NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Quinta-feira, 31 de Outubro de 2019
1º Edição do Festival das Netas e do Bolo de Chouriço em Quebradas (Azambuja)

Festival_netas_bolo_chouriço_quebradas.jpg

 

Dias 02 e 03 de novembro de 2019.

A aldeia de Quebradas, freguesia de Alcoentre, concelho de Azambuja, vai receber nos próximos dias 02 e 03 de novembro, a primeira edição do Festival das Netas e do Bolo de Chouriço.

Durante os dois dias do festival podem desfrutar destas duas iguarias locais – “netas” e “bolo de chouriço”, confecionadas nos fornos a lenha, como antigamente. Refira-se que o tradicional “pão das netas” era uma manifestação de afeto dos avós para os netos, em que sempre que coziam o pão, guardavam o final da massa para fazer as denominadas “netas” para oferecer aos mais pequenos. 

No dia 02 de novembro, o evento decorre entre as 18h30 e as 23h00. No domingo, dia 03 de novembro, será entre as 09h00 e as 19h00, com uma participação especial do programa “Olhó Baião” da SIC.

A iniciativa é de entrada livre e é uma organização da população de Quebradas, que conta com o apoio da Associação Recreativa e Cultural de Quebradas.



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:57
link do post | comentar | favorito

Alcoentre (Concelho de Azambuja) recebe “Rota das Adegas” - 1º Passeio de Vespas, Motas e Motorizadas

passeio_vespas_alcoentre.jpg

 

Alcoentre (Concelho de Azambuja) recebe “Rota das Adegas” - 1º Passeio de Vespas, Motas e Motorizadas

Dia 01 de novembro de 2019.

A Freguesia de Alcoentre vai receber na próxima sexta-feira, dia 01 de novembro, feriado, a “Rota das Adegas”, o primeiro passeio de vespas, motas e motorizadas de Alcoentre.

A concentração está marcada para as 09h00, na Casa do Povo de Alcoentre, com pequeno almoço incluído. O passeio tem início às 09h30, com paragem nas adegas da freguesia e termina às 13h00, com regresso à Casa do Povo de Alcoentre.

Quando forem 13h30, irá decorrer a inauguração do salão da Casa do Povo pelo Presidente da Câmara Municipal de Azambuja, seguida de um almoço de convívio. A partir das 16h00, há animação para todos ao som do acordeonista Daniel Adrião.

Esta iniciativa é uma organização da Casa do Povo de Alcoentre, em colaboração com Clube RodoVespas, e conta com o apoio da Câmara Municipal de Azambuja e da Junta de Freguesia de Alcoentre.

(Fotografia: Facebook RodoVespas)



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:00
link do post | comentar | favorito

FEIRA DE TODOS OS SANTOS VAI REVELAR SEGREDOS À MESA

image006.jpg

 

As associações culturais e recreativas do concelho vão à Feira de Todos os Santos mostrar a gastronomia das suas freguesias.

 

De 1 a 3 de novembro, sexta-feira a domingo, a Feira vai ter mesa posta para receber os visitantes com os doces sabores e os aromas únicos dos nossos pratos tradicionais. São as freguesias do concelho do Cartaxo que se vão instalar no espaço de cozinha ao vivo da Feira de Todos os Santos para mostrarem que é entre tachos e panelas que se escondem os segredos mais preciosos da gastronomia do território.

 

Aceite o convite para descobrir a gastronomia típica das nossas freguesias. Tem oito oportunidades únicas para descobrir o segredo daquele arroz doce tão bom que até emociona, daquele bacalhau no ponto certo de sal ou daquelas doces maravilhas que vai preparar para o Natal.

 

 

 

MOSTRA DE GASTRONOMIA TÍPICA DAS FREGUESIAS

DE 1 A 3 DE NOVEMBRO 2019

Entrada Livre limitada ao espaço disponível.

 

1 NOVEMBRO

SEXTA-FEIRA | FERIADO

15H00

FREGUESIA DE VILA CHÃ DE OURIQUE

OS CINQUENTÕES

Doce D’Arrobe | Arroz Doce | Vinho Cinquentões

 

17H00

FREGUESIA DE PONTÉVEL

CASA DO POVO DE PONTÉVEL

Magusto com Bacalhau

 

18H30

FREGUESIA DE VALADA

RANCHO FOLCLÓRICO CEIFEIRAS DE PORTO DE MUGE

Coscorões | Rosetas

 

2 NOVEMBRO

SÁBADO

16H30

FREGUESIA DE VALE DA PEDRA

RANCHO FOLCLÓRICO REGIONAL DE VALE DA PEDRA

Arroz de Cabidela | Arroz Doce (com e sem ovos) | Coscorões | Loló Setil

 

18H30

UNIÃO DE FREGUESIAS DO CARTAXO E VALE DA PINTA

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E RECREATIVA DO RANCHO FOLCLÓRICO DO CARTAXO E ASSOCIAÇÃO CULTURAL E

RECREATIVA DO RANCHO FOLCLÓRICO DE VALE DA PINTA

Moelas | Pipis

Coscorões | Arroz Doce

 

3 NOVEMBRO

DOMINGO

15H00

UNIÃO DE FREGUESIAS DE EREIRA E LAPA

RANCHO FOLCLÓRICO DA CASA DO POVO DA EREIRA

Arroz Doce | Broas de Mel com Abafado

 

GRUPO DE CANTIGAS E TRADIÇÕES

Sopa de Batata | Sopa de Couve com Feijão Seco



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:58
link do post | comentar | favorito

NERSANT é parceira da iniciativa e acolhe conjunto de oito sessões temáticas


Ciclo de workshops "Aprender a Exportar" chega a Santarém

O ciclo de workshops "Aprender a Exportar" chega ao distrito de Santarém já no próximo dia 14 de novembro. A NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém é parceira da iniciativa da AIP - Associação Industrial Portuguesa, acolhendo na região as oito sessões temáticas sobre a internacionalização das PME."

 

A AIP encontra-se a dinamizar por todo o país o ciclo de workshops "Aprender a Exportar", no âmbito do projeto conjunto e cofinanciado pelo Portugal 2020, “Negócios no Mundo”, do qual a NERSANT é copromotora.

A ação, que conta ainda com a parceria da Nova School of Business & Economics, vai passar por Santarém a partir de 14 de novembro. No distrito, o ciclo de workshops conta com a parceria da NERSANT e arranca na Startup Ourém, realizando-se, aqui, as sessões temáticas "Porquê internacionalizar?" e "Diagnóstico para a internacionalização". No dia 21 de novembro, o ciclo de workshops segue para a sede da NERSANT, em Torres Novas, onde se exploram as temáticas "Análise e escolha de mercados" e "Estratégias de entrada nos mercados".

A Startup Santarém recebe os workshops do dia 28 de novembro, com os temas "Gestão de aspetos jurídico-financeiros" e "Financiamento". A iniciativa termina, na região, no dia 5 de dezembro, com a realização, na sede da NERSANT em Torres Novas, das sessões "Logística e Transporte" e "Marketing e Vendas".

De referir que o ciclo de workshops "Aprender a Exportar" tem como objetivo facultar a empresários, gestores e responsáveis de comércio internacional das empresas, informação e ferramentas práticas que acrescentem conhecimentos essenciais para a internacionalização das PME, analisando as suas necessidades, processos e riscos associados, e apoiando-as na definição das suas estratégias de expansão. Nas sessões serão ainda apresentadas e utilizadas ferramentas digitais concebidas sobre os temas, que permitirão a aplicação prática dos mesmos em ambiente laboral.

Os workshops serão espaços privilegiados de acesso a informação temática e, em simultâneo, espaços para troca de experiências e interações entre as empresas participantes e oradores convidados e análise de casos de sucesso, preferencialmente de outras PME que já atuam no mercado global e que podem testemunhar o percurso realizado.

O ciclo de workshops "Aprender a Exportar" é uma iniciativa no âmbito do projeto conjunto de internacionalização "Negócios no Mundo", cofinanciado pelo Portugal 2020 e implementado por oito associações empresariais, entre elas a NERSANT. O projeto está vocacionado para a potencialização da internacionalização das PME nacionais, através de uma atuação integrada de ações externas, missões inversas e capacitação de empresários.

Neste momento, a NERSANT já tem inscrições abertas para cada uma das ações temáticas no âmbito deste ciclo de workshops. As empresas interessadas em estar presentes devem, por isso, inscrever-se em www.nersant.pt. A presença é gratuita.

 

Rio Maior recebe seminário sobre "Planos de Viabilização e Análise de Investimentos"
Saiba como planear os seus investimentos sem pôr em causa o seu negócio

O workshop do projeto financiado Ribatejo InovFin sobre “Planos de Viabilização e Análise de Investimentos”, dinamizado pela NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém, realizou-se em Torres Novas no dia 29 de outubro, depois de uma primeira sessão com lotação esgotada em Benavente. Na próxima semana a sessão chega a Rio Maior para ajudar as empresas a planear os seus investimentos e a elaborar planos de viabilização em caso de (sobre) endividamento. As inscrições estão abertas e são gratuitas.

 

O workshop decorre no dia 5 de novembro, pelas 14h30, no CNIRM - Centro de Negócios e Inovação de Rio Maior e tem como objetivos educar os empresários, gestores e / ou contabilistas das PME da região, para a correta elaboração de um plano de viabilização e ainda para uma criteriosa análise dos seus investimentos. O objetivo deste seminário é preparar as empresas para o planeamento dos seus investimentos sem fragilização financeira da empresa e, em caso de (sobre) endividamento, instruir as mesmas para a negociação com a banca e com os investidores privados, através da correta apresentação do plano de viabilização.

A inscrição no workshop é gratuita, uma vez que o mesmo se realiza ao abrigo do projeto financiado Ribatejo InovFin. Trata-se de um programa dinamizado pela NERSANT que está a percorrer o distrito de Santarém com vários workshops gratuitos de literacia financeira para as empresas. É um projeto financiado pelo COMPETE 2020 no âmbito do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, que, para além da promoção da literacia financeira, tem ainda como objetivos promover a inovação como um instrumento fundamental para o aumento da competitividade das empresas, a promoção de estruturas financeiras mais equilibradas e a melhoria das condições de acesso ao financiamento por parte das PME.

Os interessados em inscrever-se no workshop sobre “Planos de Viabilização e Análise de Investimentos” ou noutras ações de literacia financeira do Ribatejo InovFin, devem inscrever-se no portal da associação, em www.nersant.pt ou no portal do projeto, em www.inovfin.pt.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:46
link do post | comentar | favorito

ROTURA GRAVE OBRIGA A SUSPENSÃO DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA NA ZONA DO BOM AMOR EM TORRES NOVAS

ROTURA GRAVE OBRIGA A SUSPENSÃO DO ABASTECIMENTO DE ÁGUA

NA ZONA DO BOM AMOR EM TORRES NOVAS

SEXTA-FEIRA, 31 DE OUTUBO DE 2019

 

 

A ÁGUAS DO RIBATEJO informa que devido a uma rotura grave na conduta principal junto ao rio na zona do Bom Amor, em Torres Novas, fomos forçados a suspender o abastecimento de água na zona do Bom Amor.

A AR está a intervir no local com várias equipas para minorar o tempo de reparação e de suspensão do abastecimento.

Neste momento não tem previsão para o retomar do abastecimento.

Zonas afetadas:

 

  • Variante do Bom Amor e zonas contíguas
  • Rua dos Mesiões
  • Várzea dos Mesiões
  • EN 349


publicado por Noticias do Ribatejo às 10:45
link do post | comentar | favorito

Autarquia de Salvaterra de Magos aprova Orçamento de 12,6 milhões de euros para 2020

5.jpg

 



A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos aprovou esta quarta-feira por maioria, com os votos a favor dos eleitos do PS e um voto contra do BE, o Orçamento, Grandes Opções do Plano e Plano Plurianual de Investimentos para o ano 2020, com um valor de 12,6 milhões de euros.

O Presidente da Câmara Municipal, Hélder Manuel Esménio explica que “chegamos a um Orçamento semelhante aos valores de 2017, 2018 e 2019, evidenciando bem que com esta gestão o trabalho autárquico se faz em todos os anos de mandato e não é concentrado nos anos eleitorais”.

A autarquia fixou em 0.35 a taxa de IMI para 2020, quase 25% abaixo do limite legal, e uma derrama de taxação 0 para as micro e pequenas empresas e de 1% para as empresas com volume de negócios superior a 150.000 euros, uma redução de 33% em relação ao limite definido por lei.

“Mantém-se a preocupação de não gerar aumento significativo da dívida municipal, que seja insustentável”, assim como “continuar a primar por um prazo médio de pagamento aos empreiteiros e fornecedores que não chegue aos 30 dias”, acrescenta Hélder Manuel Esménio.

A Câmara Municipal pretende concretizar em 2020 a construção de vias pedonais (rede pluvial, passeios e estacionamentos) na EN 114-3 em Várzea Fresca (Foros de Salvaterra), cujo valor de investimento será de 440.000 euros.

Será concluída também no próximo ano a pavimentação da Rua Pinhal dos Mouros, que se situa na zona industrial de Salvaterra de Magos, obra orçada em 340.000 euros.

Com a previsível aprovação da candidatura a fundos comunitários da Regeneração Urbana, a Câmara Municipal vai reabilitar a antiga Escola “O Século”, situada no centro histórico da sede de concelho, um edifício centenário cuja intervenção rondará os 550.000 euros. Igual cuidado recebe a antiga EB1 situada na Rua Armindo Jesus, em Muge, cujas obras de ampliação e requalificação em Escola de Música de Muge, terá o seu termo em 2020.

Outro investimento vultuoso é a substituição de 4400 iluminárias de vapor de sódio na rede de iluminação pública pela aplicação de tecnologia LED, investimento que atingirá os 800.000 euros e cujo custo será amortizado em nove anos com verbas provenientes da poupança energética estimada.

É garantida no próximo ano a conclusão da obra do Espaço Jackson (auditório, biblioteca, átrio de exposições e pátio de coletividades), bem como iniciada a remodelação integral dos balneários do Campo dos Carvalhos, também na Glória do Ribatejo, obra que será feita com verbas da Câmara Municipal, Junta de Freguesia e Instituto Português do Desporto e Juventude.

O Presidente da Câmara Municipal salienta também que "será elaborado o projeto técnico de requalificação da EB 1 e JI em Núcleo Escolar da Glória do Ribatejo, findo o qual será apresentada candidatura a apoio no âmbito do Portugal 2020. Igual estratégia vai ser seguida para o projeto, que está a ser desenvolvido, para a construção de vias pedonais no troço da EN 367 compreendido entre a Rua Narciso Santos e a Estrada da Cerâmica em Marinhais”.

A autarquia vai continuar a ter equipas municipais em todas as freguesias, as quais vão realizando um conjunto de arranjos urbanísticos, com construção de pluviais, assentamento de lancis, execução de passeios e de novos estacionamentos, tarefas importantes para a melhoria do dia-a-dia das populações.

No Orçamento para 2020 serão mantidos os apoios financeiros aos clubes desportivos, associações, IPSS’s e Juntas de Freguesia e, sempre que seja possível, as cedências gratuitas de transporte municipal (às IPSS’s e coletividades). "O apoio concedido aos Bombeiros Voluntários de Salvaterra de Magos será novamente reforçado, quer com as mensalidades da nova ambulância adquirida, que suportamos na íntegra, quer com a atribuição dos montantes necessários para fazer face à constituição da Equipa de Intervenção Permanente (EIP), fundamental para a melhoria do serviço que a Associação Humanitária presta às nossas populações”, refere Hélder Manuel Esménio.

Ao nível das despesas, a iluminação pública e a ampliação da rede existente, a recolha e tratamento de resíduos, a higiene pública, as despesas com pessoal, a renovação da frota automóvel e de máquinas, assim como a cultura e o desporto, o turismo e as atividades económicas, a ação social, a educação e a ação social escolar assumem importância muito relevante, destacando-se ainda o aumento em 20% do número de bolsas de estudo que a Câmara Municipal atribui anualmente, agora a 40 famílias de alunos que frequentem o ensino superior.

A proposta de Orçamento, Grandes Opções do Plano e Plano Plurianual de Investimentos para 2020 vai agora ser submetida à Assembleia Municipal marcada para 26 de novembro.



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:43
link do post | comentar | favorito

Comércio local promove a Feira de Todos os Santos

 

  

  • Vinhos, folclore e caspiadas foram os convidados de destaque numa manhã que levou a Feira de Todos os Santos às ruas do centro da cidade, numa ação da Câmara Municipal do Cartaxo e do Grupo de Trabalho para a Promoção do Comércio Local.

  

O Cartaxo teve uma manhã diferente no passado sábado, dia 26 de outubro, com a atividade promovida pelo Município e pelo Grupo de Trabalho para a Promoção do Comércio Local, que antecipou a Feira de Todos os Santos nas ruas do centro da cidade.

 

As ruas Dr. Manuel Gomes da Silva, Serpa Pinto e Batalhoz surpreenderam os seus visitantes com provas de vinhos de excelência produzidos nas terras do Cartaxo, mostra de folclore, deliciosas caspiadas de Pontével, frutos secos, fruta da época, pipocas e algodão doce.

 

Os Ranchos Folclóricos de Vale da Pinta e da Lapa percorreram as ruas, com pequenas paragens para mostrar os trajes, os cantares, as cores e as danças típicas do Ribatejo, convidando quem assistia a partilhar alguns desses momentos.

 

Ao longo dos trajetos percorridos pelos dois Ranchos era possível encontrar diversas bancas, recheadas com aquilo que de melhor se produz no Cartaxo e que se pode encontrar no comércio tradicional, para partilhar com todos os visitantes.

 

O evento terminou já próximo da Câmara Municipal, local em que se cruzaram os dois Ranchos Folclóricos, para uma moda partilhada com o público e para uma pequena mostra de fandango, muito aplaudida.

 

Presente no evento, o presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, destacou a iniciativa e a participação de todos os que ali marcaram também presença: “cabe a todos nós manter vivo o comércio tradicional. Ver hoje estas ruas assim, cheias de gente, a participar, a comprar, a provar aquilo que de melhor se faz no Cartaxo, é um sinal de que o nosso comércio está vivo, que se recomenda, e que ações deste tipo são sempre bem-vindas e bem acolhidas por todos”.

 

Esta festa nas ruas com vinhos, folclore, bons petiscos e muita gente é, nas palavras, do presidente da Câmara Municipal, “um bom presságio para a Feira de Todos os Santos, que será, por certo, uma continuação de todas as coisas boas que hoje aqui tivemos e muito mais”.

 

Por ocasião do dia 1 de novembro, a cidade do Cartaxo recebe a Feira de Todos os Santos, uma das mais antigas feiras tradicionais do país. De 31 de outubro a 3 de novembro é mesmo verdade que “Todos os Santos vão ao Cartaxo” – vá você também.

 

Saiba mais aqui



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:42
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 30 de Outubro de 2019
Azembuja: Celebrações aos Fiéis Defuntos

 

 

De forma a assinalar o Dia de Fiéis Defuntos – efeméride do calendário da Igreja Católica e tradição muito enraizada na sociedade portuguesa – a paróquia de Azambuja em conjunto com a paróquia de Vila Nova da Rainha, vão realizar, com o apoio da Câmara Municipal, um conjunto de celebrações religiosas ligadas à efeméride, que se assinala no dia 02 de novembro.

Como é habitual, vai realizar-se pelas 10h00, a “Missa de Finados” como é popularmente designada e aspersão às sepulturas. Esta celebração terá lugar no Cemitério de Azambuja (Estrada Nacional 3).

Pelas 11h00, realiza-se uma romagem e aspersão das sepulturas ao Cemitério Novo de Azambuja, em Casais de Vale Barbas e pelas 12h00 no Cemitério de Vila Nova da Rainha.

Para terminar as celebrações em memória de todos os defuntos, pelas 19h00, dá-se início à missa vespertina de domingo, na Igreja Matriz de Azambuja.

Caso as condições meteorológicas não o permitam, a missa da manhã será realizada, à mesma hora, na Igreja Matriz de Azambuja.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:19
link do post | comentar | favorito

Doçaria invadiu Centro Histórico de Abrantes

 

No passado fim-de-semana, o Centro Histórico de Abrantes recebeu a 18ª edição da Feira Nacional de Doçaria Tradicional, organizada pelo Município de Abrantes, em colaboração com a TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior. Mais de três dezenas de stands carregados de doçaria tradicional, compotas, marmelada, mel e licores fizeram a delícia dos muitos visitantes, que se dirigiram à Esplanada 1º de Maio.

O local foi aprazível para todos e até uma agradável surpresa. A tenda acolheu as iguarias doces vindas de Abrantes, Constância, Sardoal, Felgueiras, Vila Real, Lamego, Amarante, Aveiro, Ovar, Tentúgal, Fundão, Alcobaça, Caldas da Rainha, Torres Novas, Ponte de Sôr, Nisa, Évora, S. Pedro do Corval, Açores e da Madeira, que além de um expositor do Funchal, também contou com a estreia no continente do Curral das Freiras.

Oficinas da doçaria, animação infantil, exposições, música, desporto, teatro e performances fizeram parte desta receita, que se repete anualmente. O certame contou com o precioso contributo das escolas da região, com cursos profissionais de cozinha e pastelaria. A Escola EB 2,3/S de Mação trouxe, ao evento, sabores preparados com os seus produtos locais, ensinando a preparar cavacas de Mação recheadas com mousse de Chave Dourada, morgadinhos com papas de carolo e pudim de presunto. Já a EPDRA - Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Abrantes explorou o figo da Índia para fazer vários doces. Torta, bolo, compota e pastéis, feitos com este ingrediente, fizeram furor entre os participantes que aprenderam algumas técnicas que servem de base a outros doces.

A exposição do Palhinhas reuniu, este ano, 51 trabalhos das escolas do pré-escolar e do 1º ciclo do Ensino Básico de Abrantes. A atividade, que tem por objetivo preservar e valorizar a identidade territorial e passá-la às gerações mais novas, consistiu na apresentação da história da palha de Abrantes, num divertido concurso, em que participaram cerca de 1.000 alunos. Cada turma decorou uma caixa com uma pintura alusiva à história e à personagem emblemática. O conjunto de obras escolares foi exposto durante o certame.

De destacar nesta 18ª edição da feira, o lançamento de inovações à doçaria tradicional por parte dos doceiros locais, como foram o caso do bombom de palha de Abrantes, a tigelada de beterraba e spirulina com redução de calorias, a tigelada de chocolate e até a tigelada de figo, um doce de figo e manga, que na forma se aproxima da iguaria do Ribatejo Interior.

As atividades desportivas foram bastante participadas. A caminhada Night Urban “Os Palhinhas” esgotou e ainda aceitou 45 participantes. Também, o passeio em BTT “Na Rota da Palha” encheu com cerca de 100 pessoas a pedalar na manhã de domingo.

A afluência de pessoas à Feira Nacional de Doçaria Tradicional foi grande, desde a abertura, às 17h, de sexta-feira, dia 25 de outubro, até ao encerramento na tarde de domingo. Nesse dia 27 de outubro, a tenda de 70 metros de comprimento, um dos maiores recintos de sempre para este evento, teve uma enchente, concentrando milhares de visitantes no recinto e filas constantes nos doceiros do certame.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:14
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 29 de Outubro de 2019
FANDANGO VAI SUBIR AO PALCO DA FEIRA DE TODOS OS SANTOS

image006.jpg

 

Mostra de Fandangos Ribatejanos vai levar onze ranchos folclóricos ao Pavilhão Municipal de Exposições para uma noite que honra as tradições etnográficas do Cartaxo e da região.

 

 

Todos os ranchos folclóricos do concelho do Cartaxo estarão presentes na Mostra de Fandangos Ribatejanos que, na noite de sexta-feira, dia 1 de novembro, fará da Feira de Todos os Santos, o palco para um espetáculo que é também um elogio às gentes e à cultura ribatejanas.

 

A partir das 21h30, onze ranchos folclóricos mostrarão a diversidade e a riqueza etnográfica, mas também cénica e emotiva, da dança ribatejana que é candidata a Património Imaterial da Humanidade.

 

Rancho Folclórico do Cartaxo

Fandango do Meio Alqueire

 

Rancho Folclórico e Etnográfico da Casa do Povo de Pontével

Fandango do Bairro

 

Rancho Folclórico da Lapa

Fandango Casaleiro

 

Rancho Folclórico “Os Campinos” de Vila Chã de Ourique

Fandango do Meio Alqueire

 

Rancho Folclórico do Bairro de Santarém (Graínho e Fontainhas)

Fandango de Quatro (Cantado)

 

Grupo Tradicional “Os Casaleiros” de Casais de Britos – Azambuja

Fandango dos Casaleiros

 

Rancho Folclórico de Vila Nova do Coito Almoster – Santarém

Fandango (Cantado)

 

Rancho Folclórico da Casa do Povo da Ereira

Fandango Tradicional

 

Rancho Folclórico Ceifeiras De Porto De Muge

Fandango Tradicional

 

Rancho Folclórico Regional de Vale Pedra

Fandango Tradicional

 

Rancho Folclórico de Vale da Pinta

Fandango Tradicional

Entrada Livre



publicado por Noticias do Ribatejo às 22:03
link do post | comentar | favorito

NOVOS ÓRGÃOS NA JS TOMAR

75580397_2752892318108463_8894505600726073344_n.jp

 

Realizaram-se, no passado sábado, as eleições da Juventude Socialista da concelhia de Tomar, tendo o jovem Duarte Carvalho sido eleito, por unanimidade, líder da estrutura para um mandato de dois anos, sucedendo desta forma a Sara Costa.

O recém eleito presidente da JS de Tomar tem 21 anos, frequenta o  mestrado de Engenharia Informática na Universidade de Coimbra, e integra o secretariado distrital da JS. Já teve a oportunidade de se estrear na Assembleia Municipal (2ª sessão ordinária do mandato), e passará a pertencer, por inerência ao secretariado do PS Tomar. O jovem socialista é também um atleta ligado há muito ao desporto tomarense, como federado em trampolis bem como jogador de futebol na equipa sénior do União de Tomar.

Com as mencionadas eleições, também outros militantes passaram a integrar os órgãos. No secretariado concelhio, acompanham o presidente os seus camaradas Carolina Figueiredo, David Sousa, Miguel Pestana, Mariana Ferreira, Tiago Gonçalves, Jenifer Ferreira, Rúben Moreira e Bruna Pereira. Da Mesa da Assembleia, encabeçou a lista Diogo Sereno seguido de Rita Caetano e Bernardo Oliveira. Já nos representantes na Comissão Política Concelhia do PS de Tomar, foram eleitos, entre efetivos e suplentes,  Miguel Pestana, Diogo Sereno, Carolina Figueiredo, Bernardo Vigário e Mariana Ferreira.

A nova equipa da JS Tomar eleita, pretende dar continuidade ao trabalho desenvolvido pelas anteriores lideranças, com o propósito de lutar pela fixação dos jovens em Tomar, pela criação de ainda mais postos de trabalho e pela promoção da igualdade social e de oportunidades.

Para o novo líder concelhio, Duarte Carvalho, “Temos um grupo capaz de dar continuidade ao excelente trabalho realizado nos últimos anos, que teve a oportunidade de ganhar alguma maturidade política a partir da experiência da anterior presidente. Com um legado de relevância, procuraremos estar na linha da frente na defesa dos tomarense, em particular dos mais jovens. Num mandato que coincidirá com importantes desafios, em parceria com o PS Tomar, que tão bem liderado tem sido pelo deputado Hugo Costa, e atendendo ao irrepreensível desempenho da presidente Anabela Freitas no exercício do cargo, estou certo que estamos prontos para eles e terminaremos com uma enorme vitória em 2021”.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:25
link do post | comentar | favorito

AZAMBUJA: “Festa do Torricado” volta a animar a Vila de Azambuja

Torricado_azambuja.jpg

 

01 a 03 de novembro de 2019, no Pavilhão do Grupo Desportivo de Azambuja

A Vila de Azambuja volta a atrair a atenção gastronómica da região, de 01 a 03 de novembro de 2019, com mais uma edição da “Festa do Torricado”. O evento decorrerá no Pavilhão do Grupo Desportivo de Azambuja, junto ao posto da GNR, com animação diária entre momentos de música e dança e uma exposição/venda de artesanato.

A iniciativa é uma parceria entre o Grupo Desportivo (GDA), o Rancho Folclórico Ceifeiras e Campinos de Azambuja e a Junta de Freguesia de Azambuja e conta com o apoio da Câmara Municipal de Azambuja. O mote da festa continua a ser preservar, prestigiar e divulgar o célebre “Torricado”, o embaixador de maior vulto da gastronomia do Concelho de Azambuja e uma das bandeiras da herança sociocultural da sua população.

No primeiro dia, 01 de novembro, sexta-feira (feriado), a inauguração está marcada para as 12h00 com a participação da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Azambuja. As iguarias começam a chegar à mesa a partir das 12h30 e o serviço de jantares começa às 19h00. A primeira noite será animada com a atuação do grupo de sevilhanas “Las Hermosas” do Club Azambujense.

Idênticos horários no sábado, dia 02, com o serviço de almoços desde o meio-dia e meio e jantares a partir das 19h00. O segundo serão terá a animação musical pelo “Grupeto do Coreto” da Terra Velhinha.

Dia 03 de novembro, domingo, pelas 12h30, abre-se a derradeira oportunidade para visitar a “Festa do Torricado”, em Azambuja, e saborear esta especialidade típica da lezíria ribatejana que, neste concelho, é feita com tanto gosto, carinho e saber.

De referir, que esta iniciativa é integrada na marca “AZAMBUJA TERRA DO TORRICADO”, lançada pelo município em outubro de 2018 com o objetivo de promover o Torricado e todas as manifestações culturais a ele associadas. Uma marca fortalecida com a parceria, nomeadamente, das Juntas de Freguesia e de várias associações socioculturais do concelho aderentes, que ao longo do ano promovem o Torricado nos seus eventos.

O Município de Azambuja dá, assim, mais um passo, no âmbito do produto gastronomia e vinhos, numa aposta clara na defesa e promoção da sua identidade e das potencialidades do seu território.

 

Apresentação do livro “A Greve Camponesa de 8 de maio de 1944 em Azambuja e Baixo Ribatejo”

02 de novembro, às 16h00, no Auditório do Páteo Valverde, em Azambuja

 

O Município de Azambuja vai realizar uma sessão de apresentação do livro “A Greve Camponesa de 8 de maio de 1944 em Azambuja e Baixo Ribatejo – História e Geografia Humana”, da autoria de Américo Brás Carlos. O evento terá lugar no próximo sábado, dia 02 de novembro de 2019, pelas 16h00, no Auditório Municipal do Centro Cultural Páteo do Valverde, em Azambuja, e terá apresentação do conhecido professor catedrático de História e investigador, Fernando Rosas, que assina, igualmente o prefácio.

 

A obra retrata factos históricos ocorridos neste concelho, de onde é natural o autor. Américo Brás Carlos debruçou-se sobre uma luta laboral travada há 75 anos e que nunca tinha sido devidamente estudada e documentada. O livro remete o leitor para o período da Segunda Guerra Mundial, em que a vida dos trabalhadores portugueses, particularmente nos campos agrícolas de Azambuja, era marcada por uma “dureza e injustiça hoje inimagináveis. Ao desemprego sazonal do outono à primavera e aos salários abaixo das condições de subsistência impostos pelo Governo, juntava-se a subnutrição crónica e as longuíssimas jornadas de trabalho, de sol a sol, que a partir de abril/maio, iam das seis horas da manhã às nove da noite, a que acresciam as necessárias para ir e vir a pé dos locais de trabalho, quase sempre muito distantes.”

Trata-se, pois, de um importante trabalho literário, mas também de um singular contributo para a compreensão de um episódio marcante no passado recente do Concelho de Azambuja. Não só uma aula de História sobre uma realidade do nosso século XX, e que perdurará para conhecimento das gerações futuras, mas sobretudo uma reconstituição que faz “justiça à memória dos que, então, lutaram pela sua dignidade e por um futuro melhor”.

 

A edição da obra é da Guerra e Paz, Editores, S.A, e conta com o patrocínio da Câmara Municipal de Azambuja. A sessão de apresentação será aberta ao público.

 

Nota biográfica – Américo Brás Carlos nasceu em 1952, no Concelho de Azambuja. Foi trabalhador fabril e técnico de manutenção industrial durante 13 anos. Pelo meio, cumpriu o serviço militar obrigatório em Angola. Lecionou na Faculdade de Direito de Lisboa, ISCTE-IUL e INDEG-ISCTE e Universidade Politécnica de Moçambique, perfazendo cerca de 35 anos de docência universitária. Foi técnico e dirigente da administração fiscal portuguesa e consultor do Fundo Monetário Internacional, do Banco Mundial, da União Europeia, do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos da América e de algumas empresas de consultadoria, tendo exercido funções em Moçambique, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Angola e Cabo Verde. É autor do livro Impostos-Teoria Geral (cinco edições) e coordenador da obra Guia dos Impostos em Portugal (30 edições). Publicou, ainda, os livros de poemas Adágio, Romanza e Grave (duas edições), As Flores Brancas do Frangipani Pais e Filhos, Avós e Netos em Versos Discretos (literatura infanto-juvenil).

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:23
link do post | comentar | favorito

I Festival de Órgão de Santarém realiza-se de 8 a 17 de novembro  

FÓS (26).jpg

 

 

 

Seis Concertos e seis Visitas orientadas, em seis órgãos de tubos ibéricos marcam o FÓS – II FESTIVAL DE ÓRGÃO DE SANTARÉM, apresentado hoje, dia 29 de outubro, na Sé Catedral, em Santarém. Inês Barroso, Vice-Presidente da Câmara de Santarém, Eva Neves, da Diocese de Santarém, Mário Rebelo, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Santarém, apresentaram toda a programação desta que será a segunda edição deste festival.

De 08 a 17 de novembro, Santarém oferece seis dias de (re)encontros com o Património existente na Cidade. Um encontro que o Festival de Órgão de Santarém quer celebrar, pela segunda vez, com seis Concertos e seis Visitas orientadas, nos órgãos de tubos ibéricos, instalados na cidade de Santarém. Estes concertos têm lugar na Igreja da Misericórdia, na Catedral de Santarém, na Igreja de Nossa Senhora da Piedade, na Igreja de S. Nicolau, e na Igreja de Nossa Senhora de Marvila.

Nesta viagem de seis dias, o Festival de Órgão de Santarém – FÓS pretende divulgar não apenas o singular património organístico de Santarém, mas, simultaneamente, as pessoas que se dedicam à arte da música nesta Cidade. O FÓS conta com a participação de músicos e instituições musicais do Distrito, tais como o Conservatório de Música de Santarém, o Coro do Círculo Cultural Scalabitano e a Schola Cantorum da Catedral de Santarém, festival que tem a direção do Maestro António Vassalo.

O Festival de Órgão de Santarém é um projeto conjunto entre três entidade do Concelho: a Câmara Municipal de Santarém, a Diocese de Santarém e a Santa Casa da Misericórdia de Santarém, com o objetivo de criar uma vivência de aproximação e abertura deste património à Cidade e às suas gentes.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:21
link do post | comentar | favorito

5ª Festa da Água-pé e do Doce d’arrobe em Vila Chã de Ourique

image006.jpg

 

 

O Pavilhão de Festas de Vila Chã de Ourique recebe a 5ª edição da Festa da Água-pé e do Doce d’arrobe no próximo dia 9 de novembro, a partir das 17:00.

 

Não perca a oportunidade de provar a água pé dos produtores locais, de saborear o tradicional doce d’arrobe feito a partir do mosto e de deliciar-se com castanhas assadas entre outros bons petiscos.

 

A festa é organizada pelos Cinquentões 2020 e tem entrada livre.

 

Participe!



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:38
link do post | comentar | favorito

Mais 200 mil euros para apoiar a transformação e a comercialização de produtos agrícolas no Ribatejo Interior

DSC_1587.JPG

 

A TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior está, novamente, a receber candidaturas de projetos a implementar em Abrantes, Constância e Sardoal, aos apoios do PDR2020 que se insiram na operação” Pequenos Investimento na Transformação e Comercialização de Produtos Agrícolas”.

O aviso, que vai estar aberto até 29 de novembro, tem uma dotação orçamental de 205 mil euros, provenientes do Programa de Desenvolvimento Rural (PDR2020), através do Portugal 2020 e cofinanciados pelo Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural (FEADER).

As candidaturas aos “Pequenos Investimentos na Transformação e Comercialização de Produtos Agrícolas” devem contribuir para o processo de modernização e capacitação de empresas desta área. Os pedidos podem ir até aos 200 mil euros e obterem um financiamento a fundo perdido de 45 por cento das despesas elegíveis.

Serão mais pontuados os projetos, que se insiram nas prioridades definidas na Estratégia de Desenvolvimento Local da TAGUS, ou seja, investimentos relacionados com os sectores do azeite, dos produtos biológicos, dos frutos vermelhos e dos hortofrutícolas. São, também, priorizados pedidos de apoio que criem dois ou mais postos de trabalho e que invistam na melhoria da eficiência energética e visem ao uso eficiente dos recursos. São, ainda, valorizados projetos com software aplicacional, como criação de plataforma de comercialização online ou sítio na Internet.

Esta é já a sexta abertura do período de candidaturas a esta medida (10.2.1.2.), desde que começou a implementação do Desenvolvimento Local de Base Comunitária (DLBC) Rural, e a segunda em 2019. Na Transformação e Comercialização de Produtos Agrícola, a TAGUS já aprovou 13 candidaturas, que somam um investimento de mais de 1,3 milhões de euros, comparticipados em cerca de meio milhão de euros. A maioria dos projetos incide no setor olivícola, havendo ainda projetos vinícolas e um de desidratação de frutas.

Se pretende obter mais informação sobre esta matéria relacionada com os apoios, deve consultar o aviso e a legislação aplicável no sítio na Internet da TAGUS (tagus-ri.pt) ou do PDR2020 (em www.pdr-2020.pt). Para tirar dúvidas poderá contactar este Grupo de Acão Local e agendar reunião.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:36
link do post | comentar | favorito

“Viver o Comércio “ dinamiza e promove o comércio do centro da cidade

Viver o Comércio Novembro_2019_2 (1).jpg

 

O Município do Entroncamento promove no próximo sábado dia 2 novembro mais uma edição de “Viver o Comércio”, uma iniciativa que pretende criar dinâmica no centro da cidade e em simultâneo promover o comércio local.

A Praça Salgueiro Maia recebe, entre as 9h00 e as 17h00, a mostra de artesanato, que pode ser ótima alternativa para comprar peças de artesanato local e regional.

No período da manhã decorrerão atividades dirigidas aos maios novos, modelagem de balões 9h30 às 10h30, insuflável das 10h00 às 12h00 e das 14h30 às 16h30 e ainda um dominó gigante na zona de jardim para crianças e adultos das 9h30 às 11h30.

O Município lança o repto:  venha “Viver o Comércio” e participe nesta iniciativa!



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:15
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 28 de Outubro de 2019
Concelho de Salvaterra de Magos na linha da frente do Projeto "Ser Pro"

APRESENTAÇÃO INICIATIVA EDUCAÇÃO.jpg

 



A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos e a Escola Profissional de Salvaterra de Magos (EPSM) estão entre as primeiras entidades do país a integrar um programa pioneiro e inovador em Portugal, promovido pela Fundação Teresa e Alexandre Soares dos Santos.

Trata-se do "Ser Pro", um Programa lançado no âmbito do projeto Iniciativa Educação, que tem como objetivos contribuir para o incremento do ensino profissional, aproximando escolas e empresas, ajudando a construir cursos profissionais adequados ao mercado de trabalho de cada região, alargando o leque de opções disponíveis para os alunos do ensino secundário e contribuindo assim para combater o abandono escolar.  Para tal, o Programa "Ser Pro" aposta na criação de parcerias estruturadas entre escolas, autarquias e empresas.

A EPSM foi uma das oito escolas do país convidada a integrar este projeto e, no âmbito da sua autonomia, terá o papel de delinear o plano curricular, em articulação com as empresas, permitindo uma certificação de nível 4, e apoiar os alunos, caso estes queiram prosseguir os seus estudos no ensino superior.

Às empresas caberá articularem com as escolas a formação técnica e disponibilizarem-se a aceitar alunos em formação em contexto de trabalho.

O Município, através do Sector da Educação e do Gabinete de Apoio ao Empreendedorismo, terá a função de prestar apoio institucional para a estabilização desta relação entre a escola e as empresas e ajudar na identificação das áreas de maior relevância.

O Presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Hélder Manuel Esménio salienta que "logo que tomamos conhecimento deste projeto e, em particular, do enfoque colocado na ligação dos jovens estudantes às empresas e ao mundo do trabalho, dissemos de imediato presente e somos uma das cinco autarquias do País que nele se envolve de braço dado com a escola que no nosso concelho tem maior experiência no ensino profissional, a Escola Profissional de Salvaterra de Magos, cuja disponibilidade e visão agradeço e saúdo".

Para o Presidente da Direção da EPSM, Duarte Bernardo, "considerando que os objetivos do programa se encontram perfeitamente alinhados com aqueles que são, também, os objetivos essenciais do ensino profissional e, em particular, com a missão assumida pela Escola Profissional de Salvaterra de Magos há quase três décadas na região onde se encontra inserida, foi com muito agrado que a EPSM aceitou o convite para ser uma das oito escolas em todo o território nacional chamadas a integrar este projeto-piloto, cuja importância no âmbito da Iniciativa Educação é inegável.

O programa "Ser Pro" pretende assim agregar o interesse das várias entidades parceiras na melhoria do ensino profissional em Portugal e oferecer um percurso educativo que se aproxime dos objetivos dos alunos e das necessidades do tecido empresarial regional, permitindo a sua formação e entrada na vida ativa com qualificações adequadas ou a prossecução dos estudos com maior confiança.

O projeto Iniciativa Educação é dirigido pelo Professor Nuno Crato, por Inês Soares dos Santos Cana e por Sara Miranda. A apresentação pública teve lugar no da 22 de outubro na Nova School of Business and Economics, em Carcavelos, onde foi anunciado que o investimento inicial por parte da Fundação Teresa e Alexandre Soares dos Santos é de 20 milhões de euros.



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:44
link do post | comentar | favorito

Delegação da Cruz Vermelha Portuguesa de Aveiras de Cima (Concelho de Azambuja) organiza Festival das Sopas

 

Dia 01 de novembro, a partir das 12h30, no Mercado Diário de Aveiras de Cima

 

A Delegação de Aveiras de Cima da Cruz Vermelha Portuguesa organiza na próxima sexta-feira (feriado), dia 01 de novembro, a quarta edição do Festival das Sopas. O evento decorrerá nas instalações do Mercado Diário de Aveiras de Cima.

Numa tarde e noite de convívio e confraternização entre a comunidade em geral, familiares, amigos e visitantes, este certame conta com a participação de mais de 20 restaurantes e snack-bares da vila de Aveiras de Cima, que confecionam sopas e as cedem gratuitamente à organização para que as possam vender, gerando fundos que revertem a favor da Delegação.

As sopas poderão ser degustadas a partir das 12h30 e haverá animação com a Bandinha da Filarmónica de Aveiras de Cima, com o Grupo de Sevilhanas “Las Hermosas” de  Azambuja, com a participação da Escola de “Kempo” de Aveiras de Cima. O evento contará ainda com uma demonstração de danças de salão pelos “Alunos de Apolo” de Azambuja, seguindo-se o clube de karaté de Aveiras de Cima e terminará com um baile ao som do conjunto musical “Kantagora”. O festival encerra à meia-noite.

A entrada tem um valor de seis euros, que dá acesso à tigela para a degustação das sopas, pão, bebida e porco no espeto. A iniciativa conta com os apoios da Câmara Municipal de Azambuja e das Juntas de Freguesia de Aveiras de Cima, Vale do Paraíso e Alcoentre.

 

VAIVEM OCEANÁRIO em Azambuja para promover os oceanos

4 a 9 de novembro – Praça do Município – entrada livre

 

Azambuja vai receber, entre os dias 4 e 9 de novembro de 2019, a visita do “Vaivém Oceanário”, com entrada livre e visitas guiadas para os alunos do concelho. A viatura estará instalada na Praça do Município e esta iniciativa é uma parceria entre o Oceanário de Lisboa e o Município de Azambuja.

 

O Vaivém Oceanário consiste num projeto de educação ambiental em movimento que tem por objetivo envolver todas as pessoas que o visitam, para que se tornem agentes de mudança e contribuam e forma ativa para a conservação dos oceanos da biodiversidade marinha. Estará disponível um conjunto de atividades lúdico-pedagógicas gratuitas, através das quais os participantes ficarão a conhecer a importância que os oceanos têm no nosso dia a dia e a forma como podemos protegê-los se alterarmos alguns comportamentos incorretos. Nesta ação de sensibilização, estará em destaque o plástico como uma das maiores ameaças aos oceanos, lançando o apelo para utilizarmos cada vez manos plástico.

 

O Vaivém Oceanário, em Azambuja, estará de portas abertas ao público em geral no dia 9, sábado, das 10h00 e às 13h00 e das 14h00 às 16h00. Entre os dias 4 e 8, ou seja de segunda a sexta, as atividades serão destinadas aos alunos dos vários níveis de ensino de escolas e das IPSS. No dia 7, quinta-feira, pelas 17h30, haverá um workshop direcionado a professores e educadores, mediante inscrição prévia (serviço municipal de Educação: educacao@cm-azambuja.pt)

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 17:41
link do post | comentar | favorito

 Forno do Telhal Porto Alto

unnamed.jpg

 

 
Email enviado ao Senhor Presidente da Câmara Municipal de Benavente e entidades com responsabilidades na matéria.
Na defesa do património público.
 
 
 
 
Assunto: Forno do Telhal Porto Alto
 
c/c a entidades e autarcas
Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Benavente 
 

Como é do seu conhecimento, na passada semana perdemos o último dos fornos do Telhal, junto à margem direita do Rio Sorraia, no Porto Alto, Freguesia de Samora Correia, Município de Benavente.

Inicialmente o Senhor Presidente da Junta de Freguesia disse que a derrocada se devia a condições climatéricas adversas, mas quando confrontado com os rodados de máquina junto do forno, o empresário que está a aterrar o espaço envolvente para construir um parque de caravanas, admitiu tratar-se de um incidente quando inspecionava o forno e chamou a si a responsabilidade do mesmo.  

Apesar dos múltiplos alertas lançados por cidadãos e eleitos, o Centro de Bem Estar Social Padre Tobias (alegado proprietário do terreno), a Junta de Freguesia de Samora Correia e a Câmara Municipal de Benavente nada fizeram para proteger e recuperar este elemento arquitetónico raro que marca a presença da Olaria Romana no nosso território.

Ao confiar a proteção de um elemento de raro valor cultural, histórico e afetivo, a um privado sem acautelar as normas de segurança e salvaguarda do mesmo, a instituição Padre Tobias, onde o Senhor Presidente da Junta tem responsabilidades acrescidas por ser administrador da mesma (tesoureiro), foi, no mínimo, negligente.

Ao permitir e autorizar intervenções, com movimentos de terras com recurso a máquinas pesadas, numa zona sensível e sem as devidas autorizações e pareceres das entidades competentes, a Câmara Municipal de Benavente precipitou-se e não cumpriu a sua missão de acautelar o superior interesse público.

Acresce que o Senhor vereador com o pelouro do urbanismo e ordenamento do território é profundo conhecedor destas intervenções, do valor dos fornos e da sensibilidade do terreno pois foi administrador da instituição Padre Tobias e Presidente da Junta de Freguesia de Samora Correia até 2017.

É devido por isso um esclarecimento às populações e às entidades que regulamentam as intervenções neste território sensível e sujeito a medidas especiais de proteção.

Como sabem os fornos do Telhal foram construídos para a produção de ânforas, tijolos, telhas e outras cerâmicas cujo período de laboração, segundo a tipologia verificada, aponta para os séculos III e IV d.C.

Como escreveu o historiador samorense Camilo Neves Martins, a localização destes fornos, numa zona navegável e de fácil acesso fluvial, reforça a importância que esta produção teve na época para toda a região. Muitas destas cerâmicas foram utilizadas para fábricas de salga e conservas de peixe e outras para fornos onde era cozido o pão feito de trigo cultivado na região. Mas existem também testemunhos de edifícios construídos em cerâmicas produzidas em fornos como este.

Face ao exposto solicita-se que as várias entidades atuem em conformidade para o apuramento de responsabilidades neste ato lesivo do património arquitetónico e da nossa memória coletiva na Freguesia de Samora Correia.

Mais exorta-se o Centro de Bem Estar Social Padre Tobias, a Junta de Freguesia de Samora Correia e a Câmara Municipal de Benavente a prestarem os devidos esclarecimentos à população e às entidades competentes para averiguar a legalidade destes atos.

 

Samora Correia, 28 de outubro de 2019

 

Nelson Pinheiro da Silva Lopes



publicado por Noticias do Ribatejo às 13:18
link do post | comentar | favorito

CARTAXO VAI RECEBER PEÇAS DO TEATRO NACIONAL D. MARIA II

image005.jpg

 

 

  • Teatro Nacional D. Maria II distingue trabalho do Centro Cultural do Cartaxo no apoio à “criação artística local e à formação e desenvolvimento da cidadania através das artes e da cultura” e seleciona-o para integrar Rede Eunice AGEAS.
  • Centro Cultural vai receber três peças por temporada, até 2022. Em 2020, TNDMII trará ao Cartaxo – Um outro Fim para a Menina Júlia, Antígona e Fake.
  • Rede Eunice AGEAS visa promover a circulação de espetáculos teatrais em território nacional e o acesso das suas produções ao território nacional, captando e formando novos públicos, elevando os seus padrões de exigência crítica, e promovendo o diálogo intercultural.

  

O anúncio dos três teatros selecionados para integrar a Rede Eunice Ageas (REAgeas) ao longo dos três próximos anos foi realizado no dia 22 de outubro, no Salão Nobre Ageas, numa apresentação que contou com a presença da atriz Eunice Muñoz e de representantes do Teatro Nacional D. Maria II (TNDMII), do Grupo Ageas Portugal, e das três autarquias que passam a integrar esta rede – Cartaxo, Bragança e Portalegre.

 

O Centro Cultural do Cartaxo (CCC) foi selecionado, entre 19 concorrentes, para integrar o grupo de três novos espaços culturais que se juntam à Rede. Até 2022, o Centro Cultural vai receber nove peças de teatro – três por temporada.

 

A candidatura para integrar a REAgeas, foi apresentada pela área de Cultura do Município, em julho deste ano. A seleção do CCC pela REAgeas é prova do reconhecimento do trabalho “desenvolvido no domínio da cultura teatral, e cuja ação espelha um compromisso com a difusão e a criação de atividades artísticas, culturais e educativas, no campo das Artes Performativas; a assunção como valores de referência da promoção da cidadania e da democratização do acesso às artes e à cultura; e um incentivo à criação artística local e à formação e desenvolvimento da cidadania através das artes e da cultura”.

 

Pedro Magalhães Ribeiro, presidente da câmara Municipal, acompanhado pela vereadora Elvira Tristão, responsável pelo pelouro da Cultura, e Helena Montez, técnica responsável pela apresentação formal da candidatura, estiveram no TDMII na sessão solene em que foram divulgados as salas de espetáculos selecionadas.

 

Para o autarca “entre 19 candidaturas, a escolha do Centro Cultural do Cartaxo para acolher peças que são referência nacional e internacional é uma enorme honra para a nossa área de Cultura, mas também para todos quantos, ao longo da nossa história, fizeram do teatro uma das expressões da nossa vivência cultural”.

 

O autarca afirmou que esta distinção do Teatro Nacional D. Maria II se deve também “à resiliência das nossas associações e coletividades que desenvolvem projetos na área de teatro e têm sido os melhores parceiros que o município poderia ambicionar”. O presidente da Câmara afirmou que “esta distinção pertence a cada um dos atores, das atrizes, dos encenadores, dos voluntários e dos técnicos cujo trabalho dá sentido à atividade do Centro Cultural do Cartaxo”.

 

As peças que o TNDMII trará ao Cartaxo, em 2020, já são conhecidas – no dia 1 de fevereiro terá lugar Um outro fim para a menina Júlia, uma criação de Tiago Rodrigues a partir da peça de August Strindberg, que estreou em março deste ano no TNDMII; em março, Antígona, de Sófocles, com encenação de Mónica Garnel, espetáculo que abriu a temporada do D. Maria II em setembro deste ano; e em abril, Fake, um espetáculo de Inês Barahona e Miguel Fragata, com estreia marcada para dia 19 de março de 2020, na Sala Garrett do D. Maria II.

 

O protocolo formalizado entre a Câmara Municipal e a REAgeas, prevê ainda a possibilidade de aos espetáculos, se juntarem outras atividades tais como apresentação de livros, leituras encenadas, cursos de formação e outras ações na área teatral.

  

Em três anos a Rede Eunice AGEAS chegou a 6 mil e 700 espectadores

 

Lançada em 2016, e amadrinhada pela atriz Eunice Muñoz, a REAgeas é um projeto desenvolvido em parceria com teatros municipais, com o propósito de desenvolver públicos por todo o país, reforçando a oferta teatral de qualidade em locais onde esta é ocasional ou irregular. A partir da temporada 2019-2020, a rede conta com o apoio do Grupo AGEAS Portugal, um dos principais grupos seguradores em Portugal, com o objetivo de alargar a oferta teatral em geografias cada vez mais abrangentes, reforçando os propósitos desta iniciativa e todos os benefícios para os teatros parceiros.

 

Ao longo de três temporadas, fizeram já parte deste projeto quatro teatros municipais, que acolheram um total de nove espetáculos diferentes, abrangendo um total de mais de 6 mil e 700 espectadores. A nova temporada da REAgeas, agora apresentada, passa a contar com três novos teatros municipais – localizados em Bragança, no Cartaxo e em Portalegre -, que se juntam ao Teatro Municipal de Portimão, que integra o projeto desde 2017. Estes três novos teatros aderem à rede por um período de três anos, até 2022.

 

 

FEIRA DE TODOS OS SANTOS ABRE COM GRANDE FESTA DE HALLOWEEN

  • Prepare um fato assustadoramente elegante. Este ano, a Feira abre com uma enorme Festa de Halloween que lhe reserva surpresas horrivelmente divertidas.
  • DJ Moura vai abrir a noite que traz ao Cartaxo o fantásticocoletivo de DJ I Love Reggaeton –– monstros e bruxinhas vão dançar até de madrugada.

 

 

Vá de cartola negra ou smoking de esqueleto branquinho, escolha uma caveira de cores garridas para combinar com um penteado repleto de lindas flores ou prefira véus negros de bruxa misteriosa. Quer os seus amigos pareçam ter saído de um castelo assombrado e escolham ser monstros maravilhosas de fatos de lantejoulas, quer vá com as crianças –  aboborinhas queridas aí de casa –, o importante mesmo é abrir a Feira de Todos os Santos, em grande festa.

 

Vá como for, mas vá divertir-se muito porque a noite de Halloween é para os destemidos de todas as idades.

 

Entrada Livre



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:13
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Novembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


17
23

24
25
26
27
28
29
30


posts recentes

Investimento de 80 milhõe...

NERSANT integra projeto p...

Bolo Rei confecionado pel...

Movimento Terra de Espera...

NERSANT e PWC apresentara...

Mais de 300 participantes...

CÂMARA DO CARTAXO ASSINA ...

CPCJ organizou Workshop “...

Maria Medeiros e The Lege...

“Step 2 Duplicate” de Nun...

Revista | “Quero ir pr’á ...

Trail dos Bombeiros de Al...

Exposições de Répteis e A...

Azambuja inaugurou Salas ...

  Estacionamento Periféri...

Almeirinense conquistam d...

Feira do Livro de Natal d...

Azambuja’s Day  Summit dá...

Associação de Municípios ...

Liv’reira chega ao Cartax...

Município de Santarém apo...

Município de Santarém apo...

Férias de Natal AAAF – pa...

Livro de Luís Batista “Ca...

Sociedade Ponto Verde e D...

II Festival de Órgão de S...

NERSANT apresenta tendênc...

74º Aniversário do Concel...

Azambuja é o município co...

Mercados de Natal em Deze...

arquivos

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds