NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Sábado, 30 de Junho de 2012
ALPIARÇA: Vanda Nunes: “Uma carta fora do Baralho”
O PS/Alpiarça e o movimento cívico “Alpiarça é a Razão” ao considerar Vanda Nunes como uma “carta fora do baralho”, isto é: não ser candidata a presidente da Câmara nas próximas eleições autárquicas é um grande “disparate” que está a fazer e os “disparates” costumam-se pagar bem caros.

Vanda Nunes tem formação académica, foi vereadora e nos poucos meses que exerceu o cargo de presidente da Câmara, por Rosa do Céu ter abandonado a autarquia, demonstrou que é uma pessoa com qualidades, com visão, uma óptima “relações públicas”, que sabe onde pode chegar como o que quer e como sabe daquilo que Alpiarça bem precisa.

Apenas tem o “senão” da sua vaidade pessoal.

Mas qual a mulher que não é vaidosa e que não gosta de ser elogiada pelo que faz?

 Vanda Nunes nos poucos meses que foi presidente da Câmara conseguiu acabar alguns projectos vindo do mandato de Rosa do Céu como iniciou alguns.

O PS/Alpiarça ter trocado a sua candidatura por Sónia Sanfona. saiu bem caro aos socialistas  por causa da  derrota que  a ex-governadora civil sofreu.

 Das duas, se alguma era capaz fazer com que Alpiarça saísse do marasmo em que se encontra seria Vanda Nunes não desprestigiando Sónia Sanfona que enquanto governadora fez muito trabalho e algum com destaque.

Repetir o erro nas próximas eleições, deixando Vanda Nunes de fora, porque precisa “de estar "mais madura" em termos de ideias politicas” é de tamanha “ignorância”.

O PS/Alpiarça ainda está a tempo de emendar o “erro”!

Se não o fizer cá estaremos para ver quem tem razão.

Sabendo-se desde já que: António Moreira e Rosa do Céu também estão excluídos de serem “fortes candidatos” supostamente a porta fica aberta para Sónia Sanfona.

A não ser Vanda Nunes  dificilmente o “Alpiarça é a Razão” terá ou encontrará outro/a candidato/a com o carisma de Vanda Nunes.

 

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:50
link do post | comentar | favorito
|

ALMEIRIM: Agenda Desportiva

 DIA 30 | SÁB - 11h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal A . B. Calado - Almeirim

 HÓQUEI CLUBE “OS TIGRES” vs B.I.R.

  Escolares Masculinos

  DIA 01 | DOM - 17h00 -  Pavilhão Desportivo Municipal A . B. Calado - Almeirim

  HÓQUEI CLUBE “OS TIGRES” vs SPORT LISBOA E BENFICA

  Juniores Masculinos

  DIA 30 | SÁB - 09h00/ 23h00 – Pavilhão Desportivo Escola Sec. Marquesa de Alorna - Almeirim

 FESTA DE FINAL DE ÉPOCA DE ANDEBOL

  Associação 20 Kms de Almeirim – Secção Andebol



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:45
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: Ser idoso em Portugal: espero e desespero!



Por: Anabela Melão


Dados recentes revelam que cerca de metade da população portuguesa vive em situação de menor qualidade de vida. E, nalguns casos, mesmo de pobreza. Um estudo da OCDE evidencia que Portugal é um dos países onde existe maior desigualdade na distribuição do rendimento. A pergunta é se, efetivamente, há (ou não) uma co-relação entre pobreza e desigualdade. A pobreza é já, também, uma forma de exclusão social, o que significa que não existe pobreza sem exclusão social. Pese embora, o contrário não seja verdade. Existem formas de exclusão social que não implicam pobreza. O exemplo mais visível é o do isolamento social a que os idosos são remetidos, resultante não necessariamente da pobreza, mas da estrutura organizativa da sociedade, que desvaloriza o estatuto e o papel social da pessoa idosa. Mas disso falaremos outra hora. A pretexto de a economia familiar não permitir a atenção devida, opção feita entre os estudos dos filhos/netos. Ou de a harmonia familiar sair lesada com a convivência eventualmente conflituosa de gerações. Ou de, simplesmente, os filhos não terem a estrutura moral/educacional devida para devolver a dedicação prestada.

A incidência da pobreza diminui à medida que a densidade populacional aumenta, dizem os especialistas. No meio rural, a incidência de pobreza é consideravelmente maior relativamente às áreas mais urbanizadas, fator em parte devido ao elevado grau de envelhecimento populacional de algumas zonas de baixa densidade. O mundo em que vivemos depara-se com grandes problemas suscitados pelo envelhecimento populacional, desde o declínio da população ativa, ao envelhecimento da mão-de-obra, à pressão sobre os regimes de pensão e as finanças públicas, à premência de se criarem redes formais de prestação de cuidados e serviços aos idosos. Mas não esqueçamos, ainda, aliado a tudo isto, situações de maus-tratos infligidos em contexto familiar e institucional. Estudos recentes da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) apontam para uma primeira sociografia da vítima (mulher, entre os 65 e 75 anos, reformada, a residir no meio urbano) e do agressor (cônjuges, filhos do sexo masculino entre os 35-45 anos).

A definição do conceito de abuso de idosos não é consensual, nem social nem sequer juridicamente, mas é, pelo menos, certo que se trata de um comportamento destrutivo dirigido a um adulto idoso num contexto de confiança e cuja frequência (única ou regular) provoca sofrimento físico, psicológico e emocional: Para além de constituir uma séria violação dos direitos humanos. Esta é uma definição adotada pelo Conselho de Europa e pelas Nações Unidas. O conceito integra vários tipos de mau trato, do abuso físico, psicológico, material e financeiro, à negligência ativa e passiva. Todos igualmente preocupantes e reprováveis.

Os idosos tendem, na incompreensão das atitudes a que são vetados mas na tentativa de as aceitar, minimizando as expetativas de um culminar de vida com o sossego merecido, a inculcar atitudes de culpa, de baixa auto-estima, de isolamento social, de comportamentos depressivos, reforçando as suas dependências e agravando o estigma social que sentem gerado à sua volta.

Os maus-tratos às pessoas idosas são, diria que são essencialmente, um problema de Direitos Humanos. O que deve chamar a nossa atenção para essa violência, camuflada ou percetível, do dia-a-dia, explicando ao idoso que nada nem ninguém tem o direito de infligir na sua honra ou na sua pessoa qualquer tipo de destrato, negligência ou menosprezo. E denunciando à comunidade, e, sendo caso disso, às autoridades competentes, situações deste tipo.

Um país mede-se pela sua atitude para com as crianças, mas é bom que não nos esqueçamos que se mede, igualmente, pela sua atitude para com os mais velhos. A quem devemos, nada mais nada menos que a vida. Ou seja, muito do somos. A seu tempo, trataram-nos com enlevo e dedicação. Hoje, chegou a nossa vez de retribuir. É um género de justiça distributiva de afetos.

A via das políticas sociais é claramente insuficiente, importa pensar em políticas económicas que, em paralelo com as políticas redistributivas, potenciem a interrupção do ciclo persistente da vulnerabilidade e da exclusão social. Parece, a final, relativamente evidente que, em Portugal, existe uma forte relação entre desigualdade social e pobreza. A luta contra a pobreza e pela solidariedade global não pode ser travada sem primeiro se reconhecer que, independentemente dos avanços civilizacionais no desenvolvimento social e humano, a pobreza, a exclusão e as desigualdades sociais se agravaram em todo o mundo nos últimos 50 anos. Combater a pobreza e a exclusão social implica tomar consciência deste fenómeno complexo e multidimensional ponderando as principais causas que levaram à atual crise económica, financeira e social. É preciso reconhecer que a institucionalização de uma vida consumista  e sem uma orientação clara e ética da economia para as pessoas contribuiu para esta grande disparidade, agravada pela atual crise, entre muitos ricos e muito pobres, e em que os idosos estão confrontados, como nunca, com condições de subsistência não experimentadas por gerações anteriores.

Em prejuízo do princípio da transparência e da verdade, os agentes económicos, sociais e políticos acomodaram-se num comportamento aparente em que, por detrás de uma ilusória saúde de status quo, se escondia uma realidade que é, hoje e sê-lo-á, cada vez mais, uma doença crónica. Esta cedência fácil à aparência e à ilusão em nada ser viu o combate à pobreza, à exclusão e às desigualdades sociais, mas limitou-se a servir prémios de gestão e a uma redistribuição injusta do rendimento disponível, num círculo vicioso de agravamento das desigualdades sociais e da coesão económica e social.

O grande, grave, e talvez, maior, problema destes tempos críticos é ter permitido, em termos globais, que as sociedades, nomeadamente, as gerações dos tais “filhos” se endividassem face ao estímulo de um consumo incentivado pelo crédito fácil e que redundou em enormes sacrifícios para as atuais e para as gerações vindouras. Com os idosos a sofrer de permeio. Esta globalização (mercantil e não humana) agravou as desigualdades sociais, orientada numa perspetiva agressiva de mercado, e, que se tendeu – muitas vezes, conscientemente - a esquecer a pessoa humana como principal destinatária e centro principal do progresso económico e social.

Concluindo, distrairmo-nos um minuto que seja neste propósito de forte e persistente combate à pobreza e à exclusão social é já suficientemente oneroso face à dimensão quantitativa e qualitativa do fenómeno.

E a prova de que esta é uma preocupação sentida é acordar às duas da manhã para escrever estas linhas e, com o coração nas mãos, perguntar-me, como é que um animal solitário como eu acabará os seus dias numa casa em que perderá pelos cantos, de que esquecerá os recantos, e em que os livros e os seus objetos de culto serão, por fim, a sua única e certa companhia.


publicado por Noticias do Ribatejo às 11:38
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 29 de Junho de 2012
CARTAXO ATUALIZA PREÇO DA ÁGUA


      Dificuldades das famílias levam Câmara Municipal e Cartágua a optar por manter os preços ao consumidor, baixando os valores pagos pelas empresas.

 

Na reunião de Assembleia Municipal do Cartaxo, que teve lugar no dia 28 de junho, foi aprovada a atualização de preços ao consumidor do fornecimento de água e saneamento. A atualização de preços obedeceu apenas ao Índice Harmonizado de Preços ao Consumidor, sendo de 4,9%.

 

Esta atualização leva a que, por exemplo, uma família que tenha de consumo 5m3, veja a sua fatura final aumentada em apenas 0,45 euros, enquanto que se consumir 10m3, a fatura final terá um acréscimo de 0,87 euros.

 

Paulo Varanda, Presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, apresentou a proposta explicando que 80% das famílias terão um acréscimo da fatura final que não ultrapassará os 50 cêntimos afirmando que “em momentos de especial dificuldade, as instituições têm de saber estar do lado das pessoas, sem falsas demagogias e sem querer fazer o impossível, mas garantindo que este tipo de atualização é feita respeitando as imposições legais, mas pelo mínimo possível, de modo a não contribuir para a difícil situação em que a política governamental já colocou os cartaxeiros.”

 

O autarca reconheceu que “hoje, mais que nunca, todos os cêntimos contam no orçamento das famílias e das empresas. Por isso, para esta atualização foram seguidas à risca as indicações do Instituto Nacional de Estatística (INE) e da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR) conseguindo, assim, manter o sistema sustentável, mas poupando as famílias e as instituições públicas e privadas a um aumento que não podem suportar”.

 

Para Paulo Varanda a atualização permite, por um lado, manter o preço da água e do saneamento “28% abaixo da média nacional – de acordo com o valor indicado pela Ministra Assunção Cristas, enquanto se consegue, de facto, reduzir o preço para os consumidores comerciais e industriais, contribuindo para aliviar os nossos empresários, num momento em que as taxas impostas pelo Governo os têm asfixiado”.

 

A atualização de preços prevê que um estabelecimento comercial veja a sua fatura final baixar – para um consumo até 5m3, serão menos 5,28 euros e para um consumo maior de 25m3, serão menos 15,04 euros que o comerciante terá de pagar.

 

A preocupação maior de Paulo Varanda é “o que nos espera, o que o Governo está a preparar com a harmonização já anunciada pela Ministra para que o preço da água seja igual em todo o país, colocando o valor de cada metro cúbico na ordem dos 2,5 ou 3,00 euros. Quando no Cartaxo uma fatura de 15m3 é de 27,71 euros - porque estamos a falar de pagar os primeiros 5m3 a 0.3294 euros e os restantes 10m3 a 1,0659 euros -, o que acontecerá se a mesma fatura tiver, só em água, sem falar nas taxas que já são obrigatórias por Lei, 15m3 a 3,00 euros? Estamos a falar de um esforço que o Governo quer passar para os cidadãos que mais do que triplicará o custo da água, um esforço que será, de facto, insuportável. Não é possível asfixiar a economia e querer que ela cresça, nós sabemos isto e esta foi uma das nossas preocupações com esta atualização – aliviar as famílias e as empresas, sem pôr em causa a suatentabilidade do sistema de fornecimento”.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:46
link do post | comentar | favorito
|

TOMAR: Passe de 4 dias para o Festival BONS SONS’12

Passe de 4 dias para o Festival BONS SONS’12

BONS SONS A PREÇO REDUZIDO ATÉ 30 DE JUNHO

 

 

Na contagem decrescente para o maior evento de música portuguesa, o Festival BONS SONS relembra que colocou um número limitado de “Passes de 4 dias” a preço reduzido, apenas até ao final do mês de Junho.

 

Atento à conjuntura actual, o Festival BONS SONS possibilita, pela primeira vez, a oportunidade de, por apenas 25€, se adquirir a entrada no maior evento musical da zona centro. O benefício do preço reduzido dá todas as vantagens de acesso ao Festival: 42 espectáculos distribuídos por 8 palcos, parque de campismo, centro de exposições, feira de marroquinarias e BONS SONS!

 

Entre 16 e 19 de Agosto, nomes como Maria João & Mário Laginha, Aldina Duarte, António Zambujo, Vitorino, Linda Martini, The Legendary Tiger Man e muitos outros, vão marcar presença na edição de 2012 deste Festival.

 

A partir de Julho, os passes de 4 dias passarão a ser vendidos ao seu valor normal – 35€. No sentido de abrir o evento às famílias, só serão cobrados bilhetes a crianças a partir dos 12 anos de idade (inclusive).

 

Os pontos de venda dos bilhetes são: A sede do SCOCS (Sport Club Operário de Cem Soldos), a Fnac, a Worten, o C.C Dolce Vita, o El Corte Inglês, as Lojas de Viagens Abreu, as Lojas MegaRede, as Estações de Correio ou o sítio dos CTT, em www.ctt.pt, e o sítio da Ticketline, em www.ticketline.sapo.pt. Poderá ainda fazer a sua reserva pelo telefone para a linha da Ticketline - 707 234 23.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:45
link do post | comentar | favorito
|

TORRES NOVAS: Reunião com o Conselho de Administração do CHMT

Reunião com o Conselho de Administração do CHMT realizada em 28.6.2012

 

1.

A reunião realizou-se a pedido da CUSMT, tendo em conta que o Conselho Consultivo do CHMT ainda não foi instalado, e havia que fazer o balanço da prestação de cuidados hospitalares na Região e reafirmar algumas das propostas entretanto apresentadas pela Comissão de Utentes.

 

2.

Perante uma pergunta concreta da CUSMT, o Conselho de Administração afirmou que o Centro Hospitalar tem três unidades e assim irá continuar estando a ser tomadas decisões com o objectivo de dinamizar a actividade de algumas valências.

 

3.

Foi afirmado pelo CA que há dificuldades financeiras e económicas que derivam da situação económica e financeira do País principalmente devido à indefinição do montante dos proveitos que irão ser transferidos do orçamento do SNS.

 

4.

Foi referido pelo CA que está estimada uma poupança nas despesas de 16 milhões de euros para o presente ano, tendo a Comissão de Utentes referido que esse objectivo está a ser atingido por decisões nacionais e locais, principalmente à custa dos rendimentos dos trabalhadores e dos utentes que têm os cuidados mais longe e mais caros.

 

5.

A Comissão de Utentes da Saúde do Médio Tejo, informou o Conselho de Administração de que na base do Abaixo-assinado que corre por toda a Região continuará a defender o aproveitamento integral das unidades de saúde, com serviços de qualidade e proximidade, reivindicando que URGÊNCIA, MEDICINA INTERNA, PEDIATRIA e CIRURGIA DO AMBULATÓRIO devem existir nas três unidades do CHMT.

 

6.

A CUSMT sempre achou que o que está bem deve ser multiplicado e o que está mal deve ser corrigido. Por isso, apoia a criação de novos serviços e a dinamização dos existentes, até à excelência. Mas defende acerrimamente a qualidade e proximidade e o equilíbrio regional na distribuição de valências.

 

 

7.

Atendendo a que a vida das organizações, como o CHMT, e os seus processos de reorganização são dinâmicos, como reconheceu o CA nas considerações que fez à proposta de organização dos serviços de saúde apresentada pela CUSMT, foi referido na reunião que perante novas realidades e novos dados tem de se admitir que tacticamente se adoptem alterações às medidas já tomadas ou pensadas.

 

8.

Defendeu ainda a CUSMT, com a concordância do CA, que é uma exigência para melhorar a eficácia e eficiência da organização dos cuidados de saúde na Região, o reforçar da articulação com os Cuidados Primários e os Cuidados Continuados. Continua como espectável a possibilidade de ser criada uma unidade de cuidados continuados, no âmbito do CHMT.

 

9.

O CA do CHMT reafirmou que não foi ouvido no âmbito da proposta de Carta Hospitalar da ERS e disse que espera/tem de ser ouvido nas medidas da Reforma e Carta Hospitalar que venha a ser adoptada.

 

10.

Os contactos e reuniões regulares entre a Comissão de Utentes e o CA do CHMT continuarão até que esteja instalado o Conselho Consultivo, facto que não se sabe quando acontecerá.

                                                          

A Comissão de Utentes da Saúde do Médio Tejo

Médio Tejo, 29.6.2012



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:03
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Rancho Folclórico Danças e Cantares de Vale do Paraíso organiza XXIX Festival

O Rancho Folclórico Danças e Cantares de Vale do Paraíso, Concelho de Azambuja, vai organizar o seu XXIX Festival Nacional de Folclore, no dia 7 de Julho.

A iniciativa está marcada para as 21h30, com as actuações dos grupos no Largo 1º de Maio, junto à "Casa Colombo", bem no coração de Vale do Paraíso. Para além do rancho anfitrião, o evento conta também com a participação do Rancho Típico de S. Mamede de Infesta (Matosinhos), do Grupo Folclórico de S. Torcato (Guimarães), do Rancho Folclórico Luz dos Candeeiros (Arrimal - Porto de Mós) e com o Rancho Folclórico da Conceição de Faro (Algarve).



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:22
link do post | comentar | favorito
|

FERREIRA DO ZÊZERE:Município de Ferreira do Zêzere participa em manifestação contra o novo mapa judiciário


A Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere foi um dos 54 municípios que participaram na manifestação do dia 28 de junho, em frente ao Ministério da Justiça, onde foi solicitada a revisão da proposta da tutela para o novo mapa judiciário, no qual está previsto o encerramento de 54 tribunais, incluindo o de Ferreira do Zêzere.

Esta concentração foi convocada pela Associação Nacional dos Municípios Portugueses (ANMP) e nela estiveram representantes de 54 municípios, com o objetivo de entregar um documento de contestação à Ministra da Justiça, pois segundo a ANMP o novo mapa judiciário alimenta assimetrias e prejudica as economias locais.

No local da manifestação, Jacinto Lopes, Presidente da Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere, afirmou: “Sou contra o encerramento do tribunal de Ferreira do Zêzere pois é retirar aos ferreirenses, um dos pilares fundamentais de um país, que é a justiça. Com este novo mapa judiciário estamos a tornar Portugal um local onde existem várias categorias de cidadãos, os de primeira e os de segunda”.

A confirmar-se a saída do tribunal, os ferreirenses veem limitado o seu direito de acesso à Justiça, que ficará mais longe e, por essa via, também mais caro. Na atual conjuntura, essa decisão terá também efeitos económicos, pois deixam de se deslocar a Ferreira do Zêzere um conjunto de pessoas que contribuem para o comércio e serviços do concelho



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:19
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: Reorganização na Guarda Nacional Republicana poderá levar a encerramento de postos – “Os Verdes” questionam Governo

 O Deputado José Luís Ferreira, do Grupo Parlamentar “Os Verdes”, entregou na Assembleia da República uma pergunta em que questiona o Governo, através do Ministério da Administração Interna, sobre a reorganização de efetivos e meios na Guarda Nacional Republicana (GNR) em Santarém, um projeto-piloto a ser implementado no Concelho e que poderá levar ao encerramento de postos da GNR.

 

PERGUNTA:

 

De acordo com informação feita chegar ao Grupo Parlamentar “Os Verdes”, está a ser preparada uma reorganização/redistribuição de efetivos e meios no dispositivo da Guarda Nacional Republicana no Concelho de Santarém que é de molde a suscitar as maiores dúvidas e reservas quanto à sua bondade e real capacidade operacional no terreno e no serviço prestado às populações rurais no cumprimento da fundamental missão desta força de segurança interna.

 

Com efeito, numa reunião que terá tido lugar entre a estrutura de comando da GNR no Concelho e os Presidentes de Junta de Freguesia, foi apresentado o inovador modelo de “segurança” que passa por colocar um militar da GNR em cada Junta de Freguesia, em espaço a ceder às custas da Junta de Freguesia, a equipar por esta (com mobiliário, computador, impressora, etc.) e com cedência ainda por parte da mesma de uma viatura de duas rodas de baixa cilindrada (scooter).

 

Já em finais de Setembro do ano passado, foi noticiado que a ideia, apresentada pelo comandante territorial da GNR de Santarém, Coronel Corte-Real Figueiredo, como “uma boa solução em tempo de crise”, consistiria num Projeto piloto visando colocar militares da GNR nas Juntas de Freguesia, criando uma rede de “grande mobilidade, visibilidade e proximidade” às populações, um modelo de ação “extremamente inovador e operacional”, com “muito maior rentabilização de meios materiais e humanos”, permitindo “um policiamento de proximidade, muito mais ativo, perto das pessoas e que permite à GNR responder com mais eficácia aos problemas das várias freguesias”.

 

O computador serviria “para registar queixas e dar andamento a inquéritos”, e a scooter para “poder percorrer a freguesia, fazendo notificações e passando pelas escolas e pelas residências dos idosos identificados como vivendo isolados”, de acordo com o noticiado na comunicação social local a partir de uma nota da agência noticiosa Lusa. Nas palavras do Presidente da Câmara Municipal de Santarém, que terá acolhido bem a iniciativa, a sua concretização passa pelo encerramento do atual posto existente na freguesia de Pernes.

 

Embora, seja fácil de entender que, para as Freguesias que raramente são alvo de atenção, de operações de patrulha ou de vigilância preventiva, dada a, não natural mas habitual, escassez de meios – humanos e materiais, designadamente viaturas operacionais – esta ideia possa parecer à primeira vista atraente; e sejam louváveis as intenções do Sr. Comandante de aumentar o número de operacionais no terreno e junto às populações, onde fazem falta, e que garante ser conseguido com este projeto;

A verdade é que não só fica a ideia duma tentativa de transferir despesas do orçamento da GNR para os magros orçamentos das Juntas de Freguesia (ou seja, novas transferências de “competências” sem a correspondente transferência de meios da Administração Central para as Autarquias – que depois são acusadas de serem más gestoras financeiras), designadamente na parte que toca à mobilidade dos agentes, como o projeto em si suscita algumas dúvidas e simultaneamente oferece preocupações.

 

Assim, ao abrigo das disposições constitucionais e regimentais aplicáveis, solicito a S. Exª A Presidente da Assembleia da República que remeta ao Governo a seguinte Pergunta, para que o Ministério da Administração Interna, me possa prestar os seguintes esclarecimentos:

1 – Que conhecimento tem o Ministério ou que responsabilidade tem sobre este projeto-piloto?

2 - A decisão de avançar com este modelo piloto partiu apenas do comando territorial da GNR de Santarém ou existe algum estudo, projeto, intenção ou possibilidade de o pôr em prática noutros locais do país?

2 – A decisão de avançar com a sua implementação para o Concelho de Santarém já está tomada? A quem caberá, dentro da estrutura hierárquica da GNR ou da tutela, essa decisão?

3 – Considera o Governo que os militares da GNR colocados isoladamente, fora de postos territoriais, com recurso a uma scooter e a um computador estarão aptos a cumprir cabalmente a sua missão de vigilância, prevenção e combate à criminalidade?

4 – Considera o Governo que uma scooter é uma viatura adequada às deslocações de militares em zonas rurais (cruzadas por estradas alcatroadas em deficientes condições e caminhos agrícolas de terra batida) sabendo que a esmagadora área do Concelho e suas Freguesias são agrícolas?

5 – Concorda o Governo que este projeto permitiria duplicar o número de militares no terreno? Quanto é que se prevê poupar no orçamento da GNR com este projeto? A quem competiria custear o combustível da scooter?

6 – Considera o Governo adequado instalar um militar em instalações civis? Que papel terá o Presidente da Junta neste processo? Quem controlará a assiduidade e pontualidade do militar? Continuará este a ter que se apresentar no início de cada dia num dos Postos da GNR antes de se deslocar para o seu posto de trabalho numa sede de Junta de Freguesia?

7 - Existindo no Concelho de Santarém 28 Freguesias e, de acordo com a notícia citada, 38 militares da GNR, significa isto que está previsto um reforço de efetivos humanos para o Concelho? Ou estará prevista a cessação de patrulhas feitas nos moldes atuais – para manter aberto pelo menos o Posto territorial de Santarém? Ou nem todas as Freguesias serão contempladas – e nesse caso qual será o critério?

8 – Sabendo que Pernes está a 20 km da sede do Concelho e que o Posto da GNR ali existente serve Pernes, Arneiro das Milhariças, Vaqueiros, Casével, Achete, Tremês e a S. Vicente do Paul, com as vantagens decorrentes da proximidade e rapidez de atuação, admite o Governo o seu encerramento ou esvaziamento de militares em nome deste projeto-piloto?

 

O Grupo Parlamentar “Os Verdes”



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:16
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 28 de Junho de 2012
VILA FRANCA DE XIRA:Unidade de Saúde Familiar de Vila Franca de Xira inaugurada esta sexta-feira, para 15 mil utentes

Esta sexta-feira, 29 de junho, pelas 10h00, é inaugurada a Unidade de Saúde Familiar (USF) de Vila Franca de Xira, denominada “Terras de Cira”, nas instalações da Unidade de Saúde da cidade (Rua António Lúcio Batista, n.º 6), com a presença da Presidente da Câmara Municipal de Vila F. Xira, Maria da Luz Rosinha.

A USF é constituída por um grupo de oito médicos, oito enfermeiros e seis administrativos que, com autonomia técnica e organizativa, se propõe prestar cuidados de saúde a 15 mil utentes que atualmente não tinham médico assistente.



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:56
link do post | comentar | favorito
|

CHAMUSCA: Rotura provoca cortes no abastecimento de água na Chamusca


Comunica-se às populações da localidade da Chamusca, que devido a uma rotura e avaria no sistema de abastecimento verificam-se constrangimentos, e eventuais cortes, no abastecimento de água, esta quinta-feira, em vários locais da vila, sendo mais sentidos os incómodos na zona alta da Chamusca.
A ÁGUAS DO RIBATEJO tem no terreno várias equipas de colaboradores para resolver o mais rapidamente possível a situação.
Neste momento, não temos previsão para a hora em que será possível retomar a normalidade no abastecimento.
Informamos que a Proteção Civil e os Bombeiros estão a disponibilizar água às instituições e às populações com auto-tanques em vários pontos da vila.
Alertamos que nos locais onde ainda há abastecimento, os consumos devem ser limitados ao estritamente necessário, não sendo autorizadas regas.
A ÁGUAS DO RIBATEJO alerta que só deve consumir depois de retomada a normalidade no abastecimento, quando a água apresentar uma cor transparente.
Em caso de necessitar de esclarecimentos, deve contactar os nossos serviços pelos telefones:
808 20 20 11 – 263 509 400 ou 927 803 373



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:44
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Associações Humanitárias dos Bombeiros Voluntários de Azambuja e Alcoentre com Amb3E

Associações Humanitárias dos Bombeiros Voluntários de Azambuja e Alcoentre
Assinam protocolo para recolha de resíduos de equipamentos elétricos e eletrónicos

 


A Associações Humanitárias dos Bombeiros Voluntários de Azambuja e Alcoentre, assinaram um protocolo com a Amb3E - Associação Portuguesa de Gestão de Resíduos. A Amb3E é uma associação de direito privado, sem fins lucrativos, que tem como missão a gestão de resíduos de equipamentos elétricos e eletrónicos (REEE) e mais recentemente de segmentos de pilhas e acumuladores (RPA).


Esta parceria permite aos munícipes do concelho de Azambuja entregar os seus equipamentos elétricos e eletrónicos em fim de vida, gratuitamente, nos quarteis das corporações. O Distrito de Lisboa contabiliza em total de 65 locais de receção para REEE (Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrónicos), entre os quais 42 disponibilizam Ponto Eletrão.


De referir, que esta campanha de recolha de REEE, nos quartéis das corporações, surgiu em 2008, no seguimento do protocolo de cooperação assinado, no mesmo ano, entre a Amb3E e a Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP). Atualmente, as Associações de Bombeiros que assinaram o protocolo com a Amb3E estão presentes em 11 Distritos.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:01
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Música Balcânica abre "À Luz da Lua", em Azambuja


Durante o mês de Julho, o Município de Azambuja promove a iniciativa "À Luz da Lua", que vai animar todas as noites de quinta-feira, com música e teatro. O palco do evento será, uma vez mais, o Jardim do Museu Municipal Sebastião Mateus Arenque, no Centro Cultural - Páteo Valverde, em Azambuja. Os espetáculos começam às 22 horas e têm entrada livre.

As honras de abertura do programa "À Luz da Lua" 2012 - na primeira quinta-feira, dia 5 de Julho - pertencem à música balcânica, com a atuação do grupo "Marco i Blacky". Anuncia-se um serão com muita alegria, muita festa, muita dança,...

A iniciativa prossegue no dia 12, com a atuação do Grupo de Cavaquinhos "Tom Abaixo". No dia 19, realiza-se um recital de piano interpretado por André Piolanti. Por fim, a última quinta-feira do mês, dia 26, é dedicada à representação com a participação do "GATA - Grupo Amador de Teatro de Azambuja".

À semelhança dos anos anteriores, no mês de Julho as noites de quinta-feira prometem ser bastante animadas, em Azambuja... "À Luz da Lua"!
Em simultâneo, oportunidade para desfrutar do agradável jardim do Museu Municipal. Se não conhece,... venha descobri-lo, no Centro Cultural - Páteo Valverde.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:59
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: Verão com Tango Argentino nas ruas de Santarém

 

Verão com Tango Argentino nas ruas de Santarém

 

                O Jardim de Tango volta a trazer o Tango Argentino às ruas de Santarém nas noites de Verão. São eventos gratuitos e abertos a todo o público: uma óptima oportunidade para conhecer e experimentar o prazer da dança social inspirada no Tango Argentino.

O primeiro destes eventos é já no próximo dia 30 de Junho, começando na Rua Serpa Pinto pelas 18 horas, passando pelo Largo de Marvila (Praça Visconde Serra do Pilar) até ao Jardim das Portas do Sol, onde, a partir das 21:30, se dá início a uma “Milonga” (baile de Tango Argentino) no anfiteatro do Jardim, que se prolongará noite fora. Este primeiro evento conta com ilustres convidados de renome nacional do mundo do Tango Argentino e o DJ Joël Silva (Porto) será o anfitrião musical da noite.

 

                A partir do dia 11 de Julho e até ao final do Verão, quinzenalmente às quartas-feiras, estas animações decorrem nas ruas e praças da cidade: Rua Capello Ivens (11/7), Canto da Cruz (25/7), Largo de Marvila (8/8), Largo do Seminário (22/8), Largo do Padre Chiquito (5/9) e Largo Pedro Álvares Cabral, junto à Igreja da Graça (19/9).

 

                “O Tango é mais do que um estilo de dança de competição. O Tango Argentino é um encontro social: trocamos uns dedos de conversa, ouvimos música e damos uns passos de baile… mas acima de tudo, é um lugar e um momento para passarmos um bom bocado, descontrair e relaxar ao fim do dia… Queremos partilhar essa experiência com todos, mostrar que a dança é livre e acessível”.

 

                Esta iniciativa conta o apoio da Câmara Municipal de Santarém, Cul.Tur, STR-Urbhis, o Núcleo do Centro Histórico de Santarém e o Centro Cultural Regional de Santarém.



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:48
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Deliberações da Assembleia Municipal de Azambuja, sessão de 26.Junho

A Assembleia Municipal de  Azambuja, na sua reunião do passado dia 26 de Junho, elegeu um novo membro para a respectiva mesa. Na sequência da apresentação da renúncia ao mandato por parte do deputado Rui Augusto Nabais, que desempenhava as funções de 1º secretário da mesa da Assembleia, foi eleita para o referido cargo a deputada municipal Vera Lúcia Braz Santos.



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:47
link do post | comentar | favorito
|

ALMEIRIM: Festa em Paço dos Negros - 28 Aniversário do Rancho Folclorico


publicado por Noticias do Ribatejo às 13:45
link do post | comentar | favorito
|

BENAVENTE: CONGRATULAÇÃO

Certificação de competências como fator de valorização dos cidadãos

A aprendizagem ao longo da vida é uma das mais notáveis capacidades dos seres humanos. Por contingências várias, milhares de pessoas foram forçadas a abandonar a escola prematuramente, dedicando-se em exclusivo ao trabalho e à família.

Em 2007, o Estado Português implementou um plano de formação contínua de adultos e criou planos alternativos para os jovens estudantes que não encontravam motivação na escola pública e cujo desinteresse se traduzia em falta de aproveitamento.

Com o apoio de fundos comunitários, através do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN) e do Programa Operacional do Potencial Humano (POPH) foram criados os Centros de Novas Oportunidades (CNO). O CNO de Benavente, funcionou até Dezembro de 2011, e do Instituto de Formação do Sorraia está em funções desde 2007 em Salvaterra de Magos e Coruche. Os CNO acolheram milhares de pessoas que tiveram a oportunidade de certificar e revalidar as suas competências, muitas vezes desprezadas, ignoradas ou subvalorizadas.

Os Centros de Novas Oportunidades em conjunto com as juntas de freguesias, associações locais, empresas e outras instituições, desafiaram milhares de pessoas a certificarem as suas competências e a obterem desta forma certificados do 9º e 12º ano.

Nos últimos cinco anos, cerca de 3000 munícipes do concelho de Benavente, dos 18 aos 91 anos, participaram neste processo motivador para uma aprendizagem permanente que lhes permitiu adquirir novos conhecimentos e competências, melhorar a auto-estima e por conseguinte a motivação para o desempenho das suas funções. Alguns formandos que concluíram com aproveitamento o 12º ano, continuaram os seus estudos no Ensino Superior e conseguiram concluir com aproveitamento licenciaturas e mestrados.

Neste processo de certificação de competências, dezenas de formandos descobriram as virtudes do associativismo, do voluntariado e aprenderam a partilhar conhecimentos, experiências e saberes e a colocá-los ao serviço das comunidades onde vivem.

Pelos considerandos anteriores, reunida em sessão ordinária em 27 de junho de 2012, a Assembleia Municipal de Benavente congratula-se com o sucesso dos Centros de Novas Oportunidades de Benavente e do Instituto de Formação do Sorraia, cujas valências de Salvaterra de Magos e Coruche acolhem formandos do concelho de Benavente e incentiva a direção, técnicos e formadores a continuarem esta missão nobre de qualificar para a vida.

Considerando as alterações preconizadas pelo Ministério da Educação em relação à certificação de competências, a assembleia exorta a que sejam feitos todos os esforços no sentido de manter esta mais valia para os cidadãos e para as comunidades porque considera que a aprendizagem ao longo da vida, vertida nos novos Centros de Recurso em Conhecimento, é um complemento da oferta da escola pública e um fator de valorização das pessoas.

Esta congratulação depois de aprovada deve ser enviada ao Centro de Novas Oportunidades do Instituto de Formação do Sorraia, Agência Nacional para a Qualificação e o Emprego IP, Presidente da Assembleia da República, Grupos Parlamentares, Ministro da Educação e Presidente da República. Deve ainda ser enviada aos órgãos de comunicação social locais, regionais e nacionais para divulgação.

 

Moção

Contra a asfixia dos trabalhadores do setor público


Na última semana, milhares de trabalhadores e pensionistas do setor público sofreram um dos mais rudes golpes nos seus direitos ao verem-se privados do subsídio de férias habitualmente pago no mês de Junho.

Para a maioria dos atingidos por esta medida, o subsídio não se destinava a passar férias no estrangeiro, a realizar cruzeiros,  a comprar jóias ou ações bem cotadas na bolsa, mas, servia para pagar os livros dos filhos, os créditos assumidos, os seguros, os impostos, ou as contas correntes da farmácia e da mercearia.

Esta medida unilateral do Governo, consta do Orçamento de Estado de 2012, e surge depois da maioria dos trabalhadores e pensionistas do setor público terem sido sujeitos a uma taxa adicional que incidiu sobre o subsídio de Natal de 2011 e de milhares de trabalhadores  terem sofrido uma redução no vencimento com a aplicação da taxa prevista no Art 19º da Lei 55 A/2010.

Como se não bastasse, o Governo eliminou direitos adquiridos e aprovou um aumento brutal da carga fiscal que atingiu a maioria dos portugueses com a subida das taxas de IVA aplicadas em bens fundamentais para a sobrevivência (incluindo a energia).  Em nome do combate ao défice aumentou o valor dos transportes públicos, introduziu portagens nas SCUT, e atualizou o valor das taxas moderadoras na saúde, na justiça e na maioria dos serviços públicos prestados aos cidadãos, entre outras medidas que asfixiam os trabalhadores e pensionistas.

 A justificação de que é um mal necessário para respeitar os compromissos assumidos com a Troika e com a União Europeia não pode ser aceite com resignação pelos trabalhadores.

Porque terão de ser sempre os mesmos a sofrer na pele as consequências de políticas nefastas que conduziram as finanças públicas a esta situação?

Porque é que há uma discriminação dos trabalhadores do setor público que sempre foram obrigados a assumir as suas prestações perante o Estado enquanto no setor privado são públicos e assumidos os casos de evasão fiscal de cidadãos com sinais evidentes de riqueza?

Porque foram criadas uma série de excepções para a aplicação destas medidas em várias empresas do setor empresarial do Estado, quando algumas dessas instituições acumulam resultados negativos que muito contribuíram para o atual estado do País?

Em nome do interesse público do país, que todos aceitamos, é admissível que esmaguem direitos adquiridos pelos trabalhadores após lutas históricas que custaram a liberdade e a própria vida a centenas de pessoas?

Em nome deste interesse público, é aceitável que não se respeitem os elementares direitos de todos os trabalhadores e pensionistas terem uma vida digna com pão, acesso à saúde, à justiça e aos serviços públicos que estão garantidos na Constituição Portuguesa e na Declaração Universal dos Direitos do Homem?

Em nome do combate ao défice, podemos aceitar que milhares de crianças tenham de abandonar prematuramente a escola porque os pais não tem condições para custear as despesas inerentes?

Em nome da austeridade necessária, é aceitável que milhares de crianças tenham acesso a uma única refeição diária, servida na escola e passem o dia entregues à sua sorte porque os pais têm de trabalhar 12 horas por dia em situações de quase escravidão para garantirem uma mísera retribuição?

E mais uma vez, são as autarquias e as instituições locais, que mais próximas dos cidadãos, oferecem um ombro amigo que ampara os que mais precisam, substituindo a segurança social e outras instituições da administração central que dificultam cada vez mais o acesso a apoios sociais.

Não sabemos até quando as câmaras, juntas de freguesia, e instituições de solidariedade  podem acudir a um número de carenciados que cresce exponencialmente. Tememos o pior dos cenários. Não é pessimismo. Todos sabemos que há fome no Município de Benavente e em todo o país.

E para os que dizem que não há alternativa, nós acreditamos que há alternativa porque a redução da despesa pública e o aumento da receita não pode ser feito apenas  à custa dos mais fracos, continuando os poderosos a gozar impunemente das facilidades concedidas por estas políticas subservientes ao Capitalismo e aos grandes interesses da banca e de algumas empresas cotadas em bolsa.

Reunida em sessão ordinária a 27 de Junho de 2011, a Assembleia Municipal de Benavente manifesta solidariedade com os trabalhadores do Município e das freguesias  e com todos os funcionários e pensionistas do setor público do Estado vítimas destas medidas. A assembleia  repudia ainda a possibilidade de novas medidas de austeridade incidirem sobre os mesmos cidadãos que sempre pagaram pelos erros de políticos e gestores que conduziram o país a esta crise sem precedentes.

Esta moção depois de aprovada deve ser enviada ao STAL, CGTP, UGT, Grupos Parlamentares, Presidente da Assembleia da República, Ministro das Finanças, Primeiro-Ministro e Presidente da República. Deve ainda ser enviada aos órgãos de comunicação social locais, regionais e nacionais.

Benavente, 27 de Junho de 2012                                                    Os Eleitos da CDU



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:00
link do post | comentar | favorito
|

ABRANTES: Feira Franca este sábado no Centro Histórico de Abrantes

Um conjunto de entidades uniu-se para dinamizar o Centro Histórico de Abrantes, recriando as feiras francas ao estilo de antigamente. 30 de Junho irá realizar-se a primeira que se estende pelo Jardim da República, Praça Barão da Batalha e Largo Ramiro Guedes, entre as 9h e as 21h.

Criar uma nova dinâmica que impulsione a Feira da Ladra, que já se realiza há 17 anos no primeiro sábado de cada mês e se restringe actualmente diminutas bancas de velharias e antiguidades, é o pretendido pela organização.

Velharias, antiquários, livros, flores, plantas, hortofrutícolas, artesanato, produtos locais, regionais e artesanais, entre muitos outros são artigos que a Associação Cultural Palha de Abrantes, a TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior e a Associação Comercial e Serviços de Abrantes, Constância, Sardoal e Mação esperam que se comercialize nas feiras francas.

Nesta iniciativa, que conta com o apoio da abordagem LEADER, do Programa Nacional de Desenvolvimento Rural (ProDeR), haverá também animação dedicada às crianças, com jogos tradicionais e no dia 30 de Junho irá realizar-se, às 22h, uma sessão de cinema.

Nos meses de Setembro e Dezembro, a feira franca voltará às praças da Cidade Florida no último sábado dos meses. Se pretende ser um dos expositores nestes certames, apoiados pela abordagem LEADER, do Programa de Desenvolvimento Rural (ProDeR) deve contactar a organização através dos telefones 241 372 515 e/ou 241 372 180.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 06:54
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

AZAMBUJA: Deliberações da Assembleia Municipal de Azambuja

A Assembleia Municipal de  Azambuja, reunida no dia 26 de Junho em sessão ordinária, discutiu e aprovou as propostas de aditamento ao protocolo de delegação de competências e de cedência de máquinas e equipamentos de corte de vegetação às Juntas de Freguesia. Na primeira, o protocolo de delegação de competências nas Juntas sofre um reajustamento de forma a adequar algumas disposições previstas no documento, em função da difícil conjuntura financeira vivida pelas autarquias locais; pela segunda proposta, a Câmara Municipal compromete-se a ceder gratuitamente, às Juntas de Freguesia que adiram ao respectivo protocolo, a utilização de máquinas e equipamentos afectos ao corte de vegetação dos valados, taludes, bermas e caminhos fora dos espaços urbanos.

Foi, igualmente, aprovada a prorrogação de prazo até 30 de Junho de 2013 como data limite para a legalização de obras realizadas de forma clandestina. No caso de obras licenciadas e concluídas, mas sem alvará de utilização, este deverá ser solicitado até 30 de Setembro de 2013. Esta proposta surge na sequência do interesse manifestado por muitos particulares em regularizar a situação jurídica de edifícios e da sua utilização, e também por algumas dificuldades detectadas na instrução de alguns processos.

Foi, também, aprovada a autorização genérica para dispensa de autorização prévia da Assembleia Municipal, no âmbito da Lei dos Compromissos e dos Pagamentos em Atraso. A Câmara Municipal fica, assim, autorizada a assumir compromissos plurianuais que resultem de projectos, acções ou outra natureza constantes das Grandes Opções do Plano e cujos encargos não excedam o limite de 99.759,58 € em cada um dos anos económicos seguintes ao da sua contratação e o prazo de execução de três anos.  Por outro lado, esta assunção de compromissos plurianuais só poderá fazer-se quando sejam respeitadas as regras e procedimentos previstos na Lei nº 8/12, de 21 de Fevereiro, e uma vez cumpridos os demais requisitos legais de execução de despesas. Poderá, também, ser delegado no Presidente da Câmara Municipal a assunção de compromissos plurianuais relativa a despesas de funcionamento de carácter continuado e repetitivo, desde que previamente dotada a rubrica da despesa prevista no Orçamento, até ao montante permitido por lei no âmbito do regime de contratação pública. O regime de autorização deverá aplicar-se à Câmara Municipal relativamente a todas as assunções de compromissos, já assumidas, a assumir ou que tenham produzido efeitos a partir de 22 de Fevereiro de 2012. Em todas as sessões ordinárias da Assembleia Municipal deverá ser presente uma informação da qual constem os compromissos assumidos ao abrigo desta autorização.

No âmbito do Regulamento de Apoio a Estratos Sociais Desfavorecidos, nomeadamente na aquisição de bens alimentares de 1ª necessidade, de medicamentos, de suplemento alimentar (leite em pó) e no apoio à realização de obras, foi aprovada a proposta de alterações referentes à avaliação da situação económica do agregado familiar, à sua caracterização e à instrução dos pedidos.

A declaração de Interesse Público Municipal atribuída pelo Executivo à instalação do estaleiro de apoio à obra de beneficiação/reforço do pavimento da A1, Autoestrada do Norte, mereceu a aprovação da Assembleia Municipal. O estaleiro será instalado pela empresa Tecnovia (em terreno de sua propriedade) em Casais das Amarelas, na freguesia de Aveiras de Cima, e dará apoio às obras no sublanço Carregado/Aveiras de Cima, com vista à beneficiação de uma das infra-estruturas rodoviárias essenciais para a boa acessibilidade ao Concelho de Azambuja.

Idêntica aprovação teve a declaração de interesse público deliberada pela Câmara à instalação de uma unidade de alojamento e um estabelecimento de restauração e realização de eventos na Quinta da Lapa, em Arrifana, Freguesia de Manique do Intendente. Esta medida do município fundamenta-se na importância da valorização das quintas “históricas” do Concelho de Azambuja, sobretudo na zona do “Alto Concelho”, bem como na actividade já desenvolvida pela Quinta da Lapa na área do agro-turismo com destaque para a vitivinicultura.

No âmbito de aquisições através da central de compras da CIMLT, a que o Município de Azambuja aderiu em Junho de 2011 com vista à aquisição de bens e/ou serviços em condições e preços mais vantajosos, foram aprovados pela Assembleia o caderno de encargos e programa de concurso público referente à aquisição de refeições escolares para o ano lectivo 2012/2013, bem como o procedimento para aquisição de comunicações móveis de dados e voz. Este procedimento consiste num ajuste directo da autarquia com o operador vencedor do concurso público realizado pela Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo.

Foi, igualmente, aprovada a alteração ao Regulamento de Obras e Trabalhos na Via Pública relativos à Construção, Instalação, Uso e Conservação de Infra-Estruturas no Município de Azambuja. Recorde-se que o referido regulamento entrou em vigor a 12 de Maio de 2011, e no balanço de um ano da sua aplicação o município entendeu como útil a introdução de alguns ajustamentos em questões como a prestação de uma caução e a distinção entre licenciamento e comunicação prévia.

Na sessão, foi, ainda, aprovada a proposta de alteração dos estatutos da LT – Sociedade de Reabilitação Urbana, EM.



publicado por Noticias do Ribatejo às 06:52
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 27 de Junho de 2012
RIO MAIOR PARA OS JOGOS OLÍMPICOS

DE RIO MAIOR PARA OS JOGOS OLÍMPICOS

São já mais de 70 os atletas portugueses classificados para os Jogos Olímpicos de 2012, que se vão realizar em Londres entre 25 de julho e 12 de agosto.

De entre estes, Rio Maior tem quase 10% da representação nacional na mais importante das competições desportivas, com 6 atletas classificados entre 7 que atingiram mínimos olímpicos.

O destaque vai, naturalmente, para os marchadores. Desde há vários anos que Rio Maior se apresenta com os melhores atletas nacionais na modalidade, alguns deles atletas com impressionantes currículos onde constam participações noutras olimpíadas. Em Londres vão competir João Vieira, Inês Henriques e Vera Santos. Susana Feitor também irá estar presente, mas como suplente, pois a convocatória feminina integra ainda a algarvia Ana Cabecinha. Sérgio Vieira alcançou o minino B, mas como o seu irmão, João Vieira, tem mínimo A, Sérgio acaba por não ter lugar na partida para a prova de 20 Km marcha, embora tenha conseguido o feito de ter mínimos.

O nadador Pedro Oliveira, também de Rio Maior, garantiu os mínimos olímpicos no Campeonato da Europa que decorreu na cidade húngara de Debrecen entre os dias 21 e 27 de maio. Pedro Oliveira bateu três recordes nacionais absolutos e alcançou o mínimo B para Londres 2012, na prova de 200 metros costas e vai assim participar nos seus segundos Jogos Olímpicos.

A fechar este lote de atletas de Rio Maior, que vão estar nos Jogos Olímpicos de 2012, está Yahima Ramirez que viu recompensada a sua dedicação, assegurando uma presença em Londres. Na categoria de - 78 Kgs, a judoca de origem cubana, mas com nacionalidade portuguesa e a viver em Rio Maior, estreia-se agora em provas olímpicas.

A Desmor EEM dá os parabéns e deseja boa sorte a estes atletas, por verem o seu esforço atingir os resultados que qualquer desportista de alto rendimento ambiciona! Aos que se esforçaram e não conseguiram, fica uma palavra de incentivo e de agradecimento por tudo o que tem feito pelo desporto português e pela divulgação do nosso concelho além fronteiras.

A meta que estes atletas atingem agora, não deixa de ser, também para nós, o reconhecimento pelo trabalho constante na melhoria das instalações desportivas do Complexo Desportivo de Rio Maior, mantendo as instalações desportivas em elevados níveis de excelência para a prática desportiva de alto rendimento.

Também os serviços de apoio ao alto rendimento que, em conjunto com o Comité Olímpico de Portugal, oferecemos aos atletas portugueses, certamente contribuíram para que este concelho tenha esta brilhante participação em Jogos Olímpicos.



publicado por Noticias do Ribatejo às 09:31
link do post | comentar | favorito
|

ENTRONCAMENTO: Festa da Cerveja e do Caracol

O União Futebol Entroncamento promove no próximo Sábado (30 de Junho) a partir das 17horas a Festa da Cerveja e do Caracol no Jardim Afonso Serrão Lopes (Jardim da Zona Verde).

O evento que conta com a animação musical do Back Inside, está inserido no 2º Torneio Albano Mateus 3x3 – Hóquei em Patins.

 

Nesta festa além da Cerveja e do Caracol os visitantes poderão degustar outros petiscos e passar uma tarde e noite agradável, onde não faltará o liquido que dá nome ao evento com promoções diversas durante o evento.



publicado por Noticias do Ribatejo às 06:43
link do post | comentar | favorito
|

ABRANTES: Reorganização Judiciária – Posição conjunta

Realizou-se no dia 21 de junho, no edifício Pirâmide, uma conferência de imprensa conjunta da Câmara de Abrantes e da delegação da Ordem dos Advogados, sobre a proposta da reforma judiciária, tendo ambos defendido a manutenção da secção do Tribunal de Família e Menores e da secção do Tribunal de Trabalho no concelho. Vários advogados e funcionários judiciais estiveram presentes.

A presidente da Câmara deu conta da deliberação tomada em reunião do Executivo, sublinhando que a mesma converge com a contestação e propostas da delegação da Ordem e que serão agora transmitidas ao Ministério da Justiça, na sequência de um pedido de comentários e sugestões ao documento "Linhas Estratégicas para a Reforma Judiciária", cujo prazo para as audições termina no fim de julho.

Florido Dias, do Núcleo de Abrantes da Ordem dos Advogados, argumentou com os números alusivos aos processos que indicam um volume processual superior ao existente em Tomar, tendo defendido, em razão de um documento subscrito por unanimidade, a manutenção de uma secção do Tribunal de Família e Menores no atual Palácio da Justiça, em Abrantes.

Maria do Céu Albuquerque disse que o Tribunal Judicial de Abrantes "possui condições físicas de excelência" para o funcionamento daquelas secções, tendo vincado que o número de processos entrado naquele Tribunal "reforça ainda mais esta posição, justificando a sua manutenção".

A Presidente anunciou que vai solicitar uma reunião à ministra da Justiça.



publicado por Noticias do Ribatejo às 06:41
link do post | comentar | favorito
|

CARTAXO: VOTO DE REPÚDIO A FERNANDO RAMOS


A Comissão Política Concelhia do Cartaxo aprovou ontem, por unanimidade, um voto de repúdio contra FERNANDO RAMOS por ter plagiado a Moção que apresentou nas eleições do passado dia 1 de Junho para o PS Cartaxo  . 

 

A Moção Política de Fernando Ramos era uma cópia de uma Moção apresentada em Famalicão em 2010 e uns textos apresentados em Abril deste ano por Mário Dias, candidato à concelhia do PS de Faro.

 

Esta situação foi denunciada na Comissão Política realizada ontem à noite no Auditório Municipal da Quinta das Pratas. O Presidente do PS Cartaxo, Pedro Ribeiro, considerou "vergonhosa esta situação e que ela explica os verdadeiros motivos de uma candidatura que se apresentou sem ideias próprias". Pedro Ribeiro acrescentou que "mais do que nunca é preciso separar o trigo do joio no PS Cartaxo, e que esta situação colocou a nú que há um conjunto de pessoas que dentro do Partido não têm qualquer tipo de pudor em enganar os militantes e a opinião pública".

 

Pedro Ribeiro disse também que "apesar de ter tido conhecimento desta fraude no dia das eleições não quis fazer desta vergonha um trunfo eleitoral, quis ganhar pelo mérito das ideias apresentadas e do trabalho realizado nos últimos anos à frente do Partido. Contudo, este é o momento desta fraude eleitoral ser do conhecimento público para que todos percebam quem é quem no PS Cartaxo e quais foram as verdadeiras razões da candidatura de Fernando Ramos".

 

O Presidente do PS Cartaxo finalizou afirmando que "é hoje claro para todos que a candidatura de Fernando Ramos não teve como objectivo nem construir um projecto para o PS nem para o concelho do Cartaxo. Fernando Ramos, que foi apoiado pelo actual Presidente da Câmara Municipal, Eng. Paulo Varanda, teve apenas como objectivo a manutenção deste no poder, a qualquer preço, não olhando a meios e enganando os militantes e os nossos concidadãos."


publicado por Noticias do Ribatejo às 06:39
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 25 de Junho de 2012
CARTAXO: FESTAS ANIMARAM A CIDADE DO CARTAXO

Desfile Gentes da Nossa Terra 9197.jpg

De 20 a 24 de junho, o Cartaxo homenageou o mundo rural e as tradições ribatejanas, com um evento que pretende assinalar a elevação do Cartaxo a cidade e o Dia de São João Baptista

 

As Festas da Cidade animaram o Cartaxo entre os dias 20 e 24 de junho. Foi no fim-de-semana que se registaram os principais pontos altos do evento, com uma grande adesão da população e de visitantes.

 

As largadas de toiros, que se realizaram todos os dias da festa, continuam a representar um dos principais marcos das Festas da Cidade, assim como todas as outras atividades relacionadas com a festa brava, contando sempre com uma grande afluência de entusiastas.

 

O Cortejo Gentes da Nossa Terra faz parte do programa das festas desde que foram recuperadas pela Associação Gentes do Cartaxo, em 2007. Realizado na manhã de sábado, em homenagem a Vítor Jarego, esta iniciativa é já uma “importante referência das nossas festas”, como classificou Paulo Varanda, presidente da Câmara Municipal, que também participou no cortejo.

 

Trajado à época, o autarca frisou que “o Cortejo Gentes da Nossa Terra é o espelho do Cartaxo de outros tempos, sendo uma excelente forma de darmos a conhecer e valorizarmos os usos e costumes e a identidade de todo o concelho. Só por si, o cortejo já é uma tradição”.

Desfile Gentes da Nossa Terra 4108.jpg

 

Paulo Varanda destacou também “a grande participação da população” no cortejo, acrescentando que “é um orgulho ver os mais e menos jovens a prestarem esta homenagem às tradições do nosso concelho”.

 

O cortejo reuniu centenas de pessoas, que retrataram as atividades do mundo rural, pelas ruas da cidade. Os ranchos folclóricos e os campinos associaram-se também a este cortejo, reforçando os valores tipicamente ribatejanos.

 

Além de pretenderem assinalar a elevação do Cartaxo a cidade, as Festas evocam também São João Baptista, padroeiro da freguesia do Cartaxo, contando sempre com uma procissão noturna no dia do padroeiro, 24 de junho.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:44
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: NERSANT vai abrir curso de formação para trabalhadores designados e representantes do empregador

NERSANT vai abrir curso de formação para trabalhadores designados e representantes do empregador

 

 

Estão já abertas inscrições para mais uma acção de formação da NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém – na área de Segurança e Higiene no Trabalho. Trata-se do curso de formação para trabalhadores designados e representantes do empregador, validada pela ACT – Autoridade para as Condições do Trabalho.

O curso de formação para o desempenho de funções de higiene e segurança no trabalho realizado por empregadores e trabalhadores designados permite às PME (que tenham até 9 funcionários e cuja actividade não seja de risco elevado) prescindir da modalidade de contratação de serviços externos de higiene e segurança no trabalho, obtendo para isso o empregador ou alguém por ele designado uma formação adequada em segurança e higiene no trabalho, para posteriormente assumir e desempenhar as funções preventivas de nível básico dos serviços de prevenção. Esta acção visa responder às obrigações referidas na Lei n.º 102/2009 de 10 de Setembro. A frequência das acções de formação que venham a realizar-se no âmbito do referido curso apenas habilitam os formandos para o exercício das actividades de segurança no trabalho como trabalhadores designados, tendo para isso que ser requerida à ACT a necessária autorização por parte da empresa.

O curso poderá ser frequentado também por colaboradores de empresas com mais de 9 trabalhadores e até um limite de 400, para que estes representem, acompanhem e coadjuvem a execução das actividades de prevenção realizadas na empresa, aliás, o que está previsto no artigo 77.º da Lei n.º 102/2009 de 10 de Setembro. Desta forma, todas as empresas com mais de 9 trabalhadores (e até 400), são obrigadas a ter um representante do empregador, que se responsabilize na empresa pela área da Segurança e Higiene no Trabalho, nomeadamente em contactos com serviços externos.

Mais informações ou inscrições podem ser obtidas junto do Departamento de Formação e Qualificação da NERSANT (dfq@nersant.pt ou 249 839 500).



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:43
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Férias de Verão, em Azambuja, para jovens dos 7 aos 14

O Município de Azambuja vai promover mais uma edição das Férias de Verão (Férias AZB), de 9 e 27 de Julho, destinadas a crianças e jovens entre os 7 e os 14 anos.

A iniciativa tem como objetivos desenvolver hábitos de vida saudável; ocupar o tempo livre das crianças e jovens do concelho, em período de interrupção escolar; fomentar atividades desportivas, recreativas e lúdicas; possibilitar aos participantes conhecerem o património e os equipamentos culturais, com o intuito de potenciar a sua utilização, e fazer uma sensibilização para as áreas da ciência, da música e da leitura.

Os participantes vão encontrar experiências diferentes e igualmente enriquecedoras nas diversas atividades planeadas. As modalidades desportivas são o Futebol, Futsal, Basquetebol, HipHop, Orientação, Andebol, Ginástica, Badminton, Voleibol, Rapel e Karaté, entre outras atividades culturais e lúdicas.

As atividades decorrem  das 09h30 às 16h45, no Páteo Valverde, no Museu Municipal, no Auditório Municipal, no Complexo de Piscinas, no Pavilhão Municipal e no Centro Escolar Boavida Canada. O programa garante almoço a todos os participantes, refeição que será servida numa das escolas do Agrupamento de Azambuja, entre as 12h30 e as 14h00.

A taxa de inscrição é de 25,00 €, por semana, incluindo refeições, seguro, transporte e atividades. Os participantes que usufruem de Acção Social Escolar relativa ao ano letivo 2011/2012, mediante a apresentação do comprovativo, pagarão 5,00 € no escalão A, sendo o valor para o escalão B de 12,50 euros, por semana. Os inscritos que sejam membros de uma família numerosa têm direito a 50% de desconto, tal como definido nas “Medidas de Apoio a Famílias Numerosas” promovidas pelo Município de Azambuja, também mediante apresentação de comprovativo.

Refira-se que as inscrições terão de ser efetuadas nas Juntas de Freguesia do Concelho, até ao dia 04 de Julho.
Para mais informações, contactar o Núcleo de Desporto da Autarquia, através do telefone 263 400 475 ou do e-mail desporto@cm-azambuja.pt<

mailto:desporto@cm-azambuja.pt>, ou ainda as Juntas de Freguesia do Concelho de Azambuja.


publicado por Noticias do Ribatejo às 17:19
link do post | comentar | favorito
|

SANTARÉM: AgroCluster Ribatejo promoveu produtos alimentares da Região junto de importadores alemães

AgroCluster Ribatejo promoveu produtos alimentares da Região junto de importadores alemães

 

 

Entre os dias 18 e 21 de Junho, o AgroCluster Ribatejo recebeu a visita de dois importadores alemães à região, SPEUSER KG e BOM DIA – Agentur für Direkt-Importe, interessados em comercializar no seu país produtos alimentares da região do Ribatejo.

 

Como promotor da iniciativa, o AgroCluster Ribatejo, com o apoio da associação NERSANT, acompanhou a visita dos dois importadores alemães a diversas empresas da região. Tendo em conta os produtos de interesse definidos por cada importador – essencialmente vinhos, azeites e vinagres, doces e marmeladas, frutos secos, pasta de azeitona, temperos e especiarias, e água – foram visitadas as empresas Vale Pardinhos, Zé Bairrão, Almojanda, Victor Guedes, Quinta do Coro, Comtemp – Companhia dos Temperos e Frusel.

 

De acordo com o AgroCluster Ribatejo, o balanço da visita é extremamente positivo, havendo grandes perspectivas de concretização de negócios pelo interesse demonstrado pelos importadores alemães nos produtos portugueses. No final das visitas, os empresários aproveitaram para sublinhar que esta iniciativa constituiu uma excelente oportunidade para se familiarizarem com a oferta vasta e de alta qualidade das empresas associadas do AgroCluster Ribatejo, prometendo contribuir para que os contactos estabelecidos se transformem em contratos concretos.

 

De referir ainda que a SPEUSER KG é uma empresa importadora/distribuidora alemã de produtos alimentares estabelecida numa zona da Renânia (perto de Aachen) onde vivem muitos portugueses, tendo interesse em incluir no seu portfólio produtos alimentares do nosso país. Quanto ao BOM DIA, trata-se de um importador directo de produtos seleccionados “gourmet” na área de vinhos e alimentos de Portugal e Espanha. Para além dos produtos mais populares da Península Ibérica também comercializam produtos diferenciados destinados a mercados gourmet.

 

Agrocluster Ribatejo

O Agrocluster Ribatejo foi constituído em 2009 e conta com 75 associados. Tem como objetivo promover a cooperação entre as empresas do setor agroindustrial e é responsável por um volume de negócios de 1.700 milhões de euros, 5.000 postos de trabalho, 400 milhões de euros em exportações e 63% da superfície agrícola utilizada no continente na sua área de intervenção: Ribatejo e Alentejo.

 

NERSANT

A NERSANT Associação Empresarial da Região de Santarém foi criada em 1989. É a maior associação empresarial do distrito e da AIP (Associação Industrial Portuguesa), e uma das únicas que mantém o carácter regional. Foi a primeira Associação Empresarial do país com Certificação de Qualidade ao abrigo da Norma EN ISO 9001:2008.

 

Tem mais de 1700 associados (em 2011 cerca de 150 novas empresas se juntaram à associação), de diversos sectores de actividade. Para além da sede, em Torres Novas, conta com cinco núcleos na região: Benavente, Abrantes, Santarém, Cartaxo, e Ourém.

Tem uma acção dupla, que assenta no apoio à actividade empresarial e na promoção do desenvolvimento económico e territorial da Região do Ribatejo.

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:18
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Centro Cultural Azambujense encerra ano letivo "em festa"

O Centro Cultural Azambujense continua a comemorar, neste ano 2012, o seu 111º aniversário. O programa da efeméride inclui um vasto conjunto de atividades, que têm decorrido ao longo dos últimos meses.

O próximo evento será a festa de encerramento do ano letivo das diversas atividades culturais desenvolvidas pela coletividade. A festa realiza-se no serão de sexta, dia 29 de Junho, com início às 21h00, na sede do próprio Centro Cultural. Pelo palco irão passar a grande maioria dos alunos das Escolas de Música e Guitarra  do Centro Cultural Azambujense.

A iniciativa tem o apoio da Câmara Municipal de Azambuja e a entrada é livre.

Para mais informações contactar através dos números 263 403 297, 91 856 89 36 (Vasco Ramos) ou pelo email ccazambujense@gmail.com<



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:18
link do post | comentar | favorito
|

VILA FRANCA DE XIRA: Universo taurino é centro das atenções na 23.ª Semana da Cultura Tauromáquica

Universo taurino é centro das atenções na 23.ª Semana da Cultura Tauromáquica

De 30 de junho a 5 de julho, Vila F. Xira centra atenções no universo taurino, através da realização da 23.ª Semana da Cultura Tauromáquica. A iniciativa antecede a 80.ª edição do Colete Encarnado, afigurando-se como um momento preparatório para a animação que se segue.

Com a parceria da Casa-Museu Mário Coelho, estão previstas vários exposições e momentos de reflexão e debate ao redor da Festa Brava, abrangendo as mais diversas temáticas e motivos de interesse.

Um dia antes da sua abertura oficial, é também inaugurada a exposição que celebra os 80 anos de vida do Grupo de Forcados Amadores de Vila Franca de Xira, patente no Museu Municipal, pelas 22h00.

 

Programa da XXIII Semana da Cultura Tauromáquica

Exposições:

(Inauguradas a 30 de junho pelas 15h00. Patentes até 15 de julho. Org.: Casa-Museu Mário Coelho)

Pintura de Humberto Parra

Apresentação - Coronel José Henriques

Salão Nobre da Câmara Municipal

 

Fatos de Tourear

Escadaria da Câmara Municipal

 

Leques e Esculturas

Leques e esculturas da festa dos sécs. XVII e XIX

Apresentação - Coronel José Henriques

Rua Dr. Miguel Bombarda, n.º 155

 

Comemoração dos 80 anos do Sector 1

Espólio do Grupo Tauromáquico “Sector 1”

Apresentação - Dr. Manuel de Moraes

Rua Dr. Miguel Bombarda, n.º 161

 

Tragédia e Glória - Momentos da festa

A Fé e a Devoção - Exposição de pequenas capillas (oratórios que acompanham os toureiros)

Apresentação - Coronel José Henriques

Núcleo Museológico do Mártir Santo

 

Colóquios:

(Salão Nobre da Câmara Municipal - 21h30; Org.: Casa-Museu Mário Coelho )

30 de junho

“Amores e Desamores Toureiros: Desde Paquiro até ao momento atual”

Oradoras: Las Majas de Goya; Dr.ª Maria Angeles Grajal; Maria Angeles Sanz; Elena Aznar e Maria Tereza Palha (Duquesa de Palmela)

Moderadora: Maria da Luz Rosinha

 

2 de julho

As Damas Negras - Cornadas

Oradores: Don Maximo Padrós (Médico Cirurgião e Chefe de Equipa da Praça de Touros de Las Ventas, Madrid); Maestro Jaime Ostos; Maestro Andres Vasquez; Maestro Rui Bento Vasquez 

Moderador: Mário  Coelho

 

4 de julho

A Política e os Touros

Oradores: Dr. Demetrio Perez (Ex-Delegado da Junta de Andalucia, Sevilla); Dr. Francisco Moita Flores (Presidente da Câmara Municipal de Santarém); Dra. Maria Gabriela Canavilhas (Deputada e ex-Ministra da Cultura)

Moderador: Enrique Piriz

 

 

29 junho - 21h00

Peddy Paper Taurino

Concentração no Largo da Câmara

Org: Clube de Campismo de Vila Franca de Xira “As Sentinelas”

 

29 junho – 22h00

Inauguração da Exposição “80 anos dos Forcados Amadores de Vila F. Xira”

Patente até 30 Dezembro

Museu Municipal de Vila F. Xira (R. Serpa Pinto)

 

30 de junho - 14h00

Tertúlias na Rua

Rua Almirante Cândido dos Reis

Apoio: Junta de Freguesia de Vila Franca de Xira

 

5 de julho - 22h00

Celeiro da Patriarcal

Fado, com António Pinto Basto – Integrado na inauguração da exposição “Glórias de Vila Franca”



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:17
link do post | comentar | favorito
|

AZAMBUJA: Rancho da Casa do Povo de Aveiras de Cima organiza festival de folclore

O Rancho Folclórico da Casa do Povo de Aveiras de Cima vai organizar a edição 2012 do seu tradicional festival nacional de folclore. O festival vai ter lugar no dia próximo 30 de Junho, com início às 21h30.

Oportunidade para apreciar as tradições de várias regiões do país, com a participação do Grupo de Danças e Cantares de Lordelo "Os Expansivos", do Rancho Típico de Paleão - Soure, do Rancho Folclórico "Ceifeiras e Campinos" de Azambuja, além das atuações do grupo anfitrião, com o Rancho Infantil e o Rancho Adulto da Casa do Povo de Aveiras de Cima. Antes da exibição, haverá uma receção e apresentação de cumprimentos a todos os grupos, na sede da Junta de Freguesia local, e de um jantar convívio.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:13
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Forcados Amadores de Azam...

Temporada da Música - Pet...

Aproveite o que Santarém ...

COMEMORAÇÕES DO DIA MUNDI...

Tomaram posse os novos ór...

PROGRAMA DA FEIRA DE TODO...

NOVOS AUTARCAS TOMAM POSS...

Tradição e doçaria de Abr...

Comunicado dos Vereadores...

Centro de Arbitragem do S...

arquivos

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds