NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Domingo, 24 de Maio de 2009
Vigilia junto ao Centro de Saúde

A comissão de utentes de saúde do concelho de Alpiarça promoveu uma vigília junto ao centro de saúde local na sexta-feira, 22 de Maio, com o objectivo de exigir a colocação de mais médicos.

A acção de protesto juntou cerca de 150 munícipes descontentes com as actuais más condições de funcionamento do centro de saúde, que em grande parte se devem à escassez de recursos humanos.

“São necessários sete médicos de família e neste momento temos apenas dois”, explica Paula Matias, porta-voz da comissão de utentes, acrescentando que há cerca de 4.200 utentes sem médico de família, um número que significa mais de metade dos inscritos no centro de saúde.

Para agravar o problema, uma profissional do quadro reformou-se há cerca de três semanas e dois dos clínicos contratados em prestação de serviços também foram embora.

“Agora, há um médico a fazer nove horas semanais e uma outra a fazer quatro horas”, conta Paula Matias.

“Precisamos urgentemente de médicos e de pessoal de enfermagem”, sublinha.

Constituída há cerca de sete meses, a comissão de utentes já reuniu com várias entidades afectas ao Ministério da Saúde, mas as respostas não são satisfatórias.

“Dizem-nos que não há médicos de clínica geral para colocar nos centros de saúde, mas isso não nos resolve os problemas”, acrescenta a mesma responsável.

“A saúde é um direito assegurado pela Constituição, mas estamos a ser privados dele porque nem toda a gente tem dinheiro para ir para o privado”, disse ainda Paula Matias, imputando as culpas “à falta de vontade política do governo.

No caso concreto de Alpiarça, “os utentes estão a entrar em desespero”, acrescentou a porta-voz, que deixou um elogio “ao enorme esforço” que os responsáveis e funcionários do centro de saúde local têm feito para minimizar os problemas de funcionamento.

“A saúde dos portugueses é mais importante que a saúde dos bancos”, afirmou o deputado do PCP António Filipe, acrescentando que “se o governo tem milhões para salvar os bancos da crise, com bem menos resolveria os graves problemas de saúde que afectam os portugueses”.

O deputado comunista lembrou que o PCP já questionou duas vezes o Ministério da Saúde sobre a falta de médicos de família em Alpiarça, tendo obtido “respostas vagas e que nada adiantam”.

“Na última vez, dizem que o problema vai ser resolvido a médio ou longo prazo, mas as pessoas estão doentes hoje, não podem esperar seis meses por uma consulta”, criticou.

Pelo grupo parlamentar dos Verdes, esteve presente o deputado Francisco Madeira Lopes, para quem “a grande presença da população nesta acção é um acto de cidadania mais importante que qualquer requerimento apresentado na Assembleia da República”.

“Ao longo desta legislatura, a saúde e a educação foram os direitos mais sacrificados em nome do défice”, defendeu, lamentando que vários concelhos do distrito estejam a sofrer os efeitos “desta aposta errada”.

«O Ribatejo»

Leia outras noticias do Ribatejo em:

 

http://noticiasribatejo.blogspot.com/

 

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:25
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Outubro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

CARTAXO REFORÇA APOIO À V...

Conversas com Café… Comun...

Branca de Neve e os Sete ...

Dia Mundial da Alimentaçã...

Concursos Nacionais no CN...

A renovada Sinagoga de To...

Temporada da Música 2019

NERSANT está em Macau a p...

Centro Cultural Azambujen...

Tomar recebe Seminário Na...

Grupo Tradicional "Os Cas...

Município de Azambuja com...

Anselmo Borges em Tomar d...

Arranque do ano letivo 20...

CONSTRANGISMENTOS E EVENT...

Lançamento do Guia Percur...

Município do Cartaxo cele...

Município do Cartaxo cele...

Discoteca Lipp’s reabre p...

FESTA DAS VINDIMAS EM VIL...

Exposição e concerto evoc...

Mudança

Quarta edição do CTX META...

Núcleo Interpretativo da ...

Ourém recebeu workshop so...

Município do Cartaxo prom...

Comemorações do Dia Mundi...

NERSANT promove sessão de...

Gonçalo Salgueiro dá espe...

CARTAXO: Sociedade Filarm...

arquivos

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds