NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Domingo, 20 de Agosto de 2017
Sorrir com o olhar

FLORBELA

Por: Florbela Gil

 

Quando olhas para mim, vejo o teu sorriso estampado nos teus olhos, cor de mel, sim porque são poucas as pessoas, que sabem sorrir com o olhar.

Vou teu quarto, digo: -" Levanta-te, está na hora de ir para a escola."
 
Debruço-me sobre ti dando-te um beijo na testa, tu agarras-me o pescoço com teus braços, e dizes:-" Não vou! Vamos ficar aqui os dois!"
 
Entre beijinhos, e cócegas, lá te levantas, com preguiça, claro!
 
Mas mais um dia de escola te espera.
 
Outras vezes, do nada, te levantas da cadeira da secretária, vens ao pé de mim e dizes:" Dá-me um abracinho, mãe?."
 
Nem sabes o bem que me fazes, ás feridas, provocadas por outras coisas da vida, que ficam quase curadas, com com os teus miminhos, filho.
 
Gostava, que o teu irmão, fosse um pouco assim, mas já é um homem, cresceu com revoltas interiores. Sei que ele gosta de mim, mas não demonstra como tu.
 
Sabes que amo os dois, cada um, com a sua maneira de ser, meus filhos do coração. 
 
Gostava de um dia, ( eu já me orgulho) mas ter um orgulho imenso, de vocês, a nível de trabalho, e de realização pessoal, de terem a vossa família, de me darem, uns netinhos, adorava ser avó um dia. Poder gozar esse previlegio, antes de partir.
 
Sinto, no entanto, um buraco, um vazio no meu coração, preciso de algo que me preencha sempre, e não só às vezes.
 
Quem não precisa de amor? De carinho? Todo o ser humano, precisa. 
 
Eu sou uma eterna apaixonada, apaixono-me pelas coisas mais banais do planeta, por uma flor, um bichinho, uma paisagem, pelo campo, pelo mar,....o mar!
 
.....Adoro o mar, a sua brisa, o ondulado das marés, a espuma a desaparecer na areia, o vai, e vem da água, que me molha os pés.
 
Já no campo, adoro o silêncio ensurdecedor, do cantar dos pássaros, o barulho da água nas pedrinhas do ribeiro, o verde, e as variedades das plantas, os mais variados insectos, que não é comum ver-mos no dia a dia. Lindo.
 
Uma vez, fiz um passeio, a um jardim grande, muito fresquinho,  coloquei uma mantinha no chão, e deitei-me de barriga para baixo, o meu filho brincava perto com outros meninos.
 
Olhei para o chão, e perto passava um carreirinho de formigas.
 
É tão giro, vê-las, a caminhar apressadas, umas vão, outras vêm, de vez em quando, param frente a frente, parecem que dizem algo uma á outra, e cada uma segue o seu caminho.
 
O caminho, que todos nós seguimos. O de ir, sempre para a frente. Há que olhar para trás às vezes, para aprender com os erros. Porque podemos retroceder na vida, mas essa aprendizagem dá-nos força para caminhar mais á frente. De abrir os braços, e receber o que de bom a vida tem, e nos dá.
 
Claro, que nem tudo na vida é bom, temos que pensar quando estamos mal, ainda há quem esteja pior que nós.
 
Então, já é um bem maior, termos algo a que nos agarrar, aproveitar tudo o que de bom a vida tem.
 
Hoje, sou uma pessoa vivida, com alguma dureza, nas mais variadas situações, rio, choro, grito, e sorrio, para não chorar mais. Lavo a cara, e digo para o espelho, : - Vamos lá, tens que ser forte, para levar este dia da melhor maneira.!"
 
Ai, vejo a minha estrelinha, a minha luzinha, ao fundo do túnel. Levanto a cabeça, e digo para mim mesma: "- Não me hão-de ver triste!"
 
Meto o meu sorriso a funcionar, lembro-me das palavras do meu filho mais novo, do seu olhar, a rir para mim, e aí vou eu, viver mais umas horas, uns dias uns anos, o tempo que Deus me deixar.
 
Meu lema de vida, neste momento, é aproveitar tudo o que de bom a vida tem, minuto a minuto. Façam o mesmo. Sejam felizes.
 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 08:00
link do post | comentar | favorito
|

Medicinas Alternativas: em franca evolução!

MARINAMALTEZ

Por: Marina Maltez

 

 

Medicinas Alternativas: em franca evolução!

 

 

“Aos 18 anos foi quando comecei a interessar-me pela área da saúde. Foi quando comecei a investir em formações ligadas a esta área. Comecei inicialmente por tirar o curso de massoterapia e técnica de fisioterapia, depois especializei-me em massoterapia clínica, assim como em outras formações complementares e mais tarde em 2016 foi quando me licenciei em Medicina Tradicional Chinesa.”

É desta forma de quem encara o futuro de frente e com optimismo que a terapeuta Inês Coutinho dá início a uma entrevista informal, abrindo-nos as portas do seu espaço, explicando as vantagens destas técnicas e assumindo-se como claramente empreendedora, ou não fosse a proprietária do seu próprio gabinete. Como se costuma dizer “Há males que vêm por bem” e Inês trabalhava num Centro de Medicina Física e Reabilitação, a regime de prestação de serviços, mas “Em 2015 começou a haver uma quebra de utentes no qual me dispensaram, foi então que decidi abrir um negócio próprio a tempo inteiro.”. Outra coisa não seria de esperar desta jovem alpiarcense, de raízes fincadas nesta terra e sem medo de “arregaçar as mangas e ir à luta” e afirmar as vantagens da área em que exerce:

“Em relação à Medicina alternativa ou Não Convencional é uma área com várias especialidades, entre as quais a Medicina Tradicional Chinesa, Osteopatia, Naturopatia, Fitoterapia, Homeopatia, e Quiropraxia. Hoje em dia, também devido ao processo de regulamentação em Portugal, estas áreas já tinham muita procura e agora mais pessoas têm aderido por ser um mecanismo de tratamento natural e sem utilizar fármacos químicos. Tenho tido pacientes de Alpiarça e arredores que já conhecem e aderem a estas áreas. Especialmente à Medicina Tradicional Chinesa e à Osteopatia.”

Tivemos curiosidade em saber quais as grandes vantagens desta área e para a terapeuta é claro:

“As vantagens são inúmeras, tais como actuar na prevenção de doenças; pode ser aplicada em todas as idades e sexos, podendo ainda ser facilmente associada a outras modalidades terapêuticas, melhorando assim a qualidade de vida; o Gabinete de Medicina Alternativa e de Reabilitação tem ao seu dispor tratamentos de Medicina Tradicional Chinesa, Acupunctura, Fitoterapia, Nutrição/Dietética, auriculoterapia; osteopatia; massoterapia-massagens terapêuticas, massagem de relaxamento, massagens desportivas, drenagem linfática manual ou com pressoterapia; reflexologia podal; chiatsu e mesoterapia homeopática. Para marcação de consulta é contactar o número de telemóvel 912 017 764, sendo que o horário de funcionamento é das 10:00 às 13:00 e das 15:00 às 20:00, sendo que o atendimento será sempre por marcação.”

received_10213034863762964

Esta jovem, apesar do seu já considerável percurso, não se fica por aqui e os planos para o futuro existem: “Os planos que tenho para o futuro é de investir na minha formação enquanto profissional da área da saúde. Pois nestas áreas nunca paramos de estudar, existe sempre técnicas com métodos novos que na maioria dos casos faz toda a diferença na reabilitação ou recuperação de quem me procura. E mais tarde quem sabe expandir o negócio, mas o segredo é a alma do negócio!”

Sendo a nossa interlocutora um dos 66 elementos da lista CDU às próximas eleições quisemos saber como via o afastamento dos jovens em relação à vida política: “Não acho que os jovens estejam afastados da política, muitos deles tais como eu são independentes e a meu ver alguns podem ter cargos profissionais em que não gostam ou não querem dar a cara para não serem alvos de “politiquices”, pois hoje em dia é tudo em redor disto. Assumo que sou uma das candidatas à Assembleia Municipal de Alpiarça. Mas isto não interfere em nada do que sou como pessoa e do que as pessoas me conhecem, não coloco máscaras e acima de tudo respeito a opinião dos outros. Não podemos gostar de todos da mesma cor, clube e por aí adiante. Tem é que existir respeito”.

E assim damos a conhecer ou aprofundamos um pouco mais do que o leitor já pode conhecer deste Gabinete em funcionamento em Alpiarça: uma prova de que ser jovem e empreendedor é realmente possível!

P.S.: Agradecemos as fotos gentilmente cedidas pela Terapeuta Inês Coutinho

 

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:55
link do post | comentar | favorito
|

Cansada de tudo

ANAGRACIOSA

 Por: Ana Graciosa

 


Cansada!

 

Cansada…Desgastada… Vazia…

Cansada de pensar, em quem não pensa em mim

Cansada de estar longe, de quem não quer estar perto,

Cansada de dar tudo o que tenho, com quem só sabe desperdiçar,

Cansada de ser fria… Ninguém consegue aquecer nada e muito menos a alma,

Cansada que despertarem emoções em mim, que depois não conseguem alimentar,

Cansada de brincarem com um coração que não é de papel,

Cansada de não ser “nada”, quando podia ser tudo,

Cansada de procurar, por quem não me procura,

Cansada se ser insignificante aos olhos de quem nada merece,

Cansada de tentativas falhadas e de viver num mundo a que não pertenço,

Cansada de gente que desiste das outras,

Cansada de tudo



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:50
link do post | comentar | favorito
|

Sem amarras

ANAFONSECA

Por: Ana Fonseca da Luz

 

 

Sem amarras

 

Ainda te vi atravessar a rua, em passo lento, quase estudado, mas depois perdi-te quando cortaste a esquina da casa enfeitada de sardinheiras encarnadas e roxas.
Como ninguém me esperava, fiquei ali, sentado no passeio, admirando o trabalho minucioso da calçada portuguesa. 
Acendi um cigarro e, em vão, esperei que voltasses. Pousei os olhos na esquina da rua que te engolira e só entrei, quando o céu me mandou as primeiras gotas, que me caíram no pescoço, acordando-me daquele marasmo em que me encontrava.
À noite, não disseste nada!
Nem um telefonema, uma mensagem…
Não dormi.
Não sosseguei.
Só nesse momento compreendi que o que me unia a ti, não era apenas uma amizade transcendente, mas muito mais do que isso e que tu, provavelmente, te tinhas cansado da minha estupidez. Provavelmente, esperavas que, quando eu te dava a mão, para partilhar a tua tristeza, te roubasse todos os beijos que a minha boca, agora, tanto queria.
No outro dia esperei por notícias tuas.
E no outro…
E no outro…
Nada.
Tinhas partido. 
Tinhas finalmente cortado as amarras e partido para longe, como sempre tinha sido o teu desejo.
Pena eu não ter percebido que quando prendíamos as nossas mãos uma na outra, eu nunca tivesse percebido que os teus olhos, as tuas mãos e todos os teus sentidos e afectos me pediam para que eu partisse contigo...



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:46
link do post | comentar | favorito
|

pesquisar
 
Setembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


21

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

...

NERSANT em Marrocos a pro...

MASTODONTE no Teatro Sá d...

ATLETISMO DE PONTÉVEL REC...

FADO SOLIDÁRIO COM A CRUZ...

XXVIII TRAVESSIA DOS TEMP...

Quinta do Bill comemora 3...

Inscrições para a Univers...

CARTAXO ELEGEU REI E RAIN...

Festival Bike: A grande f...

arquivos

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds