.

O grupo envergava roupas evocativas da época, de diferentes profissões, e grupos sociais e figuras do Estado, nomeadamente, soldados, povo, PIDE - Polícia Internacional e de Defesa do Estado, Salgueiro Maia, Marcelo Caetano, Salazar, Ministro da Educação – Nuno Crato, interpretando músicas de Zeca Afonso  – “Grândola Vila Morena”, “O Que Faz Falta” e “Venham Mais Cinco” e “Doctor, Doctor” de  Robert Palmer.

As comemorações prosseguiram com o XXXVII Encontro de Coros, na Igreja da Graça, organizado pelos Coros Infantil e Adulto do Círculo Cultural Scalabitano, que este ano contou com a participação do Coral Vila Forte de Alcaria de Porto de Mós, do Grupo Coral de Oliveira do Douro, para além dos Coros Infantil e Adulto do Círculo Cultural Scalabitano, numa iniciativa que pretende reforçar o gosto pela música, criando um espaço de contacto entre melómanos de todas faixas etárias e em que foram interpretados temas de José Afonso, Fernando Lopes Graça, António Matias – Maestro dos Coros Infantil e Adulto do Círculo Cultural Scalabitano, Julio Domínguez, D. Pedro de Cristo, D. Dinis, Sergei Rachmaninov, Augusto Frazão, Raul Porter e Sally Deford.

As comemorações do 38º aniversário do 25 de Abril prosseguem no dia 28 de Abril, às 17h00, com Teatro e Cinema para crianças, no Fórum Ator Mário Viegas - Centro Cultural Regional de Santarém, pelo Teatrinho de Santarém.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:04
link do post | comentar | favorito
|

FERREIRA DO ZEZÊRE: Festival Gastronómico da Fava aumenta número de Restaurantes Aderentes

O sucesso inquestionável dos festivais gastronómicos que marcam presença no Concelho de Ferreira do Zêzere, aliado à importância de dinamizar a região na área da gastronomia, tem conduzido ao êxito na promoção do turismo. Tendo por base este fenómeno, a Câmara Municipal decidiu organizar mais uma edição do Festival Gastronómico da Fava, entre 4 a 27 de maio – sextas-feiras (apenas jantar), sábados e domingos.

Este tipo de eventos tem sido bem acolhidos por parte dos restaurantes do Concelho, dado o trabalho que na pesquisa de receitas e na seleção criteriosa da panóplia de pratos por parte dos chefes de cozinha. Por esta razão, o número de restaurantes aderentes ao festival registou um record de dez, todos eles com a preocupação de providenciar aos visitantes as melhores combinações gastronómicas.

O Presidente da Câmara Municipal, Dr. Jacinto Lopes, alega que “É necessário aliar os valores nutricionais da fava às condições favoráveis do clima e do solo da região, aglutinando todos estes fatores num festival de referência gastronómica a nível nacional que já tem evidenciado o seu sucesso junto dos visitantes.”

Se as receitas onde se pode incluir as favas são inúmeras, desde sopas, a aperitivos e pratos de acompanhamento, então a experiência de quem se deleita com esta iniciativa torna-se mais rica e inigualável. “Vai à Fava!” é um autêntico convite à delícia gastronómica.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:03
link do post | comentar | favorito
|

CARTAXO RECEBE III CONCURSO DE VINHOS ENGARRAFADOS DO TEJO

  Concurso está integrado na Festa do Vinho do Cartaxo, que certame que abre hoje as suas portas e decorre até dia 1 de maio

 

  “Subida acentuada da qualidade dos vinhos brancos” surpreende presidente do júri do concurso

 

 

O Concurso de Vinhos Engarrafados do Tejo voltou este ano a realizar-se no Cartaxo, numa altura em que a Festa do Vinho se prepara para abrir as suas portas, o que acontecerá hoje, a partir das 18h00.

 

Nos dias 26 e 27 de abril, o Centro de Promoção Vitivinícola do Museu Rural e do Vinho recebeu o júri deste concurso regional – constituído por enólogos e jornalistas especializados – que teve pela frente a apreciação dos 120 vinhos em prova, de 36 produtores.

 

Organizado pela Comissão Vitivinícola Regional do Tejo (CVR Tejo), com a parceria da Confraria Enófila Nossa Senhora do Tejo e apoio da Câmara Municipal do Cartaxo, o concurso visa premiar os melhores vinhos da região, atribuindo medalhas de excelência, ouro e prata às categorias de “Tranquilos”, “Espumantes”, “Frisantes” e “Licorosos”.

