NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Domingo, 31 de Maio de 2009
José Miguel Noras foi investigado pela PJ durante 3 anos

Durante quase três anos, a PJ passou a pente-fino a vida de José Miguel Noras (PS), presidente da Câmara de Santarém entre 1992 e 2002.


A PJ recolheu muita documentação relativa a negócios polémicos realizados durante a sua presidência, como foi o caso da Quinta da Mafarra – um terreno junto à A1 vendido a um escudo por m² ao empresário Sousa Cintra.

Em Outubro de 2007, os inspectores bateram-lhe à porta para realizar uma busca, à procura de relógios e moedas alegadamente desaparecidos do acervo municipal.
Reputado coleccionador e especialista em antiguidades, o autarca disse "estar de consciência absolutamente tranquila". "Este processo já foi objecto de despacho de arquivamento, uma vez que nada desapareceu", disse o agora vereador em Lamego, revelando estar a "estudar a hipótese de mover uma acção contra o Estado", alegando estarem em causa "graves danos" provocados à sua imagem.
Sobre os seus rendimentos, Noras adianta que provêm da sua actividade profissional "como gestor e consultor de várias instituições empresariais e culturais".
APONTAMENTOS
IMPOSTOS EM DIA
Noras mostrou-se disponível para prestar todos os esclarecimentos sobre os seus rendimentos. "Dos serviços prestados, emito sempre o respectivo recibo, pago milhares de contos ao Fisco e tenho os meus impostos em dia", garantiu o autarca ao ‘CM’.
RELÓGIO PARA SARAMAGO
O autarca admira o escritor José Saramago e, por isso, ofereceu-lhe um relógio Ómega de Prata, de 1922: "Não foi nenhuma fortuna, mas não vou mencionar o montante porque seria indelicado, visto tratar-se de uma prenda."
PATRIMÓNIO DE JOSÉ NORAS
RENDIMENTOS 2006
Dependentes: 3.830,76 euros
Independentes: 117.854,53 euros
Prediais: 5.069,57 euros
Pensões: 42.813,54 euros
APLICAÇÕES, PPR E CONTAS
BPI: 50.661,45 euros
CGD: 20.000,00 euros
Depósitos a prazo: 3.027,34 euros
Depósito TOP15: 10.000,00 euros
Aplicação depósito: 1.010,37 euros
Depósito Euroinvest: 5.000,00 euros
Contrato Eurovida, PPR/E: 2.641,78 euros
Conta Caixa Gest PPA: 3.355,47 euros
MG aforro: 25.000,00 euros
IMÓVEIS
1 casa na Foz do Arelho: 77 metros quadrados cobertos / 23 metros quadrados descobertos
2 apartamentos em Santarém
AUTOMÓVEIS
Rover série 200
Opel Zafira DTI
«CM/João N. Pepino»


publicado por Noticias do Ribatejo às 16:45
link do post | comentar | favorito

Agride GNR no posto

Um militar da GNR de Vila Nova da Barquinha, Santarém, foi agredido anteontem de manhã dentro do próprio posto da Guarda por um homem que diariamente se tinha de se apresentar ali por ordem do tribunal. O agressor fugiu, enquanto o o militar teve ser assistido no hospital.
Com um vasto leque de participações em desacatos e assaltos, o homem, de cerca de 30 anos e forte compleição física, temeu perder a liberdade quando o militar o confrontou com a suposta participação numa rixa nessa mesma madrugada, num bar. A resposta do agressor, residente na Atalaia e conhecido por ser violento, embora nunca tivesse causado problemas nas apresentações anteriores, foi imediata: empurrou violentamente o militar contra uma porta de alumínio e fugiu.

O militar agredido estava sozinho na zona do hall – outros militares encontravam-se no interior do posto – e, com a forte pancada, não teve sequer reacção para perseguir o fugitivo, que está a monte. O cabo, que em mais de vinte anos de serviço terá sido agredido pela primeira vez, está agora de baixa médica, com problemas nas costas, dores torácicas e ferimentos num braço.

Ao que o CM apurou, as apresentações diárias deviam-se à participação do agressor numa rixa, há três anos, onde houve registo de tiros.

DETENÇÃO, SÓ EM FLAGRANTE

Apanhado de surpresa e afectado fisicamente pela agressão, o militar da GNR não ficou em condições para proceder à detenção imediata do agressor. Os restantes militares do posto também não se aperceberam do sucedido e o homem conseguiu escapar. Neste contexto, como não houve ordem de prisão em flagrante delito, terá de ser elaborado um auto de notícia e enviado ao Ministério Público.

O caso será agora analisado por um magistrado, que decidirá sobre o desenrolar do processo. Se o MP encontrar razões para a detenção, emite um mandado em nome do agressor. Caso contrário, pode mandar apenas notificá-lo para se apresentar perante um juiz de instrução criminal. Depois de ouvido, ficará então a conhecer as medidas de coacção.

«CM»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:31
link do post | comentar | favorito

Contra a GALP

 Quando o preço do petróleo atingiu o máximo histórico de 147 dólares por barril, o preço da gasolina 95 chegou a um euro e cinquenta cêntimos (300 escudos na moeda antiga).

Entretanto o preço do petróleo desceu significativamente: dos 147 dólares de há um ano, está agora à volta dos 55 dólares. Isto é, baixou 63%! Pelo contrário a gasolina 95, em vez de descer proporcionalmente estes 63%, desceu apenas 17%.

Por outras palavras ou, por outros números: aplicando os mesmos critérios que a GALP utilizou para a subida até aos 300 escudos por litro, a descida de 63% obrigaria a que o preço actual da gasolina 95 fosse de cerca de 56 cêntimos por litro (112 escudos). Isto é, menos de metade do preço actual de venda nas bombas da GALP, REPSOL, BP, e etc.

Como, infelizmente, não há regra nem lei que proíbam esta escandaleira, não se pode acusar a GALP de nos roubar a todos despudoradamente. Mas pode acusar-se de, em total impunidade, estar a praticar um inqualificável abuso e a causar enormes prejuízos aos portugueses e ao País.

Perante este escândalo, o que faz o Governo? Nada. Rigorosamente nada.

Perante esta assalto ao bolso dos consumidores, o que fazem as oposições? Nada. Rigorosamente nada.

Perante este autêntico saque aos salários dos trabalhadores portugueses – aqueles que felizmente ainda possuem automóveis e cozinham a gás – o que fazem os sindicatos para os defender da ganância da GALP – Intersindical e a UGT? Nada.

Rigorosamente nada.

Perante esta obscena exibição de lucro fácil, o que fazem as televisões, as rádios, os jornais, os jornalistas? Nada. Rigorosamente nada. Para sua vergonha ética e profissional tornaram-se cegos, surdos e mudos. E agem como se a GALP não existisse.

Perante este insulto aos portugueses, como é possível que o Sr. Manuel Sebastião, o responsável máximo da Autoridade da Concorrência, continue alegremente em funções? Como é possível que o Governo não o tenha já demitido, ou que as oposições não exijam a sua cabeça vazia de neurónios?

Como é possível que a única entidade que o elogia e defende seja a GALP e que não aconteça nada?

Por causa destas e de outras, os portugueses lá vão percebendo lentamente que vale a pena abastecerem-se mas bombas dos supermercados. Os quais, aliás, já detêm 30% do mercado. E isso bastou para que a ANAREC – isto é, a GALP por interposta associação – viesse há dias acusar os supermercados de venderem gasolina “marada”, que até estraga os motores dos carros. Mas sabem quem é que fabrica e vende essa gasolina “marada” aos supermercados? Quem havia de ser: a GALP!

Regresso ao ponto de partida: a gasolina 95 – de acordo com as contas que a GALP me ensinou a fazer – em vez de custar 250 escudos devia estar a ser vendida por menos de metade deste preço.

Não sou capaz de compreender como é que o Governo, as oposições, os sindicatos, os media, pactuam com este escândalo. Ainda por cima numa conjuntura de crise profunda. Realmente, não sou capaz de compreender.

E menos compreendo ainda, que – esquecendo os verdadeiros, graves e importantes problemas do País – todos os partidos andem por aí embriagados com os calores de uma campanha eleitoral que apenas debate e discute só o que é lixo e mal-dizer.

A GALP é claro, agradece.

José Niza/O Ribatejo

 

 

 

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:00
link do post | comentar | favorito

União de Sindicatos responde às críticas da Nersant

A União de Sindicatos de Santarém (USS) garante que “tudo continuará a fazer para que os direitos dos trabalhadores e os postos de trabalho sejam defendidos”. E reforça a “exigência de acompanhar a aplicação de apoios e/ou fundos públicos que sejam entregues ao patronato”.

 

A posição da USS surge em reacção à posição tomada pela Associação Empresarial da Região de Santarém, que criticou a actuação dos sindicatos no caso da empresa IFM/Platex, onde a produção parou e os trabalhadores e fizeram piquetes junto à fábrica reclamando o pagamento do salário de Abril. A situação acabou por ficar resolvida no dia 26 de Maio.

 

Em comunicado cujo teor demos conta na última edição de O MIRANTE, a Nersant considerou de "elevado risco" a estratégia dos sindicatos no caso da IFM/Platex lamentando que "legítimos conflitos laborais" sejam transformados em "acções de grande impacto mediático, mas comprometedoras da viabilidade das empresas".

 

A direcção da Nersant anunciou também a suspensão da sua participação no Gabinete de Crise criado no Governo Civil de Santarém para acompanhar a situação nas empresas de maior relevância durante este período de recessão, por considerar que esta não conseguiu "enquadrar a resolução do problema da Platex e evitar a agudização do conflito provocado por razões e objectivos que mais tarde se tornarão claros".

 

Em resposta, a União de Sindicatos responde à letra: “A suspensão da participação da Nersant na Comissão do Governo Civil não adianta nem atrasa nada pela simples razão que a USS/CGTP-IN nunca deu, nem dará cobertura a operações de cosmética social e política e era precisamente isso que o Governo e o patronato tinham combinado: ‘não levantar ondas’”.

 

“Os trabalhadores lutaram e sacrificaram-se pelo futuro da fim e ao fim de uma semana de luta o patronato lá se decidiu pagar o mês de Abril e a dizer que estava em negociações com o Governo, lê-se no comunicado da USS onde se garante que no dia 5 de Junho será feito um balanço da situação da empresa. “Nesse dia se saberá o que vale o patronato e que garantias vai dar quanto ao futuro da IFM”.

«O Mirante»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:21
link do post | comentar | favorito

Mil litros de vinho branco para bater recorde “Guiness” de provas de vinhos

A vila de Coruche vai tentar registar o seu nome do Livro dos Recordes do Guinness com a maior prova de vinhos do mundo. A façanha está marcada para dia 30, sábado, estando-se a definir se será melhor tentar o recorde antes ou depois da 45.ª Corrida de Toiros da Casa do Pessoal da RTP, que decorre na monumental coruchense, a partir das 22h15.

O recorde pertence à cidade espanhola de Aranda de Duero (Burgos) que alcançou a meta de 5095 em 15 de Setembro de 2006 (ver caixa). Coruche propõe-se chegar aos 5 500 provadores de vinho, mas uma prova com pelo menos mais um participante que a de Espanha já constituiu recorde.

Na arena vão estar mil litros de Monte da Casta, um vinho branco que deverá ser servido o mais fresco possível, produzido pela Quinta da Lagoalva de Cima, Alpiarça. A sugestão partiu do enólogo Mário Louro, responsável pela organização da tentativa de recorde. “É um bom vinho mas também tinha sugerido um rosé”, recorda Mário Louro.

Cada garrafa dá para servir 20 provadores. E é de uma prova que se trata. Serão necessários, pelo menos, tantos copos quantos os espectadores que podem lotar a praça, cerca de seis mil. Copos que vão ser de acrílico, de preferência com pé, diz Mário Louro.

“Por uma questão de temperatura o copo deve ter pé e é por aí que deve ser segurado. Este fenómeno será também uma oportunidade não apenas para bater o recorde do Guinness, como para salientar as qualidades do vinho favoráveis à saúde e apelando ao uso das substâncias à base de cortiça”, explica o organizador.

Na arena irá estar montada uma bancada à profissional, com cuspideira incluída para quem não quiser beber da prova. Mário Louro vai aproveitar o ambiente da Corrida de Toiros, à antiga portuguesa, para falar da Colegiada dos Enófilos de São Vicente, confraria da qual é fundador.

Uma equipa do conhecido Livro do Guinness vai fiscalizar todas as condições da tentativa de recorde e homologar a nova marca mundial de prova de vinho. Alunos da área de hotelaria das escolas profissionais de Coruche e de Salvaterra de Magos e da Escola de Turismo de Lisboa, vão estar na arena e nas bancadas para distribuir copos pelos espectadores.

 

Espanhóis provaram quatro vinhos para bater recorde

Aranda de Duero, província de Burgos, conseguiu em 15 de Setembro de 2006 juntar 5095 pessoas na praça de touros local a provar vinhos, nessa altura néctares provenientes de quatro adegas. Bateram o recorde anterior que pertencia a São Francisco (Estados Unidos) desde 1986, com 4.500 provadores. Em Espanha as entradas custaram dois euros para os participantes da tentativa de recorde. Os participantes tiveram ainda direito a caderno da prova, provador oficial, uma garrafa de vinho, além das quatro provas de adegas seleccionadas. E ainda tiveram acesso gratuito a concertos musicais.

«O Mirante»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:23
link do post | comentar | favorito

Sábado, 30 de Maio de 2009
Elevações de Samora Correia a cidade e Olival a vila aprovadas na Comissão do Poder Local

A elevação da vila de Samora Correia à categoria de cidade e a elevação de Olival (concelho de Ourém) à categoria de vila foram aprovadas por unanimidade pela Comissão do Poder Local na Assembleia da República. As duas iniciativas ficam a aguardar a discussão e votação em plenário no dia 12 de Junho às 10h00 em conjunto com outras propostas.

Em Samora Correia, já está a ser preparada uma comitiva de autarcas e populares que pretende assistir à discussão e votação da proposta no Parlamento.

A proposta de Samora Correia foi apresentada pelos grupos parlamentares do PSD, PS, PCP, CDS/PP e pela deputada não inscrita Luísa Mesquita e surgiu depois da aprovação de uma proposta por unanimidade na Assembleia de Freguesia de Samora Correia. Todos os pareceres solicitados aos órgãos autárquicos do concelho de Benavente foram favoráveis à elevação da vila de Samora Correia à categoria de cidade. A confirmar-se será a primeira cidade do sul do distrito de Santarém numa altura em que Coruche também manifestou intenção de solicitar a elevação à categoria de cidade no próximo mandato.

Em Samora Correia, mantém-se em funcionamento a comissão para a restauração do concelho no âmbito da assembleia de freguesia e o movimento cívico para a restauração do concelho, mas o Parlamento anunciou que não serão criados novos concelhos enquanto não houver uma revisão administrativa do país.

«O Mirante»

 

 

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 20:50
link do post | comentar | favorito

Agrotejo ajuda na legalização de poços e furos

A Agrotejo – União Agrícola do Norte do Vale do Tejo está a facultar apoio na formalização do processo de licenciamento de furos e poços. Quem pretender esclarecimentos adicionais, localização em mapa, formalização e entrega de documentação pode contactar a Agrotejo nas suas instalações na Golegã e na Chamusca.

Para a formalização do processo é necessário título de propriedade ou contrato de arrendamento, características do equipamento de bombagem, caderneta predial actualizada e mapa escala 1/2000 se possível. A nova regulamentação da lei da água obriga à legalização de todas as captações de água. O não licenciamento pode originar coimas até 25 mil euros.

«O Mirante»



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:07
link do post | comentar | favorito

Mulher descoberta morta em casa.

Uma mulher de 42 anos foi encontrada morta na cama, anteontem à noite, por uma amiga com quem tinha estado a conversar poucas horas antes, em Almeirim.
O corpo de Filomena Mendes estava deitado de costas, nu e rodeado de sangue e de fezes, enquanto a casa estava toda desarrumada, com vários objectos partidos e espalhados pelo chão.

As circunstâncias que envolveram a morte são, para já, um mistério, estando a ser investigadas pela Polícia Judiciária, que fez deslocar a casa da vítima uma equipa de seis elementos do Laboratório de Polícia Científica. Há fortes indícios de que se tratou de um homicídio, devido ao estado em que foi encontrada a casa e a vítima.

Filomena Mendes vivia sozinha, estava desempregada e, segundo vários vizinhos, tinha um grave problema de alcoolismo. O cadáver foi descoberto por volta das 20h00, por uma vizinha de quem era muito amiga. Estava morta há poucas horas, pois tinham falado uma com a outra já depois da hora de almoço. Assim que a viu deitada na cama, de costas, a vizinha correu para a rua a pedir ajuda, mas notou que estava um cheiro nauseabundo dentro de casa.

Segundo o proprietário da casa, a mulher era oriunda do concelho de Ourém e estava a residir em Almeirim há 12 anos. Era viúva e deixa um filho menor, que não estava a ser criado por ela.

«CM»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 14:31
link do post | comentar | favorito

Mudança de planos de viagem poupou Jaime Silva a protestos
Cerca de duas dezenas de pessoas receberam hoje em protesto o comboio em que o ministro da Agricultura deveria ter chegado a Castelo Branco, mas Jaime Silva afinal viajou de carro.
Já antes, à passagem da composição por Santarém, mais de uma centena de agricultores se haviam concentrado na estação ferroviária para criticar a política agrícola.

Ao contrário do anunciado, o ministro, que inaugura hoje a Bienal do Azeite, acabou por não viajar no Comboio do Azeite, juntamente com jornalistas e outros membros da organização da bienal.

Foram estes que acabaram por ouvir os insistentes apitos e buzinas do protesto organizado pela Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP), pouco depois das 16h00, à chegada à estação de Castelo Branco.

"Quatro anos de Governo contra os agricultores... basta", lia-se no folheto da CAP distribuído no local.

"Este Governo teve um mandato de quatro anos, uma maioria absoluta e fundos comunitários para aplicar, mas deixa a agricultura nacional na pior situação desde a entrada na União Europeia", referia o documento.

Em causa, o que a CAP considera ser a falta de pagamento das medidas agro-ambientais, falta de apoios a projectos de investimento e organizações de agricultores e o fim do apoio à electricidade verde, entre outras queixas.

Face à ausência do ministro, alguns dos presentes acusaram-no de "não querer enfrentar as críticas".

A ausência de Jaime Silva foi justificada com a deslocação à Feira Internacional da Cortiça e a inauguração do Observatório do Sobreiro e da Cortiça, em Coruche.

O governante acabaria por chegar na sua viatura, minutos mais tarde, à Câmara de Castelo Branco, lamentando não ter podido viajar de comboio.

A Bienal do Azeite 2009 vai contar com 100 expositores e 48 milhões de litros de azeite para incentivar consumidores e produtores a apostar no olival. Haverá produtos ligados à alimentação, mas também a outras áreas, como a cosmética.

O evento vai ocupar a zona da Devesa, no centro da cidade de Castelo Branco, até domingo e a organização espera receber 60 mil visitantes.



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:03
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 29 de Maio de 2009
Muita música na Feira do Vinho em Alpiarça

A XII Feira do Vinho do Ribatejo decorre entre quinta-feira e domingo em Alpiarça, no recinto de exposições da vila. A sessão de abertura está marcada para as 18h00 de 28 de Maio e tem a presença prevista do secretário de Estado adjunto da Agricultura e Pescas Luís Vieira.

O certame conta com um vasto programa de animação, de que se destacam a actuação dos Charruas e Amigos (quinta-feira), Deolinda (sexta-feira) e uma noite de fados com Vicente da Câmara, José da Câmara, Manuel da Câmara e Teresinha no domingo. Os espectáculos iniciam-se cerca das 22h00. Durante a feira há ainda danças de salão, folclore, tunas, demonstrações equestres, para além de provas de vinhos e de um colóquio sobre os Vinhos do Tejo. O desporto marca presença no domingo com a realização de um concurso de pesca infantil, um torneio de futebol de 7 infantil e um passeio de carros antigos.

«Mirante»



publicado por Noticias do Ribatejo às 23:25
link do post | comentar | favorito

A Rota entre Lisboa e Tomar vai ser relançada

 

O Governo português vai apostar no relançamento Rota do Património Mundial entre Lisboa e Tomar, uma iniciativa conjunta com o Instituto de Turismo de Portugal e que vai abranger os monumentos classificados pela UNESCO, entre Lisboa e Tomar designada por “Mosteiros Património da Humanidade”
Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, Convento de Cristo, em Tomar, Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça e o Convento de Santa Maria da Vitória, na Batalha, são os monumentos contemplados nesta nova Rota.
O objectivo é criar uma rota entre Lisboa e Tomar, tendo por âncora o turismo religioso em Fátima e depois estabelecer sub-rotas à volta desta e dos principais monumentos em cada região.

O projecto, cuja candidatura havia sido apresentada em Novembro passado, foi aprovado no passado dia 5 de Maio pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, pelo que tem início em Junho e vai decorrer até ao final de 2012.

O financiamento para a recuperação dos monumentos será efectuado por candidatura ao quadro de apoios europeu e está a ser feita pelo Instituto de Gestão do Património Arquitectónico e Arqueológico. Para já, conta com um investimento de 15 milhões de euros, sendo financiado pelo Programa Operacional Regional do Centro em 8,1 milhões de euros e pelo Programa Operacional Regional de Lisboa em1,6 milhões de euros.

Já está a decorrer um levantamento dos monumentos e do seu estado de conservação e só depois poderão ser efectuadas obras de recuperação e valorização.

Esta acção de recuperação e valorização também contempla a publicação de obras e sites sobre os monumentos e as zonas envolventes.



publicado por Noticias do Ribatejo às 14:27
link do post | comentar | favorito

Feira do Vinho do Ribatejo já abriu

“A denominação geográfica «Tejo» será um chapéu muito importante na promoção dos vinhos ribatejanos no mercado mundial”, segundo o secretário de Estado da Agricultura e Pescas.

Indiferente a várias vozes críticas que se manifestaram contra a denominação “Tejo”, Luís Vieira disse que esta mudança “era reivindicada há muito tempo pelos empresários da região”.

Durante a abertura oficial da XII Feira do Vinho do Ribatejo, em Alpiarça, na quinta-feira, 28 de Maio, Luís Vieira aconselhou os produtores “a apostar na diferenciação”, pois “se Portugal é um país pequeno que não pode produzir em grande quantidade, deve afirmar-se pela qualidade e diversidade”.

Segundo o responsável do governo, há cada vez mais marcas ribatejanas a afirmarem-se nos mercados mundiais, que são o grande objectivo para a produção nacional.

“Os vinhos do Ribatejo valem 14 milhões de euros por ano, dos quais 30% são para exportação”, disse, acrescentando que o governo dispõe anualmente de 30 milhões de euros para apoiar projectos de promoção dos vinhos nacionais fora do espaço da União Europeia. 
 «O Ribatejo»

Saiba outras notícias do Ribatejo

Basta visitar:

http://noticiasribatejo.blogspot.com


 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:18
link do post | comentar | favorito

Incêndios: Risco máximo em sete concelhos de Santarém e Portalegre
 O risco de incêndio é hoje "máximo" em sete concelhos dos distritos de Santarém e Portalegre, num dia em que se prevê uma ligeira subida das temperaturas, segundo o Instituto de Meteorologia (IM).

Os concelhos de Castelo de Vide, Nisa e Gavião, no distrito de Portalegre, e os concelhos de Sardoal, Abrantes, Constância e Chamusca, no distrito de Santarém, apresentam risco "máximo".

No Algarve, costa alentejana, região Centro e na zona de Viseu o risco de incêndio é de "muito elevado", de acordo com o IM.

Para hoje, o Instituto de Meteorologia prevê céu pouco nublado ou limpo, vento fraco a moderado do quadrante Leste e subida de temperatura.

O risco de incêndio engloba cinco níveis, que variam entre o "reduzido" e o "máximo". O cálculo do índice de risco de incêndio é feito com base nos valores observados, às 13h00 de Lisboa, da temperatura do ar, da humidade relativa, da velocidade do vento e da quantidade de precipitação ocorrida nas últimas 24 horas.

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:05
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 28 de Maio de 2009
Gabinete de Apoio ao Investidor na Câmara de Santarém

 

O GAI disponibiliza toda a informação necessária à implementação de novas empresas no Concelho, e informa/ esclarece sobre os incentivos financeiros, prazos para a presentação de candidaturas de âmbito comunitário, nacional e municipal;


O que é o Gabinete de Apoio ao Investidor (GAI)?

O Gabinete de Apoio ao Investidor (GAI) é uma estrutura da Câmara Municipal, criado em Outubro de 2008, vocacionado para prestar apoio na relação com os agentes económicos do Concelho, ou com os que aqui se pretendam instalar. Presta toda a colaboração e assegura a sua implementação e sucesso, promovendo a atractividade do Concelho e apoiando o processo de desenvolvimento sustentável do Município.

No sentido de satisfazer a premente necessidade de adaptar as estruturas do Município às dinâmicas sociais e às exigências de uma sociedade cada vez mais competitiva, o Município procura, com o GAI, estar mais próximo dos Munícipes. Presta-lhes apoio na criação ou desenvolvimento dos seus investimentos contribuindo, desta forma, para o desenvolvimento económico local.

Objectivos:

O GAI disponibiliza toda a informação necessária à implementação de novas empresas no Concelho, e informa/ esclarece sobre os incentivos financeiros, prazos para a presentação de candidaturas de âmbito comunitário, nacional e municipal;

Acompanha e apoia os empresários e investidores, nos serviços existentes na Câmara Municipal;

Atendimento:

O GAI, está situado no Edifício do DGUA (Departamento de Gestão Urbanística e Ambiental) da Câmara Municipal de Santarém, no Largo do Município.

Horário de atendimento:
das 09h00 às 12h00 e das 14h30 às 17h00.

Para além do atendimento presencial, as informações ou esclarecimentos podem ser obtidos telefonicamente todos os dias úteis, no mesmo horário, através dos números 243 304 601/604/607.

Poderá, de igual forma, utilizar o endereço electrónico
gai@cm-santarem.pt ou consultar a
página da Câmara Municipal de Santarém
em www.cm-santarem.pt

Fonte: GRP/STR

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:15
link do post | comentar | favorito

O comboio vai passar mais depressa em Coruche


A cortiça é uma janela de oportunidade para a valorização do concelho de Coruche, mas o professor de História que lidera câmara, Dionísio Mendes está a lançar alternativas para o futuro. Defende um crescimento harmonioso, com qualidade de vida, da futura cidade. Com o comboio de passageiros e o IC 13, Coruche ficará a menos de uma hora do centro de Lisboa.

 

 

Quando é que avança com a sua candidatura?

 

A ideia é fazer uma apresentação de rodo os candidatos do PS durante o mês de Junho após os feriados. Nesse momento se saberá as novidades com todos os candidatos. Até

lá não faremos anúncios parcelares.

 

Este cenário de crise alterou as prioridades dos municípios. Quais devem ser as linhas orientadoras do próximo mandato em Coruche?

 

A grande prioridade é o investimento das Águas do Ribatejo no saneamento básico em Coruche. Nos próximos quatro anos temos de dar um salto muito grande. Na área da saúde vamos concretizar o Serviço de Urgência Básico em Coruche e vamos reforçar a oferta de cuidados de saúde com a unidade móvel que vamos adquirir para chegar às pessoas mais velhas e com menos recursos. A unidade de cuidados continuados a construir pela Misericórdia, com 30 camas, será fundamental para esta área e a câmara está envolvida neste processo cuja construção avança este ano.

 

E na área social, o que é que está previsto?

 

Na área social, vamos reforçar o apoio na construção de vários edifícios para apoio à terceira idade nas várias freguesias e criámos um conjunto de medidas que permitem apoiar as famílias mais carenciadas. O município não pode substituir a segurança social mas pode ajudar as pessoas a viverem com menos dificuldades.

 

 

Está para breve a abertura da fábrica de águas da Nestlé. São mais 50 postos de trabalho.

 

Curiosamente a nascente de onde será captada a água chama-se nascente dos sobreiros porque tem alguns sobreiros lá perto. Isto mostra a importância do sobreiro no concelho de Coruche. O montado de sobro é um ecossistema com grande qualidade ambiental e a Nestlé escolheu bem o local. Esta unidade é mais um investimento na promoção do emprego e na valorização de alternativas aos produtos tradicionais como a cortiça, o pinhão, a madeira, o vinho e a beterraba. A aposta na água é uma alternativa forte. Tivemos algum mérito na conquista deste projecto que vai dar emprego a 50 pessoas.

 

Será uma boa promoção par a vinda de outros investimentos?

 

Esperamos que este bom exemplo seja seguido por outras empresas de qualidade. Estamos receptivos a recebê-las. Temos um projecto para uma fábrica de perfumaria e cosmética que avança ainda este ano no Monte da Barca. Com a nova área industrial com 60 hectares (área equivalente a 70 campos de futebol), queremos atrair para Coruche outros sectores e outras áreas de actividade, reforçando e valorizando sempre os produtos tradicionais.

 

 

O novo aeroporto vai tornar Coruche mais atractivo?

 

 

Com a proximidade do aeroporto vamos atrair novas empresas e muitas pessoas que vêm trabalhar à volta da cidade aeroportuária. Coruche está muito perto do local da construção e vai ter que aproveitar as oportunidades que aparecerem. Queremos investimentos de qualidade que criem emprego e desenvolvimento. Estou a falar de empresas de produção e serviços que possam trabalhar em função do novo aeroporto.

 

 

E o crescimento urbano. Como é que vai ser feito?

 

Coruche tem todas as condições para crescer, aumentando os perímetros urbanos mas vai ser um crescimento ordenado que privilegie a qualidade. Coruche pode marcar a diferença em relação a outros concelhos que estão à volta do novo aeroporto. As pessoas podem encontrar aqui a casa que não têm em Lisboa. Temos características muito próprias que permitem manter a qualidade de vida e atrair quem trabalha no aeroporto ou até em Lisboa. Vamos ficar a menos de uma hora do centro de Lisboa. Queremos crescer sem nos transformarmos num dormitório.

 

 

A ideia que avançou da possibilidade de haver uma ligação ferroviária de Coruche a Lisboa como está?

 

Há novidades agradáveis. Temos informação que a proposta que apresentámos há quatro anos foi bem acolhida e brevemente vai ser possível avançar com uma linha de transporte de passageiros entre Coruche e Lisboa, directamente para a Gare do Oriente numa viagem de 55 minutos com todo o conforto e comodidade. Há centenas de pessoas que todos os dias se deslocam de carro ou autocarro a partir do nosso concelho para Lisboa e vice-versa. Este transporte vai ser muito útil também para os concelhos de Salvaterra de Magos e Cartaxo. O sonho pode ser concretizado e será mais um factor de competitividade para Coruche com mais qualidade de vida para as pessoas.

 

E a central de camionagem quando é que fica pronta?

 

A obra recomeçou. O projecto foi todo revisto e estará pronta no Verão de 2010.

 

O quartel de bombeiros tarda em avançar?

 

Temos a candidatura pronta para entregar e ficamos a aguardar a sua aprovação. É uma obra importante que queremos concluir rapidamente, mas não depende apenas de nós.

 

E a eterna sede da Sociedade de Instrução Musical Coruchense (SIC)?

 

A sede da SIC está nas mãos da direcção da colectividade. Estamos disponíveis para construir no actual espaço da velha sede ou para ceder um terreno municipal onde se construa o edifício. Terá de ser a SIC a tomar esta decisão. Nós apoiaremos qualquer solução, mas não podemos ser nós s decidir. Aguardamos que nos comuniquem o que pretendem. Estamos decididos a apoiar esta colectividade centenária que é a mais antiga de Coruche.

 

 

Um dos problemas de Coruche são as acessibilidades. Tem feito sensibilização junto do Governo. Para quando o avanço do IC10 (Coruche-Almeirim) e IC 13 (Campo de Tiro de Alcochete- Coruche)?

 

Temos a informação de que o IC 13 avançará primeiro que o IC10. Será uma auto-estrada até à zona do Infantado, servindo o novo aeroporto, com uma ligação à A13 e a partir do Infantado para Coruche será um itinerário complementar sem portagem. Quanto ao IC 10 está prevista uma travessia do vale comum com o IC13 que será uma alternativa às pontes.

 

 

As pontes continuam em obras e prevê-se um Verão complicado?

 

Vamos ter grandes congestionamentos, apesar da alternativa da ponte militar. Vai ser caótico, mas espero que a conclusão seja rápida e que as pontes possam estar a funcionar em Agosto antes das festas de Coruche.

 

São pontes muito arrojadas com cores vivas?

 

As pontes são um ex-libris da vila e penso que a escolha destas cores diferentes em cada uma das sete pontes são uma ideia original que será bem recebida. No futuro espero que sejam usadas apenas para trânsito local.

 

Para quando a regeneração urbana do centro de Coruche?

 

Estamos a trabalhar nesse plano com uma candidatura para interferir no centro histórico com uma reabilitação de vários edifícios e na zona ribeirinha. Vamos também intervir na entrada norte da vila com um projecto de requalificação.

 

Coruche tem todas as condições para ser cidade. Vai apoiar a sua criação?

 

A curto prazo vejo como interessante que Coruche possa ter o título de cidade que pode dar alguma visibilidade acrescida. É uma ambição nossa, mas é preciso criar infra-estruturas que justifiquem o desígnio e nós vamos criá-las. Como coruchense e bairrista que sou, espero que Coruche seja elevada a cidade nos próximos quatro anos.

 

 

Vive a sua actividade com emoção. Não ficou abalado com os ataques feitos por autarcas à sua vida pessoal?

 

Eu gosto muito do que faço e sinto um enorme prazer no que tenho feito pelo meu concelho. Todas as tentativas de enxovalho são insuficientes para mudar a minha foram de estar e de servir o meu concelho. Entendo essas provocações como excessos da democracia que são situações de excepção que lamentamos, mas ultrapassamos com normalidade.

 

Como é que registou a solidariedade dos eleitos da CDU?

 

Foi normal. Em democracia a solidariedade é normal. Eu próprio tenho sido solidário com autarcas da CDU que também passam por situações semelhantes de serem caluniados ou difamados por outros eleitos. A vida continua, temos de saber conviver com estas situações.

 

 

Tem sido acusado de gastar muito dinheiro em campanhas de marketing. É um investimento com retorno?

 

Nós julgamos que estamos no bom caminho. Queremos atrair investimentos e mais habitantes para Coruche, queremos ser uma alternativa à vida em Lisboa e para isso temos de mostrar o que temos e todas as nossas potencialidades. É isso que fazemos com o Coruche Inspira onde juntámos um conjunto de iniciativas que estavam dispersas e projectámo-las junto da opinião pública. É semear para colher.

« Mirante»

 

 

 

 

Saiba outras notícias do Ribatejo

Basta visitar:

http://noticiasribatejo.blogspot.com

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:14
link do post | comentar | favorito

Acidente fez três feridos, entre os quais uma criança

Erro humano faz chocar avionetas

A atitude negligente de um piloto esteve na origem do choque entre duas aeronaves, ocorrido em Junho de 2008, em Alpiarça, do qual resultaram três feridos – entre os quais uma criança de dez anos –, revela o relatório final do acidente a que o CM teve acesso.

Segundo o Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves (GPIAA), o piloto da avioneta Piper, de 52 anos, voava sem plano de voo e aproximou-se demasiado do Cessna que descolara minutos antes do Aeródromo de Santarém.

O Cessna seguia a dois mil pés de altitude, de acordo com as instruções do FIS (Flight Information System), e era tripulado por um piloto em processo de renovação da licença de pilotagem, com a supervisão de um piloto-instrutor.

Quanto ao Piper, efectuava um voo de lazer, tendo aos comandos um piloto da zona de Santarém. Transportava ainda um adulto e uma criança. De acordo com o GPIAA, o piloto do Piper pediu ao do Cessna que reduzisse a velocidade e colocou-se por cima da aeronave, acabando por colidir.

O Cessna perdeu a hélice, mas conseguiu aterrar nos campos da Quinta do Inglês, em Alpiarça. O Piper perdeu um trem de aterragem, aterrou na mesma zona, mas incendiou-se. O GPIAA conclui que houve violação das regras do ar, através da operação "negligente e imprudente" de uma aeronave.

«CM»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 14:22
link do post | comentar | favorito

Prazo de regularização dos títulos de utilização de recursos hídricos prorrogado até 31 de Maio de 2010


 


 

 

A Presidência do Conselho de Ministros aprovou, no passado dia 07 de Maio, o Decreto-Lei que prorroga até 31 de Maio de 2010, o prazo para a regularização dos títulos de utilização de recursos hídricos estabelecido no Decreto-lei nº 226-A/2007, inicialmente previsto para 31 de Maio de 2009.

Esta prorrogação do prazo deve-se ao facto de as Administrações de Região Hidrográfica terem entrado em funções em Outubro de 2008, o que não permitiu desenvolver ainda uma campanha alargada de divulgação daquela obrigação, de forma a assegurar o maior número possível de adesões.

O objectivo da medida é, no final, dispor de um inventário tão completo quanto possível das utilizações dos recursos hídricos e diminuindo o risco de sanções sobre os utilizadores não titulados.

Refira-se que as licenças/autorizações/concessões ou comunicações são obrigatórias para todos os proprietários de terrenos em que haja qualquer tipo de utilização dos recursos hídricos que não esteja legalizada.

 

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 09:28
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 27 de Maio de 2009
Rui Manhoso acusa Finanças de estarem a matar o futebol amador

A Associação de Futebol de Santarém tem conhecimento dos problemas porque os clubes estão a passar, com a notificação dos ex-dirigentes para pagar dívidas antigas ao Fisco e à Segurança Social. “Dívidas que foram encontradas de uma forma pouco correcta”, segundo o presidente da associação, Rui Manhoso.

O presidente do Ferroviários do Entroncamento está a responder em tribunal, ex-dirigentes do União de Santarém, Abrantes Futebol Clube e Coruchense, já receberam notificações para pagar dívidas antigas, que vêm do início da década. “Até parece que querem acabar com o futebol amador. Os ex-dirigentes das SAD’s do desporto profissional não estão a ser responsabilizados como os carolas que estiveram à frente dos clubes amadores”, refere o presidente da associação.

Para Rui Manhoso esta situação pode ditar o fim do desporto amador no distrito de Santarém. “São dívidas antigas, de um tempo em que as exigências do Fisco não eram tão rigorosas e as contas dos clubes eram feitas de uma forma muito incipiente. De repente apertaram o cerco e lançaram impostos sobre lucros que os clubes nunca tiveram. É uma situação de grande injustiça”, garante.

O presidente da associação que já esteve presente em reuniões com outras associações garante que a notificação de ex-dirigentes só acontece no distrito de Santarém. “Voltamos a ser pioneiros nestas situações, situação que me entristece. Mas a Associação de Futebol de Santarém está preparada para dar apoio aos dirigentes. Aconselhamos os clubes a impugnar a 1ª acção e por fim deixar mesmo andar as coisas para tribunal”, referiu.

Para Rui Manhoso é preciso que o Governo e as Finanças revejam esta situação. “Actualmente os clubes estão a cumprir com o que lhes é exigido no plano de contabilidade, mas continuam assoberbados com as dívidas que lhes foram imputadas há muitos anos atrás”.

Contactado por O MIRANTE, o director de Finanças do distrito de Santarém, Mário Januário garantiu que não é só no seu distrito que esta situação está a acontecer. “Infelizmente é uma realidade nacional. E aqui no distrito de Santarém tenho feito tudo para que os clubes entrem no bom caminho, fiz reuniões onde lhes expliquei a forma como devem trabalhar, mas foi em vão, pouca coisa se modificou”, garantiu.

Sem o referir em concreto a qualquer clube ou situação, Mário Januário deixou no ar que mais notificações podem ser enviadas a qualquer momento, e garantiu que não é certo que os clubes estejam a cumprir com o Fisco e a Segurança Social. “Essa é outra situação que me entristece. Apesar de todos os avisos, de todo o tempo de espera que fui dando aos clubes, continuam a cometer os mesmos erros. No relatório que tenho em meu poder o valor das dívidas dos clubes aumentou substancialmente. Em 2006 a dívida era de um milhão e quatrocentos e sessenta e cinco mil euros, neste relatório do final de 2008, a dívida já se cifrava em um milhão seiscentos e setenta e seis mil euros. E nesta altura já evoluiu no pior sentido”, referiu o director, que acrescentou não haver qualquer perseguição aos clubes. “Estamos sempre dispostos ao diálogo e a ajudar a resolver os problemas, mas os dirigentes têm que perceber que há leis a cumprir”.

«O Mirante»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 21:14
link do post | comentar | favorito

Câmara de Rio Maior vai ajudar os desempregados

 A Câmara Municipal de Rio Maior vai acolher cerca de 240 desempregados do concelho em acções de formação e estágios profissionais, no âmbito de um protocolo que assinou no passado dia 21 de Maio com o Instituto do Emprego e Formação Profissional.
Silvino Sequeira, presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, justificou a adesão a esta iniciativa do Governo por entender que o Poder Local “tem um papel importante no combate ao desemprego” e deve um “acto de solidariedade para com as pessoas que atravessam maiores dificuldades num momento de crise”.
Segundo esclareceu, a integração destas pessoas no programa fará baixar em quase 40 por cento a taxa de desemprego no seu concelho.
A autarquia vai ainda assinar um termo de aceitação para estágios Qualificação Emprego, que terão uma duração de nove meses e visam a inserção ou reconversão de desempregados, complementando as suas qualificações com formação prática em contexto laboral.
Beneficiam desta medida pessoas com mais de 35 anos que estejam desempregadas, à procura de primeiro emprego ou de um novo emprego, recebendo uma bolsa e subsídio de refeição.

 

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:37
link do post | comentar | favorito

Misericórdia lança tele-assistência para idosos
 
A Santa Casa da Misericórdia Fátima-Ourém está a lançar um serviço de tele-assistência para apoiar os idosos do concelho em situação de isolamento, disse hoje à Agência Lusa a provedora da instituição, Fernanda Rosa.
 

O projecto consiste na colocação de uma pulseira no pulso do idoso ou de um colar no pescoço, dotados com um botão, enquanto na casa do utente é instalado um equipamento com intercomunicador que exige uma linha telefónica fixa.

Ao ser pressionado o botão, é feita a ligação a uma central de assistência da empresa Helpphone, parceira no projecto, explicou Fernanda Rosa, adiantando que os operadores afectos a esta central fazem uma primeira triagem da situação.

Dependendo do problema, o passo seguinte passa por accionar bombeiros, forças de segurança, técnicos da Santa Casa, familiares ou vizinhos.

“A experiência da Helpphone revela que 80 por cento dos contactos que são feitos é para os idosos, que se sentem sozinhos, conversarem”, disse a responsável, acrescentando que o serviço de apoio permanente pode ainda ser usado para recordar aos utentes a toma de medicação.

Sublinhando que esta iniciativa funciona como uma “bengala psicológica”, a provedora da Misericórdia Fátima-Ourém acredita que as “pessoas sentem-se mais seguras e mais tranquilas”.

“Este apoio dá resposta ao nível da saúde e da segurança, além de combater a solidão”, realçou ainda Fernanda Rosa, acrescentando que o serviço se destina a pessoas que vivam sozinhas ou que se encontrem temporariamente sem apoio social ou familiar.

Neste momento, o projecto está numa fase experimental, contemplando cinco idosos residentes na freguesia de Fátima, mas, até ao final do ano, a Misericórdia quer alargar o serviço até, pelo menos, 25 pessoas.

“Temos capacidade de resposta para chegar a todo o concelho”, afirmou a provedora, adiantando que o serviço tem um custo de 15 euros mensais. Mas, "ninguém deixa de o ter se não puder pagar”, assegurou.

São ainda entidades parceiras deste apoio permanente a Junta de Freguesia de Fátima e a Câmara Municipal de Ourém.

A Santa Casa da Misericórida Fátima-Ourém tem 31 idosos na valência de lar, 30 no centro de convívio e 24 a receberem apoio domiciliário.

Acompanha ainda 10 utentes no Gabinete de Apoio ao Familiar e ao Doente de Alzheimer.

«Lusa»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:49
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Dezembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


posts recentes

Concurso Nacional de Mel ...

Vale do Paraíso (Azambuja...

Centro Cultural do Entron...

Mercado de Natal na Chamu...

CORTE NO ABASTECIMENTO DE...

Pedro Abrunhosa: dois con...

Mais de 300 congressistas...

Câmara de Santarém reforç...

Artigo de Opinião: A Hipo...

NATAL

TEMAS DE SAÚDE: Sustentab...

Mãe Com Açúcar 

Aprovada candidatura que ...

Aproveite o que Santarém ...

Mercado de Natal na Chamu...

Plano Estratégico de Valo...

MERCADINHO DE NATAL NO CA...

Circule no Comboio de Nat...

DESFILE DA PAZ ASSINALA É...

Mercados de financiamento...

Ampliação do Centro de In...

Centro Cultural recebe es...

 Distrital do PSD de Sant...

Assembleia Municipal de A...

Coruche – Detidos em flag...

Bombeiros Municipais de S...

Santarém disponibiliza Pi...

Mais de 4000 passageiros ...

Município de Coruche ap...

Coruche promove programa ...

arquivos

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds