NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -

Quinta-feira, 10 de Julho de 2014
NERSANT com formação financiada para desempregados em Abrantes

 

O Núcleo NERSANT de Abrantes, situado no Tecnopólo do Vale do Tejo, em Alferrarede, Abrantes, vai dinamizar a realização de formação financiada nas suas instalações, exclusivamente para os desempregados desta região. As inscrições são gratuitas e já estão abertas.

"Gestão do tempo", "Recursos Humanos - processamento de vencimentos", "Língua francesa - comunicação administrativa", "Língua alemã - comunicação administrativa" e "Língua inglesa - relações laborais - aprofundamento", são algumas das ações de formação financiada que a NERSANT - Associação Empresarial da Região de Santarém, vai levar a efeito no seu pólo de Abrantes.

Também os cursos de especialização da NERSANT têm inscrições abertas para desempregados, nomeadamente a "Especialização em Contabilidade e Fiscalidade", o "Curso Avançado de Secretariado" e a "Especialização em Contabilidade e Fiscalidade" (todos de nível 4).

Os desempregados interessados em frequentar estas ações de formação, podem fazer a sua inscrição online em www.nersant.pt. Para mais informações ou outros esclarecimentos, os candidatos podem passar no Núcleo NERSANT de Abrantes, situado no Tecnopólo do Vale do Tejo em Alferrarede, ou contactar este pólo através dos contactos 241 372 167 ou nucleo.abrantes@nersant.pt.

Formação de Formadores em setembro

Estão também abertas inscrições para a próxima Formação Pedagógica Inicial de Formadores, com data prevista de início a 22 de setembro, com duração de 90 horas. Este tipo de formação não é financiado, mas a NERSANT dispõe de modalidade de pagamento faseada. As inscrições são feitas presencialmente no Núcleo NERSANT de Abrantes, devendo os candidatos apresentar-se com a documentação necessária para o efeito (Cópia do BI/Cartão Cidadão/Passaporte/Autorização de Residência; Cópia do Cartão de Contribuinte e de Segurança Social; Curriculum Vitae - Modelo Europeu; Cópia de Certificado de Habilitações concluídas).

Concluída a formação de formadores com sucesso, os participantes serão incluídos na Bolsa de Formadores da NERSABT, podendo os mesmos vir a ser contactados para a prestação deste serviço para a associação empresarial.

Informações sobre outros projetos de formação da NERSANT, podem ser obtidos junto do Departamento de Formação e Qualificação da NERSANT através dos contactos dfq@nersant.pt ou 249 839 500.



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:36
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 7 de Julho de 2014
ABRANTES: Alunos do ensino superior com dificuldades económicas podem candidatar-se a Bolsas de Estudo

 

Até 31 de julho de 2014, estão abertas as inscrições para as candidaturas às Bolsas de Estudo/Ano letivo de 2014-2015 para estudantes residentes no concelho de Abrantes que estejam a frequentar o ensino superior cujas famílias tenham dificuldades económicas para o início ou prosseguimento dos estudos.

Os formulários de candidatura estão disponíveis no Serviço de Ação Social da Câmara Municipal de Abrantes (rua Manuel Constâncio). Os candidatos deverão apresentar os seguintes documentos (fotocópia): BI/Cartão de Cidadão; Certidão de aproveitamento Escolar; Certificado de matrícula mencionando as disciplinas em que se inscreve e Declaração do IRS do agregado familiar; em caso de deficiência, deverá ainda apresentar declaração de Incapacidade. Os certificados de matrícula que não possam ser entregues no momento da candidatura poderão ser entregues assim que deles tiverem posse. O regulamento das bolsas e formulários de candidatura, poderão ser consultados na página de internet da Fundação Rotária Portuguesa, aconselhando-se aos/às candidatos/as a sua leitura em www.rotaryportugal.pt/2012-2013/fundacao/bolseiros/index.html

 

Caberá ao Rotary Club de Abrantes e à Fundação Rotária Portuguesa a avaliação das candidaturas e a gestão da atribuição das bolsas, de acordo com protocolo estabelecido com a Câmara de Abrantes. De acordo com o compromisso assumido entre as três entidades, a Câmara atribui uma verba para fazer face aos encargos inerentes á atribuição das bolsas.

 

Abrantes - Campanha da cal

 

No intuito de contribuir para a preservação e valorização do património construído, a Câmara de Abrantes vai disponibilizar cal às Juntas de Freguesias para se proceder à caiação de muros, alegretes, fontanários e edifícios do domínio municipal de pequena dimensão.

Tal como em anos anteriores, os particulares podem também dirigir-se à Junta de Freguesia da sua residência para requisitarem a cal necessária com o intuito de procederem à caiação dos seus espaços.  

No total, a Câmara tem disponível 13.100 Kg. de cal, que vai agora distribuir pelas 13  juntas de freguesia, de acordo com o que por cada uma foi solicitado.



publicado por Noticias do Ribatejo às 21:22
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 1 de Julho de 2014
ABRANTES: Rastreio do Cancro da Mama no concelho de Abrantes

 

Esta ação realizada pelo Núcleo Regional do Sul da Liga Portuguesa Contra o Cancro tem como objetivos a deteção do cancro da mama num estádio o mais precocemente possível, aumentando, assim, as possibilidades de cura, proporcionando um tratamento menos agressivo, incrementando a sobrevivência (com maior qualidade de vida) e diminuindo a mortalidade desta doença.

Para a consecução deste programa são utilizadas unidades móveis e fixas, guarnecidas por técnicas credenciadas em radiologia, que executam os respetivos exames às mulheres (convidadas, através de carta personalizada, a participar) com idade compreendida entre os 45 e os 69 anos, grupo etário a que se destina o rastreio.

Posteriormente, os exames são avaliados por uma equipa de médicos radiologistas, que elaborarão os respetivos relatórios.

O calendário das ações de rastreio é o seguinte:

Bemposta, junto ao parque de festas, até 4 de julho;

Vale das Mós, dia 7 de julho;

São Facundo, dias 8 e 9 de julho;

Tramagal, junto à extensão de saúde, de 11 a 22 de julho;

São Miguel do Rio Torto, junto ao edifício da Junta, de 23 a 30 de julho;

Pego, junto ao edifício da Junta, dia 1 de agosto e de 18 a 22 de agosto;

Alvega, Praça da República, de 25 a 27 de agosto;

Concavada, 28 e 29 de agosto;

Carvalhal, junto ao edifício da Junta, 2 e 3 de setembro;

Fontes, 3 e 4 de setembro;

Souto, 5 e 8 de setembro;

Martinchel, 8 de setembro;

Aldeia do Mato, 9 de setembro;

Alferrarede, 10 a 22 de setembro;

Rio de Moinhos, 23 a 26 de setembro;

Mouriscas, 29 de setembro a 1 de outubro;

Rossio ao Sul do Tejo, 2 a 9 de outubro

Cidade de Abrantes, 10 de outubro a 19 de novembro

 

O horário de funcionamento da unidade é de segunda a quinta-feira das 9H00 às 13H e das 14H às 17H30 e sexta-feira das 9H00 às 13H.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:23
link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 30 de Junho de 2014
TAGUSVALLEY dinamiza actividades para empresas em Julho


 

Como ser fornecedor de uma grande empresa e a Tecnologia Ultravioleta na Indústria Alimentar são os temas de dois workshops destinados às empresas do Médio Tejo. O primeiro realiza-se no próximo dia 9 e o segundo a 16 de Julho. A 12 de Julho haverá, ainda, o 3º Encontro StartUps Tecnológicas. Munir as empresas da região de factores que as tornem mais competitivas e criar redes de cooperação entre elas são os objectivos do TAGUSVALLEY – Tecnopolo do Vale do Tejo.

 

Incentivar a cooperação empresarial, possibilitar o acesso a novos mercados, eliminar ou reduzir as barreiras ao diálogo, resolver as necessidades impostas à actividade, que excedam as competências instaladas são os objectivos da oficina Como ser fornecedor de uma grande empresa.

 

No âmbito do Projecto PROGRIDE – Promoção da Cooperação e Inovação Interempresarial, que identifica, analisa e avalia as boas práticas existentes no mercado regional, este workshop irá permitir às pequenas e médias empresas conhecer projectos inovadores com impactos de melhoria na actividade e uma ferramenta de facilitação da relação entre empresas. Das 16h às 18h, de dia 9 de Julho, esta actividade, a decorrer no auditório do Edifício INOV.POINT, no Tecnopolo do Vale do Tejo (Abrantes), é organizada em parceria com a MédioTejo21 - Agência Regional de Energia e Ambiente do Médio Tejo e Pinhal Interior Sul.

 

Também, no INOV.POINT irá acontecer o Encontro StartUps Tecnológicas Médio Tejo, na tarde de sábado, dia 12 de Julho. Já na sua 3ª edição esta sessão de networking pretende estimular a cooperação empresarial através troca de experiência entre jovens, engenheiros e técnicos, que representem empresas inovadoras ou de base tecnológica, motivando-os para estabelecerem parcerias.

 

Já destinado a empresas do sector alimentar, centros tecnológicos, investigadores e universidades, é o workshop sobre Tecnologia Ultravioleta. Partindo do potencial desta tecnologia conservação alternativa, tanto para alimentos sólidos como para alimentos líquidos, o Centro de Transferência Alimentar INOV’LINEA irá, através de oradores internacionais, desmistificar conceitos fundamentais da tecnologia Ultravioleta, alternativa. e principais vantagens, as principais aplicações na conservação dos alimentos, terminando com uma demonstração dos equipamentos UV já instalados nas instalações do Centro, instalado no Parque de Ciência e Tecnologia, localizado em Alferrarede (Abrantes).

 

Para mais informação e inscrições nestas actividades basta aceder ao sítio na Internet do TAGUSVALLEY, em www.tagusvalley.pt ou ligar através do número de telefone 241 330 330.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:49
link do post | comentar | favorito

Domingo, 29 de Junho de 2014
ABRANTES: Conferência sobre “Desigualdades e Proteção Social”, com Vieira da Silva

O ex-ministro José Vieira da Silva profere uma conferência subordinada ao tema “Desigualdades e Proteção Social”, no dia 2 de julho, pelas 21h30, na Biblioteca Municipal António Botto.

A iniciativa é aberta ao público e insere-se no ciclo de conferências “Democracia e Participação”, promovidas pela Câmara Municipal de Abrantes, a propósito das comemorações dos 40 anos do 25 de Abril de 1974.



publicado por Noticias do Ribatejo às 07:16
link do post | comentar | favorito

Sábado, 21 de Junho de 2014
ABRANTES: Trans-Ibérica em BTT à volta do Tejo termina com devolução de água ao rio em Lisboa

 

Começou há cerca de uma semana e já vai com mais de 500km percorridos, a Trans-Ibérica em BTT Tejo/Tajo Vivo vai entrar em território nacional no dia 24 de Junho. A conclusão da travessia será em Lisboa, junto ao Pavilhão de Portugal, no Parque das Nações, dia 28 de Junho, com o evento simbólico de devolver a água, que os ciclistas colectaram na nascente, ao rio Tejo, na sua foz.

Três são os atletas que em 13 dias se propuseram a percorrer 1.210 km em Bicicleta Todo-o-terreno, orientados por GPS, em semi-autonomia. Representantes de diferentes faixas etárias, os desportistas (Ricardo Salgueiro 26 anos, Sónia Lopes 36 anos e Miguel Costa 48 anos) partiram com expectativas semelhantes, ajudar no reconhecimento desta nova rota ibérica. “É uma prova que acredito que traga outras nacionalidades a participar em edições futuras”, explica Sónia Lopes. E ultrapassar as suas conquistas. “Ter um objectivo, superá-lo, desfrutar dos trilhos, das paisagens e levar o corpo ao limite de forma racional”, partilha Miguel Costa.

Após a primeira etapa na Sierra de Albarracín (Espanha) de “descompressão” da viagem de automóvel, vieram as etapas mais duras da serra, chegando aos 1.600 metros de altitude e com temperaturas de 20 e 15 graus. Na segunda etapa o termómetro chegou mesmo a marcar apenas 8 graus, sendo o dia mais duro até agora. “Um bocado duro! Deu para aquecer bem, subidas bastantes acentuadas, mas com calma conseguimos fazer. O Tejo cada vez nos surpreende mais!”, descreveu Ricardo Salgueiro.

No entanto, as paisagens magníficas, a diversificação de fauna e flora e os diferentes trilhos, que contrastaram entre estradões e montanha com estreitos single tracks, fizeram as delícias dos participantes nestes três primeiros dias.

Na 4ª etapa juntou-se Vitor Cordeiro, de 52 anos, um histórico no mundo do BTT. E neste dia as temperaturas subiram até aos 28 graus em Aranjuez (a 42 km de Madrid, Espanha).

O 5º dia de Trans-Ibérica foi ocupado pela etapa sprint de 57km, que deu para os ciclistas descansarem o corpo e a mente. Num percurso entre o asfalto e a terra, Ricardo Salgueiro completou o trajecto em 2 horas e 20 minutos. Miguel Costa em 2 horas e 35 minutos. E Sónia Lopes e Vitor Cordeiro chegaram juntos com um tempo de 3 horas. Toledo recebeu-se em festa, devido à coroação de Felipe VI, o novo rei de Espanha, e com 35 graus de temperatura.

No dia 19 de Junho, os atletas já mostraram muita força, apresentado tempos surpreendentes, acabando os 101 km antes de almoço, quando a chegada estava prevista para as 15h.

No próximo dia 24 de Junho, a Trans-Ibérica chega a território português com o trajecto mais longo de toda a travessia, 111,5 km entre Alcántara e Vila Velha de Ródão.

No dia 25 de Junho, o grupo Branquinhos do Pedal acompanhará os ciclistas e juntará mais desportistas na etapa Vila Velha de Ródão Abrantes, com chegada marcada para o Parque Urbano de S. Lourenço.

No dia seguinte, será a vez de percorrer mais 70 km até Santarém sob a responsabilidade do COA - Clube de Orientação e Aventura.

Se pretender integrar as etapas portuguesas pode consultar as entidades responsáveis através dos emails bttbranquinhosdopedal@gmail.com  para a 11ª etapa ( Vila Velha de Ródão-Abrantes, dia 25), actividadescoa@gmail.com para a 12ª etapa (Abrantes -Santarém, dia 26), e comunicacao@tagus-ri.pt  para a 13ª etapa (Santarém - Lisboa, dia 27).

E o último dia de bicicleta todo-o-terreno será no dia 27 de Junho, em que os atletas chegarão ao Parque das Nações por volta das 15h, fechando esta edição experimental com a devolução de um pouco de água que recolheram na nascente do Tejo, na Sierra de Albarracín, à foz do rio. A  dar suporte a este encerramento da travessia estará junto ao Pavilhão de Portugal uma pequena exposição bilingue sobre o projecto de cooperação ibérica Tejo/Tajo Vivo, que deu origem à prova.


Esta iniciativa, apoiada pela abordagem LEADER, do Programa de Desenvolvimento Rural (ProDeR), junta 11 parceiros espanhóis e seis Grupos de Acção Local portugueses, que tem desenvolvido uma estratégia comum para o aumento da competitividade e o desenvolvimento social, económico e ambiental para os territórios junto ao maior curso de água da Península Ibérica.



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:33
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 18 de Junho de 2014
Abrantes inaugurou o PARQUETEJO no dia da Cidade

 

O Parque Tejo - Centro de Acolhimento e Interpretação do Tejo, foi inaugurado no dia Comemorativo da elevação de Abrantes a Cidade (98ºaniversário), 14 de junho de 2014.

A obra resultou da ampliação e reordenamento do antigo Parque de Campismo, em Rossio ao Sul do Tejo, conferindo-lhe uma nova vocação de apoio a atividades organizadas em torno do rio Tejo, como o campismo, o desporto, os tempos livres, a cultura, o lazer, o conhecimento científico e o contacto com a natureza.

Foi criado no âmbito do Aquapolis, projeto de revitalização das margens ribeirinhas, e vai funcionar como equipamento de apoio a atividades como o desporto de lazer ou aventura, canoagem, BTT, passeiros pedestres, tempos livres e de contacto com a natureza.

Beneficia de áreas multifuncionais como área de acampamento e área para autocaravanas/caravanas, sala de convívio, esplanada, cafetaria, parque infantil e área para desportos livres.

Inclui um núcleo de interpretação com equipamentos interativos que pretendem ajudar a conhecer a região e o rio Tejo, desde a sua nascente até à foz, com atividades científicas ligadas à água e ao ambiente.

O equipamento tem capacidade para cerca de 300 utentes e o investimento foi da ordem de um milhão de euros. Foi financiado pelo FEDER.

A inauguração foi presidida pela presidente da Câmara, Maria do Céu Albuquerque e contou com as presenças de Pedro Machado, Presidente da Turismo Centro de Portugal e de Isabel Damasceno, vogal executiva do Programa “Mais Centro”.



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:09
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 17 de Junho de 2014
Sessão de Divulgação - Programa de Ação da Zona Vulnerável a Nitratos do Tejo

 

A Direção Regional de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo vai realizar uma sessão de divulgação do Programa de Ação da Zona Vulnerável a Nitratos do Tejo, nas instalações da Associação de Agricultores do concelho de Abrantes, Constância, Sardoal e Mação, sitas em Rossio a Sul do Tejo – Abrantes, no próximo dia 24 de junho de 2014, pelas 10h, que conta com o apoio das Câmaras Municipais de Abrantes e de Constância.

 

Serão abordados os temas das corretas gestão da fertilização e da rega, das boas práticas agrícolas, das obrigações e cuidados a ter pelos agricultores cujas explorações estão total ou parcialmente inseridas na Zona Vulnerável.

Nesta sessão, aberta a todos os interessados, será igualmente apresentada a Bolsa Nacional de Terras.

 

Para além das entidades acima mencionadas, contará com a participação de técnicos da Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR), do Instituto  Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (INIAV) e da Agência Portuguesa do Ambiente (APA).



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:58
link do post | comentar | favorito

Sábado, 7 de Junho de 2014
ABRANTES: Dia Mundial do Ambiente

O Dia Mundial do Ambiente deu o mote para a assinatura de cerca de 50 acordos de utilização da2ª fase das Hortas Comunitárias, na Quinta da Arca d’Água, em Abrantes.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 12:13
link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 5 de Junho de 2014
VILA FRANCA DE XIRA: Município proporciona ocupação de tempos livres em julho e agosto a 75 jovens entre os 15 e os 25 anos

 

A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira realiza, nos meses de julho e agosto, mais um Programa de Ocupação de Jovens de Curta Duração, com 75 vagas disponíveis. A iniciativa pretende dar oportunidade aos jovens do Concelho, entre 15 e 25 anos, de ocuparem os seus tempos livres, durante duas semanas, em diversas áreas de intervenção do Município, como Ambiente, Desporto, Juventude ou Turismo.

O Programa prevê a atribuição de uma bolsa no valor total de 120 euros, para cada participante que cumpra o tempo total previsto nesta atividade (duas semanas, 4 horas por dia).

As inscrições decorrem entre 11 e 20 de junho, devendo ser consultadas asnormas de acesso. Mais informação pode ser obtida nas Casas de Juventude do Concelho ou através do Portal da Juventude em http://juventude.cmvfxira.com/

 

 

Brigada do Amarelo 2014: 30 toneladas de recicláveis recolhidas em cinco meses por 5.500 alunos

 

 

Foram perto de 30 toneladas de recicláveis que cerca de 5.500 alunos do Concelho de Vila Franca de Xira recolheram, entre janeiro e maio de 2014, no âmbito do projeto “Brigada do Amarelo”. A missão dos participantes é a de reciclar o maior número de embalagens possível, através do ecoponto amarelo (que recebe plástico, metal e pacotes de bebida). O resultado bateu o recorde de recolhas de todas as edições, superando as expectativas da organização, depois de, no ano passado, terem sido recolhidas perto de 18 toneladas.

 

No Dia Mundial do Ambiente (5 de junho), o Vice-Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Fernando Paulo Ferreira, e pela Administração da Valorsul S.A., Sérgio Bastos, representando as duas entidades promotoras, entregaram à EB de Á-dos-Loucos (São João dos Montes) o prémio relativo à escola vencedora (que recolheu mais peso per capita), no valor de €400,00, pela recolha de mais de 25kg por aluno. Pela primeira vez, foi também atribuída uma Menção Honrosa no valor de €200,00, à Escola Básica da Quinta da Índias (Vialonga), que recolheu perto de 21 kg/capita e que, sozinha, obteve um total de mais de 5 toneladas de recolha.

 

O objetivo da “Brigada do Amarelo” é sensibilizar, através dos mais pequenos, para a importância da reciclagem e da preservação do Ambiente. Nas cinco edições, este projeto já recolheu um total de perto de 80 toneladas de material reciclável



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:31
link do post | comentar | favorito

ABRANTES: Petição a favor da não desqualificação/extinção dos Tribunais do Médio Tejo

 

Até 30 de junho pode ser assinada a Petição da Comunidade Intermunicipal do Médio Tejo – CIMT –a favor da não desqualificação/Extinção dos Tribunais do Médio Tejo.

Na Petição, dirigida ao Presidente da República, à Presidente da Assembleia da República e ao Primeiro-Ministro, a Câmara de Abrantes e todas as Câmaras que integram a CIMT exigem que o governo corrija o decreto-lei que reorganiza o mapa judiciário porque o mesmo “viola” os direitos dos cidadãos residentes nesses concelhos e põe em causa o acesso à justiça por parte das populações.

Esta Petição surge na sequência de todas as diligências e manifestações de repúdio e descontentamento já efetuadas junto do governo pelo desmantelamento do atual círculo judicial de Abrantes, encerramento dos Tribunais de Mação e Ferreira do Zêzere, assim como a passagem do Tribunal de Alcanena a mera secção de proximidade.

No documento pode ainda ler-se que: “…há também necessidade de todas as forças políticas, profissionais, institucionais e populares rejeitarem, liminarmente, mais este corte nos serviços públicos dos Tribunais do Médio Tejo pelas implicações que as mesmas acarretam, nomeadamente pela discriminação negativa que é feita para o interior do país, nomeadamente pela despromoção regional que provoca e por incentivar o desinvestimento, nomeadamente de empresas e reduzir a qualidade de vida destes munícipes.”

A Petição pode também ser assinada nos serviços da Câmara de Abrantes, nas sedes das Juntas de Freguesia ou através da Internet: http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT73721



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:28
link do post | comentar | favorito

ABRANTES: Conselho Consultivo para o Plano Estratégico Abrantes @2020

 

O Conselho Consultivo para o Plano Estratégico “Abrantes @2020” tomará posse no Dia da Cidade, 14 de junho e terá a missão de acompanhar e monitorizar as ações municipais a implementar no âmbito deste documento de planeamento para o próximo período de programação dos Fundos comunitários (2014-2020).

É constituído por cerca de uma centena de cidadãos oriundos da sociedade civil, nomeadamente com ligação a diversos quadrantes profissionais e áreas de intervenção de vários setores considerados estruturantes para o desenvolvimento do Concelho.

As competências do Conselho Consultivo, presidido pela Presidente da Câmara, passarão por emitir pareceres (não vinculativos), sugestões e recomendações sobre a estratégia de desenvolvimento para o Concelho e pode ainda propor às entidades e serviços competentes as iniciativas que entender adequadas à resolução de problemas detetados e à promoção do desenvolvimento local.

O exercício destas funções será livre de qualquer remuneração.



publicado por Noticias do Ribatejo às 10:00
link do post | comentar | favorito

Domingo, 1 de Junho de 2014
TEMAS DE SAÚDE: Ainda a propósito da Ética Médica e das Normas de Conduta/Politica de Saúde Adversa

 

 Por: Antonieta Dias (*)

 

 

A atividade profissional dos médicos exige o cumprimento de um código de conduta que não dispensa a necessidade da aplicação das boas práticas.

 

Sendo uma profissão que não abdica da ética, que trabalha de forma honesta e honrada, que se atualiza permanentemente para poder responder de forma adequada a todos os desafios e responsabilidades que lhe são colocados diariamente em cada ato médico que pratica, não pode por isso ficar insensível às orientações políticas mais recentes, oriundos dos altos dirigentes do Ministério da Saúde.

Desde sempre a classe médica foi reconhecida pelo seu desempenho como uma profissão de elevado mérito, tendo em conta a dignidade e padrão ético / comportamental exigível ao conteúdo funcional que desenvolve.

Pelo fato de os médicos assumirem como compromisso profissional um código de conduta irrepreensível, que se aplica em todos os momentos da sua missão /obrigação para com o próximo (doente/paciente/cliente/utente), não é entendível que se pretenda legislar sobre normas já regulamentadas pela entidade competente que é a Ordem dos Médicos.

Em todo o caso, independentemente deste reconhecimento político social é compreensível que profissionais não médicos desconheçam a existência destas regras e da necessidade da aplicabilidade da ciência médica baseada na evidência indispensável em todos os procedimentos médicos que visem atingir os níveis de excelência obrigatórios a uma boa prática clinica.

Todavia, não é aceitável que médicos colaborem ou validem pareceres sobre a forma e qualidade do desempenho profissional da classe, e muito menos que partilhem informação que possa induzir em erro os decisores políticos.

Importa ainda, referir que o exercício da medicina exige conhecimento sustentado na investigação, a fim de bem cuidar os doentes de acordo com a ciência e a arte.

São estes pressupostos que determinam a necessidade de intervir na defesa dos interesses dos nossos doentes, que confiam e delegam nas nossas mãos o dever sagrado de lhes salvar a vida, de minimizar o sofrimento e de os tratar com humanidade.

Estas são as nossas grandes preocupações que nos farão manifestar sempre que sejam violados estes valores, e nos obrigam a acionar os mecanismos necessários para proteger e preservar o que é essencialmente importante na prestação dos cuidados de saúde.

Todos os nossos recursos disponíveis serão colocados ao servido dos nossos doentes, sendo que a ética permanecerá sempre como decisor comportamental para o bem- estar necessário e indispensável ao cumprimento do nosso dever profissional.

Cabe assim, a cada médico a responsabilidade de no exercício da sua atividade profissional alicerçar-se no código de conduta e não abdicar em circunstância nenhuma destes princípios.

Em suma, trabalhar com dignidade e responsabilidade implica liberdade e autonomia na decisão clinica, cabendo à entidade empregadora criar as condições que permitam servir e credibilizar uma instituição como idónea cujo potencial não está autorizado a cometer ou a orientar, um ato antiético ou ilegal.

 

(*) Doutorada em medicina



publicado por Noticias do Ribatejo às 08:00
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 30 de Maio de 2014
DESPORTO: Sónia Lopes é uma das atletas a integrar a Trans-Ibérica em BTT Tejo Vivo

 

Uma das referências no pelotão feminino português das duas rodas, a atleta Sónia Lopes aceitou o desafio de participar na Trans-Ibérica em BTT Tejo/Tajo Vivo. Esta que é a maior travessia da modalidade da Península Ibérica vai iniciar na Sierra de Albarracín (Espanha), a dia 15 de Junho, e terminar, em Lisboa, a 27 de Junho.

Sónia Lopes soma diversas conquistas, entre elas, primeiro lugar no Portugal Open XCR por três anos consecutivos (desde 2011), em 2013, uma surpreendente vitória nas 24 Horas de Madrid e na Oh Meu Deus Trail Bike 500K, tendo sido a primeira e até hoje a única atleta feminina a fazê-lo nesta prova de longa distância.

Nas suas últimas internacionalizações alcançou, também, a liderança do Open Espanhol de Resistência e quarta posição no Campeonato da Europa da especialidade e na maior maratona da América Latina, a Brasil Ride.

Para além dos resultados, esta portuguesa é considerada internacionalmente como um modelo a seguir para organizações, como a Bike Pure, que se dedica à luta contra o doping e para o projecto humanitário sul-africano de apoio a crianças desfavorecidas, Songo.info.

Esta atleta irá pedalar os 1.210km desta travessia de desporto aventura, através de antigos caminhos rurais e estradas secundárias. O trajecto composto por vários single tracks, está dividido em 13 etapas. E os participantes, orientados por GPS, seguirão em semi-autonomia e terão até 12 horas para a realizar cada etapa.

Existem duas formas possíveis de participação. Travessia completa com os 1.210km de distância a pedalar em 13 dias, ou por etapas, com uma variação entre os 60 e os 112km, uma por dia desde do dia 15 a 27 de Junho.

Este evento em BTT, o maior da Península Ibérica, está limitado às 10 inscrições, nesta primeira edição. A participação garante alojamento em solo duro, duches e alimentação, bem como acompanhamento, desde o transporte de bagagens, apoio mecânico a bicicletas e socorrismo. Engloba, ainda, seguro de acidentes pessoais, responsabilidade civil, lembranças de participação e prémio finisher.

Por etapa, podem-se inscrever até 45 pessoas. Os reforços alimentares e o seguro estão incluídos no valor da inscrição. Estes participantes terão, também, uma degustação de produtos locais, um local para tomar banho e a sua prova terminará com um jantar no local de chegada.

Esta actividade surge no âmbito do projecto de Cooperação Transnacional Tejo Vivo, apoiado pela abordagem LEADER, do Programa de Desenvolvimento Rural (ProDeR), que congrega 11 parceiros espanhóis e seis Grupos de Acção Local portugueses. Com o rio Tejo como elemento agregador, esta parceria de associações desde Castilla - la Mancha ao Ribatejo, tem desenvolvido uma estratégia comum para o aumento da competitividade e o desenvolvimento social, económico e ambiental destes territórios



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:37
link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 23 de Maio de 2014
Encontro de Startups Tecnológicas Médio Tejo

 

 

O TAGUSVALLEY encontra-se a organizar o Encontro Startups Tecnológicas Médio Tejo para o próximo dia 31 de Maio, às 16h, no Tecnopolo do Vale do Tejo, no edifício INOV.POINT. O objectivo é estimular a cooperação empresarial através troca de experiência, motivando parcerias entre as empresas.

Uma sessão de networking irá marcar este encontro e proporcionará aos jovens, aos engenheiros e técnicos, que representem empresas inovadoras ou de base tecnológica, a oportunidade de trocar informações e serviços, impulsionando o empreendedorismo e dando enfâse aos factores de inovação.

 

Com esta actividade de sensibilização para a cooperação empresarial, o TAGUSVALLEY procura, assim, ajudar as empresas a atingir novos fornecedores, distribuidores e clientes, de modo a constituírem e/ou alargarem a sua rede de parcerias estratégicas e trocarem experiências.


Esta iniciativa, promovida sob uma perspectiva informal, irá servir também para reforçar a missão deste Parque de Ciência e Tecnologia, instalado em Abrantes, como infraestrutura de apoio ao desenvolvimento das empresas do Médio Tejo e impulsionadora a criação de parcerias.



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:15
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 13 de Maio de 2014
ABRANTES: Muita apreensão sobre o futuro das unidades hospitalares do CHMT e do Serviço Nacional de Saúde.
Faz hoje precisamente um ano que reuniu pela última vez o Conselho Consultivo do CHMT. Foi nessa data a última vez que o Conselho de Administração pode ser avaliado/analisado pelos resultados e pelos projectos, pelas diversas entidades regionais. 
Hoje, constatamos que nem os resultados são divulgados e dos projectos ficaram as intenções. Para os utentes (que cá continuam): cuidados de saúde mais caros, mais longe e, em número crescente de casos, de pior qualidade. E, também, muita apreensão sobre o futuro das unidades hospitalares do CHMT e do Serviço Nacional de Saúde.
NOTA

"De: Joaquim Esperancinha

Enviado: terça-feira, 13 de Maio de 2014 16:39

Para: Utilizadores de Abrantes; Utilizadores de Tomar; Utilizadores de Torres Novas

Assunto: Mensagem

 

 

Caros Colaboradores,

Tendo terminado o segundo mandato no Centro Hospitalar do Médio Tejo, em 31.12.2013, e na impossibilidade de o fazer pessoalmente, quero transmitir-vos que decidi, por razões pessoais, não aceitar o convite de recondução para um terceiro mandato.

Foram dois mandatos intensos, o primeiro, entre 2002 e 2005, orientado à reorganização dos Serviços de Apoio e o segundo orientado à vertente assistencial. O segundo mandato tem, contudo, para mim, um significado muito especial porque as interrogações que se colocavam ao Centro Hospitalar nos primeiros meses de 2012 estão, hoje, quase ultrapassadas.

Há, no entanto, na minha opinião, ainda um caminho a percorrer que passa pela consolidação da reorganização levada a cabo no Centro Hospitalar e pela diferenciação do mesmo, condições fundamentais para que os dois principais pilares de toda esta reorganização, e que foram a melhoria da prestação de cuidados de saúde aos utentes e a sustentabilidade económico-financeira da instituição, possam totalmente ser assegurados.

Todo este trabalho só foi possível pela competência, dedicação e coragem de um Conselho de Administração que tive o privilégio de presidir que, nos momentos mais difíceis, nunca vacilou e foi capaz de levar à prática, com ações no terreno, a estratégia previamente definida, suportada pelo empenho, envolvimento e espírito de sacrifício dos colaboradores que querem o melhor para o seu Centro Hospitalar e sempre confiaram que a estratégia definida pelo Conselho de Administração era adequada para a profunda mudança que era necessária levar a cabo.

Até à designação do novo Conselho de Administração, continuarei a assumir as minhas funções com o mesmo entusiasmo e entrega de sempre na defesa dos superiores interesses do Centro Hospitalar, partindo, nessa altura, com o sentimento do dever cumprido.

A todos quero agradecer, dizendo-vos que jamais poderei esquecer estes anos em que juntos trabalhámos sempre orientados para quem necessita de cuidados de saúde.

A todos os que muito contribuíram para este processo, o meu obrigado, com votos do maior sucesso profissional e pessoal para cada um de vós.

Um abraço amigo,

Joaquim Nabais Esperancinha

Presidente do Conselho de Administração"

De:  CUSMT


publicado por Noticias do Ribatejo às 18:22
link do post | comentar | favorito

Abrantes recebe os Mercados Ribeirinhos cheios de animação este fim-de-semana

 

O próximo fim-de-semana vai ser de festa no Parque Ribeirinho Aquapolis. De 16 a 18 de Maio, a margem Sul do Tejo vai acolher produtos locais, artesanato, hortofrutícolas, tasquinhas de gastronomia tradicional, exposição de fotografia, actividades infantis, cinema, pesca, pedestrianismo, zumba e animação musical.

Tasquinhas

No espaço deste certame, organizado pela TAGUS - Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior, pelo Município de Abrantes e pela União de Freguesias de S. Miguel do Rio Torto e Rossio ao Sul do Tejo, estarão quatro tasquinhas com petiscos tradicionais durante os três dias. Pratos como sopas de verde, couves com feijão, bacalhau assado, entrecosto frito com migas de batata, ensopado de peixe, favas aporcalhadas, pataniscas de bacalhau com migas, peixe do rio com açorda de tomate, entre outros, irão deliciar o paladar dos visitantes. Para preparar estas iguarias estarão presentes a Associação de Melhoramentos do Tubaral (Alvega), o Clube Desportivo “Os Patos” (Rossio ao Sul do Tejo), a Casa do Povo de S. Miguel do Rio Torto e a JICA - Juventude Inovadora com Atitude (Montalvo).

Serão também as colectividades que irão mostrar como se confeccionam petiscos tradicionais no espaço de cozinha ao vivo pelas 17h, de domingo (18).

Actividades Desportivas

Actividades desportivas também irão fazer parte do cardápio deste Mercado Ribeirinho de Abrantes, com intuito de incentivar a prática de várias modalidades. O Convívio de Pesca, a cargo do APA - Amadores de Pesca de Abrantes, irá realizar-se pela manhã do dia 17, nos pesqueiros das margens do Tejo, terminando com um almoço e entrega de prémios.

Para aqueles que apreciam caminhar têm abertas as inscrições em www.tagus-ri.pt para o passeio pedestre “Cabeços de S. Miguel II”, organizado pela Casa do Povo desta freguesia. Com concentração na margem Sul do Parque Ribeirinho de Abrantes, o percurso de 12km contempla, também, um reforço alimentar a meio do trajecto.

A manhã de sábado vai, ainda, ser movimentada com uma aula de Zumba, pelo ginásio Ladies Firt, aberta a todos os que queiram participar, às 10h30.

Animação

Durante os três dias do evento a animação é algo que não vai faltar. Para sexta-feira, está atribuída à banda Filarmónica da Sociedade de Instrução Musical Rossiense a inauguração dos Mercados Ribeirinhos, actuando também ao jantar. A noite irá fechar com dança ao som do Duo Ritmo Certo.

Já na tarde de sábado espera-se muita energia com as actuações do Rancho Folclórico da Casa do Povo de S. Miguel e do Grupo Folclórico da Associação Desportiva e Cultural das Arreciadas. No decorrer da noite de sábado pode-se desfrutar do espectáculo de coreografia e jogos de luz, Baile dos Candeeiros, da Companhia RADAR 360º. O fim da noite é marcado, ainda, pelo concerto do grupo FH5.

O Rancho Folclórico da Casa do Povo das Arreciadas e o grupo Cantares do Rossio irão encerrar a animação do palco do Mercado Ribeirinho de Abrantes no domingo.

Nos três dias do evento haverá, ainda, animação para os mais pequenos a cargo do Agrupamento de Escuteiros 697 de Rossio ao Sul do Tejo.

Produtos Locais

Cerca de três dezenas de produtores, doceiros e artesãos terão os seus artigos em exposição e comercialização durante todos os Mercados Ribeirinhos, recriando a dinâmica do porto fluvial de Abrantes no início do séc. XX, quando era considerado o segundo mais importante do Mar da Palha.

Para celebrar, também, os produtos locais, nomeadamente um dos que o Ribatejo Interior tem de maior prestígio, decorrerá na manhã de sábado (17) o encontro e entronização da Confraria do Azeite no seu 10º grande capítulo.

Na manhã de domingo (18) convida-se, ainda, a população a vir adquirir os produtos frescos no mercado de hortofrutícolas e flores, no Aquapolis Sul.

 

 

Contemplar o Tejo  

 

Desfrutar o Tejo, assistindo a cinema ao ar livre, pela Associação Cultural Palha de Abrantes, são as propostas para ocupar um pouco das noites de sexta-feira (16) e de domingo (18).

Uma exposição de fotografias antigas do rio Tejo, das embarcações, das cheias e das celebrações religiosas estará, também, patente durante os três dias de festa. Para celebrar os 70 anos do último barco com carregamento de cortiça de Abrantes à capital, atracará no cais do Rossio, às 17h de sábado (17), o “II Cruzeiro Religioso do Tejo” com barcos engalanados. Estas embarcações irão transportar a Nossa Senhora dos Avieiros que sairá em procissão, acompanhada pelos grupos etnográficos, até à Igreja de Nossa Senhora da Conceição, em Rossio ao Sul do Tejo.

Depois de Abrantes, os Mercados Ribeirinhos irão rumar para Constância no segundo fim-de-semana de Julho e para Vila Nova da Barquinha, no início de Setembro, prometendo um evento completo em todas as suas vertentes.

Estes festivais surgem no âmbito da estratégia de eficiência colectiva PROVERE - Mercados do Tejo - Rede para o Desenvolvimento Sustentável da Bacia do Tejo" e do Projecto de Cooperação Transnacional Tejo Vivo. E são co-financiados pelo Programa Operacional Regional do Centro - Mais Centro, do Quadro de Referência Estratégica Nacional (QREN) e pela Abordagem LEADER, do Programa de Desenvolvimento Rural (ProDeR).

Para mais informação e inscrições nas actividades consultar o sítio na Internet da TAGUS em www.tagus-ri.pt



publicado por Noticias do Ribatejo às 11:56
link do post | comentar | favorito

Quarta-feira, 7 de Maio de 2014
ABRANTES: Lançamento do livro “Prevenir, Socorrer, Comunicar – Riscos Naturais e Proteção Civil”

 

Realiza-se hoje, dia 07 de maio, a partir das 18h00, na Galeria Municipal de Arte de Abrantes, o lançamento nacional do livro de Gisela Oliveira intitulado “Prevenir, Socorrer, Comunicar – Riscos Naturais e Proteção Civil”.

Trata-se de um manual para instituições, empresas e jornalistas que surge do conhecimento técnico e cientifico da autora e da sua vontade em o partilhar com os principais atores da Proteção Civil.

Reconhecendo a utilidade da publicação para uma comunicação eficaz no âmbito do socorro e da emergência a edição conta com o apoio da Câmara Municipal de Abrantes e da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Abrantes.

Gisela Oliveira é licenciada em Jornalismo e Ciências da Comunicação e pós-graduada em Dinâmicas Sociais, Riscos Naturais e Tecnológicos.

Foi jornalista durante 18 anos e assessora de imprensa na Autoridade Nacional de Proteção Civil durante 14 anos.

A sua experiência profissional e reconhecidas investigações académicas que tem feito no âmbito da comunicação em situações de emergência permitiram-lhe escrever o livro que agora publica.



publicado por Noticias do Ribatejo às 15:41
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 6 de Maio de 2014
ABRANTES: Moção sobre a portaria que reclassifica os Hospitais

 

A Câmara de Abrantes aprovou hoje, dia 6 de maio de 2014, uma Moção na qual considera que a verificar-se a aplicação da reforma prevista na Portaria 82/2014, do ministério da Saúde, que define uma nova rede hospitalar, “será um rude golpe para os cidadãos do concelho de Abrantes, da Região do Médio Tejo e mesmo do Distrito de Santarém, que verão desaparecer da sua proximidade especialidades médicas vitais, como por exemplo a obstetrícia, ficando assim vedado o seu direito a cuidados de saúde de proximidade”.

No documento (ler mais abaixo), cujo teor será enviado ao Presidente da República, ao Primeiro-ministro, ao Ministro da Saúde e aos Presidentes dos Grupos Parlamentares da Assembleia da República, o Executivo lamenta a “utilização de critérios simplistas”, dando como exemplo os critérios de base populacional, revelando “desconhecimento e desrespeito pelos territórios…”. Considera ainda que uma reforma desta natureza, não pode ser legislada através de uma “simples portaria, mecanismo que dispensa a auscultação pública e a negociação, instrumentos fundamentais para se alcançar qualquer reforma que se queira sustentada e respeitadora das liberdades e direitos dos cidadãos e dos profissionais que integram o sistema”, logo, não dá a possibilidade das autarquias se pronunciarem.

A Portaria 82/2014, do ministério da Saúde, pretende reorganizar toda a oferta hospitalar nacional. Para os hospitais pertencentes ao Grupo I, o mais baixo do conjunto de grupos, como é o caso dos hospitais que compõem o Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) ou hospital de Santarém, existem valências hospitalares que apenas serão viáveis se houver um número mínimo de população servida e se existir disponibilidade de recursos humanos. Ao ser integrado no grupo I, o CHMT corre o risco de vir a perder algumas valências mais diferenciadas como a já referida obstetrícia, a oftalmologia, a pneumologia ou a cardiologia, entre outras, já que a sua permanência terá de ser negociada.

A Moção foi aprovada por maioria, com uma abstenção por parte da eleita pelo PSD.

 

 Moção:

 

 

 

Portaria n.º 82/2014 – Classificação das instituições hospitalares

 



“No passado dia 10 de abril, o Ministério da Saúde publicou a portaria n.º 82/2014 onde se  afirma que “(...) refletindo os diversos contributos dos estudo e trabalhos realizados entre  2011 e 2013 pela Administração Central do Sistema de Saúde, lP, Grupo Técnico para a  Reforma Hospitalar, Entidade Reguladora da Saúde e Administrações Regionais de Saúde, a  presente portaria visa classificar as instituições hospitalares e serviços do SNS. Importa dar  nota que a presente portaria assenta, primordialmente, em critérios de base populacional e  complementaridade da rede hospitalar para a prestação de cuidados de saúde de elevada  qualidade e proximidade (...)“


Em face da publicação desta portaria, a Câmara Municipal de Abrantes considera:


1. A complexidade de uma realidade como o Sistema Nacional de Saúde não pode ser  enquadrada através de uma classificação simplista e muito menos uma reforma com estas  características pode ser legislada através de uma simples portaria, mecanismo que dispensa a  auscultação pública e a negociação, instrumentos fundamentais para se alcançar qualquer  reforma que se queira sustentada e respeitadora das liberdades e direitos dos cidadãos e dos  profissionais que integram o sistema;


2. A utilização de critérios simplistas, como sejam os referidos na Portaria, critérios de base  populacional, revelam desconhecimento e desrespeito pelos territórios, secundarizando  aspetos importantíssimos para o alcance da coesão territorial, como sejam o da densidade
demográfica, da dimensão dos territórios, entre outros;


3. Numa altura em que se encontra em discussão pública, até 17 de maio, o Relatório do Grupo de Trabalho criado para a definição de proposta de metodologia de integração dos níveis de cuidados de saúde para Portugal Continental, parece-nos pouco coerente que seja  paralelamente aprovada uma portaria desta natureza uma vez que a reforma hospitalar e a  integração de cuidados hospitalares são indissociáveis; 

 

4. A aplicação da reforma prevista nesta portaria será um rude golpe para os cidadãos do  concelho de Abrantes, da Região do Médio Tejo e mesmo do Distrito de Santarém, que verão  desaparecer da sua proximidade especialidades médicas vitais, como por exemplo a  obstetrícia, ficando assim vedado o seu direito a cuidados de saúde de proximidade;


Por tudo o que atrás ficou dito, considera a Câmara Municipal de Abrantes que estamos  perante uma grave violação dos direitos dos cidadãos ao acesso aos cuidados de saúde, bem  como, uma grave ameaça ao Sistema Nacional de Saúde, pelo que se propõe a aprovação da  presente moção e o seu envio ao Presidente da República, ao Primeiro-ministro, ao Ministro  da Saúde e aos Presidentes dos Grupos Parlamentares da Assembleia da República.”

Nota:
Proposta de Deliberação da Presidente da Câmara, que remeteu para aprovação do Executivo
na reunião de Câmara realizada no dia 6 de maio de 2014

 

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:53
link do post | comentar | favorito

Terça-feira, 29 de Abril de 2014
ABRANTES: Mercados Ribeirinhos voltam para animar as margens do Tejo já em Maio

 

Os antigos portos do Tejo de Abrantes, Constância e Vila Nova da Barquinha voltam a ser palco dos Mercados Ribeirinhos. A margem Sul do Parque Ribeirinho Aquapolis, em Rossio ao Sul do Tejo (Abrantes), é a primeira a receber este certame, entre os dias 16 e 18 de Maio, com tasquinhas de petiscos, mercados de produtos locais, artesanato e hortofrutícolas, cinema ao ar livre, cozinha ao vivo, percurso pedestre, convívio de pesca e muita animação.

A inaugurar este ciclo de festivais, da organização da TAGUS – Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior e dos Municípios que os acolhem, o Mercado Ribeirinho de Abrantes irá apostar novamente nas tasquinhas de gastronomia tradicional. Uma exposição de fotografia alusiva ao rio estará, também, patente durante os três dias de festa.

O cinema ao ar livre, a cargo da Associação Cultural Palha de Abrantes, irá marcar as noites de sexta-feira (16 de Maio) e de domingo (18 de Maio). Já a noite de sábado terá, além de outras actividades, uma singular intervenção artística, designada por Baile dos Candeeiros, da Companhia Radar 360º, que se trata de um conceito de instalação plástica, associado a uma composição coreográfica, cheia de efeitos de luz.  

O convívio de pesca, organizado pelo Amadores de Pesca de Abrantes (APA), está programado para a manhã de dia 17 de Maio. Assim como o percurso pedestre “Rota dos Cabeços de S. Miguel” que pela segunda vez é realizado pela Casa do Povo de São Miguel do Rio Torto.

Já a manhã de domingo acolherá um mercado de produtos hortofrutícolas, plantas e flores, que, juntamente com o mercado de produtos locais e artesanato a decorrer durante os três dias de certame, convidará a comunidade a vivenciar a dinâmica das trocas comerciais, recriando memórias dos tempos em que o Tejo era a principal via de comunicação do nosso País, e o porto de Rossio ao Sul do Tejo, um dos de maior dimensão.

Os três dias do Mercado do Ribeirinho de Abrantes contarão com muita animação feita por ranchos folclóricos, filarmónicas, grupos musicais e animação infantil que fará a delícia de diferentes gerações.   

Estes festivais surgem no âmbito da estratégia de eficiência colectiva PROVERE - Mercados do Tejo - Rede para o Desenvolvimento Sustentável da Bacia do Tejo" e do Projecto de Cooperação Transnacional Tejo Vivo. E são co-financiados pelo Programa Operacional Regional do Centro - Mais Centro, do Quadro de Referência Estratégica Nacional (QREN) e pela Abordagem LEADER, do Programa de Desenvolvimento Rural (ProDeR).

Em Constância, os Mercados Ribeirinhos irão chegar no segundo fim-de-semana de Julho e em Vila Nova da Barquinha estão previstos para o inicio de Setembro.

Para mais informação e inscrições nas actividades consultar o sito na Internet da TAGUS em www.tagus-ri.pt

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 18:22
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Abril 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

17

23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

ABRANTES:"Pelas Bandas de...

ABRANTES: Agenda Cultural...

AQUApaper traz à Albufeir...

ABRANTES: Médicos Cubanos...

ABRANTES: Novo Lar de Ido...

ABRANTES: Entrada em fun...

ABRANTES: Agenda Cultural...

ABRANTES: Comissão de Ute...

Concavada/Abrantes a Lisb...

ABRANTES: Reunião da Comi...

Calendário “Mobilizar o R...

ABRANTES: Obras na Ponte ...

ABRANTES: Entrega de Equi...

ABRANTES: Câmara na 14a ...

Calendário “Mobilizar o R...

ABRANTES: Câmara apoia A...

TAGUSVALLEY cria PROGRIDE...

ABRANTES:Regiões do inter...

ABRANTES vai testar viatu...

Abrantes é palco mundial ...

NERSANT com formação fin...

ABRANTES: Alunos do ensin...

ABRANTES: Rastreio do Can...

TAGUSVALLEY dinamiza acti...

ABRANTES: Conferência sob...

ABRANTES: Trans-Ibérica e...

Abrantes inaugurou o PARQ...

Sessão de Divulgação - Pr...

ABRANTES: Dia Mundial do ...

VILA FRANCA DE XIRA: Muni...

tags

todas as tags

arquivos

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

DIRECTOR/rRESPONSÁVEL: António Centeio
Rua do Jardim, 2090-078 Alpiarça Telemóvel: 933 088 759
subscrever feeds