 

João Sardinha, que é presidente do júri desde a primeira edição do concurso, ficou este ano surpreendido com a qualidade dos vinhos brancos. “Comparando com os anos anteriores, achei que houve uma subida acentuada de qualidade em relação aos vinhos brancos, que me surpreendeu bastante. Quanto aos vinhos tintos, tradicionalmente têm uma qualidade mais uniforme, mais alta, e não há diferenças tão grandes”, frisou. 

 

Para o enólogo, “independentemente de haver um concurso nacional em que estes mesmos produtores também concorrem, o nosso concurso de âmbito regional é uma forma de darmos a conhecer às pessoas o que os nossos produtores andam a fazer, e a verdade é que hoje há cada vez mais interesse das pessoas em irem conhecer as marcas, as castas, conhecer os produtores, visitar as adegas. Os concursos vêm preencher esse lugarzinho que é a divulgação dos produtores”, considerou, afirmando que “os vinhos da região nunca estiveram tão bons”.

 

Para o município do Cartaxo, a realização deste concurso regional na Capital do Vinho, associado à tradicional Festa do Vinho – que arranca hoje, dia 27 de abril, e se estende até 1 de Maio –, vem complementar as dinâmicas de promoção e valorização do setor, dado o seu forte contributo para o estímulo da produção de vinhos de grande qualidade, contribuindo ao mesmo tempo para aumentar a notoriedade dos vinhos da região no mercado nacional e internacional.   

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:02
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: "Paixão Taurina", pintura de Andreia Tourais

 

“Paixão Taurina”, pintura de Andreia Tourais

Biblioteca Municipal de Azambuja, 05.Maio a 05.Junho

                                    

Inaugura, no próximo dia 05 de Maio, pelas 15h00, na Biblioteca Municipal de Azambuja, uma exposição de pintura da jovem artista Andreia Tourais. A mostra intitula-se “Paixão Taurina” e fica patente até dia 05 de Junho.

 

Andreia Tourais nasceu em 1986, em Lisboa, onde reside. Estudou Design de Ambientes no IADE, ficando ligada à pintura e ao ensino. O gosto por essa área levou-a a frequentar o mestrado, que concluiu em 2010. Contudo, a atracção pelas artes vem da infância, em que as brincadeiras favoritas não dispensavam o desenho, os pincéis e os moldes com barro. Depois, foi adquirir o conhecimento teórico e aperfeiçoar técnicas. O resultado está à vista, utilizando acrílico sobre tela, em largas impressões e cores fortes. A inspiração dos trabalhos que agora expõe vem, em parte, das suas raízes paternas, na Aldeia da Ponte. A energia de cavalos e toiros, na tradicional capeia raiana, e a tauromaquia servem de mote para alguns dos seus quadros. Além do acrílico, o currículo de Andreia Tourais apresenta já várias exposições com trabalhos a óleo, em carvão e a lápis de cor.

 

A exposição a inaugurar sábado, 05 de Maio, na sala de exposições da Biblioteca Municipal de Azambuja, poderá ser apreciada até dia 05 de Junho, de 3ª a sábado, entre as 10h30 e as 18h30. Nos dias da Feira de Maio, tem horário diferente: de 24 a 27, entre as 14h00 e as 18h00; no dia 28 (2ªfeira) o acesso fica reservado aos alunos das escolas do Concelho de Azambuja.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:59
link do post | comentar | favorito
|

abrantes: INOV.LINEA dinamiza seminário sobre licenciamento para pequenos negócios alimentares

INOV.LINEA dinamiza seminário sobre licenciamento para pequenos negócios alimentares

 

O Centro de Transferência de Tecnologia Alimentar INOV.LINEA está a preparar um seminário sobre questões de licenciamento de pequenos negócios no ramo alimentar para o próximo dia 8 de Maio, às 9h30, no auditório do Edifício INOV.POINT, no TAGUSVALLEY - Tecnopolo do Vale do Tejo (Abrantes).

Destinado a pessoas que estejam a pensar em implementar um projecto empresarial, o seminário “Como Criar Um Pequeno Negócio Alimentar” vem dar um apoio na tomada de decisão e ser uma ferramenta diferenciadora para identificar os passos a seguir e os requisitos mínimos necessários para iniciar um negócio de pequenas dimensões.

Segundo Joana Grácio, directora do INOV.LINEA, “temos sido contactados por várias pessoas que pretendem arranjar outro caminho profissional recorrendo ao sector alimentar no entanto, a ideia que a população tem das exigências para este tipo de actividade leva à desistência ou preferem não se legalizar. O que pretendemos com este seminário é desmistificar os procedimentos para legalizar actividades de transformação de alimentos”. “Actividades alimentares como fazer rissóis e bolos para venda, ou cozer tremoços e produzir compotas podem ser desenvolvidas num anexo lá de casa, desde que tenham as condições necessárias a nível de segurança alimentar e licenciamento da actividade”, explica.

Com inscrição gratuita, a conferência “Como Criar Um Pequeno Negócio Alimentar” terá o coordenador do Serviço de Fiscalização da Câmara Municipal de Abrantes a explicar que procedimentos são necessários a nível legal para o licenciamento. As técnicas de Saúde Ambiental do Agrupamento de Centros de Saúde do Zêzere (ACeS), com prática em acompanhar e realizar auditorias juntamente com a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), irão informar sobre as medidas de higiene e segurança alimentar a ter em conta. O veterinário municipal, também, apontará questões relacionadas com os produtos de origem animal.

Através desta iniciativa, o Centro de Transferência de Tecnologia Alimentar do Tecnopolo do Vale do Tejo pretende fomentar o empreendedorismo no sector alimentar, esclarecendo todos os participantes nesta matéria e, assim, contribuir para o aumento da qualidade de produção e ajudar na melhoria da competitividade do sector.

Os interessados em participar no seminário devem aceder ao sítio na Internet do TAGUSVALLEY (www.tagusvalley.pt) e preencher a inscrição on-line.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:24
link do post | comentar | favorito
|

TORRES NOVAS: Conferência: D. João II // Uma história de governação


publicado por Noticias do Ribatejo às 13:07
link do post | comentar | favorito
|

CARTAXO: CORRIDAS DA LIBERDADE

Cerca de 300 crianças e jovens participaram nesta iniciativa comemorativa do Dia da Liberdade

 

 

Mais uma vez, as Corridas da Liberdade encheram o Estádio Municipal do Cartaxo na manhã do dia 25 de abril.

 

Integradas nas comemorações do 38.º aniversário da Revolução dos Cravos, esta iniciativa, organizada pela Câmara Municipal, envolveu cerca de três centenas de crianças e jovens a correr nas pistas de atletismo do Estádio.

 

Mais do que a procura dos primeiros lugares nas provas dos vários escalões, é o convívio que se sobrepõe nesta iniciativa, associada aos benefícios da prática de exercício físico.

 

Como vem sendo habitual, o atleta Rui Silva, natural do concelho do Cartaxo, fez também questão de marcar presença nas Corridas da Liberdade.

 

 

CLASSIFICAÇÃO FINAL

 

MINI-MINIS

Masculinos

Femininos

1º - Simão Nunes

1º - Leonor Pereira

2º - Duarte Gaspar Ferreira

2º - Patrícia Santos

3º - Tomás Ribeiro Almeida

3º - Maria Silva Nogueira

 

MINIS

Masculinos

Femininos

1º - Tomás Miranda Santos

1º - Beatriz Duarte

2º - Afonso C. Machado

2º - Daniela F. Carvalho

3º - Rodrigo Silva

3º - Patrícia Duarte

 

ESCOLINHAS

Masculinos

Femininos

1º - Bernardo Coelho

1º - Maria Inês Messias

2º - Bernardo Duarte

2º - Carlota Franco

3º - Rodrigo Fernandes

3º - Teresa Abade

 

BENJAMINS

Masculinos

Femininos

1º - Pedro Miguel Carvalho

1º - Rita Mayer Miranda

2º - Valério Ferreira

2º - Vanessa Filipa Torres

3º - Duarte Silva Nogueira

3º - Carolina Valada Oliveira

 

INFANTIS

Masculinos

Femininos

1º - Pedro Santos

1º - Patrícia Silva

2º - Marcos Fidalgo

2º - Bárbara Bento

3º - Mateus Pargana

3º - Mariana Franco

 

INICIADOS

Masculinos

Femininos

1º - Pedro Nunes

------

2º - Duarte Vidais

------

3º - Miguel Silva

------

 

PAIS / MÃES

1º - Emanuel Serrazina

1º - Suzie Silva

2º - António Correia

2º - Maria de La Salete

3º - Luís Filipe Nunes

3º - Sónia Madeira

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:04
link do post | comentar | favorito
|

CARTAXO: Vítor Neno na 43.ª Conversa na Taberna

No dia em que se assinalou o 38.º aniversário da Revolução dos Cravos, a Taberna do Museu Rural e do Vinho do Concelho do Cartaxo foi palco de uma conversa onde, sob a despectiva de um ex-militar e atualmente fotógrafo, se fez um “zoom” ao passado e se retratou histórias de uma vida em que os desafios significam oportunidades.

 

 

Terá Vítor Neno um olhar “mais focado” sobre a realidade que o rodeia? Será que o quotidiano lhe passa hoje menos indiferente? Uma coisa é certa, foi graças à fotografia que passou a dar uma atenção especial aos pormenores, a ver as coisas de uma forma “mais real”, a viver a intensidade de cada momento, a ser mais comunicativo até.

 

Não é por acaso que a máquina fotográfica passou a ser “uma extensão do seu braço”, que por sua vez “é uma extensão do seu cérebro”. Foi algo que entrou na sua vida, que a transformou e que teima em não largar.

 

Mas não foi somente para falar da atividade profissional que lhe deu notoriedade que foi convidado para as Conversas na Taberna. Foi sobretudo para contar o que o levou em jovem a dar-se como voluntário para os Comandos e que mais-valia retirou da carreira de militar, precisamente num dia que traz à memória o momento em que os Capitães de Abril conquistaram a tão sonhada Liberdade.

 

Vítor Neno tinha 6 anos quando aconteceu a Revolução dos Cravos. Nasceu nos Casais de Baixo (Azambuja), mas passou toda a infância em Vale da Pedra (Cartaxo), para onde foi viver com os pais quando tinha apenas um ano e meio de idade.

 

Das suas recordações de menino, vêm-lhe à memória os momentos passados no Jardim de Infância do Cartaxo. Da adolescência, guarda as boas vivências da escola. “Se o Cartaxo é hoje um local aprazível, há 30 anos era ainda melhor, mais calmo e tranquilo”.

 

Assim cresceu, com o desporto a fazer parte do seu desenvolvimento físico e social. Aos 13 anos começou a praticar futebol no Sport Lisboa e Cartaxo e mais tarde passou pelo Estrela Futebol Clube Ouriquense.

 

O tamanho dos desafios aumentava à medida que alargava os seus horizontes. E com 18 anos, decidiu oferecer-se para os Comandos. Foram quatro meses e meio de curso intensivo no Quartel de Santa Margarida, mais um ano integrado em companhias operacionais.

 

“Foi um momento extremamente importante da minha vida. A tropa foi uma autêntica escola, acima de tudo uma escola de camaradagem”. A exigência física e psicológica “era extrema”, é certo, mas a solidariedade, a disciplina e o bem-estar eram também cultivados como valores essenciais.

 

Havia um lado em que era exigido que se levasse “o estado físico e psicológico ao limite”. Havia outro que proporcionava um saudável convívio entre os militares, que nascia desde as tarefas mais simples aos mais complexos exercícios. Ao mesmo tempo, eram um exemplo de autossuficiência.

 

Transportou esses valores para a sua vida. Somou-lhes a liberdade, cujo conceito tem-se tornado depreciativo. “Tenho pena de sentir que muitas pessoas não fazem a mínima ideia do que é a liberdade. Lamento muito ver que o conceito tem evoluído mais no sentido da libertinagem do que da liberdade em si”.

 

Para essa “evolução negativa” tem contribuído “a falta de cultura”, o facto das pessoas “serem pequeninas”. “Eu adoro Portugal, mas se pudesse colocava-o por uns tempos no centro da Europa e dava-lhe um banho de cultura. Depois voltava a pô-lo no mesmo sítio”.

 

Muito do que sabe hoje, aprendeu com os outros. Uma outra parte, foi o resultado das suas próprias descobertas, movido por uma grande curiosidade e espírito criativo.

 

Foi assim que, após ter desempenhado as funções de inspetor de qualidade nas oficinas da OGMA – Indústria Aeronáutica de Portugal, nasceu o gosto pela fotografia. O seu amigo Almeida foi, em parte, responsável por isso. Se ele não lhe tivesse emprestado um livro de iniciação à fotografia, quem sabe se Vítor Neno não teria seguido outro caminho.

 

Daí até comprar a sua primeira máquina fotográfica compacta foi um passo, tão grande como aquele que deu depois para a primeira máquina manual e, seguidamente, para a fotografia digital.

 

“Fiz o primeiro rolo a pensar que ia ser o melhor fotógrafo do mundo. Mas quando vi o resultado, deu-me vontade de atirar a máquina contra a parede. Mas senti-me picado com isso e comecei na competição com a máquina. E venci”.

 

A fotografia surgiu-lhe assim como uma área que poderia explorar e na qual sentia desejo de se profissionalizar. Assim foi. Apostando todo o seu empenho, começou por fazer fotografia social e logo de seguida enveredou pelo fotojornalismo.

 

Começou no jornal A Vida Ribatejana, em Vila Franca de Xira, e a partir daí nunca mais parou de fotografar, tendo já trabalhado para várias publicações desportivas, de moda, de saúde ou de arquitetura. Hoje dá também aulas na escola na qual um dia sonhou tirar um curso – na Oficina da Imagem.

 

Nos últimos anos, raro deverá ter sido o evento que aconteceu no concelho do Cartaxo que não tenha sido “captado” por Vítor Neno. Por isso, sempre que se sente o disparar de um flash, há sempre quem procure esta figura “grande e corpulenta” – mas com um ar descontraído e simpático – com a sua inseparável máquina fotográfica ao peito



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:03
link do post | comentar | favorito
|

Vila Franca de Xira:Exposição de Automóveis e motociclos clássicos

São cerca de 60 os veículos que podem ser apreciados no pavilhão multiusos da cidade, de hoje, 27 de abril, a 1 de maio, terça-feira. O mais antigo automóvel é um Buik de 1909. A par dele podem também ser encontrados desde os Mini até aos Rolls Royce e Porsche, passando por outras carismáticas marcas.

 

É a segunda edição do Salão,  cujo programa, aproveitando as potencialidades do espaço, inclui uma conferência com o piloto campeão de todo o terreno, Rui Sousa, no dia 1 de maio, pelas 15h00. Destaques do evento são ainda a exposição de LEGO da Associação Portuguesa do Brinquedo em Construção, o stand de vendas de miniaturas automóveis, ou a exposição de fotografia “O carro da minha infância”, com imagens que particulares gentilmente cederam para o efeito e que marcaram de forma positiva a infância de pessoas nascidas até 1970.

 

De sublinhar ainda as presenças da GNR e PSP no âmbito do programa integrado de policiamento de proximidade onde se inclui o programa “Escola Segura”, dos Bombeiros Voluntários de Vila F. Xira (com equipamento clássico de socorro), o funcionamento de uma escolinha de trânsito para os mais pequenos ou o simulador de eco-condução (condução ecológica).

 

São assim cinco dias em que os amantes e simpatizantes do mundo automóvel e motorizado terão oportunidade de usufruir de um programa variado, que a Câmara Municipal pretende que venha a proporcionar bons momentos aos visitantes.



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:01
link do post | comentar | favorito
|

CARTAXO: COMEMORAÇÕES DO 25 DE ABRIL NO CARTAXO

§  Eleitos na Assembleia Municipal discursaram na Sessão Solene do Dia da Liberdade

 

§  Paulo Varanda mostrou-se preocupado com a realidade atual, mas garante que a autarquia está determinada a ultrapassar as dificuldades


 

O 25 de Abril foi comemorado no Cartaxo com várias iniciativas que envolveram os autarcas e a comunidade. As comemorações tiveram início junto aos Paços do Concelho, onde foi hasteada a bandeira nacional ao som da Fanfarra dos Bombeiros Municipais, seguindo-se um desfile em viaturas do corpo de Bombeiros.

 

O Salão Nobre acolheu depois uma cerimónia, aberta a todos os munícipes, onde intervieram as diferentes forças políticas representadas na Assembleia Municipal, assim como o presidente deste órgão e o presidente do Município. O programa de comemorações envolveu ainda as Corridas da Liberdade, no Estádio Municipal, e as Conversas na Taberna, no Museu Rural e do Vinho do Concelho do Cartaxo.

 

Fernando Santos, presidente da Assembleia Municipal, abriu a sessão solene do 25 de Abril. Evocando as principais conquistas alcançadas com a Revolução dos Cravos, afirmou que “o 25 de Abril permitiu criar um municipalismo riquíssimo”, que por sua vez permitiu criar “uma resposta mais qualificada” para as necessidades das populações.

 

Preocupado com a situação atual do país – sobretudo com o desemprego –, o presidente da Assembleia Municipal dirigiu uma palavra de incentivo aos jovens, para que acreditem no futuro, e outra aos empresários, para que “criem estabilidade e riqueza”.

 

Paulo Varanda apelou à participação de todos para ultrapassar os tempos difíceis

 

Para o presidente da Câmara Municipal, Paulo Varanda, ao longo dos últimos tempos algumas das conquistas de Abril “têm perdido significado”, sobretudo em áreas como a educação, “que não é para todos”, ou o emprego, em que “ganhar o suficiente para viver condignamente é um privilégio de poucos, formar um lar e constituir família é quase proibido à maioria dos jovens”.

 

A “crise global sem precedentes” – sendo Portugal um dos países que está “no olho desse furacão” – tem transformado a vida dos portugueses e das autarquias, que se encontram hoje de “mãos atadas”, dado que “do Governo temos a promessa de ajuda financeira para ultrapassar situações difíceis, mas a promessa tarda em ser cumprida”, afirmou Paulo Varanda.

 

Problemas como a diminuição de receitas decorrente do abrandamento da economia, o aumento dos encargos sociais, a redução do Fundo de Equilíbrio Financeiro, a retenção de valores por parte do Estado constituem “enormes obstáculos a uma ação autárquica mais eficaz, mais célere, mais satisfatória para os munícipes”, acrescentou, reconhecendo que “os munícipes do concelho do Cartaxo têm motivos para estar insatisfeitos”, porque viram alguns projetos adiados e alguns procedimentos atrasados.

 

“Para quem está habituado a um bom ritmo de execução autárquica e a um alto nível de satisfação de compromissos, conviver com a atual situação não é fácil”, constatou o autarca.

 

Paulo Varanda dirigiu ainda um apelo aos políticos locais: “independentemente da intensidade da luta política, é nesse plano que ela deve travar-se, no plano político. E nunca no plano pessoal”. À população, apelou para que se mantenha participativa em todos os processos públicos.

 

Da parte dos elementos do executivo, garantiu estarem “determinados em ultrapassar as dificuldades”. Apoiar mais o associativismo, colocar os meios logísticos e estruturas da autarquia ainda mais ao serviço da população, criar um novo plano de trânsito mais satisfatório no centro da cidade – que passará pela abertura de um processo de consulta pública à população, pela consulta às entidades envolvidas no processo e apresentação de um novo plano de circulação automóvel –, rever o plano de sinalética e entrega dos espaços comerciais do Parque Central e do parque de estacionamento subterrâneo à cidade estão entre as principais prioridades da autarquia.

 

Eleitos na Assembleia Municipal evocaram os valores de Abril

 

Em representação da bancada do PS, Ana Rita Rodrigues fez referência à crise atual, mostrando-se otimista quanto ao futuro do país, até porque “o povo português, ao longo da sua história, tem dado provas da sua persistência” e “é na adversidade que nos fortalecemos”, considerou.

 

Para ultrapassar os desafios que atualmente se colocam, “é fundamental o envolvimento de todos”, defendeu, apelando a que se tornem “ativos de qualidade”, porque “só com um povo instruído, envolvido na causa pública, é que se consegue uma democracia de melhor qualidade”.

 

Para Paulo Mota, do PSD, “se a principal conquista de Abril foi inquestionavelmente a liberdade, então o poder autárquico democraticamente eleito é seguramente uma das suas maiores vitórias”.

 

Ao longo dos anos, várias mudanças foram-se verificando ao nível do poder local, que hoje está assente “num novo paradigma”, considerou, afirmando que “é necessário uma nova geração de autarcas, com competência e capacidade redobradas, abertos à participação comunitária, em conjunto com uma visão humanista e solidária do desenvolvimento local”. 

 

Carlos Mota deu voz à bancada da CDU. O eleito considera que “as portas que Abril abriu, têm vindo a ser fechadas ao longo destes últimos 38 anos”, tendo contribuído para isso muitas das recentes medidas tomadas pelo atual Governo.

 

Com um país a atravessar uma grave crise económico-financeira, a CDU considera que o principal problema da economia é haver “poucos empresários e um número excessivo de patrões”. Da mesma forma “a criatividade e a força inovadora da juventude não estão a ser aproveitadas”, afirmou.

 

Os sonhos que conduziram os Capitães de Abril à revolução e os levaram a acreditar num Portugal melhor foram lembrados por Pedro Mendonça, do BE. Entre esses sonhos, constava “o poder local sério” ou uma sociedade guiada pelos valores da igualdade, da fraternidade ou da distribuição justa da riqueza.

 

Mas, “38 anos depois, assinalar o 25 de Abril é estar em luta”, afirmou Pedro Mendonça que, parafraseando Jorge Sena, é defensor “de uma revolução que ainda não houve”.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:59
link do post | comentar | favorito
|

RIO MAIOR: Universidade Sénior de Rio Maior assinalou o Dia da Liberdade

A Universidade Sénior de Rio Maior (USRM) assinalou, no dia 26 de abril, o Dia da Liberdade nas suas instalações com diversas atividades desenvolvidas pelos seus alunos.

 

Foi o Coro da USRM, dirigido pela diretora da instituição, Bernardete Maurício, que deu início às comemorações ao interpretar as músicas mais marcantes do “25 de Abril”, recordando autores como Zeca Afonso, Manuel Alegre e Manuel Freire.

 

Seguiu-se a atuação da Escola de Música da USRM, conduzida pelo professor Francisco, que apresentou músicas populares e que também foi acompanhado pelo Coro.

 

Após estes momentos musicais alunos, professores, funcionários, familiares, a vereadora da Ação Social, Sara Fragoso, e o vice-provedor da Santa Casa da Misericórdia, Rui Andrade, conviveram e partilharam histórias do Dia da Liberdade num lanche.

 

A terminar as comemorações, os presentes divertiram-se num baile, com o professor de dançoterapia, Rui Dellau, a realizar alguns exercícios com os alunos da USRM.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:57
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: CHALLENGER NERSANT reforça espírito de equipa dos colaboradores das empresas da região

 

A NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém, está a organizar, para os próximos dias 25 e 26 de Maio, a 16.ª edição do CHALLENGER NERSANT, que se irá realizar nos concelhos de Abrantes, Constância e Vila Nova da Barquinha.

 

 

Com o objectivo de cimentar as relações profissionais entre os colaboradores das empresas da região, a NERSANT realiza anualmente desde 1996, o CHALLENGER NERSANT, que se caracteriza-se por ser uma prova de desporto aventura que reúne, em ambiente de convívio e partilha, várias empresas da região.

 

Este ano, o evento está marcado para os dias 25 e 26 de Maio, nos concelhos de Abrantes, Constância e Vila Nova da Barquinha, contanto já com diversas empresas inscritas. A iniciativa tem como objectivo proporcionar grandes desafios e emoções aos participantes, que podem desfrutar deste ambiente de salutar competitividade entre empresas, longe do stress da rotina profissional. Desta forma, o CHELLENGER NERSANT pretende, através da prática de desportos radicais e actividades de estratégia, desenvolver nos colaboradores das empresas valores essenciais ao mundo dos negócios, como o espírito de equipa, a liderança, e a gestão do tempo.

 

Os interessados em participar nesta prova de desporto aventura, devem contactar o Departamento de Feira e Certames da NERSANT, através do número 249 839 500 ou do e-mail dfc@nersant.pt.

 

De referir que a inscrição de cada empresa terá um custo de participação de 500 euros, para uma equipa de 5 pessoas.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:56
link do post | comentar | favorito
|

ALMEIRIM: Agenda Desportiva

 

 DIA 28 | SÁB - 15h00 -   Pavilhão Desportivo Municipal na Escola Secundária Marquesa de Alorna

 

  ASSOCIAÇÃO 20 KMS DE ALMEIRIM vs VITÓRIA FUTEBOL CLUBE

 

 Iniciados Masculinos

 

  DIA 29 | DOM - 11h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal na Escola Secundária Marquesa de Alorna

 

  ASSOCIAÇÃO 20 KMS DE ALMEIRIM vs GRUPO FUNC. EMP. COMÉRCIO SANTARÉM

 

 Minis Misto

 

  DIA 29 | DOM - 15h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal na Escola Secundária Marquesa de Alorna

 

 ASSOCIAÇÃO 20 KMS DE ALMEIRIM vs CLUBE DESPORTIVO TORRES NOVAS

 

Iniciados Masculinos

 

 DIA 29 | DOM - 17h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal na Escola Secundária Marquesa de Alorna

 

 ASSOCIAÇÃO 20 KMS DE ALMEIRIM vs  CCR ALTO DO MOÍNHO

 

 Juvenis Masculinos

 

  DIA 01 | TER - 18h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal A . B. Calado - Almeirim

 

  ASSOCIAÇÃO 20 KMS DE ALMEIRIM vs ASSOCIAÇÃO ACADÉMICA COIMBRA

 

  Seniores Masculinos KARATÉ

 

  DIA 28 | SÁB - 09h00/ 18h30 – Pavilhão Desportivo dos Bombeiros Voluntários de Almeirim

 

  ESTÁGIO NACIONAL E EXAMES

 

  Shotokan Karatenomichi Portugal Associação

 

 DIA 28 | SÁB – 09h00 -  Kartódromo da Quinta da Conceição em Almeirim

 

 12 HORAS DE KARTING

 

 Kartódromo Quinta da Conceição

 

  DIA 29 | DOM - 14h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal A . B. Calado - Almeirim

 

  HÓQUEI CLUBE “OS TIGRES” vs LAGONENSE

 

  Iniciados Masculinos

 

  DIA 29 | DOM - 17h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal A . B. Calado - Almeirim

 

  HÓQUEI CLUBE “OS TIGRES” vs  A. A. ESPINHO

 

 Seniores Masculinos

 

 DIA 01 | TER - 15h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal A . B. Calado - Almeirim

 

  HÓQUEI CLUBE “OS TIGRES” vs HÓQUEI CLUBE LOURINHÃ

 

  Bambis Masculinos

 

DIA 28 | SÁB – 09h00 – Parque Desportivo Municipal Almeirim – Campo Sintético Futebol 7

 

  VI TORNEIO PROF. JOSÉ PESEIRO

 

  Footkar t– Escola Futebol e K. Associação

 

 DIA 28 | SÁB – 11h00 – Parque Desportivo Municipal Almeirim – Campo Sintético Futebol 7

 

  FOOTKART – ESCOLA FUTEBOL E K. ASSOCIAÇÃO vs UNIÃO FUTEBOL CLUBE ALMEIRIM

 

  Sub- 11 A Masculinos

 

 DIA 29 | DOM – 09h00 – Parque Desportivo Municipal Almeirim – Campo Sintético Futebol 7

 

  VI TORNEIO PROF. JOSÉ PESEIRO

 

 Footkart– Escola Futebol e K. Associação

 

 DIA 28 | SÁB – 16h00 – Complexo Desportivo Prof. Sousa Gomes – Fazendas Almeirim

 

  ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA FAZENDENSE vs CLUBE DESPORTIVO AMIENSE

 

  Juniores Masculinos

 

 DIA 29 | DOM – 10h30 – Complexo Desportivo Prof. Sousa Gomes – Fazendas Almeirim

 

  ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA FAZENDENSE vs SPORT LISBOA E CARTAXO

 

  Juvenis Masculinos 

 

DIA 29 | DOM – 10h30 – Campo Futebol da Associação Desportiva Cult. Rec. Paço dos Negros

 

  FOOTKART – ESCOLA FUTEBOL E K. ASSOCIAÇÃO vs SAMORA CORREIA

 

  Juvenis Masculinos


 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:51
link do post | comentar | favorito
|

ABRANTES: ACTIVIDADES DA PRAÇA DOS SABORES – ABRIL

ACTIVIDADES DA PRAÇA DOS SABORES – ABRIL


De 2 de Maio a 1 de Junho - EPDRA MORANGOS.COME

A Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Abrantes irá dinamizar um conjunto de workshops, uma exposição, degustação e comercialização à volta do produto hortofrutícola morango. Este evento, que irá decorrer no Mercado Criativo de Abrantes, sempre pelas 16h, conta com o apoio da TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior e da Câmara Municipal de Abrantes. Programa e inscrições em www.epdra.pt.

 

Até 5 de Maio – CABAZES DE TODAS AS CORES E SABORES – DIA DA MÃE

A Praça dos Sabores, no Mercado Criativo de Abrantes (antigo Mercado Municipal) sugere três pequenas lembranças com produtos locais a preços acessíveis para o Dia da Mãe. Encomendas através do telemóvel 91 055 93 05.

 

11 de Maio - SABORES EM CENA E VAMOS JANTAR FORA

Durante o Vamos Jantar Fora, o jantar low-cost de dia 11.MAI., na Praça dos Sabores (Mercado Criativo de Abrantes) serão projectados pequenos documentários sobre a temática do vinho. O Vamos Jantar Fora é um evento com um conceito original em se convida as pessoas a trazerem o prato principal ao jantar e a Praça dos Sabores sugere as entradas e as bebidas. Deve ser efectuada a reserva da mesa através do email pracasaboresabresntes@gmail.com ou através do telemóvel 91 055 93 05.

 

 

25 de Maio – MERENDAS COM PERSONALIDADE

Todos os meses a Praça dos Sabores convida uma personalidade com ligação ao Ribatejo Interior a vir ao Mercado Criativo de Abrantes preparar um petisco para os participantes com produtos locais e hortofrutícolas do núcleo do Ribatejo Interior do PROVE. Este mês a personalidade será relacionada com a escultura. Nesta iniciativa que é limitada a 50 pessoas é aconselhada a marcação da merenda através do telemóvel 91 055 93 05.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:48
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


21

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

...

NERSANT em Marrocos a pro...

MASTODONTE no Teatro Sá d...

ATLETISMO DE PONTÉVEL REC...

FADO SOLIDÁRIO COM A CRUZ...

XXVIII TRAVESSIA DOS TEMP...

Quinta do Bill comemora 3...

Inscrições para a Univers...

CARTAXO ELEGEU REI E RAIN...

Festival Bike: A grande f...

arquivos

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds