NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Quinta-feira, 28 de Outubro de 2010
CARTAXO - Vereadores do PSD Cartaxo apreciam requalificação urbana junto à Praça de Touros e ainda interrogam Executivo sobre contas de serviços jurídicos.

Na reunião de Câmara do passado dia 27 de Outubro, os Vereadores eleitos pelo PSD no Cartaxo, intervieram com grande oportunidade em dois temas que marcaram a ordem do dia.

A primeira intervenção teve que ver com o projecto de requalificação urbana que está em fase de conclusão junto à praça de toiros da cidade. Depois de analisarem detalhadamente o projecto de edificação do edifício destinado a bares e restaurantes, concluíram por uma série de incongruências para as quais pediram esclarecimentos a quem tem a gestão desta autarquia, na pessoa do Presidente Paulo Caldas.

 

A intervenção na integra

 

1.º

Vereadores da Câmara Municipal do Cartaxo

Intervenção sobre o projecto de requalificação urbana

Data: 27 de Outubro de 2010

N.º de Páginas: 3

Intervenção dos vereadores do PSD na reunião da Câmara do Cartaxo, no dia 27.10.2010, a propósito do projecto de requalificação urbana que está em fase de conclusão junto à praça de toiros da cidade.

Os vereadores eleitos pelo PSD, Paulo Neves e Pedro Reis, analisaram detalhadamente o projecto de edificação de um edifício destinado a bares e restaurantes no jardim da Praça de Toiros do Cartaxo e concluem que são inúmeras as incongruências do projecto, tendo em conta os objectivos, desde sempre, anunciados pela Câmara Municipal do Cartaxo.

Assim, os vereadores eleitos pelo PSD gostariam de ser informados sobre os seguintes pontos:

- Será que uma área média de 55 metros quadrados, por cada alvéolo, é suficiente para a instalação de bares e restaurantes?

- Será que a localização dos sanitários é a que melhor se adequa à funcionalidade daqueles espaços?

- Será que é legalmente aceitável a inexistência de casas de banho para deficientes, sublinhando-se que no projecto inicial as portas dos WC apenas constam com cerca de 80 centímetros.

- Será que foi salvaguardada, pelos responsáveis do projecto, a localização de um balcão, equipamento que é indispensável para a actividade em questão?

- Será que foi ponderado, no projecto, um espaço para a instalação de uma copa (no caso dos bares) ou de uma cozinha (nos caso dos restaurantes)?

- Será que foram incluídas no projecto as divisões necessárias para a actividade de bares e restaurantes, como é o caso de espaços para armazenamento de consumíveis (bebidas e alimentos), bem como para os vestiários dos funcionários?

2.º

Vereadores da Câmara Municipal do Cartaxo

- Será que foram ponderadas as zonas de extracção de fumos para as copas ou cozinhas?

- Será que foi salvaguardada a extracção de cheiros na zona do depósito dos lixos?

Todas estas questões foram analisadas pelos vereadores do PSD e a resposta é a mesma para todas elas. Não! E Não…! Não há uma única resposta positiva para nenhuma destas questões!

Ainda assim, os vereadores querem acreditar que a Câmara do Cartaxo não andou a enganar os munícipes quando anunciou a finalidade daquela construção e por isso exigem que o executivo diga, de forma clara, para o que é que vão servir os alvéolos que ali estão a ser edificados.

E as dúvidas dos vereadores eleitos pelo PSD não se circunscrevem apenas às questões de carácter técnico, no que diz respeito à edificabilidade daquela infra-estrutura, é que do ponto de vista económico-financeiro há um conjunto de questões que devem merecer a melhor ponderação por parte do executivo.

Assim, os vereadores do PSD gostariam de conhecer o estudo de viabilidade económico-financeira do projecto e se, esses mesmos indicadores, apontam para a sua auto-sustentabilidade. Os vereadores querem também saber quais os custos de manutenção da zona agora edificada, bem como a previsão de utilização dos espaços ao longo de um ano, tendo em conta as áreas que constam no projecto. A resposta as estas perguntas é determinante para que um qualquer empresário se possa interessar pelo investimento que terá que fazer.

Será que a empresa municipal RUMO 202 sabe que os custos com o equipamento de um estabelecimento desta natureza rondarão os 25 mil euros?

Será que a RUMO 2020 e a Câmara Municipal do Cartaxo têm consciência que, mesmo arrendando os oito alvéolos a 400 euros mensais (e nós não acreditamos que algum empresário esteja disposto a firmar contrato por esse valor), se tivermos em conta a duração de oito anos do empréstimo contraído, alcançamos um resultado de 307.200 euros.

3.º

Vereadores da Câmara Municipal do Cartaxo

É por tudo o que já foi dito que, os vereadores eleitos pelo PSD na Câmara do Cartaxo entendem que a anunciada zona de BARES E RESTAURANTES junto à Praça de Toiros será mais um falhanço desta gestão Socialista… é mais uma obra onde não imperou o bom senso!

Os vereadores sublinham que, em termos económicos, os resultados deste projecto, tal como está a ser edificado, irão ser danosos para o município.

É por isso que, Paulo Neves e Pedro Reis, querem apurar quais as responsabilidades da empresa CONFISEG (responsável pela elaboração do projecto), bem como do conselho de administração da RUMO 2020 pela falta de visão estratégica em todo este processo. Se existisse bom senso e uma aposta no desenvolvimento do nosso concelho, o projecto aqui referido teria que comportar um conjunto de soluções que, como está, não comporta.

Por último, os vereadores eleitos pelo PSD sublinham que vão continuar a encontrar soluções para o município e não se coibirão de alertar e denunciar os problemas de má gestão autárquica que grassam no nosso concelho.

Cartaxo, 27 de Outubro de 2010

Os vereadores eleitos pelo PSD na Câmara Municipal do Cartaxo

 

 Em seguida, os vereadores abordaram a questão dos fornecimentos de serviços jurídicos à Câmara do Cartaxo. Este Município despendeu um total de €. 165.186,15 em Apoio e Consultadoria Jurídica em apenas 4 meses. Estes gastos são para o PSD Cartaxo uma despesa claramente excessiva que vai para além das possibilidades da nossa autarquia.

 

Requerimento apresentado

 

 Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal do Cartaxo,

Considerando que:

1- No Registo de pagamentos efectuados pelo Município do Cartaxo de Julho até à presente data encontramos pagamentos à Sociedade de Advogados Morais Leitão, Galvão Teles, Soares e à empresa de consultadoria jurídica Liber 129 Consulting, Lda, valor de € 79 461,15 e € 85 725,00;

2- O Município do Cartaxo despendeu um total de €. 165.186,15 em apoio e consultadoria Jurídica em apenas 4 meses;

3- A referida despesa parece-nos claramente excessiva e muito acima das possibilidades da nossa Autarquia, ainda para mais numa Câmara onde estão a tempo inteiro 4 juristas, e conhecida a colaboração do Dr. Victor Batista a nível externo desde há longa data.

Nos termos da alínea s) do nº 1 do artigo 68º da Lei nº 169/99, na redacção dada pela Lei nº 5-A/2002, de 11 de Janeiro, bem como ao abrigo do disposto no art. 4º do Decreto-Lei nº 24/98 de 26 de Maio, os Vereadores do PSD na Câmara Municipal do Cartaxo vêm requerer a V. Exa. se digne fornecer os seguintes dados sobre a empresa Liber 129 Consulting, Lda e a Sociedade de Advogados Morais Leitão, Galvão Teles, Soares:

1- Cópia de todos os contratos de avença relativos à prestação de serviços jurídicos por parte de sociedades de advogados, advogados ou consultores à Câmara Municipal do Cartaxo.



publicado por Noticias do Ribatejo às 16:09
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Junho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

20

27
28
29

30


posts recentes

OBRAS DE REQUALIFICAÇÃO U...

João Paulo Sacadura é o p...

CORUCHE NA MAIOR FEIRA DE...

Eventos em Santarém

Cortejo dos Rapazes é o g...

Novas ferramentas de inte...

Município da Chamusca e T...

ENCERRAMENTO DO ANO LETIV...

Ferreira do Zêzere promov...

Feira de São Pedro e do C...

13 detidos por furtos e r...

Rancho Folclórico Casa do...

FESTAS DA VILA DA FREIXIA...

NERSANT incentiva PME a i...

Vila Nova da Rainha em Fe...

Festa da Amizade – Sardin...

Quer saber tudo sobre can...

TEMAS DE SAÚDE: Não destr...

A saudade tem nome?

FEIRA MEDIEVAL

Azambuja ao ‘rubro’ com M...

Torres Novas – Identifica...

NERSANT e Município inaug...

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DESC...

Acordo de Geminação entre...

AQUApaper convida a desco...

Festa da Amizade – Sardin...

ESTÁDIO MUNICIPAL DO CART...

Projetos da Chamusca em d...

Município do Entroncament...

arquivos

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds