NOTICIAS DO RIBATEJO EM SUMARIO E ACTUALIZADAS PERIODICAMENTE - "A Imparcialidade Na Noticia" - UMA REFERÊNCIA NA INFORMAÇÃO REGIONAL -
Quinta-feira, 13 de Setembro de 2018
Relatório do Conselho de Finanças Públicas

 

  • Informação divulgada pelo Conselho de Finanças Públicas não refere resultados de recuperação financeira do Município do Cartaxo.
  • Seis indicadores financeiros mostram evolução muito positiva das Contas do Município.

 

Com base numa análise dos resultados do 1º Semestre de 2018 do Município do Cartaxo, podemos concluir que apesar de ser um município endividado e com a obrigatoriedade de recorrer ao FAM, uma vez que a sua dívida é mais de 300% superior à média das receitas correntes liquidas dos últimos três exercícios, podemos hoje afirmar de forma inequívoca que a situação financeira e económica do município hoje é melhor do que aquela que foi encontramos em outubro de 2013.

 

O efeito da restruturação financeira com a adesão obrigatória ao FAM, apenas será visível de forma significativa a partir do primeiro trimestre de 2018, uma vez que o visto do tribunal de contas ao empréstimo do FAM apenas foi concedido em 2-3-2017 no valor total de 52.035.854,77€, sendo obtido o desbloqueamento da primeira tranche em 18.4.2017 no valor de 18.717.620,58€. No final do 1º semestre de 2018 o município do Cartaxo já tinha sido desbloqueado pelo FAM o valor de 50.026.674,09€.

 

 

 

unnamed

 

Pela análise do Quadro em anexo, que realiza uma análise comparativa entre os Resultados de 2013, 2016 e 2017 e 1.º Semestre de 2018, verificamos que:

 

Resultados Líquidos – Melhoram 222 mil euros comparativamente a 2016, mantendo-se positivos no primeiro semestre de 2018 no valor de 373.774,12€

 

Pagamentos em atraso >90 dias – Reduziram 22,624 milhões de euros entre outubro de 2013 e junho de 2018, no final do ano de 2017 o município tinha de pagamentos em atraso o valor de 351 mil euros e no final do 1º Semestre de 2018 os pagamentos em atraso eram de 324 mil euros.

 

Prazo Médio de Pagamento (dias) – Comparando outubro de 2013 e junho de 2018, este indicador reduziu 331, atualmente o Prazo Médio de Pagamentos do município é de 31 dias.

 

Taxa de Execução Orçamental – A Taxa de execução do 1º semestre de 2018 é de 45,3%, a Taxa de Execução Orçamental em 2017 foi de 88,20% em 2016 foi de 49,30% e em 2013 foi de 21,13%

 

Fundos Disponíveis – O Município do Cartaxo em janeiro de 2018, passou a ter Fundos Disponíveis Positivos, situação que não se verificava desde a entrada em vigor da Lei 8/2012, de 21 de fevereiro, em 2013 os Fundos Disponíveis eram negativos no valor de 55,663 milhões euros, atualmente a data de junho de 2018 existem fundos disponíveis positivos no valor de 1.807.161,19€ refletindo-se o efeito do empréstimo do FAM nas contas do município.

 

Fundos Próprios – O Município do Cartaxo, apesar de continuar com Fundos Próprios negativos, desde o final de 2016 têm realizado uma recuperação acentuada deste indicador, conseguindo até ao final do 1º Semestre de 2018, uma redução de 15,5% comparativamente a 2016.

 



publicado por Noticias do Ribatejo às 21:23
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Novembro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9


20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


posts recentes

CNEMA promove Concurso Na...

DANÇA // “Um Solo para a ...

Jesús Gonzalo López encer...

“Conversas com Café” vão ...

TEMAS DE SAÚDE: Virtude

D. Edmundo 

Comitiva Internacional re...

Mais de cem pessoas assis...

TAGUS e Municípios de Con...

NERSANT apresenta Viver o...

JÁ ESTÁ AO SERVIÇO DA POP...

Inovação e novos negócios...

Tem horta ou jardim? Faça...

Azambuja promove Férias A...

Ourém sensibiliza para a ...

“CONTABILIDADE DE GESTÃO...

Aproveite o que Santarém ...

Temporada da Música

REUNIÃO DESCENTRALIZADA D...

Centro de Estudos em Foto...

73º Aniversário do Concel...

CÂMARA MUNICIPAL DO CARTA...

Embaixador da Moldávia re...

REQUALIFICAÇÃO DA URGÊNCI...

Rede de Municípios para a...

Chamusca a impulsionar re...

Avisan’18 recebe Exposiçõ...

OPINIÃO: Política para a ...

Convento de Cristo recebe...

Concerto da Orquestra da ...

arquivos

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Julho 2018

Junho 2018

Maio 2018

Abril 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

tags

todas as tags

subscrever feeds