NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Sexta-feira, 23 de Outubro de 2020
Ricardo Gonçalves visitou diversas empreitadas no Concelho

Pavimentação da Rua do Alegre (110).JPG

 

Ricardo Gonçalves, Presidente da Câmara de Santarém, visitou hoje, dia 23 de outubro, várias empreitadas que estão a decorrer nas freguesias do concelho de Santarém: pavimentação da Rua Alegre, na União de Freguesias Romeira e Várzea; reabilitação e ampliação da Escola Básica de Abrã (telheiro/anexo); ampliação do cemitério de Casais da Charneca (Alcanede); ampliação da Escola Básica de Gançaria (refeitório).

 

 

Pavimentação da Rua do Alegre já terminou

 

Ricardo Gonçalves, Presidente da Câmara Municipal de Santarém e Artur Colaço, Presidente da União de Freguesias de Romeira e Várzea, visitaram hoje, dia 23 de outubro, a obra de pavimentação da Rua do Alegre, localizada nos Casais do Quintão. Esta empreitada, que o Município vai financiar no valor de cerca de 40.000€, foi levada a cabo em parceria com a União de Freguesias.

 

Esta intervenção destinou-se a ligar duas vias pavimentadas junto à EN – 114 e a passagem superior sobre a A1 e teve com objetivo melhorar as condições de circulação e segurança rodoviária.

 

 

 

Obras na EB1 de Abrã avançam a bom ritmo

 

Ricardo Gonçalves, Presidente da Câmara Municipal de Santarém e Rui Ferreira, Presidente da Junta de Freguesia de Abrã, visitaram hoje, dia 23 de outubro, as obras de reabilitação e ampliação da Escola Básica de Abrã.

 

Estas intervenções, no valor de quase 60.000€, vão permitir a melhoraria das acessibilidades da Escola através da reabilitação e adaptação da entrada existente e a construção de uma sala multiusos.

 

 

 

Obras de ampliação do Cemitério de Casais da Charneca concluídas

 

Já terminaram as obras de ampliação do Cemitério de Casais da Charneca. O Presidente da Câmara Municipal de Santarém, Ricardo Gonçalves e a Tesoureira da Junta de Freguesia de Alcanede, Carmen Santos, visitaram hoje, dia 23 de outubro, a referida infraestrutura.

 

As intervenções, no valor de aproximadamente 35.000€, permitiram o alargamento do Cemitério, aumentando a sua capacidade de lotação máxima. 

 

Obras de ampliação da EB 1 e JI de Gançaria em fase de conclusão

 

Ricardo Gonçalves, Presidente da Câmara Municipal de Santarém e Joaquim Duarte Aniceto, Presidente da Junta de Freguesia de Gançaria, visitaram, hoje, dia 23 de outubro, as obras de ampliação da Escola Básica de Gançaria.

 

Esta intervenção, no valor de cerca de 8.000€ vai criar um espaço adequado para os alunos poderem ter uma sala de refeições no seu estabelecimento escolar.



publicado por Noticias do Ribatejo às 23:25
link do post | comentar | favorito

CENTRO CULTURAL DO CARTAXO

ccc-informacao.jpeg

 

No âmbito da avaliação da situação epidemiológica no concelho, a Proteção Civil decidiu suspender a atividade do Centro Cultural do Cartaxo,, durante duas semanas. As atividades e os espetáculos serão reagendados de acordo evolução epidemiológica.

 

A Câmara Municipal do Cartaxo informa que as atividades e os espetáculos do Centro Cultural do Cartaxo estão suspensos a partir de hoje, dia 23 de outubro e assim se manterão até dia 10 de novembro.

 

A decisão de suspender a atividade decorre da avaliação da situação epidemiológica no concelho – que é efetuada diariamente nas reuniões de Coordenação de Proteção Civil.

 

Na sequência das ações de desinfeção preventivas que a Câmara Municipal está a executar em espaços e equipamentos municipais, o Centro Cultural do Cartaxo vai ser higienizado e desinfetado durante o período de suspensão de atividade. As ações de desinfeção estão a ser executadas, neste e noutros equipamentos públicos, pelos Bombeiros Municipais do Cartaxo, com a coordenação do Serviço Municipal de Proteção Civil.

 

A suspensão da atividade do Centro Cultural será reavaliada no final deste período, de acordo com a evolução da situação epidemiológica.

 

O Presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, informou que a Comissão Municipal de Proteção Civil – que tem hoje a habitual reunião semanal –, vai pronunciar-se sobre o funcionamento do Cemitério Municipal durante o próximo fim de semana e Dia de Finados, a realização de eventos públicos durante este período e a abertura ao público de outros equipamentos municipais.

 

CÂMARA DO CARTAXO ASSINALA DIA DAS NAÇÕES UNIDAS

  • O Dia das Nações Unidas, dia 24 de outubro, marca o aniversário da entrada em vigor, há 75 anos, do documento fundador da organização – a Carta da ONU.
  • Este ano, para assinalar o Dia das Nações Unidas e o 75º aniversário da Organização, mais de 180 edifícios icónicos e monumentos em toda a Europa serão iluminados a azul – a cor oficial das Nações Unidas
  • A Câmara Municipal do Cartaxo vai iluminar de azul o Monumento aos Mortos da Grande Guerra, que lembra também os combatentes vítimas da Guerra do Ultramar.

A Câmara Municipal vai associar-se à iniciativa “Turn Europe UN Blue”  Tornar a Europa Azul ONU – proposta pela ONU para promover a linguagem universal da paz, desenvolvimento sustentável e direitos humanos – iluminando de azul o Monumento aos Mortos da Grande Guerra.

 

“A crise que vivemos afeta os cidadãos e as comunidades de modo muito desigual. Que nesta data possamos, instituições e indivíduos, refletir sobre o papel que queremos assumir na mitigação do enorme impacto humano, económico e social desta pandemia”, afirmou Pedro Magalhães Ribeiro, presidente da Câmara Municipal do Cartaxo.

 

Para o autarca, a iniciativa proposta pela ONU é uma ação “simples mas simbólica. Por isso escolhemos iluminar de azul o nosso Monumento aos Mortos da Grande Guerra, que também homenageia os combatentes vítimas da Guerra do Ultramar. Este é um monumento com grande valor simbólico por nos lembrar dois momentos de enorme impacto na nossa comunidade. Homenageamos os que pereceram na guerra, lembrando o valor da paz”.

 

COMISSÃO MUNICIPAL DE PROTEÇÃO CIVIL

CARTAXO ADOTA MEDIDAS EXCECIONAIS DE PREVENÇÃO DE CONTÁGIO POR NOVO CORONAVÍRUS

  • Cemitérios vão estar abertos nos dias 31 de outubro, 1 e 2 de novembro.
  • Corrida de Touros anunciada para o dia 1 de novembro foi proibida por decisão da Comissão Municipal de Proteção Civil.

 

Pedro Magalhães Ribeiro levou à Comissão de Proteção Civil duas propostas que foram aprovadas. As propostas decorrem da avaliação da situação epidemiológica no concelho que é feita diariamente nas reuniões de coordenação de proteção civil.

 

A primeira proposta previa a alteração das medidas já em vigor para o funcionamento do Cemitério do Cartaxo, entre as quais se destaca o alargamento do horário para permitir que “possamos homenagear os nossos entes queridos, especialmente com a importância que esta homenagem tem no Dia de Finados, cumprindo todas as medidas de proteção em vigor”, explicou o autarca que apelou à população para “visitar o cemitério ao longo dos próximos dias, evitando contribuir para ajuntamentos que colocam em causa a sua própria saúde”.

 

A segunda proposta, de realização de uma Corrida de Touros na Praça de Touros do Cartaxo, pela empresa que detém a concessão da Praça, foi levada à Comissão pelo Presidente da Câmara Municipal acompanhada pelo parecer do Serviço Municipal de Proteção Civil e da autoridade de saúde local, ambos negativos para a realização do evento.

 

Pedro Magalhães Ribeiro explicou que “a decisão de realizar a Corrida deve ser tomada pela Comissão Municipal de Proteção Civil, que conhece em detalhe a situação epidemiológica no concelho”, referindo que na Comissão têm assento as forças de segurança, quer a PSP, quer a GNR, os presidentes de Junta de Freguesia, a Coordenadora da Proteção Civil Municipal e a autoridade de saúde pública, pelo que “a proposta deve ser avaliada por todos de acordo com os pareceres já emitidos, mas também de acordo com o conhecimento que todos temos da situação epidemiológica no nosso concelho”. 

 

Sobre este assunto, o presidente da Junta da União de Freguesias do Cartaxo e Vale da Pinta informou a Comissão Municipal que, tinha chegado recentemente ao seu conhecimento que os promotores da Corrida de Touros tinham tomado a decisão de a cancelar. Dado que até à data da realização da Comissão Municipal de Proteção Civil não tinha chegado qualquer comunicação de cancelamento do evento, foi delibada na reunião de hoje a proibição da realização da corrida de touros anunciada para o dia 1 de novembro.  

 

O autarca referiu ainda que no decorrer do trabalho que todas as entidades têm desenvolvido nas reuniões diárias de Coordenação de Proteção Civil, foi decidido suspender a atividade do Centro Cultural do Cartaxo durante, pelo menos, duas semanas. “Apesar do cumprimento estrito do Plano de Contingência e do entendimento da autarquia de que é necessário retomar a atividade cultural, o facto de estarem agendados espetáculos especialmente dedicados a crianças e a seniores, levou-nos a suspender as atividades até que a situação epidemiológica permita retomar os eventos agendados”, informou o Presidente da Câmara.

 

 

Medidas adotadas para o funcionamento do Cemitério Municipal do Cartaxo e dos cemitérios geridos pelas Juntas de Freguesia

Nos dias 31 de outubro, 1 e 2 de novembro, vão estar em vigor medidas mais restritivas no que concerne ao funcionamento do Cemitério Municipal do Cartaxo. As juntas de freguesia são as responsáveis pelo funcionamento dos cemitérios nos respetivos territórios, pelo que as medidas a adotar serão decididas por estas autarquias no quadro das orientações definidas para o cemitério municipal.

 

Síntese das medidas adotadas:

  1. O uso obrigatório de máscara e desinfeção das mãos à entrada e saída do cemitério;
  2. Manter o distanciamento físico de segurança, de pelo menos 2 metros (não coabitantes), quer no interior, quer no exterior do cemitério;
  3. Apenas poderão permanecer duas pessoas junto de cada campa devendo a sua permanência ser resumida ao tempo estritamente necessário;
  4. A proibição da partilha de objetos comunitários, como baldes, regadores, vassouras e outros equipamentos de limpeza e manutenção, uma vez que são materiais de uso comum e potenciais fontes de transmissão do vírus;
  5. A permanência de visitantes no cemitério municipal não pode ultrapassar em momento algum 10% da ocupação máxima da área de circulação do cemitério, ou seja, 56 pessoas;
  6. As instalações sanitárias permanecem encerradas;
  7. Não ser permitida a concentração de mais de 5 pessoas no exterior do cemitério, salvo se pertencerem ao mesmo agregado familiar;
  8. Durante a realização de cerimónias fúnebres, estará limitado o acesso aos visitantes, sendo permitida a entrada das entidades religiosas, familiares (condicionados a um máximo de 20 pessoas) e agentes funerários; e
  9. O alargamento do horário do cemitério municipal que passará a funcionar das 8h30 às 18h30.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:45
link do post | comentar | favorito

Dia de Fiéis Defuntos nos Cemitérios Municipais de Azambuja

cemiterios_fieis_defuntos_2020.jpg

 

Devido ao estado de contingência que enfrentamos, provocado pelo COVID-19, o Município de Azambuja informa que este ano não se realizarão celebrações religiosas aos Fiéis Defuntos - efeméride do calendário da Igreja Católica e tradição muito enraizada na sociedade portuguesa, no espaço dos cemitérios municipais de Azambuja.

Nos dias 31 de outubro e 01 de novembro, os cemitérios estarão abertos das 09h00 às 17h00. O acesso será orientado por um funcionário municipal e o uso de máscara é obrigatório.

O município apela para que não haja aglomerações superiores a 5 pessoas e é imposto o limite de 30 minutos de permanência.



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:41
link do post | comentar | favorito

PSD quer melhores acessos rodoviários no concelho da Chamusca

chamusca-be-ponte-nova-orcamento-estado.jpg

 



Os deputados do PSD eleitos por Santarém interpelaram por escrito o Primeiro-Ministro sobre a necessidade de melhoria dos acessos ao Eco Parque do Relvão, na Chamusca, que continua a receber resíduos perigosos de todo o País e irá acolher, nos próximos oito meses, resíduos de um aterro de Gondomar.

Numa pergunta ao Primeiro-Ministro, os deputados querem respostas para garantir que a “megaoperação” prevista de transporte de resíduos desde São Pedro da Cova, em Gondomar, até à Chamusca não representa qualquer “perigo para as populações”.

“Tendo em conta que o Ministro do Ambiente e da Ação Climática anunciou ao País que a operação de remoção dos resíduos de São Pedro da Cova, Gondomar, se iniciaria em breve e que ao longo dos próximos 8 meses, diariamente 32 camiões transportariam 125 mil toneladas de resíduos tóxicos desde as minas em Gondomar até ao comboio em Valongo e que daí seguiriam por via ferroviária até à Chamusca, o problema é ainda mais evidente”, referem os deputados.

O PSD sublinha que “os resíduos perigosos de todo o País são transportados para a Chamusca e aí devidamente tratados”. No entanto, segundo o PSD, “os acessos à Chamusca e, em particular, ao Eco Parque do Relvão são extremamente deficitários face ao elevado trânsito de camiões com resíduos perigosos desde então se passou a registar, quer através do atravessamento do centro da vila da Chamusca quer na travessia da ponte da Chamusca (Ponte Isidro dos Reis) sobre o rio Tejo, o caos rodoviário é permanente, quer porque a ponte está em mau estado e só um camião a pode atravessar de cada vez, quer porque as vias no centro da Chamusca são tão estreitas que dois camiões não se podem cruzar”.

Os deputados dizem que o “constante adiamento da conclusão do IC3 e das ligações previstas com os restantes eixos rodoviários principais, quer com a A23 quer com a A13, tem criado uma situação de grande injustiça e perigo não só para a população da Chamusca, mas também de outros concelhos como a Golegã, Alpiarça ou Almeirim”. “Além do problema do congestionamento do tráfego, estamos também perante uma constante ameaça à saúde pública, pois, a população deste concelho, e em particular quem vive na vila, confronta-se diariamente com uma anormal quantidade de fumo e poluição provocado pelo trânsito excessivo de veículos pesados. Para muitas pessoas, viver naquelas condições é quase um inferno”, assinalam.

O Eco Parque do Relvão, localizado no concelho da Chamusca, acolhe os dois CIRVER (centros integrados de recuperação, valorização e eliminação de resíduos perigosos) existentes em Portugal que têm como objetivo criar uma “solução interna” para as cerca de 254 mil toneladas de resíduos perigosos produzidos em Portugal.

 

O PSD pergunta:

1.Tem o Governo previsto para o imediato a resolução do problema das acessibilidades ao concelho da Chamusca e em particular do Eco Parque do Relvão?

  1. Pode o Governo garantir que toda esta operação de transporte de resíduos perigosos desde Gondomar até à Chamusca não representa qualquer perigo para as populações?
  2. Preparou o Governo algum plano alternativo ou medidas para dar resposta ao previsível aumento de tráfego, num percurso já de si muito congestionado, por via do maior afluxo de camiões nos próximos 8 meses?
  3. Tem o Governo feito o devido acompanhamento sobre a qualidade e eficácia dos tratamentos assegurados pelos dois CIRVER?


publicado por Noticias do Ribatejo às 12:24
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Novembro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
14

21

22



posts recentes

Município de Azambuja pro...

NERSANT capacita empreend...

Ela é whisky numa xícara ...

Professora, hoje atrasas...

      Câmara  Municipal d...

APRESENTAÇÃO DA OBRA VENC...

Santarém celebra o Dia In...

Rede de Bibliotecas Munic...

SUSPENSÃO NO ABASTECIMENT...

Ribatejo Trade Market até...

Benavente – Dezenas de ar...

Benavente – Dezenas de ar...

PS reprovou o Plano Espe...

NERSANT realiza duas ediç...

Município de Azambuja par...

Câmara Municipal de Salva...

CARTAXO: INSCRIÇÕES PARA ...

Município de Azambuja org...

A FEIRA DO LIVRO USADO VA...

Santarém reconhece 741 al...

AZAMBUJA: Seminário "O va...

CÂMARA MUNICIPAL DO CARTA...

SUSPENSÃO NO ABASTECIMENT...

Carta aberta a todos os D...

Câmara Municipal de Salva...

Executivo Municipal de Az...

Galeria Municipal acolhe ...

II FÓRUM CULTURAL DE ARRU...

A CÂMARA MUNICIPAL ESTABE...

CARTAXO: UNIDADE MÓVEL DE...

tags

todas as tags

arquivos

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

DIRECTOR/rRESPONSÁVEL: António Centeio
Rua do Jardim, 2090-078 Alpiarça Telemóvel: 933 088 759
subscrever feeds