NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Quinta-feira, 31 de Março de 2011
AUMENTO DO VALOR DE DESPESAS PÚBLICAS - REVOGAÇÃO

 Por: Anabela Melão

 

No final de um debate promovido pelos sociais-democratas, foram aprovados em conjunto, com os votos favoráveis de toda a oposição, quatro projectos de resolução do PSD, CDS-PP, BE e PCP de cessação da vigência deste decreto-lei do Governo, n.º 40/2011, de 22 de Março.

O presidente da Assembleia da República, Jaime Gama, referiu que, com esta votação, ficam em vigor os anteriores limites para a autorização de despesa pública, fixados no decreto-lei n.º197/99, de 8 de Junho.

Durante a apreciação parlamentar deste decreto-lei, toda a oposição contestou que se tratasse de uma actualização no valor correspondente à inflação acumulada desde 1999, assinalando que esta corresponde a 34 por cento e que os limites de autorização de despesa foram aumentados em valores superiores.

No caso do primeiro-ministro, o limite aumentou 40 por cento, de 7,5 milhões para 11,250 milhões de euros, no caso dos directores-gerais e ministros foi de 50 por cento e no caso dos presidentes de câmara de 100 por cento, apontou o PSD.

PSD, CDS-PP, BE, PCP e Verdes pediram uma justificação para estes aumentos, destacando o caso do primeiro-ministro.

O Governo e o PS preferiram, no entanto, acusar a oposição, em especial o PSD, de contestar agora uma decisão que, na parte respeitante às autarquias, autorizaram com a votação do artigo 38.º do Orçamento do Estado para 2010.

Esse artigo, aprovado com os votos favoráveis do PS e do PSD e com a abstenção dos restantes partidos, autorizava o Governo a legislar até 31 de Dezembro de 2010 para aumentar até ao dobro dos valores em vigor os limites de autorização de despesa por parte dos órgãos das autarquias locais, permitindo que esses limites fossem aumentados até três vezes no caso de urgência.

De acordo com o PCP, o decreto-lei hoje revogado, de 23 de março, é posterior a 2010 e, por isso, ilegal. O Governo contrapôs que isso é falso, porque o decreto foi aprovado em Conselho de Ministros ainda em Dezembro do ano passado, tendo depois seguido para promulgação e publicação.

O PCP questionou onde é que andou o decreto-lei, sabendo-se que o Presidente da República tem 40 dias para promulgar os decretos do Governo.

Este debate encerrou com a oposição a insistir em conhecer os motivos do Governo para actualizar os limites de despesa nestes valores e com os socialistas a acusarem-na de formar uma "coligação negativa" para revogar aquilo que antes autorizou



publicado por Noticias do Ribatejo às 09:40
link do post | favorito

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

pesquisar
 
Maio 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

18

23
24
25

26
27
28
29
30
31


posts recentes

Assinatura de Protocolo p...

Visita do ministro da Def...

POLITÉCNICO DE SANTARÉM P...

“Dê troco a quem precisa”...

Vêm aí as Férias Ativas V...

Ministro Vieira da Silva ...

Semana da Ascensão na Cha...

Entroncamento celebra o D...

LEVANTA-TE E RI EM DIRETO...

Juntos a construir o futu...

Feira Nacional de Agric...

Couro Azul é o grande ven...

NERSANT levou empresário ...

INFORMAÇÃO SOBRE EUROPEIA...

Festival da Biodiversidad...

Mercados itinerantes com ...

CONTAS DA ADMINISTRAÇÃO L...

Coruche - Prisão preventi...

Feira de Maio de Azambuja...

ALCANENA: Desenvolvimento...

Festival de Sopas – Covão...

Município de Alcanena jun...

Em junho a Freixianda ass...

Alunos de Artes da Univer...

CARTAXO INVESTE EM ILUMIN...

NA ROTA DO PÃO

Município de Azambuja vai...

Município de Azambuja apr...

BENAVENTE: Caminhada do L...

FALTAM 4 DIAS PARA O FES...

arquivos

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds