NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Quarta-feira, 6 de Fevereiro de 2019
QUINTA DA ALORNA TINTO 2016

Quinta da Alorna Tinto.jpg

 

QUINTA DA ALORNA TINTO 2016

UMA PROPOSTA DE ELEIÇÃO PARA TODOS OS DIAS

 

A Quinta da Alorna apresenta uma nova criação que alia a versatilidade e requinte de um tinto jovem e descontraído ao savoir-faire de uma propriedade centenária. Trata-se da nova colheita do Quinta da Alorna Tinto 2016.

 

Pretendendo afirmar-se como uma referência entre as gamas de consumo diário, o Quinta da Alorna Tinto 2016 seduz pelo tom rubi carregado e pelo singular aroma com sugestões de fruta vermelha madura, notas de chocolate e um ligeiro toque a especiarias.

 

Rico em fruta e denso na boca, com taninos redondos, deve a sua subtileza à combinação das castas Syrah, Castelão, Tinta Roriz e Alicante Bouschet, confirmando a herança das colheitas anteriores e impondo-se pela personalidade incomparável.

 

O Quinta da Alorna Tinto 2016 surge assim como a opção perfeita para elevar a um novo patamar enogastronómico as refeições de todos os dias, sendo indicado para pratos de carnes vermelhas, charcutaria e deliciosos risotos.

 

“A utilização de quatro castas diferentes permitiu-nos conferir complexidade a esta nova colheita, sendo que a Charneca com solos predominantemente arenosos concedeu-lhe a frescura e elegância que distinguem os vinhos da Quinta da Alorna. Estamos certos de que este é um excelente vinho, pleno de jovialidade e sabor, que irá valorizar as refeições do dia-a-dia com a personalidade inconfundível dos vinhos Quinta da Alorna, refletindo a extraordinária região em que a propriedade se insere”, afirma Martta Reis Simões, enóloga da Quinta da Alorna.



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:03
link do post | comentar | favorito

Secretário de Estado da Internacionalização inaugura novas unidades industriais em Coruche

transferir.jpg

 

O Grupo LAVERDE inaugura, no próximo dia 11 de Fevereiro, pelas 10 horas, duas novas unidades industriais, na Zona Industrial do Monte da Barca, em Coruche, com a presença oficial do Secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias.

 

 

As instalações LAVERDE a inaugurar, resultam de uma candidatura ao Portugal 2020 – Inovação Produtiva – Programa Operacional do Alentejo, que visa reforçar a competitividade das pequenas e médias empresas, através da concessão de apoio à criação e ao alargamento de capacidades avançadas de desenvolvimento de produtos e serviços.

O investimento feito chega aos 2.373.394,00e pretende alcançar uma extensão do mercado (quer ao nível da entrada em novos mercados de exportação, quer ao nível do alargamento do mercado) com os mesmos produtos.

 

A Laverde ao longo da sua história tem-se reinventando e investido na modernização dos equipamentos, na valorização dos recursos humanos e na sua qualificação especializada, na diversificação da oferta e sobretudo na qualidade dos produtos sendo um importante empregador e exportador.

A presença do Senhor Secretário de Estado da Internacionalização é uma honra e enorme reconhecimento para o Município e para os empresários que dedicaram o seu know-how a investir no concelho de Coruche.

Ao longo deste mandato autárquico, a Câmara Municipal de Coruche, tem vindo a trabalhar com muita proximidade e afinco com as empresas que escolheram investir no concelho, garantindo um conjunto de condições para gerar atratividade de investimento e de fixação de empresas.

É algo que tem vindo a ser feito ao longo dos anos, com loteamentos para áreas industriais, a preços competitivos, com fiscalidade atrativa e mais recentemente com o início da infraestruturação do Parque Empresarial do Sorraia, que representará um importante investimento para alargar a oferta da praticamente lotada Zona Industrial do Monte da barca, cuja percentagem de ocupação já chegou aos 100%.

 

O tecido económico coruchense assenta sobretudo no sector agrícola, florestal e agro-alimentar. No entanto, a realidade tem-nos mostrado que Coruche é competitivo noutras áreas, e uma referência a nível nacional, fruto do elevado esforço e dedicação dos nossos empresários. A Câmara de Coruche partilha a  ideia e objetivo de continuar a reforçar o posicionamento internacional do nosso país, que fruto do trabalho de várias entidades e o especial envolvimento e empenho do Senhor Secretário de Estado da Internacionalização, bem como dos restantes membros do Governo Português.

As instalações que vão ser inauguradas são um bom exemplo daquilo que é necessário continuar a fazer na economia nacional, com um forte investimento em novas áreas de exportação, onde as PME especializadas podem ter um enquadramento importante para esse desiderato, tal como na referência de que o Portugal 2020 tem tido um papel fundamental para a construção destes objetivos de internacionalização e exportação dos produtos fabricados em Portugal.

Assim sendo, será um importante momento na vida empresarial do concelho de Coruche, mas também de um setor que está em crescendo e que é já uma referência de excelência.

 

 

 

 

 

 

 

BRIEFING LAVAVERD E OBJETIVOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO:

 

A EMPRESA LAVERDE – PRODUTOS NATURAIS E COSMÉTICA, LDA, iniciou a sua atividade em 1993. João Carocha, principal sócio gerente desta empresa, esteve vários anos emigrado na Alemanha onde trabalhava numa fábrica dedicada à área dos produtos naturais e cosmética. Após a constituição da empresa em Portugal, regressa para contribuir com o conhecimento que adquiriu lá fora, colocando-o ao serviço da empresa familiar.

A génese da LAVERDE surge no seio familiar e sempre teve como principal objetivo a evolução não só no conhecimento e desenvolvimento de novos produtos como no crescimento territorial, conseguindo mesmo a aquisição de um terreno junto à área onde se encontra sediada. Em 2004, inicia-se um processo de exportação, dominando já o fabrico de produtos de categoria elevada a nível nacional.

A Laverde conseguiu alguns negócios com empresas alemãs já referenciadas pela experiência profissional de João Carocha.

 

A partir desse ano, países como a Alemanha, Dinamarca e Suíça tornaram-se os maiores recetores dos produtos Laverde e em França destacam-se produtos de qualidade já certificados pela Ecocert.

Ainda durante o ano de 2004 e de modo a respeitar todas essas regras e normas internacionais certificadas pela Ecocert e Natrue, a Laverde certificou todos os os seus produtos naturais/biológicos, garantindo assim que todo o seu fabrico, que provêm de agricultura controlada, era de confiança internacional.

Este facto torna a Laverde a única empresa em Portugal, produtora de cosmética natural e biológica, certificada por uma entidade europeia e que permite, hoje, serem fabricados, embalados e fornecidos todo o tipo de produtos cosmética e de higiene corporal.

A Laverde, teve a necessidade de aumentar a capacidade produtiva de toda a fábrica, necessitando por isso de aquisição de novos equipamentos com mais capacidade.

 

Em 2009 são adquiridos mais equipamentos, na sua maioria em segunda mão, tornando possível mais solicitações pelos clientes e sobretudo depositando mais confiança na qualidade da equipa da Laverde.

Após quase 30 anos de experiência surge a necessidade de investir na produtividade, e qual a melhor tecnologia a adquirir para esse fim.

Dependendo de cada cliente a empresa Laverde sabe que o produto que produz e a sua excelente e reconhecida qualidade depende da melhoria das instalações e capacidade produtiva.

As novas instalações a inaugurar, reúnem todos os requisitos quer de equipamento, com novas máquinas de produção, capazes de garantir ainda melhor qualidade, garantindo melhores condições para laborar e maior nível de segurança. A Laverde nos últimos 5 anos tem aumentado o número de trabalhadores, obtido um crescimento exponencial da sua atividade e foi galardoada consecutivamente (desde 2011) com o estatuto de PME Excelência.

 

A expansão internacional, que atualmente existe na empresa é uma necessidade e um objetivo. Tornar-se exportador na sua grande maioria quer diretamente, quer indiretamente através dos seus clientes nacionais que colocam os seus produtos no mercado internacional. É também muito importante para a estrutura empresarial a incessante procura das melhores matérias-primas certificadas, indo por vezes diretamente aos produtores agrícolas e de transformação de matérias-primas, preservando a qualidade dos produtos e sobretudo respeitando o meio ambiente e a composição química ajustada para o ser humano.

Os investimentos nas novas instalações da empresa vêm contribuir significativamente para a organização e melhoria do processo de fabrico e enchimento final dos produtos ali criados e embalados.

Um dos objetivos é o crescimento em pelo menos 50% do volume de negócios, que só é possível com a reorganização e reestruturação do processo de fabrico e das próprias instalações.

A angariação de novas contas de grandes grupos económicos detentores de grandes superfícies comerciais já interessadas nos produtos da Laverde como marcas desses grupos, terão agora a oportunidade de trabalhar de forma rápida e em quantidade.

Para a Laverde, é o inicio de uma nova etapa mantendo os clientes mais antigos satisfeitos, conseguindo dar resposta aos novos clientes.

A incrementação do volume de negócios junto das grandes contas internacionais de clientes com necessidades elevadas de quantidades torna-se possível com este investimento, sendo também aqui outra linha de orientação da atividade da empresa.

 

Com a criação deste espaço todas as zonas distintas contribuirão para a produção eficaz dos produtos. Permitindo a receção do aumento de volume de trabalhos.

Estima-se que atinja o dobro do trabalho atual num futuro não longínquo.

 

As instalações situam-se na Zona Industrial de Coruche, zona perto da habitação de muitos dos trabalhadores atuais. O que é também fundamental quer como fator positivo para a motivação dos trabalhadores quer a nível profissional quer pessoal mas também respondendo às necessidades de mobilidade cada vez mais importantes na cadeia empresarial.

A Laverde prevê atingir o final da década duplicando as suas vendas e incrementar mais três grandes contas de clientes acima do meio milhão de euros.



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:05
link do post | comentar | favorito

Conversas sobre Folclore e Etnografia na Constância

Cartaz 2019-02-16.jpg

 

O Conselho Técnico da Federação do Folclore Português para a Região do Alto Ribatejo em parceria com a Câmara Municipal de Constância vai realizar "Conversas sobre Folclore e Etnografia", um evento que terá lugar no Cineteatro Municipal de Constância, no sábado, 16 de fevereiro, a partir das 14h30.

"Conversas sobre Folclore e Etnografia" apresentará as palestras "A reconstituição do traje tradicional: uma problemática multifacetada" por Daniel Café (Presidente da Direção da Federação do Folclore Português), "A falar é que a gente se entende" por Ludgero Mendes (Vice-Presidente da Direção da Federação do Folclore Português) e "Folclore - A nossa herança cultural. O passado, presente e futuro." por Custódio Rodrigues (Diretor técnico do Rancho Folclórico "Os Camponeses" de Malpique).

As inscrições são gratuitas e estão abertas ao público em geral até ao dia 11 de fevereiro, no Conselho Técnico Regional do Alto Ribatejo: por correio para Calçadas 33 C - 2300-329 Tomar, para o endereço de e-mail ctr.altoribatejo@gmail.com ou para o telemóvel 964024844.

O evento "Conversas sobre Folclore e Etnografia" tem o apoio da Federação do Folclore Português, do Município de Constância, do Rancho Folclórico "Os Camponeses" de Malpique e da Caixa de Crédito Agrícola do Ribatejo Norte e Tramagal.



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:59
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Abril 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

20

24
25
26
27

28
29
30


posts recentes

FÉRIAS MUNICIPAIS DA PÁSC...

SWIMRUN ZÊZERE 

MEMÓRIAS DO TEMPO: Há 110...

Benavente – Recuperado ma...

EDP Distribuição rejuvene...

SATIE, I LOVE SATIE, os A...

Rancho Folclórico Danças ...

SAMORA CORREIA ESPERA MIL...

Concerto Comemorativo do ...

Município do Entroncament...

Tomar – Identificada por ...

Em junho a Freixianda ass...

NERSANT mobiliza stakehol...

Azeites de Tomar com galh...

NOVOS REGULAMENTOS AR

Cumeada FC vence XI ediçã...

Crédito Agrícola apoia cr...

NERSANT ajuda empreendedo...

ALMOÇO COMEMORATIVO DO 45...

TEMAS DE SAÚDE: Violência...

Tomar – Identificada por ...

ASSEMBLEIA DE FREGUESIA D...

Ressurreição

BALCÃO SOCIAL CHUMBADO EM...

Entroncamento no Convento...

Dia  Aberto aos filhos do...

Gana e Costa do Marfim sã...

Agrocluster Ribatejo insp...

“Serei o Que me Deres … Q...

Aproveite o que Santarém ...

arquivos

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds