NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Sábado, 23 de Julho de 2016
Ruas enfeitadas no Pereiro

c5e7aac2-e534-49d0-8271-6a495c6056c6.jpg

 

De hoje a um mês, tem lugar mais uma edição das Ruas Enfeitadas em Pereiro de Mação, também conhecidas por "Capital das Ruas Enfeitadas". A inauguração acontecerá na tarde do próximo dia 23 de Agosto, prolongando-se até dia 28, dia das cerimónias religiosas, com a procissão de Nossa Senhora da Saúde, levada em ombros por dezasseis pessoas simultaneamente, a percorrer as ruas enfeitadas. São vinte ruas e largos ornamentados cada qual com o seu feitio e cor, escolhidos pelos respetivos moradores. Não sendo ano de eventos desta natureza em Campo Maior, Redondo e Tomar, este acontecimento ganha contornos de maior curiosidade por parte dos amantes deste tipo de iniciativas. Muitas novidades estão a ser preparadas para este ano, com os moradores de cada rua a guardarem segredo até à última hora. Já começaram a ser montadas as estruturas que vão servir de suporte a cerca de um milhão de flores que farão das ruas desta aldeia autênticos jardins suspensos...sendo a aldeia mais florida de Portugal nesses dias...visitada por milhares de forasteiros...

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:50
link do post | comentar | favorito

NERSANT procura oportunidades de negócio para o Ribatejo em Toronto

Muito devido à enorme comunidade portuguesa no Canadá, este país continua a ser um dos que mais oportunidades de negócio oferece às empresas nacionais. Por este motivo, está já agendada uma missão empresarial a Toronto onde as empresas da região do Ribatejo vão poder mostrar o seu potencial.

Com 36 milhões de habitantes e uma enorme presença portuguesa no país - os dados apontam para cerca de 1 milhão de habitantes portugueses - a aceitação de produtos e serviços portugueses acontece de forma natural, motivo pelo qual existem no Canadá diversas oportunidades de negócio para as empresas nacionais, especialmente em setores como o alimentar, a construção, a metalomecânica, entre outros.

Ciente desta realidade, a NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém, vai realizar uma missão empresarial a Canadá já em setembro, o que irá permitir às empresas participantes na missão, a exploração das muitas oportunidades de negócio deste país.

A viagem de negócios, que contará com a participação de diversas empresas portuguesas, realiza-se de 18 a 22 de setembro, tendo como foco a cidade de Toronto. Aqui, as empresas que vierem a integrar a missão empresarial terão oportunidade de reunir com empresas canadianas de acordo com os seus objetivos.

Para além dos diversos contactos, que serão agendados previamente pela NERSANT, as empresas participantes terão ainda acesso a um espaço onde poderão expor os seus produtos e/ou serviços, uma vez que a associação irá organizar ainda uma mostra dos produtos/serviços das empresas participantes na ação.



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:22
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 22 de Julho de 2016
Júri reúne segunda-feira, 25 de julho, para avaliar candidaturas

Com o objetivo de atrair e mobilizar empreendedores, o projeto INCUBAR+LEZÍRIA (http://incubarmaisleziria.nersant.pt) terminou no passado dia 8 de julho o 1.º de 4 concursos de ideias de negócio, centrado nas temáticas da Alimentação, Agricultura, Agroindústria, Floresta, Energia, Ambiente e Recursos Naturais.

Este 1.º concurso recebeu 31 candidaturas que se encontram em avaliação por um júri que prestigia a iniciativa e que é composto por Francisco Avillez, professor no Instituto Superior de Agronomia e especialista em questões agrícolas, por Maria do Rosário Partidário, professora no Instituto Superior Técnico e especialista em questões ambientais, por Manuel Laranja, docente no Instituto Superior de Economia e Gestão e especialista em inovação e empreendedorismo e também pelos Presidentes das quatro entidades parceiras no desenvolvimento do projeto (NERSANT, Instituto Politécnico de Santarém, Desmor e Agrocluster).

O júri do concurso reunirá na Startup Santarém na próxima segunda-feira, dia 25 de julho, para em conjunto deliberar sobre quais serão os 3 melhores projetos, sendo os mesmos avaliados tendo em conta um conjunto de critérios que incluem o grau de inovação, o grau de resposta a uma necessidade / oportunidade do mercado, o nível de tecnologia ou uso intensivo de conhecimento, o potencial de convertibilidade da ideia em criação de valor, o grau de maturação da ideia, o potencial de escalabilidade e o potencial de criação de emprego qualificado.

Este concurso atribui um conjunto de benefícios aos 3 projetos vencedores, nomeadamente a pré-incubação física para desenvolvimento do projeto, em sistema de co-working reservado por um período de 3 meses na Startup Santarém ou no Centro de Negócios e Inovação de Rio Maior (à escolha dos vencedores), a incubação física (pós-início de atividade) em sistema de co-working reservado por um período de 6 meses na Startup Santarém ou no Centro de Negócios e Inovação de Rio Maior (à escolha dos vencedores), a participação num programa de aceleração da Startup Santarém apoiado por uma equipa de consultores e mentores de referência, a participação no NERSANT BUSINESS e ainda uma Bolsa monetária para transformação da ideia em iniciativa empresarial durante 3 meses. A divulgação dos vencedores ocorrerá logo após a deliberação do júri.

Todos os projetos inscritos, independentemente de serem ou não vencedores dos concursos, têm acesso às diversas atividades e ferramentas do programa INCUBAR+LEZÍRIA, nomeadamente a consultoria, a mentoria e os Mercados de Financiamento.



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:33
link do post | comentar | favorito

CERIMÓNIA DE REABERTURA DA FONTE DOS RAMALHAIS

 A Fonte dos Ramalhais, também conhecida como "fonte do Furo", resulta de prospeções de urânio que fizeram neste local, como a zona é rica em lençóis freáticos devido à proximidade do Paul de Magos, o que originou um furo de água.

Após obras adaptou-se este furo a uma fonte, que foi inaugurada em 1960. Com o passar do tempo a fonte foi abandonada e recentemente foi requalificada pela Câmara Municipal de Salvaterra de Magos.

Após a requalificação da fonte, ela será reaberta no próximo dia 30 de Julho, numa cerimónia que conta com o programa descrito no cartaz:

 

4e8a36a7-6106-45e5-bf65-e309f679dd08.jpg

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 14:06
link do post | comentar | favorito

Deliberações e outros assuntos que passaram pela última reunião publica da Câmara Municipal de Benavente (dia 18/07/2016)

PROPOSTA DE ORÇAMENTO PARTICIPATIVO (PSD)/ RESPOSTA DO PRESIDENTE:

 

O vereador Ricardo Oliveira considerou importante que a Câmara Municipal possa, efetivamente, criar um orçamento participativo, pondo-o já em prática para o Orçamento de 2017, permitindo alocar uma verba com a qual a Autarquia poderá dar resposta a projetos decididos pela sociedade civil.

Observou que se trata de algo que já é feito em muitos municípios do País de vários quadrantes políticos, promovendo o importante envolvimento da sociedade civil na candidatura dos projetos e na própria votação dos mesmos (…)

Sobre esta matéria o Presidente da Câmara Municipal deixou claro que, embora os orçamentos participativos sejam importantes, considera que não podem ser instrumentos de faz de conta, por assim dizer, porque a Câmara Municipal não pode, a título de exemplo, retirar cem mil euros do Orçamento para colocar à consideração das populações esta ou aquela intervenção.

Observou que todos os membros do Executivo sabem que os investimentos da Câmara Municipal no próximo futuro estão, de alguma forma, condicionados a regras definidas, lembrando que há um  conjunto forte de investimentos que estão comprometidos no âmbito da intervenção do PEDU (Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano), que obedece a um conjunto de requisitos que não permite que a Câmara Municipal tenha opções, tendo sido direcionado, fundamentalmente, para as ARU (Áreas de Reabilitação Urbana)  e a requalificação das zonas históricas, bem como para a mobilidade.

Acrescentou que existem outros investimentos que se prendem com a requalificação das redes viárias, que também estão definidas por conta dum empréstimo bancário, com elencagem das ruas que vão ser possíveis de concretizar, para além de outros investimentos que são importantes e estão comprometidos, como é o caso dum conjunto de compromissos estabelecidos com os senhores presidentes de junta de freguesia, nomeadamente, a necessidade de construção do campo de relva sintética em Santo Estêvão, para além de outras intervenções que resultam, também, dos Pactos para o Desenvolvimento e Coesão Territorial, no âmbito dos ITI (Investimentos Territoriais Integrados) e das candidaturas aos fundos comunitários, como é o caso das intervenções nas escolas, que deverão prolongar-se para lá de 2016, bem assim como outras intervenções, como seja a requalificação do Centro de Bem-Estar Social de Santo Estêvão.

Referiu que para além do conjunto vasto de intervenções que mencionou, que envolvem verbas que se deverão situar entre os dez a doze milhões de euros, a capacidade de investimento da Câmara Municipal não permitirá muitas condições para outro tipo de investimentos.

Mencionou que tal como também é do conhecimento dos senhores vereadores, a Câmara Municipal está a tratar da intervenção de requalificação da Urbanização da Ribassor, em Benavente (projeto que foi reformulado e cujo concurso irá ser lançado, sendo que parte da intervenção deverá ser executada ainda durante o ano de 2017), estando também a negociar com a Companhia das Lezírias os termos do protocolo que visa a obtenção da titularidade dos terrenos onde está situado o campo de futebol da Murteira, em Samora Correia, por forma a resolver as questões que resultam dos balneários.

Deixou expresso que a Câmara Municipal irá discutir publicamente cada uma das intervenções que mencionou, recolhendo opiniões e contributos, por forma a que as ações que venham a ter lugar, e que estão identificadas, possam, de alguma forma, merecer um consenso alargado, ainda que possa, seguramente, haver um ou outro munícipe que, eventualmente, possa não estar de acordo.

Crê que são opções estratégicas para o Município, que foram tratadas e validadas por todos os membros do Executivo, e que vão exigir um esforço significativo por parte da Câmara Municipal.

Reiterou que embora concorde com os orçamentos participativos, a Câmara Municipal não estará disponível para envolver as populações num processo que, à partida, lhe pareceria pouco sério, face à reduzida capacidade de investimento que sobra, e, perante tais condicionalismos, haverá oportunidade de discutir com os munícipes a planificação e conceção das intervenções, e de recolher os contributos de todos aqueles que queiram intervir nas definições de intervenções que têm caráter público, processo que já foi iniciado, dado que, nomeadamente, as questões dos PEDU e das ARU foram abordadas em reuniões com as populações e cujas opções foram, de alguma forma, validadas.

 

REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA AR – ÁGUAS DO RIBATEJO

 

O Presidente deu conta da última reunião do Conselho de Administração da AR – Águas do Ribatejo, que teve lugar na passada quinta-feira e na qual foi possível proceder à assinatura de um conjunto vasto de contratos que se traduzem em investimentos significativos na área do saneamento.

Observou que as intervenções que foram tendo lugar (que se situaram na ordem dos cento e vinte milhões de euros, como é do conhecimento dos senhores vereadores), no âmbito de todos os municípios que integram a AR – Águas do Ribatejo, procuraram criar as condições para haver uma taxa de cobertura que pudesse refletir alguma solidariedade e, também, um princípio de equidade entre as populações. Os investimentos que, atualmente, vão ter lugar, irão incidir sobre o Município de Torres Novas (o último a integrar a AR – Águas do Ribatejo e que tinha um plano de investimentos de cerca de trinta milhões de euros, que caminha para a sua concretização) e sobre o Município de Benavente, numa perspetiva de que era um município que, à data da constituição da AR – Águas do Ribatejo, tinha já uma taxa de cobertura significativa ao nível do saneamento, com um conjunto de estações de tratamento com uns anos significativos, estando-se numa fase em que é preciso requalificar alguns desses equipamentos.

 

Acrescentou que, no que diz respeito ao Município de Benavente, os investimentos respeitam à remodelação da estação de tratamento da Quinta do Papelão, em Benavente, e, também, à eliminação da ETAR (Estação de Tratamento de Águas Residuais) localizada junto ao Bairro da Casa do Povo, em Santo Estêvão, substituindo-a por uma estação elevatória que irá conduzir aquele efluente à estação de tratamento, eliminando um sistema que não deu provas de ser o mais favorável e, dessa forma, cumprindo um princípio que é comum à AR – Águas do Ribatejo de, progressivamente, ir eliminando os vários sistemas e optar por efeito de escala, concentrando esses mesmos equipamentos, dado que, dessa forma, os custos de exploração  reduzem significativamente.

 

Por outro lado, “importa dizer que está também já a concurso a remodelação da ETAR da Murteira, em Samora Correia, na sequência da intervenção que teve lugar e que possibilitou a extensão das redes de coletores, permitindo atender a um conjunto de unidades, nomeadamente industriais, e, com o redimensionamento da ETAR da Murteira, recolher alguns daqueles efluentes e, dessa maneira, poder ter também um contributo para a melhoria ambiental de toda aquela zona.

Disse que está a ser preparada uma candidatura aos fundos comunitários, através do POSEUR (Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos), que vai contemplar um montante global de mais de dez milhões de euros, e que também engloba um conjunto de investimentos em Benavente, nomeadamente uma intervenção que está prevista, com a construção dum novo subsistema de saneamento em Samora Correia, que permitirá a desativação de três sistemas que estão atualmente em funcionamento (Quinta dos Gatos, que se vai mostrando insuficiente para tratar o efluente que chega a essa estação; Pendente 2 do Porto Alto e a estação de tratamento localizada na Rua Columbano Bordalo Pinheiro) e, dessa forma, ter ganhos em termos de eficiência, de custos de exploração e, também, na qualidade de vida das populações, dado que as estações que vão ser desativadas se localizam junto a zonas residenciais, e apesar dos cuidados por parte da AR – Águas do Ribatejo na manutenção desses equipamentos, por vezes há situações, nomeadamente quando se retiram as lamas, em que os cheiros acabam por ser incómodos para quem reside naquelas zonas”.

Crê que se trata duma medida acertada que terá efeitos muito positivos no próximo futuro.

Aludiu a que toda a intervenção que irá ter lugar fica, desde já, preparada para, num próximo futuro, permitir a ampliação da nova estação de tratamento, por forma a poderem ser eliminados outros dois subsistemas que existem atualmente em Samora Correia, nomeadamente a ETAR que está localizada na Esteveira, e a da Murteira, que vai agora ser objeto de remodelação.

Manifestou a sua satisfação pelo facto de a Câmara Municipal receber os investimentos em apreço, que denotam que a empresa AR – Águas do Ribatejo, para além de apresentar um tarifário que, comparativamente, é bastante mais favorável que o de empresas similares na região, tem a preocupação de criar as condições para que todo o sistema de saneamento possa funcionar de forma eficaz, no prazo que está previsto no contrato de gestão delegada e que, a partir de 2007, teve um horizonte de quarenta anos.

 

Concluiu, observando que, eventualmente, algum do investimento em causa não irá ter 100% de elegibilidade, porque existem regras que estão bem definidas e que apontam para que haja um montante muito concreto para os investimentos que têm lugar em cada município, quer no que diz respeito ao saneamento, quer ao abastecimento, questão que já é muito residual nos apoios comunitários.

 

ABAIXO-ASSINADO CUCB – FOLHA INFORMATIVA – ESCLARECIMENTO AO SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE:

 

A Comissão de Utentes do Concelho de Benavente enviou, a conhecimento, algumas questões que colocaram em abaixo-assinado enviado ao Ministro da Saúde.

 

“Na sequência do ofício/resposta que o chefe de gabinete do secretário de Estado Adjunto e da Saúde enviou com base no conjunto de informações que a ARS LVT e ACES Estuário do Tejo, a CUCB envia as questões colocadas no abaixo-assinado dirigido ao ministro da Saúde, decidindo aduzir um conjunto de esclarecimentos e informações para que os responsáveis pela tutela política saibam bem a real situação em que se encontra a saúde no nosso concelho, pelo que enviam para conhecimento e devidos efeitos, cópia do ofício do sec. estado, a resposta a esse ofício e a Folha Informativa produzida”.

 

Sobre esta matéria o Presidente observou que a Câmara Municipal tinha conhecimento de algumas das situações constantes no ofício/resposta do chefe de gabinete do secretário de Estado Adjunto e da Saúde, nomeadamente no que concerne aos cerca de oito mil utentes sem médico de família em Benavente, e o facto dessa circunstância resultar da falta de três médicos e de um enfermeiro, não considerando o período em que funciona o SAP (Serviço de Atendimento Permanente), que também tem deficit de enfermeiros.

Acrescentou que apesar de ser mencionado que não existem problemas relativamente ao pessoal administrativo, estão duas funcionárias colocadas pela Câmara Municipal, para as quais já foi pedida a mobilidade.

Referiu que o ofício/resposta em apreço dá, ainda, conta das intervenções que foram tendo lugar, e que contaram com a participação da Câmara Municipal quer em Benavente, quer em Samora Correia, e da diligência que está a ser desenvolvida, tendente à ampliação da Unidade de Saúde Familiar de Samora Correia que, tal como também já teve oportunidade de informar os membros do Executivo, foi integrada no mapeamento e nas intenções de execução, ao abrigo das candidaturas ao PO (Programa Operacional) Regional do Alentejo. Recordou que teve, recentemente, uma reunião com a senhora presidente da ARS (Administração Regional de Saúde) de Lisboa e Vale do Tejo, tendo ficado agendado um conjunto de diligências tendentes a poder cumprir com a expetativa de ampliação da Unidade de Saúde Familiar de Samora Correia.



EMPREITADA DE “BENEFICIAÇÃO/REABILITAÇÃO DE PAVIMENTOS EM ARRUAMENTOS NAS FREGUESIAS DE BENAVENTE, BARROSA E SANTO ESTÊVÃO – 1.ª FASE”:

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade, homologar o relatório final relativo à empreitada de “Beneficiação / Reabilitação de Pavimentos em Arruamentos nas Freguesias de Benavente, Barrosa e Santo Estevão (1ª fase) e, em face do mesmo, aprovar as propostas para efeitos de adjudicação, constantes do quadro de classificação final, e adjudicar a presente empreitada à empresa CONSTRUÇÕES PRAGOSA, S.A, pelo valor de 179.000,00 € (cento e setenta e nove mil euros), ao qual acrescerá o IVA à taxa legal em vigor, e pelo prazo de execução de 90 (noventa) dias.

(…)

Considerando a intenção do Município de Benavente em proceder à beneficiação/reabilitação de pavimentos em vários arruamentos nas freguesias de Benavente, Barrosa e Santo Estêvão, visando a melhoria das condições de circulação e segurança, e tendo em conta o volume e natureza dos trabalhos a executar, foi proposto, nos termos do disposto na alínea b) do artigo 19.º, a execução por Concurso Público dos trabalhos que constituem a empreitada em referência, inscrita nas Grandes Opções do Plano para o ano de 2016, com a seguinte designação:

 

1 – Freguesia de Benavente

1.1 – Rua Diário de Notícias, em Benavente;

1.2 – Rua Dr. António Alves Ventura, em Benavente;

1.3 – Rua D. Francisca Montanha, em Benavente,

1.4 – Rua Álvaro Rodrigues de Azevedo, em Benavente;

1.5 – Rua Maria Luísa de Azevedo Borralho, em Benavente

1.6 – Rua Morais, em Benavente

1.7 – Estrada Monte da Saúde, na ligação da Vila das Areias à E.N. 118,

1.8 – Troço da Rua de Montemor, em Foros da Charneca.

- cabimentadas com o n.º 13794;

- inscritas nas Grandes Opções do Plano para o ano de 2016 no Objetivo 12, Programa 001, Projeto 2005/29, Ação 1;

 

2 – Freguesia de Barrosa

2.1 – Estrada de acesso a S. Brás;

2.2 – Beco dos Canaviais, na Barrosa;

2.3 – Beco Alto do Pinheiro, na Barrosa,

- cabimentadas com o n.º 13750;

- inscritas nas Grandes Opções do Plano para o ano de 2016 no Objetivo 12, Programa 001, Projeto 2005/29, Ação 4;

 

3 – Freguesia de Santo Estêvão

3.1 – Travessa das Cardosas, em Santo Estêvão;

3.2 – Rua dos Chapins, em Santo Estêvão;

3.3 – Rua do Zambujeiro, em Santo Estêvão;

3.4 – Troço da Rua Manuel Martins Alves, em Santo Estêvão;

- cabimentadas com o n.º 13751;

- inscritas nas Grandes Opções do Plano para o ano de 2016 no Objetivo 12, Programa 001, Projeto 2005/29, Ação 3;

 

3.5 – Rua das Ameixoeiras, na Quinta de Santo Estêvão;

3.6 – Rua das Palmeiras, na Quinta de Santo Estêvão;

3.7 – Troço da Rua dos Pinheiros Mansos, na Quinta de Santo Estêvão,

3.8 – Troço de Rua na Mata do Duque II;



V SUSPENSÃO PARCIAL DO PLANO DIRETOR MUNICIPAL DE BENAVENTE E MEDIDAS PREVENTIVAS / PROPOSTA DE PRORROGAÇÃO DO PRAZO DE VIGÊNCIA – EMPRESA SUGAL/IDAL:

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade homologar a informação técnica referente à V Suspensão Parcial do Plano Diretor Municipal de Benavente  e, nos termos da mesma, aprovar a proposta de prorrogação do prazo de vigência das Medidas Preventivas, bem como da V Suspensão Parcial do Plano Diretor Municipal de Benavente, por mais um ano, solicitando o respetivo parecer à CCDR-LVT (Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo).

 

Informação DMOPPUD n.º 9/2016, de 12 de julho

 

Através do Aviso n.º 12280/2014, publicado no Diário da República de 3 de novembro de 2014, tornaram-se eficazes a V Suspensão Parcial do Plano Diretor Municipal de Benavente (PDMB) e as respetivas Medidas Preventivas estabelecidas para a área de 29,39 ha, localizada na Fonte das Somas, Gatinheiras, freguesia de Benavente, que tem como objetivo viabilizar a ampliação da unidade industrial já existente, a Sugalidal – Industrias de Alimentação, SA, atualmente designada por Sugal – Alimentos, SA.

 

As referidas Medidas Preventivas e Suspensão Parcial, vigoram pelo prazo de dois anos a contar da data da sua publicação no Diário da República, isto é, até 2 de novembro de 2016, inclusive, caducando nos casos legalmente previstos no Regime Jurídico dos Instrumentos de Gestão Territorial (RJIGT).

(…)

Verificando-se que a ampliação da unidade industrial da Sugal, SA, não se encontra totalmente concluída e que a primeira revisão do PDMB, que incorpora o uso do solo e as condições de edificabilidade para a área em causa, aguarda ainda ratificação do Conselho de Ministros, propõe-se a prorrogação por mais um ano do prazo estabelecido para as Medidas Preventivas e, consequentemente, a prorrogação da V Suspensão Parcial do Plano para a mesma área pelo mesmo tempo.

(…)

… consideramos fundamentada a proposta de prorrogação do prazo de vigência das Medidas Preventivas, bem como da V Suspensão Parcial do PDMB, por mais um ano, a contar do términus da sua vigência.



PROPOSTAS DE SUSPENSÃO PARCIAL DO PLANO DIRETOR MUNICIPAL DE BENAVENTE E MEDIDAS PREVENTIVAS – EMPRESA JOÃO DE DEUS& FILHOS:

 

O executivo camarário deliberou, por unanimidade, homologar a presente informação técnica e, nos termos da mesma, determinar o início do procedimento de Suspensão Parcial do Plano Diretor Municipal de Benavente e de estabelecimento de Medidas Preventivas para a área em causa, solicitando parecer à CCDR-LVT (Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo).

 

Informação DMOPPUD n.º 10/2016, de 13 de julho

 

  1. Pretensão

Através de contactos recentes com o sr. presidente da Câmara Municipal de Benavente, representantes da João de Deus & Filhos, S.A. transmitiram a necessidade urgente de expansão da empresa, o que implica a ampliação das suas instalações localizadas nos Arados, na freguesia de Samora Correia.

 

A João de Deus & Filhos, S.A. chegou a formalizar a viabilização da ampliação pretendida através de um pedido de informação prévia (processo n.º 486/2016), relativo à ocupação de uma parcela de terreno com 5.004,00 m2 de área, localizada a Nascente da atual propriedade da empresa e já por esta adquirida.

Anexou carta endereçada a S. E. o sr. secretário de Estado da Indústria, informando sobre o projeto de expansão da fábrica e solicitando “… apoio junto das entidades públicas intervenientes para agilizar e acelerar aprovação do projeto de construção”. Transcrevemos parte desta,

“…

A J Deus é uma empresa com 101 anos de atividade no Desenvolvimento, fabricação e comercialização de sistemas térmicos para automóveis: Radiadores, Intercoolers e Chauffages.

É hoje uma empresa com 450 trabalhadores que fornece diretamente os construtores de automóveis Fiat, Volkswagen e Toyota. Em 2015 teve um volume de negócios de 59.659.000 € dos quais 90% foi para Exportação. Pertence desde 2001 ao grupo Japonês DENSO CORPORATION, um dos maiores fabricantes de componentes automóveis do mundo.

Com aumento de vendas previsto para 2017 na ordem dos 20%, existe a necessidade de expandir a fábrica, dos atuais 14.454,70 m2 para 18.424,70 m2 com início previsto para agosto desde ano e termino a 15 de dezembro de 2016.

Esta expansão é essencial para conseguir responder a novas necessidades dos clientes e envolverá o lançamento de novos produtos, possibilitando o aumento significativo dos postos de trabalho na J Deus.

…”.

(…)



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:26
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 21 de Julho de 2016
Aproveite o que Santarém tem para lhe oferecer este fim-de-semana

Aproveite o que Santarém tem para lhe oferecer este fim-de-semana

 

sexta-feira:

 

Esta sexta-feira, dia 22 de julho, às 22h00, o Teatro Taborda – Círculo Cultural Scalabitano recebe a Peça de Teatro, Chamem os Palhaços: Pantufa & C.ª Parte 1, pelo Veto Teatro Oficina.

"É andar, é andar. O carrocel Selva sempre a rodar. Mais uma voltarêta para a menina Julieta.

Todos ao Circo da vossa imaginação! Hoje, despedida desta linda cidade e da Feira do Milagre! Última soirée em Santarém da internacional companhia de circo da temporada de 1942.

Entrada Grátis às Damas. 1 Dama e 1 Cavalheiro um só bilhete. Duas parelhas de palhaços, duas. Rápido, rápido à bilheteira. O espectáculo vai começar. No intervalo vendemos pirolitos".

Há tantos anos (desde 1970) que “Pantufa” se tornou «marca» que hoje quando proferimos a palavra, ela é sinónimo de António Júlio. Permanecem com Ele os eternos: Francisco Selqueira, Mário marcos e Eliseu Raimundo. Com este espetáculo evoca-se o Pantufa e uma vida de amor e dedicação ao público, à arte, ao Veto Teatro Oficina e ao Círculo Cultural Scalabitano.

Conceção e Encenação: José Ramos | Direção de Atores: Nuno Domingos | Coreografias: Encarnação Noronha | Veto Teatro Oficina; Academia de Dança do CCS.

 

sábado:

Este sábado, dia 23 de julho, das 11h00 às 13h00, há Animação Desportiva para Crianças, no Jardim das Portas do Sol, integrado no Projeto Verão In Str. … é um espanto.

 

Às 11h00, há aula de Yoga, no Jardim Portas do Sol, organizada pela Federação Portuguesa de Yoga, integrado no Projeto Verão In Str. … é um espanto.

 

Às 12h00 e às 13h00 há Oficinas de Arte – Natureza, na Livraria Aqui Há Gato.

A Natureza tem materiais que nem imaginamos, por isso vamos explorar a natureza e descobrir que ela nos pode oferecer muitas ideias para construir arte!

Para nos dar uma mãozinha neste processo de criatividade vamos ter a artista Fernanda Narciso no dia 2 de julho. Dia 13 de agosto a Livraria Aqui Há Gato está encerrada.

(Oficinas de Expressão Plástica, ver programa especifico em www.aquihagato.org)

(Duração) 60’ (Classificação) M/4 (Preço) 6€

 

Às 18h00, o Auditório do Jardim Portas do Sol, acolhe um Concerto da Escola de Música Sons do Alviela,integrado no Projeto Verão In Str. … é um espanto.

 

Em permanência:

 

A Campanha in. Sabores “Petiscos Nobre & C.ª”, lançada no dia 24 de junho, prossegue até dia 24 de julho, inserida no Projeto "Verão In.Str... é um espanto!”, e conta com a colaboração da empresa Nobre, e com a adesão de 17 restaurantes, que nos deliciam com os seus “Petiscos Nobre & C.ª” e, alguns deles, também com a Ementa COUVERT NOBRE & C.ª., que nos apresentam alguns dos seus melhores e mais apurados segredos, para nos surpreender à mesa, numa refeição em família, com amigos e até mesmo, em trabalho.

 

Aproveite para se deliciar com os petiscos que os restaurantes: A Grelha, Adega do Bacalhau, DI GUSTO, Dois Petiscos, Dom Papinhas, IN BURGUER LDA., JOMAR, KOOK, SPLASH – Complexo Aquático, Taberna & Mercearia Sebastião, Taberna do Quinzena – Santarém Hotel, Taberna do Quinzena I, Taberna do Quinzena II, Taberna Ó BALCÃO, TASCÁ, TEJÁ e Varanda do Parque, preparam para nos encantar.

 

Esta Campanha oferece ainda a possibilidade de, de 1 de julho a 23 de setembro de 2016, obter 1 euro de desconto nos Cinemas Castello Lopes de Santarém, mediante a apresentação de fatura ou recibo com o valor mínimo de 10 euros, relativo ao consumo efetuado em qualquer um dos restaurantes aderentes ao "Verão In.Str... é um espanto!”

 

Este desconto é válido para todos os dias e sessões, exceto as sextas e sábados, nas sessões das 21h00, e segundas-feiras, durante todo o dia, e não é acumulável com qualquer outra, efetuada durante o mesmo período.

 

A Campanha “Pombinhas de Santarém, Nobre & Compal” foi lançada esta segunda-feira, dia 4 de julho, e está patente em dezoito pastelarias, até dia 31 de agosto.

 

Esta iniciativa de âmbito cultural que pretende dinamizar e revitalizar o Centro Histórico, com uma novidade inspirada nas tradicionais “Pombinhas de Santarém” – delicioso pão, símbolo do culto do Espírito Santo, que remete para o bodo distribuído aos pobres no Pentecostes, a Câmara de Santarém, em parceria com a Compal e a Nobre, apresenta o “Menu in Santarém” composto por uma “Pombinha” com Fiambre Nobre e por um Néctar Compal. Este Menu está disponível nas mais conceituadas pastelarias da cidade de Santarém e tem um preço de venda a público recomendado, de 2,35€/unidade.

 

Até dia 31 de agosto, visite o Arquivo Histórico Municipal-Mostra Documental

“Falam documentos de outras eras”, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

Livro para se registarem as propostas das Capitanias das Ordenanças da Capitania Mor desta Villa.

Santarém 23 de Agosto de 1814. Assinado por José Salinas de Benevides, Capitão-mor.

Em vereação de 11 de junho de 1814 foi apresentada proposta dos oficiais para dois postos vagos de capitães das ordenanças pertencentes à capitania mor desta vila.

 

Até dia 31 de agosto, visite a Coleção de arte contemporânea ‘Manuela de Azevedo’ - XXV Destaque da coleção de arte contemporânea Manuela de Azevedo, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30.

Na Casa-Museu Anselmo Braamcamp Freire encontra-se em exposição parte do espólio artístico de Manuela Ferreira de Azevedo, doado à Câmara Municipal de Santarém no final da década de 80, espólio esse que contempla reconhecidos artistas nacionais e internacionais.

De 1 de julho até ao final setembro está em destaque trimestral uma obra da autoria de Carlos Botelho: Recantos de Lisboa, serigrafia a cores s/ papel, datada de 1979.

 

Até dia 31 de agosto, também pode visitar a Mostra Bibliográfica - Vamos Ler … William Shakespeare (1564-1616) – 400 anos da Morte, na Biblioteca Municipal Anselmo Braamcamp Freire, de segunda a sexta-feira, das 09h30 às 18h00.

 

No ano em que se comemoram os 400 anos da Morte de Shakespeare, a Biblioteca Municipal de Santarém associa-se à efeméride com uma exposição bibliográfica evocando a obra deste reconhecido autor. Shakespeare, conhecido como um dos grandes e importantes dramaturgos escritores de todos os tempos, de nacionalidade inglesa, veio a falecer no ano de 1616 ficando sepultado no cemitério de Stratford (Inglaterra).

Além de autor também se distinguiu como um bom ator fazendo parte de uma companhia de teatro “O Globo” onde permaneceu durante cerca de 15 anos, acabando por ser o sustentáculo da mesma. Escreveu intensamente, enquanto elemento ativo da Companhia com cerca de duas peças por ano.

Da sua vasta obra destacamos a principal qualidade positiva de Shakespeare que é a vastidão do seu mundo artístico que abrange todos os aspetos da vida.

 

A Sala de Leitura Bernardo Santareno acolhe, até dia 31 de agosto, a Exposição “Joshua Benoliel- Repórter Parlamentar, 1906-1924”, que pode ser visitada de segunda a sexta-feira das 09h30 às 18h00.

A Exposição Itinerante da tutela do Museu da Assembleia da Republica e intitulada “Joshua Benoliel Repórter Parlamentar 1906-1026” que  reúne um conjunto de curiosos  registos fotográficos da autoria deste repórter parlamentar, com destaque para um período marcante da vida política nacional - 1906 a 1924, vai estar patente em Santarém na Sala de Leitura Bernardo Santareno de 15 junho a 31 de agosto.

Dos vários aspetos reportados nas fotos em exposição, destacamos a figura de Anselmo Braamcamp Freire que exerceu funções como Presidente da Assembleia Constituinte, senador e Presidente do Senado. Foi como Presidente da Assembleia Constituinte que Braamcamp Freire a 21 de Agosto de 1911 promulga a 1ª Constituição Republicana.

 

Até dia 24 de setembro, o projeto “Mondrian - fazendo arte” pretende, através da leitura de obras de Piet Mondrian (pintor modernista do séc. XX), oferece ao público infantil, Oficinas de Arte com trabalhos manuais diversos. As oficinas decorrem no Centro Histórico de Santarém e contam com: Teoria das cores (linguagem acessível ao público infantil); Atividades artísticas e criativas em diversos suportes (pintura, colagem, montagem | papel, tecido, painéis).

Em setembro, no final do projeto, todos os trabalhos desenvolvidos pelas crianças, com a orientação da Arquiteta e Artista Plástica Sandra Valença Conde, participam numa exposição aberta ao público. Do movimento In.Artes do programa Verão In.Str é um espanto "Mondrian - fazendo arte", atua com crianças a partir dos 6 anos de idade. Informações e Inscrições, através do e-mail: arqsandraconde@gmail.com

 

Aproveite para visitar o Centro de Interpretação - Urbi Scallabis – USCI, no Jardim Portas do Sol, de quarta-feira a domingo, das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30. Para mais informações, contacte o telefone: 243 357 288.

Instalado no Jardim Portas do Sol, o Centro de Interpretação Urbi Scalabis concilia, de forma harmoniosa, a dimensão turística e a vertente científica, fruto de um aprofundado trabalho de estudo e investigação.

 

Visite o Núcleo Museológico do Tempo - Torre das Cabaças, com destaque para o Relógio Solar da Torre, de quarta-feira a domingo, das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30, sob marcação através do telefone: 912 578 970.

«A invenção do relógio mecânico, no terceiro quartel do século XIII (c. 1271), exerceu um papel essencial na transformação da consciência do tempo e das mentalidades medievais, sobretudo a partir dos séculos XIV e XV.  O novo invento teve por base o escape e um motor regular, tendo sido posteriormente associado ao toque de sinos. A sua utilização difundiu-se nas urbes da Baixa Idade média, como em Lisboa, com o relógio da Sé, ou Santarém, onde o Cabaceiro fez a sua aparição ainda em Quatrocentos.

No século XVI, em pleno Renascimento, inventa-se o relógio de molas, mais eficaz, a que nobres, bispos e reis vão ter acesso através dos contributos dados por ferreiros, serralheiros, astrónomos e matemáticos. Porém os relógios de base astronómica não desapareceram, como o atesta o quadrante solar da Torre das Cabaças, datado de 1596. A sua existência era fundamental em face da relativa precisão das engrenagens, onde as discrepâncias temporais eram frequentes.

O relógio solar da Torre é um objecto horizontal, semiesférico, de periferia gomeada e sem estilete. O mostrador mostra três círculos concêntricos: os dois primeiros delimitam os traços das meias horas e o último regista os algarismos das horas.

A tipologia deste quadrante encontra paralelos em Portugal, como no caso da ‘pedra de horas’ da Quinta da Torre de S. João de Ver, em Santa Maria da Feira. A sua função era acertar os mecanismos horários mais complexos, de base mecânica, os pioneiros da horologia de engrenagens.»



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:23
link do post | comentar | favorito

Programa para internacionalizar empresas em marcha na NERSANT

Um novo projeto para promover as exportações da região do Ribatejo está a ser desenvolvido pela NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém. O projeto tenciona alavancar o aumento das exportações da região e também atrair investimento para o Ribatejo através da abordagem a novos mercados e da disponibilização de informação relevante e estratégica, quer sobre as potencialidades do Ribatejo, quer sobre os mercados externos.

Prevê ainda a criação de uma rede de networking internacional assente numa plataforma tecnológica que potenciem as oportunidades de negócios para as empresas da região, bem como a realização de encontros de negócios na região e em diversos mercados prioritários.

Ao fim e ao cabo, o objetivo da associação com estas atividades é a promoção do Ribatejo, suas empresas, produtos e serviços, através de uma política de apoio à exportação não só através dos canais tradicionais, mas criando ferramentas tecnológicas de apoio. De facto, a plataforma tecnológica assume neste projeto um especial destaque, uma vez que é na mesma que vai ficar disponibilizada toda a informação estratégica prevista no projeto - os manuais sobre as potencialidades do Ribatejo e os guias para o exportador para os diferentes mercados - , e onde vai ser gerida a rede de networking empresarial entre as empresas do Ribatejo e os diversos mercados.

O projeto não esqueceu ainda a materialização das oportunidades de negócio decorrentes desta estratégia. Vão ser realizados, por este motivo, encontros internacionais de negócios, onde as parcerias e negócios vão poder ser exploradas. Decorrerão quer no Ribatejo, quer em território internacional.

Relativamente aos mercados externos a abordar, e operando numa lógica de diversificação de mercados, são prioritários países como Moçambique, Marrocos, Colômbia, Gana, Canadá, Turquia, México, Chile, Polónia e Austrália, pelo que os estudos e eventos previstos no estrangeiro irão incidir sobre os mesmos.

O "Export Intelligence" – assim se denomina este novo projeto da NERSANT – é apoiado pelo COMPETE 2020 no âmbito do SIAC. Todas as ações previstas ao abrigo desta nova aposta da NERSANT serão dinamizadas até ao final do ano de 2017.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:44
link do post | comentar | favorito

Plano Nacional de Leitura distingue autora de Santarém

unnamed.jpg

Na altura em que o Ana Simão lança o seu segundo livro, intitulado “Naquela Ilha”, o seu livro “A Menina dos Ossos de Cristal” chega ao Plano Nacional de Leitura (PNL). Ana Simão torna-se, assim, a primeira autora de Santarém a ver um livro distinguido com esta chancela, por decisão da Comissão e Conselho Científico do PNL.

Ana Simão, nasceu com Osteogénese Imperfeita, uma doença rara popularmente conhecida por “doença dos ossos de vidro”. Ossos que se partem com tanta facilidade que o simples facto de posicionar mal um pé pode resultar numa fratura e muitas horas de fisioterapia. Dois anos após o lançamento do seu primeiro livro, a autora scalabitana vê agora a singularidade da sua doença também reconhecida pelo Plano Nacional de Leitura (PNL), na seleção para 2016/2017.

Segundo a editora Guerra e Paz, “Com esta medida, o Plano Nacional de Leitura dá voz a um caso pessoal e dramático, relatado com mestria e imaginação, contribuindo assim para a formação de adultos mais conscientes e tolerantes, valorizando uma cultura solidária  de entreajuda e compreensão.”

O PNL tem como objetivo central elevar os níveis de literacia dos portugueses e colocar o país a par dos seus parceiros europeus. É uma iniciativa do Governo, da responsabilidade do Ministério da Educação, em articulação com o Ministério da Cultura e o Gabinete do Ministro dos Assuntos Parlamentares, sendo assumido como uma prioridade política. O Plano Nacional de Leitura tem o Alto Patrocínio de Sua Excelência o Presidente da República.

Na altura em que o Ana Simão lança o seu segundo livro, intitulado “Naquela Ilha”, o seu livro “A Menina dos Ossos de Cristal” chega ao Plano Nacional de Leitura (PNL). Ana Simão torna-se, assim, a primeira autora de Santarém a ver um livro distinguido com esta chancela, por decisão da Comissão e Conselho Científico do PNL.

Ana Simão, nasceu com Osteogénese Imperfeita, uma doença rara popularmente conhecida por “doença dos ossos de vidro”. Ossos que se partem com tanta facilidade que o simples facto de posicionar mal um pé pode resultar numa fratura e muitas horas de fisioterapia. Dois anos após o lançamento do seu primeiro livro, a autora scalabitana vê agora a singularidade da sua doença também reconhecida pelo Plano Nacional de Leitura (PNL), na seleção para 2016/2017.

Segundo a editora Guerra e Paz, “Com esta medida, o Plano Nacional de Leitura dá voz a um caso pessoal e dramático, relatado com mestria e imaginação, contribuindo assim para a formação de adultos mais conscientes e tolerantes, valorizando uma cultura solidária  de entreajuda e compreensão.”

O PNL tem como objetivo central elevar os níveis de literacia dos portugueses e colocar o país a par dos seus parceiros europeus. É uma iniciativa do Governo, da responsabilidade do Ministério da Educação, em articulação com o Ministério da Cultura e o Gabinete do Ministro dos Assuntos Parlamentares, sendo assumido como uma prioridade política. O Plano Nacional de Leitura tem o Alto Patrocínio de Sua Excelência o Presidente da República.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:42
link do post | comentar | favorito

II Festa do Emigrante

d20861e5-aec8-4b7a-8dec-8cc3308e7494.jpg

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:40
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 20 de Julho de 2016
Município de Azambuja inaugura Parque Fitness

6c001555-c195-4124-864c-227b9b33c5fe.jpg

O Município de Azambuja vai inaugurar o Parque Fitness, no próximo dia 22 de julho, pelas 11h00, no Jardim Urbano Dr. Joaquim A. Ramos, em Azambuja.

 

O espaço será composto por uma estrutura de Street Workout e por um conjunto de sete máquinas de fitness, sendo uma delas destinada aos mais novos. Este novo parque, que foi apadrinhado pela empresa Triaza, S.A., integra na continuidade do trabalho desenvolvido para a promoção do desporto e lazer, acessível a todos os cidadãos.

 

Estará disponível em cada um dos equipamentos todas as indicações de utilização, de forma autónoma e gratuita.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:12
link do post | comentar | favorito

Comemorações do 27º aniversário da Associação Cultural de Casais das Boiças - Azambuja

A Associação Cultural e Recreativa de Casais das Boiças vai comemorar, nos próximos dias 22, 23 e 24 de julho, o seu 27º aniversário. 

A coletividade dinamiza a atividade cultural, desportiva e recreativa na pequena e simpática localidade de Casais das Boiças, pertencente à freguesia de Alcoentre, no Concelho de Azambuja.

O programa de comemoração é simples e pretende assinalar a efeméride combinando os momentos solenes com os de confraternização.

Sexta-feira, 22, será celebrada uma missa em memória dos sócios da coletividade já falecidos, pelas 18h30, na capela local. O sábado, dia 23, será a noite do caracol, animada pela atuação do Grupo Double D, pelas 21h30 e um mini concerto e apresentação da Escola de Música (viola e guitarra) da A.C.R dos Casais das Boiças, seguindo-se a animação musical com Paulo e Mónica Costa.

A festa de aniversário terminará no domingo, 24, com a receção às entidades convidadas e a respetiva sessão solene, pelas 16h00, seguida da atuação do Grupo Coral da A.C. do Concelho de Rio Maior. A tarde terminará com um lanche convívio, pelas 18h00.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:11
link do post | comentar | favorito

Zêzere Arts inaugurou no dia 19 de julho

Música no património da região

 até 10 de agosto

 

1.jpg

 

O Convento de Cristo, e depois a Igreja da Santa Casa da Misericórdia, acolheram na terça-feira passada, dia 19 de julho, o primeiro concerto da sexta edição do Zêzere Arts – Festival Internacional de Música no Património. O concerto de abertura repete-se, hoje, na Igreja de Dornes, em Ferreira do Zêzere.

Até dia 10 de agosto e no Convento de Cristo, em Tomar, em Dornes e Ferreira do Zêzere, no Castelo de Almourol e em Vila Nova da Barquinha e no Mosteiro da Batalha, serão apresentados, ao todo, 15 concertos de música erudita.

Dirigido pelo maestro irlandês Brian MacKay, o ZêzereArts, que nasceu em Ferreira do Zêzere, inspirado no rio que banha a região, conta ainda com a coordenação da orquestra pelo violinista Luís Pacheco Cunha e com cerca de uma centena de cantores e 50 músicos.

O programa continua  no dia 22 de julho ao final da tarde, na Charola do Convento de Cristo, em Tomar, onde atua o Coro de Câmara ZêzereArts, havendo, no dia seguinte, ao princípio da tarde, um recital em Vila Nova da Barquinha com a Orquestra ZêzereArts e a pianista Taíssa Poliakova Cunha, estando marcado para esse dia à noite um Concerto Coral Sinfónico no Claustro D. João III, no Convento de Cristo.

No dia 26 à tarde realiza-se, na Biblioteca António Cartaxo Fonseca, em Tomar, um recital de piano trio "Por amor de Clara Wieck", com Matilde Loureira (violino), Gonçalo Lélis (violoncelo) e Taíssa Poliakova Cunha (piano).

Nota para a visita noturna ao Mosteiro da Batalha, que se realiza no dia 27 de julho, com momentos de performances da Orquestra de Cordas do ZêzereArts, espetáculo designado Sons e Ecos na Noite do Mosteiro.

No dia seguinte à noite há um novo concerto orquestral no Claustro D. João III, no Convento de Cristo, pela Orquestra ZêzereArts com solistas da 'masterclass' de cordas, e, no dia 29, recital no Cineteatro Paraíso, em Tomar, ao princípio da tarde, e à noite, num espetáculo de dança com música ao vivo no Castelo de Almourol, a Orquestra ZêzereArts interpretará As Estações de Vivaldi e de Astor Piazzolla.

No dia 30 de julho à tarde, os artistas participantes conduzem uma visita guiada à exposição "Musicando", na Biblioteca Municipal Dr. António Baião, em Ferreira do Zêzere, seguida de um recital no mesmo local.

O "Concerto de Gala" está marcado para 31 de julho à tarde no Centro Cultural de Ferreira do Zêzere, com a Orquestra do ZêzereArts e as solistas convidadas Natasa Sibalic e Juliana Mauger.

A 4 de agosto, no Cineteatro Ivone Silva, em Ferreira do Zêzere, é interpretada a ópera "La Serva Padrona", numa coprodução com o Convento dos Capuchos (Almada), no âmbito do Festival dos Capuchos.

O festival encerra no dia 10 de agosto com um Jantar de Gala, "Tournedos Rossini", no hotel Casa do Adro, em Ferreira do Zêzere.

Os concertos são de entrada livre, com exceção para a ópera e o jantar de gala em Ferreira do Zêzere, com bilhete que poderá ser adquirido ou reservado previamente para os serviços de Turismo de Ferreira do Zêzere. Também a visita guiada e concerto no Mosteiro da Batalha deverão ser reservados através do site do festival: www.zezerearts.com, onde poderá consultar o programa com mais detalhe.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:22
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 19 de Julho de 2016
Câmara de Santarém dá incentivos à instalação de esplanadas no Centro Histórico

5873_30176_Santarem_centro_historico5.JPG

 A Câmara de Santarém, no âmbito das medidas de revitalização e harmonização do Centro Histórico da cidade de Santarém, disponibiliza material de esplanada aos comerciantes daquela zona da cidade, facilitando a estada no Centro Histórico durante os dias de Verão.

Também no âmbito do incentivo ao comércio local, a autarquia dá continuidade à suspensão do pagamento da taxa municipal de ocupação de via pública para instalação de esplanadas no Concelho, até ao limite de 25m2. Esta medida, à semelhança dos anos anteriores, está disponível de junho a setembro, inclusive.

Os comerciantes interessados em beneficiar destas medidas, devem dirigir-se à Divisão de Planeamento e Urbanismo, de modo a tratarem de todos os procedimentos, com vista à instalação da esplanada e consequente isenção de taxas bem como, no caso dos que têm estabelecimentos no Centro de Histórico, para solicitar a cedência do material de esplanadas, no âmbito destas medidas. De referir que o material de esplanada, disponibilizado a título gratuito, é limitado ao stock existente.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:32
link do post | comentar | favorito

Os Verdes defendem o fim do financiamento público às touradas – Projeto de Lei será discutido amanhã no Parlamento

 

unnamed.jpg

 Discute-se amanhã, 20 de julho, na Assembleia da República o Projeto de Lei de Os Verdes que impede o financiamento público aos espetáculos tauromáquicos.

 

Os animais sencientes são detentores de um conjunto de direitos específicos e merecedores dos respetivos mecanismos normativos de proteção. À luz dos princípios consagrados na Declaração Universal dos Direitos dos Animais, dos quais salientamos - “Nenhum animal será submetido a maus tratos nem a atos cruéis” (art.º 3º); “a) Nenhum animal deve ser explorado para entretenimento do homem. b) As exibições de animais e os espetáculos que se sirvam de animais, são incompatíveis com a dignidade do animal” (art.º 10º); - as touradas, coerentemente, não subsistiriam.

 

Para o PEV, a sociedade deverá caminhar no sentido do abandono de práticas que não são compatíveis com o estatuto de proteção que cada vez mais por todo o mundo se reconhece, justamente, aos animais. E as corridas de touros, mesmo que sob o prisma de um dito «espetáculo cultural», não podem deixar de ser reconhecidas como comportando uma dose nítida de violência, agressão, sofrimento e ferimentos sangrentos infligidos a animais.

 

Os Verdes entendem que não têm que ser todos os portugueses a pagar, com dinheiros públicos, as touradas através dos apoios ou subsídios que são atribuídos a empresas e particulares no âmbito da atividade tauromáquica. Não é justo que assim continue a acontecer. Esta atividade, a subsistir, deve autofinanciar-se e não depender de financiamento público e, por isso, o PEV entregou no Parlamento o presente Projeto de Lei que visa travar o financiamento público às touradas. Esta iniciativa legislativa será discutida amanhã, 20 de julho, no Parlamento.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:27
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 18 de Julho de 2016
Oportunidades dos fundos comunitários explicados às IPSS’s

Nos dias 14 e 15 de julho, a NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém, reuniu as entidades da economia social do Ribatejo para apresentar e clarificar as oportunidades para o setor no âmbito do Portugal 2020.

No total, os dois seminários organizados pela NERSANT, em Santarém e Torres Novas, reuniram cerca de uma centena de entidades, que acederam ao apelo da associação para se informarem sobre as oportunidades para o setor no âmbito do Portugal 2020.

As oportunidades na área dos investimentos sociais foi um dos temas explicados pela NERSANT, que informou os presentes que este fundo têm como objetivos apoiar a reconversão, remodelação, ampliação e adaptação infraestrutural da rede social e solidária, viabilizando a promoção de respostas de qualidade aos utentes dos serviços. Tem como ações elegíveis operações e ações de construção, reconversão, ampliação, remodelação e adaptação dos espaços físicos e aquisição de equipamentos da rede de equipamentos sociais, bem como o apetrechamento e ou substituição de equipamento móvel.

Também o POSEUR, nomeadamente as oportunidades no âmbito da eficiência energética e da utilização das energias renováveis foram apresentadas nas duas sessões. A NERSANT explicou que se tratam de projetos de investimento que promovam a implementação de ações que visem aumentar a eficiência energética e a utilização de energias renováveis para autoconsumo, contribuindo para a promoção da eficiência energética e a redução da fatura energética.

Os critérios de elegibilidade, despesas elegíveis e taxas de financiamento para cada um dos projetos foram dados a conhecer pela NERSANT, que foi esclarecendo as dúvidas das entidades ao longo dos seminários.

António Campos, Presidente da Comissão executiva da NERSANT, esteve presente em ambas as sessões. Afirmou que com estes mecanismos, "as entidades têm uma oportunidade de melhorar os seus equipamentos, bem como de reduzir os custos com a fatura energética", tendo dito ainda que "as IPSS´s devem pensar a eficiência energética como uma aplicação financeira." Justificando ainda a realização destas sessões, António Campos afirmou que "não queremos que as instituições não tomem decisões por falta de informação."



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:22
link do post | comentar | favorito

JS Summer Camp

 

105d14cd-6ff9-4208-b1d1-a088d8ce934a.png

 

João Torres, Secretário-geral da JS e deputado, Francisco Madelino, Presidente do INATEL, e Fernanda Asseiceira, Presidente da CM de Alcanena, são algumas das figuras presentes

A Federação distrital de Santarém da Juventude Socialista promove, nos próximos dias 22, 23 e 24 de julho, nos Olhos de Água, concelho de Alcanena, uma nova edição do seu acampamento de Verão – JS Summer Camp.
Este convívio, organizado pela JS Ribatejo e pela concelhia de Alcanena, contará com diversos momentos de descontração e lazer, aproveitando todos os recursos dos Olhos de Água, bem como com uma conferência subordinada ao tema “Valorização do Território e Potencial Turístico”, com a participação de Fernanda Asseiceira, Presidente da Câmara Municipal de Alcanena, e de Francisco Madelino, Presidente da Fundação INATEL. A moderação ficará a cargo de Nuno Ferreira, professor de Turismo e membro do secretariado distrital do Partido Socialista.
Para assinalar este momento, João Torres, secretário-geral da Juventude Socialista e deputado na Assembleia da República, marcará presença neste convívio da Federação distrital da Juventude Socialista de Santarém.
As inscrições estão abertas, a militantes e não militantes da JS, até ao próximo dia 21 de julho na página do Facebook da JS Ribatejo.





publicado por Noticias do Ribatejo às 13:02
link do post | comentar | favorito

Cartaxo adere a projeto Escola com Livros

 

  • Câmara estabelece protocolo para entregar livros a bibliotecas escolares do concelho, a custo zero para os estabelecimentos de ensino.
  • Pedro Magalhães Ribeiro destaca a importância das bibliotecas escolares no acesso igualitário à cultura, ao conhecimento e à educação.

 

A partir do próximo trimestre, os estabelecimentos de ensino do concelho do Cartaxo vão poder receber livros a custo zero. O projeto Escola com Livros resulta do protocolo celebrado entre a Câmara Municipal e a Página Editora e promove o trabalho conjunto entre autarquia, editoras, empresas locais e agrupamentos de escolas.

 

O principal objetivo do protocolo assinado em maio deste ano, é criar uma resposta integrada que associa a defesa do livro à promoção da leitura. Disponibilizando um acervo atualizado de livros ao maior número possível de crianças e jovens, independentemente da capacidade económica das suas famílias, o projeto promove a igualdade social no acesso à cultura e à educação.

 

Pedro Magalhães Ribeiro, presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, descreveu o projeto como “uma iniciativa que envolve a comunidade escolar e empresarial, com reconhecidas vantagens para todos”, referindo que “a área de Educação e Juventude da autarquia fará a ligação entre todos os intervenientes, coordenando a execução do projeto”. O autarca explicou que as empresas serão os mecenas do projeto, adquirindo os livros, entregando-os às escolas e usufruindo de benefícios fiscais relevantes. “Será, essencialmente, às nossas empresas que o sucesso desta iniciativa se deverá”.

 

A execução do projeto Escola com Livros teve início em junho, estando previsto que no início do ano letivo 2016/2017, possam ser disponibilizados os primeiros livros às bibliotecas escolares.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:55
link do post | comentar | favorito

LARGADA DE PORCO ENSEBADO NAS FESTAS DO PORTO ALTO

Um porco bem alimentado vai ser largado esta tarde às 19h00 no recinto das largadas de touros nas Festas do Porto Alto. O animal vai ser ensebado para fugir mais facilmente aos candidatos a agarrá-lo. Quem conseguir segurar o porco, cruzado de javali, durante 30 segundos fica com umas largas dezenas de quilos de carne. O evento não constava no programa mas surgiu depois da organização ter recebido dois porcos oferecidos pelos criadores.

Depois da porcalhada, há nova largada de touros. Será a sétima de um conjunto de dez largadas com touros bravos e em pontas. Até ao momento registaram-se três colhidas sem gravidade, contrariando a tendência de anos anteriores. Todos os feridos foram assistidos no local. A maior parte dos transportes ao hospital por parte dos bombeiros foram episódios causados pelo calor (temperaturas a rondar os 40 graus) e pelo consumo em excesso de álcool.

Dizem os entendidos que os recortadores e demais aficionados protegem-se mais e não têm arriscado tanto na cara dos touros. A organização também reforçou os apelos alertando para o perigo que representa estar no interior do recinto que é maior que um campo de futebol.

Esta noite há duas largadas às 19h00 e à 01h00. Pelo meio sobe ao palco a cantora Rebeca e há arraial popular.

Os festejos são em Honra de Nossa Senhora da Guadalupe e já receberam mais de 15 mil pessoas desde sexta-feira.

A comissão é composta por uma direção executiva apoiada por dezenas de voluntários que angariam os apoios logísticos e financeiros para pagar uma festa onde todos os eventos são gratuitos.

"É uma Festa feita pelo Povo e para o Povo" explica Carlos Falua, líder da comissão de Festas que antevê que a festa encerre com uma multidão na terça-feira com o concerto com os HMB.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:54
link do post | comentar | favorito

Descontos Sociais de eletricidade e gás natural automáticos vão refletir-se nas faturas de agosto

 

A Câmara Municipal de Santarém e a DECO alertam os consumidores, para o facto de ter entrado em vigor no início deste mês, o novo regime de acesso à tarifa social de energia, designadamente: a Tarifa Social e o Apoio Social Extraordinário ao Consumidor de Energia (ASECE).

Estes descontos destinam-se a famílias carenciadas, e têm como objetivo reduzir as suas despesas de eletricidade e gás.

Assim, desde o dia 1 de julho que, os consumidores economicamente vulneráveis passam a ter acesso automático às tarifas sociais de eletricidade e gás natural.

Por conseguinte, todos os consumidores que preencham os requisitos previstos na lei passam a beneficiar destes descontos sem que tenham que mudar de comercializador.

Os consumidores ilegíveis poderão comprovar o impacto deste novo regime já na próxima fatura do mês de agosto, pois caso tenham direito aos descontos sociais os mesmos encontrar-se-ão refletidos na mesma.

Este alerta surge na sequência de, tanto a Câmara Municipal de Santarém, através do Núcleo de Informação Autárquico ao Consumidor (NIAC), como a Deco, terem vindo a receber vários pedidos de informação por parte de consumidores que foram abordados nas suas residências, por colaboradores de empresas de energia, com vista a ser celebrado contrato de fornecimento de eletricidade e gás com a referida empresa e dessa forma efetuarem a mudança de comercializador.

A informação veiculada aos consumidores é a de que, se celebrarem contrato com a empresa que representam, poderão ter acesso aos descontos sociais de eletricidade e gás natural, que se irão refletir na fatura.

Os descontos aqui em causa e aos quais os comerciais se referem são, os já referidos, Tarifa Social e o Apoio Social Extraordinário ao Consumidor de Energia (ASECE).

Perante a informação prestada e a possibilidade de poderem vir a beneficiar de tais descontos, os consumidores acabam por celebrar tais contratos, efetuando-se assim a mudança de comercializador sem que essa fosse a sua verdadeira vontade.

Em caso de dúvidas os consumidores podem dirigir-se à Delegação Regional de Santarém da DECO, sita na Rua Pedro de Santarém, n.º 59 – 1º Dto. ou contactar através do telefone 243 329 950 ou ao NIAC, sito nas instalações da antiga Escola Prática de Cavalaria ou através do telefone 243 304 408.



publicado por Noticias do Ribatejo às 09:28
link do post | comentar | favorito

Domingo, 17 de Julho de 2016
TEMAS DE SAÚDE: Fraturas de stress

ANTONIETA.jpg

Por: Antonieta Dias (*)

 

 

As fraturas de stress, também designadas por fraturas de fadiga, são típicas da prática desportiva e surgem devido à existência de uma sobrecarga mecânica de forma cíclica e repetida sobre um osso, levando a um desequilíbrio entre os fenómenos de reabsorção e neoformação óssea.

As fraturas de fadiga resultam de uma carga repetida durante muito tempo. Os atletas expostos a este tipo de fratura são os corredores de grande fundo, os desportistas mal preparados e os que treinam muitas horas.

Os locais mais frequentes deste tipo de fraturas, são sobretudo as extremidades inferiores, nomeadamente os ossos metatarsianos, o calcâneo e os escafóides.

As fraturas são de difícil diagnóstico, pois em 50% dos casos os exames radiográficos são negativos, no início, sendo muitas vezes necessário repetir a radiografia duas a três semanas após a lesão, podendo mesmo ter de recorrer à exploração da fratura, com a utilização de marcadores de radioisótopos (cintigrafia óssea). A ressonância magnética faz-nos o diagnóstico logo de início, na maior parte das vezes.

A fratura de stress-descrita pela primeira vez por Breidhaup (1855), surge quando há uma sobrecarga mecânica ou uma hiperatividade funcional, que leva a uma modificação localizada da estrutura óssea.

As fraturas de stress surgem sempre na ausência de traumatismo, corticoterapia ou raquitismo. A predisposição varia com a modalidade praticada.

Uma fratura de stress (origina uma dor inespecífica com o exercício físico intenso). Quando a fratura de stress surge num osso longo carateriza-se pelo aparecimento de uma imagem fissural linear, enquanto se for num osso curto, já nos mostra uma forma esclerótica, com zonas de ósteo - condensação transversal, parcial ou total.

O tratamento pode ser conservador passando pelo repouso absoluto durante 15 dias nas formas benignas podendo ir até dois meses nas formas mais rebeldes necessitando de imobilização com ligaduras ou gesso. Só se intervém cirurgicamente, quando as fraturas são transversais no colo do fémur, fazendo-se a osteossíntese quando a fratura é completa.

O tempo de inatividade pode ir de 6 a 8 semanas

As fraturas de fadiga da bacia representam 1 a 3% do conjunto das fraturas de stress (J.Jan, A Mégret, P.Rochconcar, J. Traumatolog. Sport, 16, 131-136). Segundo os mesmos autores as fraturas de fadiga do sacro são raras e só foram descritas muito recentemente.

Nas crianças as fraturas são de fácil consolidação. Estas fraturas nas crianças diferem das do adulto, devido aos ossos serem mais elásticos, mais flexíveis, deformando-se antes de romper, sendo frequentes e típicas as fraturas em ramo verde (fratura incompleta ou angulada). Podemos encontrar fraturas diafisárias (fraturas obliquas ou longitudinais), provocadas pelo desporto, mas são relativamente raras, representam 7 a 8% de todas as fraturas. O antebraço e a perna são os segmentos mais lesionados.”

Na criança e no adolescente o tempo de cura das fraturas é mais curto devido ao fato de terem uma melhor irrigação sanguínea do esqueleto.

Se fizermos um controlo radiográfico numa pessoa em crescimento, 18 meses apos o acidente, praticamente não encontramos nenhum sinal de fratura, enquanto que no indivíduo adulto já observamos alterações ósseas (calo ósseo).

As fraturas por arrancamento podem ser mais graves que uma rotura muscular ou tendinosa. Deve-se fazer o diagnóstico diferencial entre fraturas por arrancamento e roturas musculares, podendo as primeiras originar um tempo de inatividade de 6 meses, qualquer que seja o tratamento utilizado. O seu diagnóstico deve ser feito o mais precocemente possível, para instituir o tratamento rapidamente. Se uma lesão destas é negligenciada pode provocar uma dor crónica, com deterioração da função articular e instabilidade ou uma diminuição da mobilidade por sequela. O exame radiográfico deve ser sempre efetuado em todas os acidentados que apresentam dor, tumefação ou hematoma.

As lesões dos membros superiores, localizam-se  preferencialmente: ao nível dos dedos, devido à existência de um grande números de desportos que provoca um traumatismo das mãos, podendo lesar os metacarpianos, falanges e carpo, seguidas do cotovelo, do ombro, do antebraço e braço. As fraturas menos frequentes são as do úmero.

Muitas destas fraturas são fraturas de stress que não são detetadas nas radiografias simples iniciais, havendo necessidade de recorrer a outros meios de diagnóstico, como a gamagrafia e a ressonância magnética. O tratamento das fraturas de stress implica um repouso absoluto do atleta durante 15 dias, podendo ser prolongado para dois meses nas formas mais rebeldes. A aplicação de pomadas anti-inflamatórias em pensos oclusivos, crioterapia e cinesiterapia completam o tratamento.

(*) Doutorada em medicina



publicado por Noticias do Ribatejo às 14:08
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


posts recentes

Inscrições para a Univers...

Município do Entroncament...

JORNADAS DE CULTURA ATÉ 2...

Festival de música Cartax...

Tertúlia Festa Brava orga...

“Quando ela… é ele!” teat...

Professores dos 3 Agrupam...

CARTAXO VOLTA A APRESENTA...

Jovens atores da Chamusca...

Tomar dá o corpo ao manif...

Programa de Educação Pare...

“Chamusca das Três Graças...

ERROS GROSSEIROS NA ELABO...

Festival de música Cartax...

Há apoios do Portugal 202...

‘Santarém em Cena’ reúne ...

Teatro Sá da Bandeira ini...

Ceyceyra Medieval a 21 e ...

TEMAS DE SAÚDE: Doente on...

"O medo tem alguma utilid...

Município de Azambuja ass...

Ano letivo 2019-2020 arra...

Tomar – Prisão preventiva...

Arroz é rei em novo event...

PSD visita operação de li...

Fórum Cultural em Arruda ...

CÂMARA MUNICIPAL DO CARTA...

Santarém retoma liderança...

União de Tertúlias de Aza...

Mercado de Outono e ofici...

arquivos

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds