NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2015
Abrantes: Exposição “Maria Lucília Moita. 1928/2011

1.jpg

Até 20 de março, está patente ao público no quARTel – Galeria Municipal de Arte de Abrantes, a exposição “Maria Lucília Moita. 1928 |2011”.

Trata-se de uma mostra significativa, com apresentação de todas as fases do seu percurso artístico, do núcleo de obras legado pela própria, em vida, ao município de Abrantes. Estas obras fazem parte da coleção a integrar futuramente um espaço museológico. Foi com o apoio do seu filho, Miguel Simão, que tão intimamente conhece a sua produção pictórica e as várias fases que a representam, que é possível, pela primeira vez na Galeria quartel, reunir o maior número de obras já apresentadas em Abrantes, com simultâneas referências à sua obra poética.

“Maria Lucília Moita nasceu em Alcanena em 1928 [e faleceu em Abrantes em 2011]. De 1944 a 1946 teve lições com o pintor João Reis. Depois da primeira exposição individual na Sociedade nacional de Belas Artes em 1958, marcada pela pintura do seu mestre e dos pintores naturalistas (Silva Porto, Pousão…) da coleção Dr. Anastácio Gonçalves que era da sua família, começou um percurso que foi primeiro reação, depois, uma procura que só nos anos oitenta se afirmou sua “escrita” muito pessoal. Sempre o carvão e o óleo como processos. Em 1977, com o apoio dos serviços da Fundação Calouste Gulbenkian, expôs o percurso até então realizado num espaço da Câmara Municipal de Abrantes, onde vive[u] desde 1954.Fez exposições idênticas nalguns museus e outros espaços de cultura.” (Do Livro Maria Lucília Moita, 2004, Abrantes, Câmara Municipal de Abrantes, pág. 145).

A exposição pode ser visitada de terça a sábado, no horário das 10 às 12h30 ou das 14 às 18h30

2.jpg

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 20:40
link do post | comentar | favorito

Carnaval de Samora Correia - O Maior do Ribatejo

Samora Correia 2015

 

unnamed.jpg

Visite o Maior Carnaval do Ribatejo » de 13 a 18 de Fevereiro de 2015 a animação faz-se nas Ruas de Samora Correia » Corsos Carnavalescos, Carros Alegóricos, Grupos de Animação, Centenas de Mascarados.

Da festa que se faz pelas ruas da cidade, à forma como cada um celebra e sente os cinco dias de folia, sempre com as ruas de Samora como cenário para brincar ao Carnaval, a essência destes festejos marcam o Entrudono município de Benavente. Os fatos particulares de adultos e crianças, o carnaval trapalhão (tão tipicamente português), os acessórios e os Grupos Carnavalescos, que muito têm contribuído para elevar o Carnaval de Samora Correia ao estatuto de maior do Ribatejo.

Em contagem decrescente para uma das grandes épocas festivas da cultura popular local, fica o convite para se deslocarem até Samora Correia e participarem nas tropelias próprias destes festejos. Até porque “é Carnaval e ninguém leva a mal!”

Organização: ARCAS (Associação Recreativa e Cultural Amigos de Samora)

Apoio: Câmara Municipal de Benavente

 

Programa

 

13 – Sexta-feira

10.00h

Desfile de Carnaval com a participação do Lar de Idosos e

Jardim de Infância da Fundação Padre Tobias,

E do Agrupamento de Escolas de Samora Correia

Avenida O Século e ruas anexas

 

14 – Sábado                                                                                                                                  

21.30h

Coroação dos Reis do Carnaval (Rei – João Barradas | Rainha – Mariana “Pegacho”)  

Cerimónia protagonizada pela Associação Teatral Revisteiros,

com Encenação de Joaquim Salvador

Palácio do Infantado

 

22.30h

Noite de Carnaval – com a presença dos Reis -

Pavilhão da ARCAS

 

15 – Domingo

15.00h

Desfile do Corso Carnavalesco (Artista Convidado: Edna Pimenta – Cantora Baiana)

Avenida O Século e ruas anexas

 

16 – Segunda-feira

22.30h

Noite de Carnaval (“Puta da Loucura”, com Quim Bé e Rubim)

Pavilhão da ARCAS

 

17 – Terça-feira

15.00h

Desfile do Corso Carnavalesco (Artista Convidado: Edna Pimenta – Cantora Baiana)

Avenida O Século e ruas anexas

 

18 – Quarta-feira

21.30h

Enterro do Santo Entrudo

Ruas da Cidade

 

Ver vídeo do Carnaval aqui



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:19
link do post | comentar | favorito

TORRES NOVAS: AGENDA CULTURAL

5 de fevereiro | quinta

Cinema

Os Maias, de João Botelho

14h30 | Teatro Virgínia | secundário | 138min | 3€

249 839 305 | seducativo@teatrovirginia.com

 

 

7 de fevereiro | sábado

Ateliê | Animação

O Bichinho dos Livros

11h | BMGPL, oficina do conto | Público-alvo: 4 aos 10 anos | Gratuito | Duração: 30’

249 810 310 | biblioteca@cm-torresnovas.pt

 

Dança

Leonor Keil

21h30 | Teatro Virgínia | M/12 anos | 60min (c/intervalo de 15min) | 7,5€ (descontos aplicáveis)

249 839 309 | bilheteira@teatrovirginia.com | www.teatrovirginia.com

 

 

7 e 8 de fevereiro | sábado e domingo

Campanha de adoção de animais

11h às 16h30 | Jardim das Rosas

249 822 122 | canil.intermunicipal@cm-torresnovas.pt

 

 

12 de fevereiro | quinta

Palestra

Internet Segura

21h | BMGPL, auditório | Público-alvo: Pais, Encarregados de Educação, Professores e Educadores | Gratuito | Duração: 60’

249 810 310 | biblioteca@cm-torresnovas.pt

 

 

14 de fevereiro | sábado

Ateliê | Animação

O Bichinho dos Livros

11h | BMGPL, oficina do conto | Público-alvo: 4 aos 10 anos | Gratuito | Duração: 30’

249 810 310 | biblioteca@cm-torresnovas.pt

 

Música

Glenn Miller Orchestra

21h30 | Teatro Virgínia | M/6 anos | 90min | 15€ (descontos aplicáveis)

249 839 309 | bilheteira@teatrovirginia.com | www.teatrovirginia.com

 

 

Exposições

Até 27 de março

Arquivo da Tipografia Fonseca
Mostra documental

Átrio do Arquivo Municipal (BMGPL) | Todos os públicos
249 810 312 | arquivo.municipal@cm-torresnovas.pt

 

Até 21 de fevereiro

O Carnaval dos Animais

Exposição de originais do ilustrador, João Vaz de Carvalho

BMGPL, átrio

249 810 310 | biblioteca@cm-torresnovas.pt



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:19
link do post | comentar | favorito

TEMAS DE SAÚDE: Uma consulta para dez minutos

ANTONIETA.jpg

 Por: Antónieta Dias (*)

Esta tema merece-me reflexão, dado que por muito que se pretenda organizar o raciocínio clinico, não existem condições para se efetivar uma consulta em dez minutos.

No tempo dos serviços médico sociais contava-se uma anedota que vale a pena recordar neste momento:” um doente ao entrar no consultório do médico reparou que o clinico estava a passar uma receita e o doente questionou o médico, Senhor Doutor desculpe eu ainda não me queixei e já está a escrever a receita e o médico serenamente respondeu: não se preocupe que esta receita é para o próximo doente pois a sua já foi prescrita”.

Pelo que vamos assistindo no nosso percurso, dentro em pouco aproximamo-nos desta realidade, porém o desempenho desta atividade não será de certeza realizada por médicos, mas muito provavelmente por alguém que de medicina nada percebe.

Até já começo a sentir palpitações só de pensar no doente, pois será certamente dramático se tiver de recorrer à assistência “médica”.

Por palpitações entende-se a perceção inesperada pelo doente do batimento cardíaco.

Já estou a imaginar a situação, o doente entra no consultório e comunica ao profissional de saúde que está com palpitações, ora como é preciso fazer a colheita da história clinica, examinar detalhadamente o paciente, ausculta-lo, realizar um eletrocardiograma, fazer a requisição dos exames complementares de diagnóstico, aguardar os resultados, prescrever a terapêutica os dez minutos não chegam, mas há sempre uma solução milagrosa e então o profissional de saúde poderá gentilmente sugerir ao doente “ sabe talvez seja melhor não revelar essa queixa, pois só tem dez minutos para fazer a consulta e não vai dar tempo para investigar isso tudo.

Será que não sem outra queixa mais simples?

Mas, a situação ainda ficará mais complexa se em vez das palpitações tivermos um caso clinico de insuficiência respiratória grave em que o doente se encontra hemo dinamicamente instável e se não for convenientemente tratado irá morrer.

Mas no caso em apreço o profissional de saúde também terá uma excelente opção que poderá utilizar para conseguir realizar a consulta em dez minutos, convence o doente a não ser tratado e reza para que o paciente morra nos dez minutos destinados à consulta, o que se traduzirá numa enorme vantagem pois para além de cumprir o horário, consegue poupar na saúde e se for um reformado até contribui para diminuir o défice, pois deixará de receber a reforma.

Este profissional de saúde irá de certeza ter a direito à atribuição de uma medalha de mérito, pois para além de ter rigor no cumprimento do horário ainda consegue poupar para o Ministério da Saúde e para o Ministério da Solidariedade Social, pois conseguirá diminuir o número de reformados.

Perante um ato tão assertivo, este profissional deveria ter direito a duas homenagens de mérito.

Se mantiver os mesmos critérios irá de certeza resolver o desequilíbrio do orçamento de Estado para os dois Ministérios (Saúde e Solidariedade Social).

Se tudo correr bem, já não serão precisos tantos Hospitais, poder-se-á até ir mais longe e encerrar todos as instituições de Saúde Públicas pois não havendo doentes para tratar deixa de ter sentido um Serviço Nacional de Saúde.

Este é de fato o caminho do futuro.”

(*) Licenciada em medicina



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:14
link do post | comentar | favorito

Domingo, 1 de Fevereiro de 2015
Xadrez: Campeonato Nacional 2ª Div. Serie B - Ronda 2
Resultado do encontro Casa do Xadrez vs. AX Bombarral/CCMB  realizado hoje (dia 31 de Janeiro) , pelas 15:00 , nas instalações da Casa do Xadrez em Alpiarça, bem como os respectivos resultados parciais:
 
A Casa do Xadrez de Alpiarça recebeu e venceu por 3,5 - 0,5  .
 
Parciais :
 
Casa do Xadrez        AX Bombarral/CCMB      3,5-0,5
 
Luís A. António                     Daniel Bray                                   0,5-0,5
 
Pedro Vinagre                     Fernando Silva                               1-0
 
Victor Ferreira                     José Bray                                      1-0
 
Carlos Nascimento             Carlos Baptista                               1-0
 
Podem consultar a noticia completa e obter fotos da sessão de hoje, no nosso blog:

http://casadoxadrez.blogspot.pt/2015/01/cne-2-divisao-serie-b-ronda-2-casa-do_31.html


Miguel Barriga

(p/ Casa do Xadrez de Alpiarça)



publicado por Noticias do Ribatejo às 22:55
link do post | comentar | favorito

Cultura Avieira - Cruzeiro Religioso do Tejo - II Etapa: Entre o Rossio ao Sul do Tejo e a Azinhaga, o princípio da aventura

Por: Lurdes Véstia

A 2ª etapa marca o reinício do Cruzeiro após uma pausa de 3 semanas. É sexta-feira, dia 6 de Junho de 2014!

1.png

Partida

As preparações iniciam-se debaixo de um céu muito cinzento e nublado anunciando um dia complicado para os nossos mareantes. Hoje vamos ser brindados com a presença de patrocinadores e de duas equipas da SIC, uma que entrará a bordo em Rio de Moinhos e outra que estará à nossa espera em Constância.

Viemos cedo, eu e o meu companheiro da equipa de terra, o Zé Gaspar, para engalanar as bateiras… afinal, um ar de festa e de alegria fica sempre bem numa peregrinação religiosa.

As nuvens, que se vêm no céu, não nos tiram a boa disposição nem a motivação para esta nova caminhada. Todo o trabalho é em prol da prossecução dos nossos objetivos e é neles que estamos todos empenhados.

Depois de ter sido dada a largada, reunimos todo o material que era necessário levar connosco no carro de apoio e também nós largámos em direção a Rio de Moinhos. A passagem por Tramagal não envolvia nenhuma logística que exigisse a nossa presença e portanto fazia mais sentido ir preparar o terreno em Rio de Moinhos, onde nos esperava a equipa de exterior da SIC.

Na margem do rio já se encontravam muitas pessoas. Dirigi-me para lá, pois a minha missão principal era a de “vender” pagelas. Julgo que tenho alguma costela de varina pois apregoo bem o meu produto e facilmente o vendo…

Como não havia padre e a reportagem da SIC fazia-se presente, fiz questão de me informar se haveria alguém entre a multidão com ligação à vida litúrgica. Foi-me rapidamente assinalada a “sacristoa” da igreja, a Dona Rosa, a quem me dirigi para que juntas fizéssemos uma Oração de boas vindas e a leitura da Oração que está no verso da pagela.

A população entretanto tomou as rédeas da situação e, durante todo o tempo em que a Imagem esteve ali parada, entoaram cânticos de louvor a Maria.

Fizemo-nos de novo à estrada a caminho de Constância…

 

2.png

 Cânticos de louvor a Maria (Rio de Moinhos)

Aí chegados, logo vimos a equipa de terra da SIC com um “drone” para fazer filmagens do Cruzeiro a partir do ar. As novas tecnologias podem afinal ajudar bastante, quando são bem aplicadas… O vento fustigava tudo e todos e as nuvens escuras anunciavam chuva, muita chuva!

Montámos o pendão de Nª Srª e ainda as tarjas dos nossos patrocinadores.

Entretanto a chuva ia aparecendo de forma intermitente… A princípio tímida, como quem se quer fazer anunciar de uma forma quase despercebida, e depois cada vez mais forte. Tão forte, e de uma forma tão fustigante, que começámos a temer pela segurança dos peregrinos dentro das bateiras. Connosco estavam alguns habitantes da terra, entidades oficiais, professores e alunos da escola secundária de Constância que vieram receber o Cruzeiro e mostrar a sua dinâmica das Pomonas Camonianas, trajados à época. A espera começou… e a chuva forte sempre a cair!

Eu, o padre da paróquia, o presidente da Junta de Freguesia e o vereador da Câmara de Constância abrigámo-nos debaixo de um salgueiro mas a chuvada não deu tréguas. Estávamos encharcados até aos ossos…Junto a nós, os alunos da escola secundária tentavam a todo o custo resguardar os seus trajes da intempérie…

A chegada dos peregrinos fez-se debaixo de uma acalmia na chuvada. O padre da paróquia fez uma bonita Oração de boas-vindas debaixo de chuva miúda. As equipas da SIC juntaram-se a nós e recomeçaram as filmagens… o “drone” não trabalhou ainda, pois o vento continuava a não o permitir.

Depois desta dinâmica fomos então retemperar energias, com uma refeição ligeira, já com um solinho bom a espreitar pelo meio de nuvens cinzentas… a esperança de que se mantivesse lá no alto a brilhar para nós aqueceu as nossas almas.

Após o descanso, foi altura de voltar a entrar nas bateiras para nos fazermos ao caminho... Antes ainda houve tempo para entrar em direto no Telejornal da SIC.

A chuva impiedosa começou de novo a cair com muita força…

Apesar disso, foi tempo de nos fazermos à estrada e ir para a Chamusca preparar a chegada do Cruzeiro.

A chuva, sempre a chuva, a acompanhar-nos durante todo o trajeto e o nosso pensamento nos que estavam dentro das bateiras!…

Fizemos uma paragem em Almourol. Aí se organizara uma pequena receção ao Cruzeiro, oferecida pelo Restaurante Almourol. Mesmo debaixo da chuva que insistia em nos acompanhar, comemos um bolo e bebemos um golo de vinho, em jeito de celebração e de optimismo.

(Continua…)

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 08:00
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Janeiro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11



29
30
31


posts recentes

ETAR DE TORRES NOVAS TRAN...

Chamusca prestou homenage...

CARTAXO: CINCO PERSONAGEN...

BAILANDO COM SOPHIA

"Vidas Íntimas" de Noël C...

Aline Frazão apresentou D...

NERSANT apresenta projeto...

OUTONO

"Hidro by night" no Compl...

DEPUTADA DE OS VERDES NA ...

Yoga para crianças na Bib...

RUA SERPA PINTO E LARGO S...

NERSANT desenvolve Score ...

SUSPENSÃO NO ABASTECIMENT...

HORA DO CONTO

Projeto "Hora do Conto" ...

CONSTRANGIMENTOS E EVENTU...

Exposição de Pintura “Exp...

Inscrições abertas para a...

Câmara de Santarém aprova...

“Revist’ó Fado na Tasca d...

Suspensão do abastecimen...

Animais Errantes - Progra...

Trail “guiado” e caminhad...

Concerto de Ano Novo com ...

PONTÉVEL VAI RECEBER SEIS...

Angolana Aline Frazão dá ...

Programa Melhor Turismo 2...

Palavras

Cineteatro São João receb...

arquivos

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds