NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Terça-feira, 30 de Junho de 2009
Luísa Mesquita questiona parlamento sobre professores desempregados

A deputada Luísa Mesquita considera um “escândalo” o facto de cerca de 50 professores de Actividades de Enriquecimento Curricular (AEC) de Abrantes estarem sem receber há três meses, e apresentou um requerimento na Assembleia da República onde questiona o Ministério da Educação sobre as medidas que vão ser tomadas para regularizar a situação.

Os professores, tal como o nosso jornal noticiou, estavam contratados a recibo verde pela empresa Lúdico Ideias, vencedora do concurso promovido pela Câmara Municipal de Abrantes, e deixaram de dar aulas de educação física e expressão musical no dia 1 de Junho, devido aos salários em atraso.

No requerimento, entregue a 23 de Junho, a deputada independente quer que o governo apure “as responsabilidades dos parceiros envolvidos” (ministério, autarquia e empresa) e pergunta qual “a remuneração mensal paga a estes profissionais qualificados”.

“Obviamente que por decisão e permissão deste governo todos estes docentes trabalham a recibos verdes”, assinala Luísa Mesquita, lembrando que cerca de mil crianças ficaram sem aulas.

Recorde-se que a Câmara de Abrantes decidiu suspender o pagamento das AEC à empresa de Leiria em Abril, considerando que, perante o número de horas efectivamente ministradas e as faltas dos professores, já tem tudo liquidado até ao final do ano lectivo.

A vereadora responsável, Isilda Jana, disse ao nosso jornal “compreender o desespero dos professores”, mas acrescentou que a autarquia é “alheia a essa situação”.

Para os professores, a situação mantém-se num impasse, mesmo depois de uma reunião ocorrida na semana passada com o dono da Lúdico Ideias, Joaquim Albuquerque.

“Disse-nos que ia tentar arranjar dinheiro para pagar em Julho os salários referentes a Abril e Maio, mas voltou a desculpar-se com o facto da Câmara não pagar à empresa”, disse ao nosso jornal João Gonçalves, um dos docentes afectados por esta situação.

Neste encontro, estiveram presentes cerca de 40 dos 50 professores das AEC, e alguns deles já têm a folha de serviço com as horas leccionadas para apresentar nos concursos do Ministério da Educação, adiantou ainda João Gonçalves.

«O Ribatejo»

Saiba tudo sobre o Ribatejo.

Basta visitar:

http://jornalribatejano.blogspot.com

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 21:08
link do post | comentar | favorito

Maior ponte militar montada em Portugal abre hoje ao trânsito
A maior ponte militar alguma vez montada em Portugal abre hoje ao trânsito na vila de Coruche e vai permitir que os habitantes daquele concelho continuem a fazer a travessia entre as duas margens do rio Sorraia.
Devido às obras de manutenção nas várias pontes do concelho de Coruche, o Exército Português, a Câmara Municipal daquela vila ribatejana e o Instituto Estradas de Portugal - através da Direcção de Estradas de Santarém - celebraram um protocolo de cooperação para a construção de uma ponte metálica de 51 metros sobre o rio Sorraia, instalada num desvio provisório do trânsito da Estrada Nacional 114.

"As outras estão em manutenção e portanto encerradas ao trânsito e a alternativa foi montar uma ponte militar para permitir que o trânsito normal entre as duas margens", afirmou à agência Lusa o porta-voz do Exército, tenente-coronel Hélder Perdigão, a propósito desta infra-estrutura construída pela Escola Prática de Engenharia (EPE) e que irá ser utilizada nos próximos dois meses.

O militar referiu que os trabalhos em prol das populações são uma actividade habitual no Exército, mas salientou que nesta ponte há uma inovação: "É a ponte com maior vão, tem uma distância de 51 metros entre os seus dois pés, e portanto é a maior ponte metálica" feita em Portugal, disse o tenente-coronel.

Segundo o Exército, este tipo de pontes são montadas por vários blocos, quase como uma construção em 'LEGO', sendo que no caso da ponte de Coruche, que decorreu entre 08 e 19 de Junho, foram utilizados "232 painéis metálicos, ligados entre si por 45 vigas metálicas - totalizando um peso de 103 toneladas - e estiveram envolvidos cerca de 40 militares e 10 viaturas".

Desde há cerca de 30 anos que a Engenharia Militar, no âmbito do denominado Plano de Actividade Operacional Civil, desenvolve trabalhos em prol das populações, destacando-se "a abertura e beneficiação de mais de 43 000 quilómetros de estradas e caminhos, obras pioneiras e marcantes como as construções dos aeródromos do Pico, do Corvo e de Mogadouro, e o apoio a mais de 670 entidades".

São principais unidades executantes a Escola Prática de Engenharia (em Tancos), o Regimento de Engenharia Nº1 (em Lisboa) e o Regimento de Espinho Nº3 (em Espinho), cobrindo desta forma todo o território continental.

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:17
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 29 de Junho de 2009
Enguias-bebé rendem €500 o quilo

Um quilo de meixão, enguias-bebé apanhadas no Rio Tejo através de pesca ilegal e exportadas sobretudo para Espanha, pode render 500 euros por quilo, avança o Comando Distrital da Guarda Nacional Republicana de Santarém.

O meixão, que em Espanha é considerado uma iguaria de luxo, é capturado no Tejo por redes com uma malha muito apertada, que retém não só as enguias-bebé mas também crias de outras espécies.

A pesca da espécie é proibida por lei em todos os rios portugueses, com excepção do Minho, e o problema da pesca ilegal do meixão não é apenas do Tejo, verificando-se também com gravidade no Mondego e no Sado.

O major Joaquim Nunes, da GNR de Santarém, afirma à Lusa que o pescado, que não é consumido em Portugal, se destina à exportação, sendo vendido a peso de ouro para Espanha. "Todo o pescado - ao que sabemos - é exportado e há informações de que o mesmo é vendido para Espanha. É também voz corrente que os preços andarão entre os 250 euros e os 500 euros por quilo", afirma o militar.

Isabel Domingos, do Instituto de Oceanografia, admite que o meixão se destine a Espanha mas garante que "o grande promotor (da pesca do meixão) é o mercado asiático", que absorve também grande parte do pescado. "Os pescadores que conhecem muito bem o rio são as pessoas que continuam a fazer este tipo de pesca, (...) as pessoas da borda de água que sempre trabalharam no rio", atesta o major Nunes, da GNR de Santarém.

No entanto, Isabel Domingos, do Instituto de Oceanografia, acredita mesmo que existem "grandes redes muito bem montadas e que são difíceis de desmantelar", afirmando ainda que a fatia maior da pesca ilegal desta espécie não se deve aos pescadores locais.

A enguia está sinalizada pela União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN, sigla em inglês) como uma espécie em perigo, fazendo também parte das espécies ameaçadas registadas no Livro Vermelho de Vertebrados em Portugal.

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:34
link do post | comentar | favorito

Mação lança programa de apoio à recuperação de habitações degradadas
A Câmara de Mação vai apoiar parte das obras realizadas em casas degradadas no concelho, no âmbito da entrada em vigor do regulamento municipal para a conservação, reparação ou beneficiação de habitações que necessitam de intervenção.

Com este regime, válido para os próximos dois anos, a autarquia pretende incentivar e auxiliar os munícipes a repararem e conservarem as habitações degradadas, estando prevista uma comparticipação financeira, por agregado familiar, de "até 50 por cento" do custo total da obra.

Vasco Estrela, vice-presidente da autarquia, disse à Lusa que o programa de apoio "é válido para o centro histórico de Mação mas estende-se também a todas as freguesias do concelho", cujo parque habitacional esteja carenciado de beneficiações.

O autarca estimou em "cerca de 200 habitações" as que reúnem o perfil para uma candidatura ao programa de apoio, adiantando que, "se fossem recuperadas entre 100 a 120 casas em dois anos, seria muito bom".

O município aprovou ainda a distribuição de até 30 quilos de cal por agregado familiar para a pintura de fachadas, reduzir as taxas e licenças municipais em 95 por cento e ceder gratuitamente a maquinaria e equipamento da autarquia para a retirada de entulhos e demolições tidas como necessárias.

O autarca acrescentou que o objectivo da Câmara de Mação é "não só apoiar a recuperação do parque habitacional concelhio degradado, mas também incentivar a economia local, nomeadamente os pequenos empreiteiros, carpinteiros, pedreiros e comércio de materiais de construção, que se envolverão neste processo".
«Lusa»


publicado por Noticias do Ribatejo às 14:57
link do post | comentar | favorito

Concurso de Bandas

Concurso de Bandas da região de Santarém com vista ao apuramento para
o Concurso Nacional para Palco Novos Valores da Festa do Avante! 2009

3 de Julho, Sexta, 22h, em Alpiarça


À semelhança dos anos passados, a Juventude Comunista Portuguesa está
a realizar o seu Concurso Nacional de Bandas para o Palco Novos
Valores da Festa do Avante!

Esta iniciativa, que permite às bandas vencedoras actuar na Festa do
Avante! 2009, é mais do que um mero conjunto de concertos pelo país.
Na realidade, este concurso é a expressão do projecto
político-cultural da JCP e do PCP (de que a prática das autarquias CDU
é exemplo assinalável), um projecto de democratização do acesso e
fruição culturais – só possível a quem, como a JCP, leva as suas
reivindicações às massas juvenis e, com elas, constrói as condições
para a luta pela efectivação dos seus direitos, dos direitos de todos.
A cultura é instrumento emancipador dos povos e da juventude, em
particular. São inúmeros os espaços que os jovens portugueses formam
com vista à criação cultural, com particular destaque para as jovens
“bandas de garagem”. Estes grupos são espaços de criatividade,
intervenção, fraternidade, é expressão de liberdade.
Perante a vontade de criação de uma banda, as dificuldades que os
jovens encontram são inúmeras: desde o preço dos instrumentos, à falta
de formação nesta área em escolas públicas, à falta de espaços de
ensaio e experimentação, à falta de possibilidades de gravação, ou
mesmo as dificuldades de mostrar o seu trabalho, em espectáculos, fora
de um circuito comercial, vedado à maioria destes projectos,
dificultando a profissionalização nesta área.
O Palco Novos Valores é, portanto, uma oportunidade única que, para
além de  envolver milhares de jovens em todo o país, abre as portas a
diversas bandas para o mundo da música.

O concurso da região de Santarém, o Ribavante, realizar-se-á dia 3
de Julho, Sexta, em Alpiarça, no “Pavilhão do Partido”, com início
pelas 22h e nele actuarão 5 bandas do nosso distrito: Kwantta
(Abrantes), Os Outros (Torres Novas), Strap 58 (Cartaxo), TNB (Torres
Novas), Xtigma (Entroncamento)

A banda vencedora do Ribavante actuará na Finalíssima Sul
(eliminatória para as bandas vencedoras dos concursos dos distritos do
Sul do país) que, no dia 11 de Julho, no distrito de Évora


 

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:42
link do post | comentar | favorito

Lista do PS à Câmara de Abrantes renovada

Só dois dos actuais cinco elementos do PS no executivo da Câmara de Abrantes poderão permanecer nessas funções no próximo mandato autárquico: a vereadora Céu Albuquerque, que é candidata a presidente do município, e o vereador Manuel Jorge Valamatos, que é quarto na lista socialista. O actual presidente Nelson Carvalho já havia anunciado há muito que não se recandidatava e agora ficou a saber-se que também o vice-presidente da câmara Pina da Costa e a vereadora da Cultura Isilda Jana não integram a lista.

Rui Serrano, arquitecto de 36 anos, é o número dois. Em terceiro lugar surge Celeste Simão, professora de 46 anos. O sociólogo Pedro Saraiva, 38 anos, é o quinto da lista, seguindo-se Sandra Dias, 33 anos, directora do Centro de Emprego de Abrantes, e Carlos Lopes, enfermeiro de 43 anos.

“Quisemos construir uma equipa coerente, constituída por pessoas com a formação adequada, a experiência profissional, pessoal e cívica diferenciadora, capazes de assumir a responsabilidade e o compromisso de desenvolver o concelho de Abrantes com uma nova visão e uma nova ambição”, afirmou na apresentação da equipa Céu Albuquerque. A candidata deixou ainda uma palavra de apreço para Isilda Jana e Pina da Costa “pela forma como me ajudaram a criar as condições para efectivar esta renovação”.

Mais previsível é a lista de candidatos do PS à Assembleia Municipal de Abrantes, mais uma vez liderada por Jorge Lacão. Seguem-se nomes históricos do partido, como Nelson Baltazar, Helena Bandos e António Mor.

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:20
link do post | comentar | favorito

Domingo, 28 de Junho de 2009
Presidente da Câmara de Constância queixa-se do Governo


 

 

 

O presidente da Câmara de Constância considera “incompreensível” que ainda não tenha sido assinado o protocolo entre as câmaras de Constância, Barquinha, REFER e Estradas de Portugal visando a requalificação da velha ponte rodo-ferroviária sobre o Tejo. António Mendes (CDU) recorda que, em Novembro passado, o primeiro-ministro José Sócrates garantiu no Tramagal que essa intervenção seria feita, embora não tenha avançado prazos. Só após a assinatura desse protocolo é que a Estradas de Portugal pode lançar o concurso para execução da empreitada.

 

António Mendes diz também ser “inconcebível” que os apoios do Governo para a construção de um lar de idosos em Santa Margarida e de um centro de dia em Montalvo “continuem congelados”. O autarca lembra que o município “já investiu muito nesses processos” e que vai assumir as suas responsabilidades assim que os processos avancem.

 

Com o olhar posto nas próximas eleições autárquicas, Mendes, que vai deixar de ser presidente da câmara candidatando-se a presidente da assembleia municipal, diz que o progresso e desenvolvimento do concelho “não tem protagonistas em qualquer outra candidatura”.

«O Mirante»



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:14
link do post | comentar | favorito

Sábado, 27 de Junho de 2009
Apresentação das listas da CDU em Torres Novas

3

O que está em causa é a qualidade da nossa democracia caseira.

Por isso, nos dias que correm, tem mais valor esta gente que se apresenta

de cara lavada e espinha direita e que rema contra a corrente dos tempos.

Conhecemos direcções de colectividades que foram mudadas radicalmente

por causa de uma simples crítica ao poder.

Já vimos dirigentes serem escolhidos e mandatados de forma subreptícia

pelo poder.

Já vimos exemplos de prepotência e arrogância em demasia, exemplos de

autismo próprio do

 

“quero posso e mando”. “já está formalmente despoluído”? Já agora gostava“formalmente

 

E que dizer das viagens ao estrangeiro que continuam de vento em poupa

para as paragens mais exóticas do globo, mas sem que o concelho ganhe

alguma coisa com isso?

Que dizer dos gastos e despesas camarárias absolutamente infrutíferas em

almoços e jantares que continuam a engrossar o rol, como se ninguém se

importasse com isso?

E que dizer de propostas nossas que são liminarmente chumbadas com

argumentos ridículos, no fundo só por serem nossas, ainda que todos

reconheçam ser justas?

Este concelho está a necessitar de uma mudança no paradigma de gestão e

de desenvolvimento.

Este concelho não precisa de obras faustosas, mas sim de aproveitar os

equipamentos, património, infraestruturas e características que possui e

que, na maior parte dos casos, estão subaproveitados ou mesmo

desaproveitados.

Este concelho não precisa de grande crescimento e de mais construção que

desponta como cogumelos em ritmo desenfreado e um pouco por todo o

lado, mas sim de harmonia no desenvolvimento e de um correcto

ordenamento do território.

Este concelho não precisa de ilusões ou miríficas miragens alicerçadas em

projectos megalómanos completamente afastados da nossa realidade, mas

sim de pequenos investimentos adequados às nossas características e

posses e pensados racional e estruturalmente.

Este concelho não pode crescer voltado exclusivamente para a cidade, mas

sim de um desenvolvimento equilibrado que mobilize as suas

potencialidades e que se encontram um pouco por todo o lado.

Este concelho não pode ser a capital do hipermercado mas antes deve

privilegiar o investimento diversificado e o emprego qualificado.

Este concelho não pode viver em desigualdade, mas devem ser criadas

melhores condições de vida em igualdade de circunstâncias para todos.

Nós não queremos um concelho melhor só para alguns. Nós queremos um

concelho melhor para todos.

E é precisamente por isso que vamos lutar. Todos juntos.

Carlos Tomé

26 Junho 2009

 

CÂMARA MUNICIPAL TORRES NOVAS

1. Carlos António Lopes Tomé, Advogado, 51 anos

2. José Manuel Alves Mota Pereira, Sociólogo, 36 anos

3. Ana Filipa de Castro Rodrigues, Arqueóloga, 30 anos

4. Nuno Vítor Ferreira Nunes, Operário Fabril, 32 anos

5. Adriano Luís Reis Aguiar, Motorista de Passageiros, 55 anos

6. Elsa Margarida Santos Tavares, Professora, 46 anos

7. Hugo António de Oliveira Gonçalves, Engenheiro Informático, 31 anos

8. Maria Gabriela Lima da Silva Rosa, Farmacêutica, 58 anos

9. Jorge Alberto Pena Ramos, Médico, 66 anos

10. Joaquim Mendes António, Operário Têxtil, 66 anos

11. Ermelinda Júlia Rodrigues Gonçalves, Médica 55 anos

12. Hélder Rodrigues Lopes Dias, Professor, 48 anos

ASSEMBLEIA MUNICIPAL

1 - Manuel Sousa Ligeiro, Administrador Hospitalar, 60 anos

2 – Susana Domingos Gaspar, Bailarina /Coreógrafa, 29 anos

3 – Ramiro Silvestre Lopes Machado da Silva, Serralheiro Tubos, 54 anos

4 – Ana Cristina Santos Santo Banito Lopes Tomé, Assistente Técnica, 43 anos

5 – Hélder Manuel Martins Brites Moita, Mecânico Auto, 51 anos

6 – Rui Alves Pereira, Engenheiro Técnico, 58 anos

7 – Ana Ramos Maia, Engenheira do Ambiente, 28 anos

8 – António Antunes Canais, Programador de Fabrico, 74 anos

9 – Nuno Filipe Silva Guedelha, Consultor de Comunicação, 35 anos

10 – Maria Inês Beirão, Funcionária Pública, 31 anos

11 – José Duarte da Silva Vaz Teixeira, Médico, 64 anos

12 – José Alves Pereira, Professor Universitário, 61 anos

13 – Maria Helena Dinis Ramos Silva, Empregada de Escritório, 58 anos

14 – José Augusto Gomes Paixão, Chefe de Serviços, 64 anos

15 – Arlindo Grácio Inês Santos, Serralheiro, 61 anos

16 – Ana Rita Lopes Governo, Estudante, 20 anos

17 – António José Pereira Jorge, Maquinista da CP, 55 anos

18 – João José Lopes, Comerciante, 80 anos

19 – Catarina Eufémia Lopes Ribeiro, Escriturária 48 anos

20 – Pedro Jorge Souto Ferreira Rosário, Técnico de Arqueologia, 49 anos

21 – Álvaro Manuel Ferreira Maia, Engenheiro Químico, 60 anos

22 – Tânia da Silva Pereira, Arquitecta, 27 anos

23 – Luís Miguel Lopes Formiga, Engenheiro Produção Animal, 39 anos

24 – Orlando Alves Pereira, Técnico Fabril, 64 anos

25 – Sara Domingos Gaspar – Enfermeira, 25 anos

26 – Maria João Aguiar Marques – Auxiliar de Pastelaria, 24 anoa

27 – Manuel José Dias, Director Comerciaç, 66 anos

28 – Vanessa Alexandra Granja Gonçalves Pinheiro Borges, Estudante, 21 anos

29 – José Pedro Rosário, Guarda Prisional, 56 anos

30 – Ana Maria Ferreira Almeida, Assistente Técnica, 46 anos

MANDATÁRIO DAS LISTAS DA CDU PARA AS ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS

2009:

CARLOS TRINCÃO MARQUES - ADVOGADO

 

 

 

 

 

 

 

Fomos sempre uma oposição arrojada mas séria, atenta e interveniente,

crítica mas responsável.

Pela primeira vez na história da democracia em Torres Novas, há um

partido que já não tem representação na Câmara. Se dantes a sua voz era

pianíssima, porque nunca se importou grandemente pela comunidade,

agora está absolutamente calada.

No final deste mandato nada resta de palpável da passagem do outrora

representante deste partido pela Câmara.

Foram quatro anos desperdiçados em tricas partidárias, divisões internas,

acusações, falatórios e sobretudo muita falta de bom senso. Um caso

verdadeiramente lamentável para a democracia torrejana.

Daí que a CDU tenha sido, de facto, a única força organizada de oposição, a

única credível e com trabalho sistemático, a única com todas as condições

para fazer frente à maioria que gere os destinos do município.

Não usemos de falsa modéstia. Durante todo este mandato de quatro anos,

a actual maioria foi sempre obrigada a olhar apenas para a sua esquerda,

porque o resto não existiu.

E o concelho precisa de mais representantes da CDU na Câmara e na

Assembleia Municipal. Porque quantos mais forem eleitos mais se fará ouvir

a voz que faz falta.

As maleitas no nosso concelho são mais que muitas. E quanto mais tempo

se mantiver este poder mais vão sendo agravados os problemas do

concelho, as injustiças, as desigualdades, as carências, as dificuldades.

Neste momento não irei dar grandes novidades sobre o que tem sido a

gestão actual da Câmara nos últimos anos, porque temos vindo a denunciar

essas situações desde há bastante tempo.

Todos sabem que a Câmara tem sido gerida como uma coutada privada,

uma empresa que se molda e gere à medida e como se pretende, com

contratações de funcionários em que grassa o apadrinhamento e o favor,

em que se pretende meter mais de uma centena de funcionários à pressão

na Câmara com uma alteração de última hora do quadro de pessoal;

Em que se fazem trocas e baldrocas sempre para beneficiar os que vão ao

beija-mão;

Em que se fazem promessas sucessivas sem o mínimo de pudor;

Em que se tenta controlar tudo e todos de forma subreptícia num

adormecimento democrático verdadeiramente perigoso numa evidente

estratégia da aranha de controle de colectividades, órgãos de informação,

instituições, vontades diversas em troca de promessas e almejados

benefícios futuros;

Em que se impede por todos os meios o livre debate de ideias, a

participação dos cidadãos na vida que lhes diz respeito, a crítica por mais

débil que seja, a oposição por mais rudimentar que surja a qualquer

pretensão ou projecto de quem manda.

Nunca como nos dias de hoje se dobrou tanto a coluna vertebral até roçar o

chão em vénias veneradoras e obrigadas perante o poder.

Nunca como agora se disse tantas vezes “ámen”.

Nunca se aplaudiu tanto apenas para se estar de bem com o poder; se

evitou a palavra um pouco mais crítica com receio de ser mal recebida; se

engoliu a simples opinião discordante do poder.



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:01
link do post | comentar | favorito

Convocatória a todos os motards

 Caros amigos e motards, muitos já me conhecem, outros já ouviram falar de mim, sou Manuel Severino o pai do Rui Severino, o jovem de 22 anos que faleceu no acidente ocorrido no dia 9 De Agosto De 2008, no cruzamento com semáforos defronte à igreja de Cedofeita, no Porto. Rui Severino encontrou a morte cedo demais e deixou uma menina de 4 anos, até à data as entidades nada fizeram em prol da menina.
Rui Severino, tripulava a sua mota Honda CBR 600 RR, seguia a sua marcha normal, ao chegar ao cruzamento com o semáforo verde avançou, inesperadamente surge uma ambulância do INEM vinda da esquerda que não respeitou o sinal luminosos vermelho, o condutor conscientemente e por se julgar prioritário, rei e senhor não tomou qualquer providência e entrou como louco no dito cruzamento. Meu filho ainda tentou evitar a colisão, alterando a sua trajectória, travando a fundo, mas de nada adiantou, a mota levantou, fez Y e foi embater de tal forma violenta no cockpit e atirando o Rui a uma distância de 5 metros, acabando por falecer no local.
Na altura, e pós o acidente o jornalista Manuel Vitorino do JN, declarou falsas noticias. Como tal o Concelho Deontológico De Jornalismo, penalizou e condenou o mau jornalismo que foi praticado e como foram dadas as noticias.
No entanto está provado que o dito condutor da ambulância, de 26 anos, não tem carta apropriada para conduzir veículos em emergência médica, circulava a uma velocidade de 76 km hora, conduzia com uma taxa de alcoolemia 1.36 gl, onde passados meses vieram a desmentir que não tinha álcool e que foi um erro (dito pico de energia que provocou uma falsa leitura da máquina do IMG). Enganem-me que eu gosto.
E continua a conduzir veículos em emergência médica.
Eu como Pai e como motard, não bastando a perda do meu único filho, sinto-me repugnado com toda esta situação e tenho a certeza que todos vós também, por estas e outras razões, venho fazer o APELO a todos os motards e moto clubes: peço a vossa comparência no local do acidente junto á Igreja De Cedofeita no Porto no dia 8 de Agosto (sábado) pelas 15.00 horas. Para Homenagear o meu filho como também todos os nossos companheiros de estrada que partiram em situações idênticas e que não caiem no esquecimento, como tentam também encobrir este acidente, e os demais.
Haverá uma missa na igreja de Cedofeita e uma marcha lenta ate ao jazigo, no Cemitério de Pedrouços conscientemente onde está sepultado o jovem Rui Severino.
Deste já os meus agraciamentos, de um Pai triste e enlutado, espero a vossa colaboração e presença.
Manuel Severino



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:00
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 26 de Junho de 2009
“É preciso tomar a sério as crianças”

 
 

O congresso “Francisco Marto: crescer para o dom” que decorreu no final da semana passada no Centro Pastoral Paulo VI terminou com uma conferência proferida por D. José Policarpo sobre os desafios que a criança coloca à Igreja e à sociedade.

No decorrer da conferência, D. José Policarpo lembrou que “na comunidade que a faz viver, a criança não é apenas beneficiária. Ela é um elemento decisivo da solidez e da autenticidade dessa comunidade. Isto é particularmente verdade na comunidade familiar, em que as crianças podem ser decisivas na construção dessa comunidade, a começar na comunhão esponsal dos esposos que são pais, que descobrem nos filhos o elemento de coesão do seu próprio amor, que nunca mais poderá ser julgado só a partir de dois, mas a partir da comunidade que formam com os filhos”.

Para o Cardeal Patriarca de Lisboa, este é o aspecto mais dramático das famílias desfeitas. “Quando um casal se separa, tomam essa decisão só a partir de si mesmos, sem terem em conta os filhos, membros de pleno direito da comunidade familiar, para os quais se procuram soluções, que nunca substituem a perda da comunidade da vida”, afirmou.

Ao falar dos desafios colocados pelas crianças à Igreja e à sociedade, D. José Policarpo lançou também um desafio aos participantes do congresso, apelando “a todos os membros da comunidade, em qualquer idade e em todas as idades, que não apaguem no seu coração a criança que já foram e que permanece como modelo inspirador do que desejariam ser, no melhor dos seus ideais”. E confessou que também ele “não gostaria de acabar ‘infantil’; mas desejaria muito morrer com um coração de criança”.

“As crianças são uma interpelação para os adultos: é preciso escutá-las, tomá-las a sério”, realçou, para lembrar: “Quantas vezes elas são na vida de pessoas, devoradas pelas urgências do mundo, a única mensagem de beleza e simplicidade que nos podem abrir para o Reino de Deus. É preciso tomar a sério as crianças e a mensagem de vida que nos comunicam”.

D. José Policarpo defendeu ainda que “é preciso defender as crianças do espírito do mundo”, ao lembrar que “a sociedade contemporânea é capaz, não apenas de desconhecer, mas de corromper e violentar as crianças”. “A criança leva os pais a reencontrarem a criança que está neles, na prioridade dada à ternura que transforma todo o amor, a confiarem um no outro e em Deus, saindo da sua auto-suficiência, a captarem na vida a sua carga simbólica, carregada de mensagem, a confiarem mais do que quererem resolver tudo sozinhos. O Reino de Deus é para viver já neste mundo e semeia em nós o desejo de eternidade. É por isso que é bom desejar morrer com um coração de criança, abraçar a ‘irmã morte’ com a simplicidade com que se abraçou a vida”.

O congresso dedicado ao pastorinho vidente terminou com palavras de satisfação e elogios à organização pela forma como decorreu o congresso, que juntou algumas centenas de participantes e especialistas das mais diversas áreas, mas também com alguns apelos no sentido de escutar as crianças que têm muito a ensinar. Os participantes foram também unânimes em considerar que a figura de Francisco é portadora de imensas possibilidades e motivos de inspiração para os nossos dias.

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 19:12
link do post | comentar | favorito

Candidato Paulo Fonseca reclama mais médicos para Ourém

O candidato do PS à presidência da Câmara de Ourém escreveu uma carta à ministra da Saúde onde manifesta a sua “profunda inquietação e preocupação” quanto à escassez de médicos de família no concelho, que é o segundo mais populoso do distrito. Paulo Fonseca - que até há poucas semanas foi governador civil de Santarém, não se lhe conhecendo nessas funções posições públicas sobre um problema que se arrasta há anos – solicita na carta a intervenção de Ana Jorge “tomando até a ousadia de sugerir uma solução adequada para acorrer à emergência que se vive: a contratação de clínicos exteriores ao sistema público de forma a repor a necessidade imediata dos seis médicos em falta”.

Paulo Fonseca alega que “essa experiência já foi utilizada em outros locais, e em Ourém também, tendo sido reduzido o impacto negativo que a ausência de médicos suscita nas populações”. Depois recorda que “o Estado tem o dever de garantir assistência médica aos cidadãos e as câmaras municipais têm o dever de colaborar na construção de um modelo de resposta que seja adequado a cada realidade”.

O candidato socialista garante ainda que será esse modelo que proporá caso ganhe a Câmara de Ourém, “mas é também esta sugestão, em jeito de apelo dramático que lhe deixo para que o Estado possa responder de imediato à situação que se vive na minha terra. A população do meu concelho merece mais e melhor saúde”, defende Paulo Fonseca.

A falta de médicos de família no concelho de Ourém tido sido objecto de várias intervenções quer do actual presidente da câmara Vítor Frazão (PSD), quer do seu antecessor David Catarino. Em Março passado, Vítor Frazão reuniu-se com a ministra da Saúde para apresentar algumas reivindicações do município. Em causa estava sobretudo a falta de médicos de família nos centros de saúde e extensões do concelho. Situação que, segundo a autarquia, origina grandes atrasos na marcação de consultas, longas esperas nos atendimentos complementares e um número elevado de utentes sem médico de família. Estima-se que estejam nessas condições cerca de 14 mil cidadãos.

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:43
link do post | comentar | favorito

Dr.ª AMÉRICA CRAVO É A CANDIDATA À CÂMARA PELA COLIGAÇÃO PSD/CDS

 

 









 

Já a algum tempo que América Cravo tinha aceite o convite do PSD mas a negociação para com a coligação com o CDS/PP «atrasou a divulgação do nome da candidata» como adiantou ao “Jornal Alpiarcense” João Brito, responsável pela Concelhia de Alpiarça do PSD.
João Brito acredita que «esta candidatura vai alterar os resultados eleitorais» porquanto América Cravo «uma advogada alpiarcense é bem conhecida de todos como grande parte da população a estima e considera».
Uma candidata que se preocupa com Alpiarça e que conhece bem o funcionamento da Câmara porque já prestou a sua colaboração, na qualidade de advogada, para com a autarquia. Mulher simples, filha de alpiarcenses, é uma pessoa de fácil acesso e irradia simpatia.
O PSD vê assim concluído o processo de candidaturas para a campanha eleitoral às autárquicas como conseguiu chegar a consenso com o CD/PP e fazer uma Coligação.
«Jornal Alpiarcense»


publicado por Noticias do Ribatejo às 09:30
link do post | comentar | favorito

O Estado Novo investiu no Entroncamento para controlar os ferroviários

Escola de Aprendizes do Entroncamento e os seus Formadores merecem respeito

 

Estou a dirigir-me a V.Exª para mostrar a minha indignação pelo que o Professor Henrique Leal disse e o vosso jornal publicou num artigo que tem como titulo “O Estado Novo investiu no Entroncamento para controlar os Ferroviários”, na edição de 14/05/2009.

 

A determinada altura, referindo-se à Escola de Aprendizes da Fernave (C.P.) no Entroncamento, o orador diz que os aprendizes eram obrigados a fixar a frase da semana e que esta tinha uma certa carga ideológica.

 

Fui Aprendiz em 1967/69 e lembro-me de aprender algumas dessas frases, na disciplina de Tecnologia (Higiene e Segurança). Trabalhei durante 40 anos em oficinas da C.P. (Metalomecânica) e pela experiência que adquiri ao longo desses anos, devo confessar que as frases que me ensinaram nos aprendizes, na minha opinião, fazem todo o sentido, ou seja, são formativas.

 

Essas frases que o Sr. Professor diz serem carregadas de teor ideológico, foram copiadas de livros que também eram utilizados nas Escolas Industriais, logo os alunos do Ensino Oficial também tinham acesso a elas.

 

O orador disse ter ficado surpreendido quando em 2001 viu uma dessas frases escrita num quadro do Centro de Formação da Fernave “ Mede cem vezes e conta uma só”. Em meu entender esta frase transmite-nos que a operação de “medir” é importantíssima tanto na metalomecânica como noutras especialidades e que uma medida errada pode trazer grande prejuízo, daí a razão pela qual a frase estava exposta no quadro para que os nossos jovens pudessem meditar sobre ela.

 

O que irão pensar os leitores, depois de verem comparações, da Escola de Aprendizes com Escolas dos Nazis? O que irão pensar os leitores, dos Instrutores da Escola de Aprendizes, pela exposição da frase “ Mede cem vezes e conta uma só” ? O meu protesto é, por tudo isto e mais, porque em 2001 eu era Instrutor dessa Escola e por conseguinte um dos responsáveis pela exposição dessa frase “ Mede cem vezes e conta uma só”.

 

Quem me conhece sabe qual foi o meu passado e o que sou no presente, não tenho nada que me envergonhe posso andar de cabeça erguida em todo o lado não é o Sr. Professor que me vem catalogar politicamente. É caso para perguntar ao Sr. Professor porque não se refere aos êxitos da Escola e dos seus Alunos, ao longo da sua vida profissional? Tantos foram os Alunos que ao longo das suas Carreiras profissionais foram os melhores técnicos de Electricidade, Mecânica, Desenho, nas mais variadas empresas do nosso País. Outros chegaram a ser Quadros Intermédios e alguns tiraram as suas Licenciaturas e são hoje Quadros Superiores em muitas empresas. Porque não destaca os êxitos que os Aprendizes tiveram nos concursos Regionais e Nacionais de Aprendizagem promovidos pelo I.E.F.P.?

 

Pelos vistos o Sr. Professor está mais interessado em analisar politicamente do que tecnicamente. É pena, porque esta foi uma boa Escola e que a mim muito me ensinou.

Se hoje ainda fosse formador nessa Escola confesso que continuaria a divulgar e a pedir aos meus Aprendizes para que meditassem nessa frase “ Mede cem vezes e conta uma só”.

 

Pelo que foi dito no vosso artigo de jornal, tanto a Escola como os seus formadores saíram desprestigiados. O MIRANTE tem de esclarecer junto dos autores, o que foi dito e escrito e se houver erros rectificar, esclarecendo os seus leitores e repôr a boa imagem da Escola e dos seus Formadores. No caso do Sr. Professor não dar outra interpretação ao seu discurso devo deixar aqui bem vincado que repudio a sua análise e que tanto a Escola como todos os Formadores que por lá passaram ao longo dos anos mereciam ser respeitados.

 

Manuel Guerreiro Lopes.

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 09:02
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 25 de Junho de 2009
GNR apreende 21 quilos de plantas de canábis em Coruche



 

O Núcleo de Investigação Criminal da GNR (NIC) de Coruche apreendeu ontem à tarde 21 quilos de plantas de canábis (Marijuana) que estavam plantadas num terreno baldio na vila de Coruche. O alegado produtor estava referenciado pelas autoridades, mas não se confirmou uma situação de flagrante delito. Um suspeito foi visto várias vezes no local e decorrem investigações para provar ser o dono da exploração. As autoridades suspeitem que a droga estava a ser produzida para ser comercializada dada a quantidade de plantas existentes.

O consumo e a comercialização de canábis são proibidos em Portugal, embora sejam autorizados em vários países. A planta é utilizada para fins medicinais em medicamentos naturais e até na indústria farmacêutica. Já se realizaram várias manifestações em Portugal a favor da liberalização do consumo da canábis.

«O Mirante»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:00
link do post | comentar | favorito

Rio Maior: Encontro desportivo solidário dias 28 a 30
As Aldeias de Crianças SOS estão organizar para os dias 28 a 30 de Junho um Encontro Desportivo Solidário, em Rio Maior, que visa apelar à prática do desporto como «expressão de uma vida saudável».

Participarão cerca de 250 crianças, oriundas de 15 Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) de todo o país, que terão a oportunidade de experimentar diversas modalidades desportivas e de entrar num torneio de futebol.

A iniciativa conta com o apoio de várias empresas, que fornecerão alimentos para refeições; e de diversas figuras célebres do panorama desportivo, com Rosa Mota ou Susana Feitor.

«Vencedores são todos, pois, para as Aldeias SOS, é vencedor quem ultrapassa os obstáculos e encontra no convívio salutar com os outros a melhor forma de estar vivo», segundo o divulgado em comunicado.

Saiba tudo sobre o Ribatejo.

Basta visitar:

http://jornalribatejano.blogspot.com

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:45
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 24 de Junho de 2009
Federação de Cineclubes projecta sede em Abrantes

A Federação Portuguesa de Cineclubes pondera deslocalizar a sua sede do Porto para Abrantes, tendo em conta o «bom posicionamento geográfico» desta cidade e a «intensa actividade desenvolvida pelo cineclube local», EspalhaFitas.

Rita Freitas, presidente da direcção da Federação Portuguesa de Cineclubes (FPC), disse à agência Lusa que esta «vontade» decorre, também, de questões financeiras, uma vez que «as despesas são muito elevadas no Porto».

Por outro lado, a actual localização não facilita os encontros de cineclubes a nível nacional. «É muito difícil aos cinéfilos do Algarve, por exemplo, deslocarem-se tão para Norte, quando temos em Abrantes um ponto intermédio que assegura a equidade em termos de distâncias a percorrer», adiantou Rita Freitas.

A presidente da FPC, que conta com 32 estruturas federadas de norte a sul do país, afirmou que, no distrito de Santarém, «já existem quatro cineclubes a trabalhar» – Abrantes, Torres Novas, Tomar e Santarém – «o que é também factor a considerar».

Segundo Rita Freitas, «a ideia na forma de proposta» foi apresentada à Câmara de Abrantes, tendo sido bem acolhida.

A autarquia anuiu à cedência gratuita de um espaço para instalar a sede de Federação, pelo que agora falta concretizar a oficialização do processo em assembleia geral», acrescentou a responsável.

 Lusa

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:27
link do post | comentar | favorito

Cego burlado em compra de casa

 

Foram precisos quase 11 anos e uma decisão do Tribunal da Relação de Évora para sentar no banco dos réus um casal que terá alegadamente burlado um invisual na compra de um imóvel.

Os arguidos, residentes em Porto Salvo, Oeiras, começaram na terça-feira, 23 de Junho, a ser julgados no Tribunal de Abrantes por um crime de burla qualificada e outro de falsificação de documento.

Os factos remontam a Agosto de 1998, quando o lesado, João F. - que é cego – tentou comprar uma vivenda em Constância.

O imóvel valeria cerca de 75 mil euros, mas os proprietários estavam dispostos a vendê-la por 50 mil euros, devido a dificuldades financeiras.

O invisual pagou 17.500 euros na assinatura do contrato promessa de compra e venda, e pediu uma certidão da Conservatória do Registo Predial de Constância a assegurar que o imóvel estava livre de encargos, documento que terá sido falsificado.

Um mês depois, o lesado descobriu que a casa estava hipotecada à União de Bancos (entretanto extinta) e que tinha sido alvo de uma penhora por uma dívida não paga pelo proprietário.

Logo, nunca poderia ser transaccionada.

O arguido ainda prometeu devolver o dinheiro ao invisual, passando-lhe inclusivamente um cheque de 7.500 euros que veio devolvido por não ter provisão.

Em Dezembro de 2007, na fase de instrução criminal, o Tribunal de Abrantes e o Ministério Público decidem não pronunciar os arguidos e mandam arquivar o processo; consideraram que o lesado, os arguidos e os vários intervenientes no negócio prestaram declarações contraditórias em sede de inquérito, não sendo possível apurar com exactidão os seus contornos.

João F. recorreu então para o Tribunal da Relação de Évora, que deliberou em sentido contrário.

Segundo o processo, a que o nosso jornal teve acesso, os juízes desembargadores consideraram existir indícios evidentes da prática do crime e mandaram pronunciar os arguidos por burla qualificada e falsificação de documento.

O pobre a emprestar dinheiro ao rico
Em sede de inquérito, o arguido disse que nunca teve intenção de vender a casa.

Os 17.500 euros que João F. lhe entregou seriam apenas um empréstimo numa altura de aperto financeiro.

Contudo, a Relação de Évora considerou ser pouco plausível que um invisual de modestos recursos económicos se tenha dado ao luxo de emprestar dinheiro a um empresário que dizia ter negócios no estrangeiro.
 

«O Ribatejo»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:17
link do post | comentar | favorito

Museu de Mação inaugura dois espaços virtuais no Brasil
O Museu de Arte Pré-Histórica de Mação e a empresa Beneficts and Proficts inauguram, na próxima segunda-feira, a arqueomacao.tv no Brasil, com dois espaços museográficos virtuais instalados em rede com o museu português.

À parceria público-privada junta-se o Instituto Politécnico de Tomar (IPT) que, a convite do Governo do Estado do Piauí, inicia nas cidades de São Raimundo Nonato e Guaribas a criação de uma rede de pólos museológicos em todo o Brasil, especialmente vocacionados para o acesso das populações mais pobres ao conhecimento arqueológico.

«DD».

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:07
link do post | comentar | favorito

Margarida Veríssimo é a candidata do PS


A engenheira civil Margarida Veríssimo lidera a lista do PS que se candidata à Câmara Municipal de Constância nas próximas eleições autárquicas, anunciou aquela estrutura partidária.

Margarida Veríssimo, 47 anos, trabalha na Câmara Municipal de Vila Nova da Barquinha e é apresentada pelo partido como uma pessoa «com muita energia, dignidade, competência e ambição».

O Partido Socialista detém um vereador no actual executivo autárquico, que é liderado pela CDU (quatro eleitos).

O actual presidente da autarquia, António Mendes (CDU), que gere a autarquia há seis mandatos, não se recandidata ao cargo, liderando a lista da coligação à Assembleia Municipal.

À presidência da autarquia, a CDU candidata o astrónomo Máximo Ferreira, coordenador científico do Centro de Ciência Viva de Constância - Parque de Astronomia, criado há cinco anos.

O PSD, que chegou a deter a autarquia nos mandatos de 1979/1982 e 1982/1985, já anunciou a candidatura do actual presidente da Concelhia, António Oliveira.

Com três freguesias, o concelho conta com 3.502 eleitores.

«Lusa»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:00
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 23 de Junho de 2009
Câmara de Salvaterra avança com providência cautelar para travar ensaios com milho geneticamente modificado

A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos vai entregar uma providência cautelar contra a realização de ensaios com milho geneticamente modificado na área do município. A informação foi avançada pela presidente da câmara Ana Cristina Ribeiro reagindo à notícia que indica que a Agência Portuguesa para o Ambiente deu aval positivo a uma empresa privada para a realização desses ensaios em terrenos dos municípios de Salvaterra de Magos e Évora.

Segundo a agência, “nenhum dos locais propostos para os ensaios está inserido em zonas livres do cultivo de variedades de milho geneticamente modificado e as medidas de isolamento propostas para eliminar o risco de cruzamento com culturas de milho em terrenos vizinhos são consideradas adequadas”.

Uma garantia que não convence a presidente da câmara que referiu que tudo fará para travar os ensaios com milho geneticamente modificado nos solos da área do concelho.

«O Mirante»

Leia outras noticias do Ribatejo em

http://jornalribatejano.blogspot.com/

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 21:34
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Outubro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Aproveite o que Santarém ...

"O Ribatejo é uma das reg...

"O TEATRO VAI ÀS FREGUES...

SESSÕES PÚBLICAS PARA DEB...

Município aprova apoio à ...

Plano Anual de Educação d...

Alunos do Programa Erasmu...

Entroncamento comemora o ...

Já se iniciaram as obras ...

FESTA DAS VINDIMAS EM VIL...

CAMINHAR PARA UNIR TERRIT...

Tertúlia Festa Brava vai ...

PALADIN NOMEADA PARA PRÉM...

Tecfresh’18: Cothn promov...

Segundo dia do NERSANT Bu...

FEIRA DE SANTA IRIA: QUE ...

Economia circular em deba...

Workshop sobre Alimentaçã...

Intervenções na reunião d...

MAIS DE MIL CRIANÇAS À DE...

PSD faz balanço do 1º ano...

Novo livro de poesia de M...

ARRANQUE DO ANO LETIVO 20...

REPAVIMENTAÇÃO DE TROÇO D...

X Passeio TT Ourem /Front...

Coletividades de Azambuja...

"Temos empresários com mu...

AMPLIAÇÃO DA REDE DE SANE...

20 de outubro a 1 de nove...

DANÇA // “Doesdicon”

arquivos

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds